BLOGUEIRO IVAN DE COLOMBO ASSUME O PSB EM COLOMBO





Nessa manhã estiveram reunidos ma ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO PARANÁ, nosso amigo blogueiro Ivan Gomes, junto com o empresário Ivanildo Holanda, mais conhecido como ALEMÃO. Foram participar de uma reunião com o Deputado Gilberto Ribeiro do PSB, pois o mesmo ofereceu o partido para ser dirigido pela dupla em nossa cidade.

O blogueiro declarou a esse blog que irá entrar em contato com ex presidente MARADONA, e demais membros para que façam parte da nova executiva, pois a intenção é fortalecer o PSB em Colombo. Temos que unir forças para realizar um trabalho que possibilite que tenhamos um representante na na Câmara de Vereadores em 2016, disse Ivan.

Alemão, Gilberto Ribeiro, Ivan de Colombo e Thiago de Jesus.


O Deputado Gilberto Ribeiro, agora tem portas abertas para ajudar a cidade de Colombo, não basta existir a vontade de um deputado em ajudar a cidade, o prefeito tem que abrir as portas e nessa administração da prefeita Beti Pavin, o PSB é aliado e os resultados dessa parceria já estão acontecendo, disse Ivan.









AÉCIO NEVES PSDB VEM AO PARANÁ

Aécio Neves vem a Curitiba para encontro da Região Sul



Senador Aécio Neves


O senador e presidente nacional do PSDB , Aécio Neves vem a Curitiba no sábado (28) para um encontro entre os tucanos da Região Sul. O objetivo é realizar a integração do partido. O encontro será no Clube Urca, no bairro Ahú, das 9h às 13h.

TSE investiga assinaturas coletadas por Rede Solidariedade



Além do registro do Solidariedade, também deve ser analisado pelos ministros do TSE o do Partido Republicano da Ordem Social (PROS)

De posse do processo de criação do partido Solidariedade, o vice-procurador-geral eleitoral, Eugênio Aragão, deve pedir em seu parecer investigação da Polícia Federal (PF) para detectar possíveis fraudes na coleta de assinatura da legenda. Na última quinta-feira, Eugênio Aragão, recém-empossado no cargo, pediu mais prazo para análise do processo que deverá voltar à pauta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta terça-feira, 24.
Segundo ele, o parecer deve ser publicado ao longo do dia de hoje. Além do registro do Solidariedade, também deve ser analisado pelos ministros do TSE o do Partido Republicano da Ordem Social (PROS).

"Essa validação direta, esse procedimento é de altíssimo risco", afirmou Aragão. "Em alguns casos vai ser preciso a Polícia Federal apurar", acrescentou. Segundo ele, chegou-se a encontrar fichas de assinaturas do PROS misturadas com as do Solidariedade. "Que bagunça é essa? É assustador", afirmou. "Não se pode criar um partido de afogadilho", emendou.Em entrevista ao Broadcast Político, serviço de informações em tempo real da Agência Estado, o procurador considerou de "altíssimo risco" o procedimento adotado pelo TSE em que as certidões de apoiamento podem ser direcionadas diretamente à Corte Eleitoral, sem precisarem passar por uma triagem nos Tribunais Regionais. Essa dinâmica passou a vigorar desde a criação do PSD em 2011.
Apesar dos problemas encontrados, Aragão sinalizou que não deve apresentar um parecer pelo indeferimento do processo. "Já há dois pareceres favoráveis, não vou dar nenhum cavalo de pau. Mas tenho que chamar atenção para certos riscos", afirmou.

Fonte Gazeta do Povo

Chuvas danificam 6,9 mil casas no Paraná, aponta Defesa Civil

Cidade de Sengés - PR

No estado, 26,7 mil foram afetados e 61 estão em abrigos improvisados. Vinte e seis cidades já registraram danos causados pelas tempestades
A chuva que atinge o Paraná desde a última sexta-feira (20) já danificou 6.902 casas, informou na manhã desta segunda-feira (23) a Defesa Civil do estado. No total 61 pessoas estão desalojadas, que são as que estão em abrigos improvisados. Outros 198 integram a contagem dos desabrigados, estes que deixaram suas casas e estão hospedados com parentes ou amigos. Em todo o território paranaense já foram contabilizadas 26,7 mil pessoas afetadas pelos temporais.
Vinte e seis cidades estão na lista das atingidas pelas tempestades. A situação mais crítica foi registrada em Corbélia, onde 10 mil foram afetados, com 3 mil residências danificadas pelo granizo. Prudentópolis também tem situação crítica, com 4 mil atingidos e mil casas avariadas pela queda de gelo. Em Salto do Lontra, 3 mil pessoas sofreram com a chuva e 700 residências foram danificadas.

Em Londrina, no Norte do estado, a tempestade causou quedas de energia, o que apagou todos os semáforos de vias importantes. Equipamentos de sinalização chegaram a virar com a força do vento. No Londrina Norte Shopping, zona norte da cidade, pedaços do teto caíram na praça de alimentação, sem atingir clientes. O tempo também afetou o município de Cambé, que faz divisa com Londrina.Chuva intensa, granizo e vendavais foram os fenômenos registrados até o momento. As quedas de árvore foram problema principalmente em seis cidades. Ampére, Coronel Vivida, Curitiba, Dois Vizinhos, Londrina e Salto do Lontra.
Na capital, os transtornos foram causados por chuvas intensas, segundo a Defesa Civil, mas os números ainda estão em fase de levantamento. Até esta manhã, havia registro de três casas tinham danificadas e duas edificações públicas avariadas.
Santa Catarina
De acordo com o último balanço divulgado pela Defesa Civil de Santa Catarina, as fortes chuvas que assolam o Sul do Brasil deixaram pelo menos 4,7 mil pessoas desalojadas ou desabrigadas em Santa Catarina. No estado, mais de 1.300 residências foram afetadas. Ao todo, 56 cidades foram atingidas, sendo que Blumenau, Indaial, Rio do Sul, Taió, Brusque e Benedito Novo estão classificados na categoria de “emergência”.
Nas rodovias, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal, uma queda de barreiras provoca interdição no km 108 da BR 116, na Serra do Espigão. Não havia previsão para a liberação do trecho às 9 horas. A concessionária Auto Pista Litoral Sul, que administra a rodovia, alerta que uma operação especial de desvio é realizada no trecho.
Na pista para quem vai de Santa Catarina ao Paraná, no quilômetro 135, na região de Santa Cecília (SC), os motoristas precisam seguir pela SC-302 e seguir até Porto União (SC). Neste ponto então é possível acessar a BR-280 e retornar à BR-116, em Santa Catarina, em Mafra, no quilômetro 12.
Já no sentido contrário, para quem vai do de Santa Catarina no sentido Rio Grande do Sul, no km 12, na região de Mafra (SC), os motoristas podem desviar pela BR-280 e seguir até Lebon Régis (SC). Nesta cidade é possível acessar a SC-302 e retornar à BR-116/SC, em Santa Cecília, no km 135.
Na noite de sexta-feira e madrugada de sábado (21), o estado registrou temporais com intensos raios, trovões e quedas de granizo. As chuvas provocaram o transbordamento dos rios Itajaí Mirim, em Brusque, e Itajaí do Sul, em Rio do Sul. Afluentes também transbordaram em Ituporanga. A Defesa Civil de Santa Catarina criou uma força-tarefa para socorrer as pessoas que tiveram as suas casas atingidas e encaminhá-las para abrigos.
Rio Grande do Sul
Já no Rio Grande do Sul, foram afetadas ao menos 5.217 pessoas pelo volume forte de chuvas. As informações não foram detalhadas entre desalojados e desabrigados. Segundo a Defesa Civil do estado, as cidades mais atingidas foram Gentil, Santo Antônio do Palma, Nonoai e Lajeado do Bugre, sendo que Santo Antônio foi a mais impactada, com mais de 500 casas afetadas pelos temporais e mais de 1.500 pessoas.

Fonte: Gazeta do Povo