Secretaria da Ação Social convoca entidades para nova composição do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente



Através do Edital 001/213 o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente convocou assembléia onde será realizada a eleição das Entidades da Sociedade Civil de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Colombo que comporão o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente na gestão 2013 a 2015. Como a Conferência deste setor está prevista para o ano de 2014, e com o fim do período do atual mandato se aproximando, surgiu a necessidade de buscar esta alternativa para que não haja vacância de representação.
A Presidente do Conselho Rosimere Araújo apresentou informações mais precisas sobre a Assembléia e as normas para participação das entidades.
A Eleição se realizará no dia 10 de setembro de 2013, no período das 09 às 12 horas. No Mini auditório da Regional do Maracanã, na Rua Durval Ceccon, 664 Jd. Fátima.
A eleição tem por objetivo eleger 14 representantes da Sociedade Civil, sendo 07 titulares e 07 suplentes, para o biênio 2013–2015, de acordo com o previsto na Lei Municipal nº 1224/2011.
As inscrições deverão ser feitas na Secretaria Executiva dos Conselhos, no horário das 13 às 16 horas, entre os dias 21/08 e 09/09 de 2013. Não serão aceitas inscrições fora da data e horário previsto no presente.
Poderão se inscrever como candidatos, representantes dos seguintes segmentos: a) Entidades de Atendimento Social à Criança e ao Adolescente; b) Entidades de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente; c) Entidades de defesa da melhoria das condições de vida da população, entidade e/ou movimento de defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Ainda segundo a presidente, obrigatoriamente as Entidades interessadas em compor o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente devem atuar no Município de Colombo e estar com registro regular perante o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente há pelo menos um ano.

Centro de Referência Especializado de Ação Social muda de endereço


Infraestrutura e melhor localização são pontos fortes da nova instalação; beneficiados poderão contar com mais espaço para a realização dos atendimentos

Nova sede do Creas na Rua Rui Barbosa, 07, no bairro Maracanã
O Centro de Referência Especializado de Ação Social (CREAS) de Colombo está funcionando em novo endereço, na Rua Rui Barbosa, 07, no bairro Maracanã, esquina com a Rua dos Eucaliptos. A antiga sede, na Rua Basílio Antunes dos Santos, no bairro Santa Terezinha, não atendia todas as especificações e necessidades que os projetos necessitavam.
A secretária de Ação Social e Trabalho, Maria da Silva Souza, explica que essa adaptação da instalação trará benefícios para toda a população atendida. “Com o novo endereço, o acesso ao local será facilitado, além de facilitar o desenvolvimento dos projetos que o centro promove diariamente”.
O CREAS é responsável pelo atendimento à população nos casos de violação de direitos, em casos de quebra de vínculos, situações de exclusão e violência, seja para a população idosa, crianças, adolescentes, mulheres, e toda a família envolvida. Mensalmente o CREAS atende 470 pessoas, sendo estas já cadastradas no sistema da secretaria, como também, cerca de 30 novos pedidos de atuação são feitos todos os meses.
A importância da ação do CREAS é destacada pela secretária Maria da Silva Souza. “O trabalho desenvolvido no centro é de extrema valia para a população, administramos conflitos familiares, encaminhamos jovens para cursos profissionalizantes, realizamos orientações e fortalecimento de vínculos, tudo isso com o serviço de psicólogos, assistentes sociais, pedagogos e técnicos,” explica.
O Centro de Referência Especializado de Ação Social trabalha em parceria com os seis Centros Regionais de Ação Social (CRAS), presentes em vários pontos da cidade e com o Programa Especializado em Medidas Socioeducativas – PEMSE, localizado no bairro Monza, onde adolescentes e jovens em conflito com a lei recebem orientações psicossociais e encaminhamento para estágios e cursos profissionalizantes.
O CREAS funciona de segunda à sexta-feira, das 8h ao 12h e das 13h às 17h.
Contato: (41) 3606- 3506.
Fotos: João Senechal/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Escolas rurais de Colombo contam com o projeto Informática Educativa


Projeto prevê aulas mais motivadoras e dinâmicas que possibilitam visualizar perspectivas de aprendizado e futuro melhor

Lições contemplam disciplinas como leitura, interpretação de texto, cálculo, conceitos, valores, educação e preservação ambiental
Os alunos das escolas rurais de Colombo passaram a integrar o projeto de Informática Educativa desenvolvido pela prefeitura municipal por meio da Secretaria da Educação, Cultura e Esporte. As aulas que começaram no final deste primeiro semestre acontecem em 12 notebooks distribuídos nas escolas, Rural Tiradentes, Bortolo Cavassin e também na Francisco Bonato.
De acordo com a assessora pedagógica e coordenadora responsável pelo projeto, Patrícia Regina Gueno Catapan, esta foi uma das metas idealizadas pela prefeitura que encontrou agora, condições de infraestrutura para concretizar esta iniciativa na área rural do município.
“Mais do que dominar aos poucos a tecnologia, e uma nova forma de aprendizado, o aluno poderá visualizar a possibilidade de um futuro melhor, de novas profissões e até mesmo de empreendedorismo, auxiliando a família nos pequenos negócios”, salienta a coordenadora acrescentando que a maioria destes estudantes não tinha e não conhecia esta tecnologia.
“O primeiro contato por parte dos alunos foi de puro encantamento com as máquinas e com o que elas são capazes de oferecer a estas crianças, e para os professores foi emocionante participar deste momento tão especial para os seus educandos”, relatou Patrícia.
Segundo ela, as aulas têm a duração de uma hora e acontecem uma vez por semana na própria sala de aula. Ela explica que as lições são organizadas em módulos com atividades que contemplam todas as disciplinas como leitura, interpretação de texto, cálculo, conceitos, valores, educação e preservação ambiental, entre outros.
Aulas de informática acontecem com notebooks nas salas das escolas rurais Tiradentes, Bortolo Cavassin e Francisco Bonato
Para a realização deste trabalho, os professores recebem um assessoramento especial no início de cada módulo com o objetivo de ser, no momento das aulas de Informática Educativa, facilitador entre o conhecimento acadêmico e o aluno, na construção de aulas motivadoras e dinâmicas.
O projeto Informática Educativa beneficia quase 20 mil alunos da rede pública de Colombo, já é aplicado em 40 escolas municipais urbanas, e agora nas três rurais para crianças que estão cursando do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. A novidade para 2014 é a previsão da participação da última escola da rede que falta para integrar o projeto, a escola rural Irmã Maria Antonieta Farani.
Fotos: Bruno do Carmo/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br