GUSTAVO FRUET É ELEITO PREFEITO DE CURITIBA!!!



Gustavo Fruet é eleito prefeito de Curitiba!!!


Gustavo Fruet (PDT) é o novo prefeito de Curitiba. Com 98,51% dos votos apurados, o pedetista tem 60,57% dos votos. Ratinho Junior (PSC) tem 39,43% dos votos apurados. Fruet administrará a capital paranaense a partir de 1º. de janeiro de 2013 e o mandato seguirá até 31 de dezembro de 2016.
Fruet venceu a eleição municipal após uma concorrência acirrada para passar ao segundo turno. Grande parte das pesquisas de intenção de votos no primeiro turno apontava que o atual prefeito de Curitiba Luciano Ducci (PSB) avançaria à segunda etapa da disputa pela prefeitura com o concorrente do PSC, o que não se confirmou.

CONHEÇA UM POUCO DA HISTÓRIA POLITICA DE  GUSTAVO FRUET.

Gustavo Bonato Fruet nasceu em Curitiba em 18 de abril de 1963. É filho de Ivete e Maurício Fruet, que foi deputado estadual, deputado federal constituinte e prefeito de Curitiba. Casado com a jornalista Marcia Oleskovicz, formou-se em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Na mesma universidade obteve os títulos de mestre em Direito Público e doutor em Direito das Relações Sociais.
Fruet iniciou sua atuação política no movimento estudantil como presidente do Centro Acadêmico Hugo Simas, do curso de Direito da UFPR. Em 1996, foi eleito para o primeiro cargo público, o de vereador em Curitiba. Dois anos depois, elegeu-se deputado federal após uma campanha curta, na qual assumiu o lugar do pai, falecido a poucos dias da eleição. Foi o segundo candidato mais votado em Curitiba, com cerca de 46 mil votos. Em 2002 foi eleito para o segundo mandato de deputado federal, dessa vez com mais de 105 mil votos.
Em 2006, Fruet reelegeu-se com 210.674 votos, que fizeram dele o deputado federal mais votado do Paraná naquele pleito. Em 12 anos na Câmara Federal, apresentou mais de 40 projetos e atuou em importantes Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) do período. A mais conhecida delas foi a do mensalão, que investigou as denúncias envolvendo o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Desde 2003, o então parlamentar sempre fez parte da lista dos “100 Cabeças do Congresso”, elaborada pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap). Em 2010 Fruet abriu mão de concorrer mais uma vez à reeleição para disputar uma vaga no Senado. Mesmo tendo recebido 2,5 milhões de votos não conseguiu se eleger, terminando na terceira colocação.
Ao longo da carreira política, Fruet mudou de partido por duas vezes, ambas de forma controversa. Em 2004 a cúpula do PMDB negou candidatura própria para a disputa da prefeitura de Curitiba, escolhendo apoiar Ângelo Vanhoni, candidato do PT, desde o primeiro turno. Fruet, que ocupara a presidência estadual peemedebista em 2003, optou por se desligar do partido, ao qual era filiado desde 1991.
Fruet seguiu então para o PSDB, do qual fez parte até o ano passado. A causa do desligamento foi a mesma, a opção dos tucanos em preterir sua candidatura a prefeito e apoiar outra legenda, no caso o PSB de Luciano Ducci. Ele seguiu então para o PDT.

GUSTAVO FRUET JÁ DEPOSITOU SEU VOTO NAS URNAS!!!


O candidato a prefeito Curitiba Gustavo Fruet (PDT) criticou o instituto de pesquisa Ibope ao votar na manhã deste domingo (28). “Não fiquei surpreso com a pesquisa, quem ficou foi o Ibope”, alfinetou o pedetista.
Fruet votou por volta das 9h45, na Unicuritiba, no bairro Rebouças. Ele estava acompanhado da esposa, a jornalista Márcia Oleskovicz, da candidata a vice, Mirian Gonçalves (PT), e dos ministros Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo. Na sequencia, o pedetista irá acompanhar a vice e os ministros nos respectivos locais de votação.
A critica do candidato ao instituto foi motivada pelo resultado da pesquisa de boca de urna do primeiro turno. Em 7 de outubro, logo depois do encerramento de votações, o Ibope apontava que o segundo turno seria disputado Ratinho Junior (PSC) e Luciano Ducci (PSB) - o que não se configurou. Fruet foi quem passou para a segunda fase do pleito, com 27,22% dos votos válidos.
Naquela oportunidade, O Ibope publicou nota oficial justificando o erro. Segundo o instituto, as pesquisas não conseguiram captar a velocidade de recuperação de Fruet no final da campanha.

Pesquisa de sábado (27)
De acordo com a sondagem divulgada no sábado (27), ele aparece na liderança pela prefeitura da capital, com 51% das intenções de voto em Curitiba. Ratinho Junior (PSC) tem 38%. No primeiro turno, o instituto apontava que Fruet não avançaria ao segundo turno.



REUNIÃO DO DIRETÓRIO MUNICIPAL DO PMDB!!!



Reunião do Diretório Municipal do PMDB, realizada nesse sábado dia 27/10  para avaliação do resultado das eleições municipais de 2012 e apresentação dos vereados eleitos. O presidente do PMDB local Vereador Waldirlei Bueno parabenizou os vereadores e eleitos e agradeceu o empenho de todos os candidatos. O vice presidente da sigla o vereador Angelo Betinardi também disse sobre as dificuldades da eleição atual que contou com mais de 400 candidatos e declarou que todos foram vitoriosos. O vice prefeito eleito Sr. Ademir Goulart disse que foi uma eleição muito dura e pediu para todos terem calma que a vitória de Beti Pavin será aclamada pelo TSE. Falou também sobre os boatos que ocorreram durante a campanha dizendo que o vereador eleito Allan Tatoo teria se vendido para o candidato da Coligação Pra Frente Colombo. O sr. Angelo Alberti, falou da importância de ter participado de mais um processo e leitoral e que o partido precisa se organizar para as próximas eleições. Os associados da sigla também se manifestaram dizendo que o PMDB tem condições em 2014 de fazer um deputado estadual e um deputado federal