Casal foragido da justiça é preso ao tentar passar dinheiro falso no comércio em Pontal do Paraná


Sesp-PR

Uma mulher com mandado em aberto por tráfico de drogas e um homem com mandado de prisão em aberto por homicídio e tráfico foram presos, no final da tarde desta sexta-feira (03), por policiais militares da Operação Verão Paraná 2013/2014, após informações de que a dupla teria tentado repassar notas falsas no balneário de Shangri-lá, em Pontal do Paraná, litoral do Estado.
Por meio do telefone 190, a PM recebeu informações de que um cidadão teria tentado passar no comércio local uma nota falsa de R$100,00. Características do veículo do suspeito também foram informadas. “Com estas informações, os policiais foram até uma casa indicada, onde um homem fugiu pelos fundos. Policiais vigiaram o local e, um pouco mais tarde, o homem retornou, sendo preso”, contou a aspirante Manfroi, oficial Comandante de Policiamento de Unidade (CPU).
De acordo com a oficial, outras quatro pessoas tentaram impedir a prisão do homem, inclusive uma mulher que se dizia esposa dele, e também foram encaminhados à delegacia, inicialmente por resistência. “Quando chegamos ao destacamento e consultamos as identidades no sistema, descobrimos que ele (40 anos) tinha mandado de prisão em aberto por homicídio e tráfico e, para nossa surpresa, ela (35 anos) também por tráfico”, relatou Manfroi.
Com eles foram apreendido cerca de R$ 400,00, sendo pelo menos uma nota falsa (R$100,00). O casal de foragidos, juntamente com os outros três presos por desobediência, foram encaminhados à Companhia da PM para a formalização dos documentos e para serem entregues nas delegacias da Polícia Civil de Ipanema e da Polícia Federal de Paranaguá.