PSB e Rede exaltam conquistas de FHC e Lula em programa, mas propõem ‘fim de ciclo’


27 de outubro de 2013
No ato que realizarão amanhã na zona oeste de São Paulo, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), e a ex-senadora Marina Silva devem chancelar documento em que reconhecem as “conquistas” dos últimos anos, mas pregam a necessidade de avançar de uma “maneira diferente”.
MARINA_CAMPOSSelada no dia 5, a aliança entre os dois realizará o primeiro encontro para discutir um programa comum para PSB, partido de Campos, e Rede, sigla que Marina não conseguiu criar a tempo de disputar o Planalto em 2014.
O documento conjunto repetirá discurso dos dois políticos de que tanto a gestão de Fernando Henrique Cardoso (1995-2002) quanto a de Lula (2003-2010) trouxeram ganhos para o país, mas que o modelo atual de se fazer política não é o mais adequado para assegurar avanços.
Pelo texto, é preciso um “planejamento estratégico de longo prazo” –outro dos bordões usados por Marina–, não só limitado ao atual governo.
O documento de referência deve ser dividido em três eixos: a manutenção das conquistas passadas –estabilidade econômica e inclusão social–, a necessidade de novas práticas na política e a promoção do desenvolvimento sustentável.
Uma das intenções é combater a crítica de que Marina seria limitada à atuação ambiental, afirmando que o desenvolvimento que a dupla defende não se restringe à ecologia, mas abrange os campos econômicos, social, ético e cultural.
O ato, com cerca de 120 pessoas, terá grupos de discussão, participação de militantes pela internet, e o que os organizadores chamam de “falas inspiradoras”, da ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina e do cineasta Silvio Tendler, entre outros.
Ao final, devem ser definidos “cinco grandes desafios para o Brasil”. O grupo deve fazer ao menos mais um encontro semelhante até o final do ano.
Depois de oficializado o acordo entre Campos e Marina, parte da Rede se rebelou contra a decisão da ex-ministra. Fundadores deixaram o projeto por discordar da opção da ex-senadora, que não teria consultado a base de mobilizadores.
Na sequência, a direção da Rede recusou convite feito pelo PSB para que dois de seus integrantes compusessem o diretório nacional socialista.
As divergências entre os partidos se acentuaram em praças nas quais há interesses distintos no apoio a candidaturas a governador, como São Paulo e Distrito Federal.
PREPARAÇÃO
Campos já está em São Paulo para participar de reuniões preparatórias para o evento de amanhã. A ex-senadora retornará hoje de viagem a Miami (EUA), onde recebeu um prêmio.
Ambos têm dito que formatarão a plataforma de campanha antes de definir quem será candidato a presidente na chapa do PSB em 2014.
Nas pesquisas mais recentes de intenção de voto, Marina, que ficou em terceiro lugar na corrida presidencial de 2010, com 19,3% dos votos válidos, aparece melhor posicionada que o novo aliado.
Nos cenários testados por Ibope e Datafolha neste mês, Marina tem de 21% a 29% das indicações, contra 10% a 15% de Campos.
FONTE: FOLHA DE S.PAULO

Atlético será julgado novamente pelo STJD


25 de outubro de 2013
Após ser punido com a perda de dois mandos de campo na sexta-feira passada, o Atlético Paranaense será julgado hoje novamente pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Desta vez, é pelo arremesso de uma pedra em um jogador do Vitória. Se condenado, o clube pode não jogar em casa na reta final do Campeonato Brasileiro.
balanca_e_martelo_02c77e
Pela condenação anterior os duelos contra Internacional e São Paulo terão que ser disputados a pelo menos 100 km de distância da capital paranaense. Na ocasião, o Atlético foi julgado pelo briga entre torcidas no clássico contra o Coritiba.
A denúncia que o clube será julgado hoje é baseado no artigo 213 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). O item prevê que “lançamento de objetos no campo” a punição é a perda de um a dez mandos de campo. O clube ainda pode ser multado de R$ 100 a R$ 100 mil.
Se condenado, o Furacão deve cumprir a perda de mando no Campeonato Brasileiro. Assim, o duelo contra o Grêmio pela Copa do Brasil, na Vila Capanema, está mantido.

Mais de 50 são notificados em Mega Operação do Bptran


26 de outubro de 2013
O Batalhão de Polícia de Trânsito realizou uma Mega Operação ontem à noite em Curitiba. 105 pessoas foram abordadas e 70 veículos vistoriados e 56 notificações emitidas. Seis carros e três motocicletas foram encaminhados ao pátio do BPTran por irregularidades e cerca de 12 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) foram recolhidos pelos policiais militares para regularização de pendências junto ao BPTran. Duas pessoas detidas e encaminhadas para a delegacia.leisea
O objetivo da operação era intensificar o combate ao álcool na direção, por meio de fiscalizações de veículos, abordagens, vistorias, verificação de documentos e realização de exames etilométricos (teste de bafômetro).
Segundo dados do BPTran, de janeiro até agosto de 2013, foram registrados cerca de 1.277 acidentes de trânsito ocasionados pelo consumo de bebidas alcoólicas e 765 pessoas acabaram detidas por conduzir veículos em situação de embriaguez.

Richa seria reeleito, aponta pesquisa


27 de outubro de 2013
Mais uma pesquisa de intenções de voto circula no Paraná. Realizado pelo Instituto IRG em Curitiba, o levantamento ouviu 1024 eleitores na capital, entre os dias 9 e 13 de outubro e mostra que na estimulada o atual Governador do Paraná venceria se os oponentes fossem Gleisi Hoffmann do PT e Roberto Requião do PMDB.beto, gleisi, requiaoO resultado seria:
Beto Richa (PSDB), 32,20%;
Gleisi Hoffmann (PT) 26,40%
Roberto Requião (PMDB) 18,%.
Não sabem ou não responderam 16,70%;
Brancos e nulos 1,8%
A margem de erro na pesquisa do IRG é de 3,06% para mais ou para menos.

E continuam as mentiras da APMC para os professores e funcionários da educação de Colombo



Em documento divulgado pelo presidente da APMC sobre os descontos dos professores... obviamente ele distorce os fatos a seu "bel prazer".
A fim de elucidar, subsidiar e divulgar a verdade, estamos colocando abaixo o entendimento jurídico destes pontos. É preciso que a verdade seja divulgada, para esclarecer aos professores e profissionais da educação de Colombo, que foram induzidos ao erro pela APMC...
1) FALTAS AO TRABALHO (Injustificadas) INFLUENCIAM, SIM, NA APOSENTADORIA. Pois, para o cálculo de tempo para o benefício de aposentadoria é considerado o tempo de contribuição. Logo, se houve falta, não há contribuição para os dias descontados e, com isso, o tempo de contribuição será menor no mês em que houve/houver registro de faltas, sujeitando a complementação de tempo de trabalho/contribuição para completar o requisito. Ainda, as faltas injustificadas poderão ser consideradas para fins do cálculo de inassiduidade habitual, caracterizada como infração grave, passível de punição com demissão, conforme artigo 217 da Lei Municipal 1205/2010.

2) Especialmente em relação a servidores que estão sujeitos à Lei Municipal 1206/2010 (Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Servidores Públicos do Município de Colombo), de acordo com o inciso V, do Artigo 9º, as FALTAS AO TRABALHO (Injustificadas) INFLUENCIARÃO TAMBÉM NA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO:                        
                        "Lei 1206/2010, Art. 9º - Não terão direito à progressão na carreira, vertical ou horizontal, os servidores que estiverem:
                        I - ........;
                        II - .......;
                    III - .....;
                    IV - .....;
                    V - com faltas injustificadas em percentual superior a 1% (um por cento) dos dias de trabalho no período a ser avaliado." 

3) Com relação ÀS FALTAS, PARA EFEITO DE LICENÇA ESPECIAL, APESAR DE NÃO SEREM CUMULATIVAS, O PERÍODO AQUISITIVO É PRORROGADO NA PROPORÇÃO ESTABELECIDA NO ARTIGO 144, ou seja, o servidor que tiver faltas injustificadas no período aquisitivo deverá complementá-lo.

4) Por fim, vale lembrar que a pode haver aplicação subsidiária do da Lei Municipal 1205/2010, principalmente no tocante a direitos e obrigações, conforme prevê o artigo 134 da lei 1221/2011:
                        "Art. 134. As normas previstas neste Plano de Cargos, Carreira e Remuneração da Educação têm caráter suplementar e específico, aplicando-se aos integrantes deste plano de carreira os direitos e obrigações constantes para os demais servidores do Município, naquilo que não conflitar."

Prefeitura informa: Expediente normal nesta segunda-feira, 28

25 DE OUTUBRO DE 2013

Na segunda-feira, 28 de outubro, é comemorado o Dia do Funcionário Público e, a Prefeitura Municipal de Colombo estará com seu expediente normal nesta data. Todos os serviços e atendimentos funcionarão das 8 às 17 horas, e os essenciais não param.
Porém, no dia 01 de novembro, sexta-feira, fica considerado ponto facultativo nas repartições públicas do município, conforme decreto publicado em 22 de outubro, transferindo a comemoração do Dia do Servidor. A exceção das Unidades de Saúde 24 Horas, Maracanã e Osasco.
PA Maracanã
Rua São Pedro, 855 (Jd. Fátima)
Telefone: 41-3562.9828
PA Osasco
Rua Zacarias M. Meira, 505
Telefone: 41-3606.2477
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br