Adolescentes prontos para o crime são presos em “Quartel Geral do Mal”


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Três adolescentes foram presos no começo da tarde desta sexta-feira (24) após serem flagrados com armamentos de grosso calibre em um “Quartel Geral do Mal”, no bairro Pineville, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. De acordo com o tenente Nunes, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), a viatura estava em patrulhamento preventivo, quando recebeu a informação de que os jovens se encontrariam em uma casa para traficar drogas.
quartelmaupinhais
Foto: Juliano Cunha – Banda B
“Chegando à residência, a mãe do adolescente permitiu a nossa entrada e encontramos no quarto dele uma escopeta calibre 12 e várias munições. O questionamos sobre a procedência do armamento, ele nos apontou que pertenceria a outro homem, que nos direcionamos em seguida”, comentou.
No outro local, a viatura do Bope realizou uma nova abordagem e não encontrou o suspeito, mas outros dois adolescentes acabaram detidos. “O local é bem propício para a atividade criminosa, já que até possui um grande monitoramento interno. Acreditamos que o suspeito que procurávamos observou a nossa chegada e fugiu um pouco antes”, disse.
Com os dois adolescentes no local, a polícia encontrou uma sacola com 1,6 Kg de maconha, 20 gramas de cocaína e uma pistola 9 milímetros de fabricação alemã, que era utilizada para a segurança do “quartel”.
Os três adolescentes foram apreendidos e encaminhados à Delegacia de Pinhais, onde prestam esclarecimentos. O outro suspeito é procurado pela polícia.

Academia de ginástica é fechada e ‘Professor Pardal’ levado à delegacia em Curitiba


Por Luiz Henrique de Oliveira


Uma academia de ginástica no bairro Cajuru, em Curitiba, foi fechada nesta semana por policiais civis do Núcleo de Repressão aos Crimes de Saúde (Nucrisa). Na mesma operação, feita com apoio da Vigilância Sanitária Municipal e do Conselho Regional de Educação Física (CREF), um jovem de 19 anos, o ‘Professor Pardal’ do local, alusão ao personagem do Tio Patinhas que nunca conseguia fazer direito o que queria, foi autuado em flagrante e precisou assinar umTermo Circunstanciado por exercer as funções de profissional de educação física sem ser capacitado para isso.
NUCRISA
No local da ocorrência (Foto: Divulgação Polícia Civil)
Em resumo, de acordo com a delegada Samia Coser, do Nucrisa, o barato saía caro para quem procurava a academia. “Esses locais precisam ter profissionais devidamente habilitados para atender o público, porque se não o usuário corre um risco à saúde. Denúncias, de forma anônima, podem ser feitas no 3883-7120, ou no e-mail nucrisa@pc.pr.gov.br”, disse Samia.
Segundo a delegada, a operação no Cajuru aconteceu por conta de denúncias do CREF. “A academia não tinha profissionais habilitados e também licença sanitária. Fomos em apoio e agora ela só vai reabrir se tiver em dia com todas as normas previstas”, concluiu.

Polícia reage a disparo de arma e população inicia confusão ao encontrar jovem baleado


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Uma confusão generalizada aconteceu na tarde desta sexta-feira (24) após um policial militar reagir a um disparo de arma de fogo de um homem na Favela do Papelão, na região do bairro Capão Raso, em Curitiba. De acordo com a PM, a viatura fazia um patrulhamento de rotina, quando três rapazes saíram correndo, iniciando uma perseguição.
Na tentativa de fuga, o trio teria atirado contra os policiais, que reagiram e atingiram Ariel Mesquita, de 18 anos, que foi socorrida ao Hospital do Trabalhador. Outro bandido, identificado como “Neguinho” acabou sendo preso. Já o autor do disparo conseguiu fugir.
Observando Mesquita no chão, a comunidade da favela decidiu cobrar uma explicação e chegou a destruir a janela da viatura. O Corpo de Bombeiros também foi acionado, uma vez que uma residência pegava fogo após a confusão. O caminhão também foi recebido de maneira hostil pelos moradores, que jogaram várias pedras.
Nesse momento a PM procura pelo autor do disparo e a confusão já foi tranqüilizada.

Bebê cai em piscina e é reanimado pela mãe após ajuda de bombeiro pelo telefone


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha
2bebeahu
Foto: Juliano Cunha – Banda B

Um trabalho conjunto entre um “herói” do Corpo de Bombeiros e uma mãe salvou a vida de uma criança de um ano e meio no começo da tarde desta sexta-feira (24) no bairro Ahú, em Curitiba. De acordo com relatos de socorristas do Siate, o bebê caiu por acidente em uma piscina de aproximadamente 1,5 metro de profundidade e a ação rápida da família evitou o pior.
Logo após perceber o filho dentro da piscina, a mãe rapidamente resgatou o bebê e percebeu que ele estava inconsciente. Preocupada, ligou imediatamente para o telefone 193, onde um ‘herói’ acalmou a mãe e passou todos os procedimentos necessários para a reanimação.
Em entrevista à Banda B, o soldado Lacerda exaltou a ação da mãe, já que as primeiras horas são importantíssimas para qualquer resgate. “Esses primeiros passos são essenciais, então a atitude dela de entrar em contato conosco antes de fazer qualquer coisa foi muito importante para salvar a vida do filho pequeno”, comentou.
O bebê chegou a ser encaminhado para o pronto-socorro, mas graças ao resgate rápido não corre risco de morte.

Suspeito que matou empresária em assalto é preso e garante: “Faria tudo de novo”


Por Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha
cuidadoradentro
Szpack, de frente, foi quem atirou e não se arrepende (Foto: Juliano Cunha – Banda B)


Moisés Szpack, de 24 anos. Este é o nome do responsável pelo tiro que acertou a cabeça e matou a empresária Damaris Gomes Pereira, de 42 anos, durante um assalto a um mercado em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, no último sábado (18). Ele foi preso por meio de um mandado de prisão preventiva e, ao ser apresentado na Delegacia de Pinhais, na tarde desta sexta-feira (24), disparou: “Ela reagiu e se acontecesse de novo faria da mesma forma”, disse.
De acordo o delegado Marcelo Magalhães, da Delegacia de Pinhais, o suspeito foi detido na noite de ontem no momento em que preparava para fugir. “A prisão aconteceu no Jardim Claúdia e no momento certo, porque ele planejava fugir. Já tinha conseguido dinheiro junto à família para sumir”, contou à Banda B.
Magalhães também descreveu que o suspeito deu trabalho. “Ele pulou o muro e tentou fugir a pé, mas não conseguiu. Encontramos com ele a arma usada no crime. É um rapaz perigoso que já tinha passagens por roubo”, descreveu.
Por fim, o delegado relatou a frieza do suspeito. “Ele disse que faria tudo de novo, no caso da vítima reagir”, lamentou Magalhães.
Além de Spack, já estavam presos por envolvimento no crime: Hilton Lourenço, de 24 anos, e Vagner Cristo, de 23. Eles foram detidos no dia do assassinato.
Cuidadora de animais
gatos
Gatos da empresária precisam de um lar (Foto: Arquivo pessoal)
Damaris, além de sócia no mercado, também era cuidadora de animais. Ela reagiu ao assalto e segurou o colarinho da camisa de um dos assaltantes. Spack não gostou e atirou na cabeça dela, que morreu na hora. A mulher deixou órfãos 42 animais; 34 gatos e oito cães.
Quem quiser adotar os animais pode entrar em contato com Lídia Peixer no telefone: 9912-6840. Ela é amiga de Damaris e faz um alerta. “São animais bem cuidados e que não podem morar em quintal, precisam de carinho e de comodidade”, afirmou.
Ela também pede ajuda com doações. “Precisamos de produtos para a higiene dos gatos e doações de rações, mas precisam ser da marca Golden ou Cat Chow, porque eles só comem dessas e outras dão dor de barriga”, pediu.

Dono pede ajuda para encontrar caminhão que foi roubado.








Autor: Vanessa Teixeira  
 
 Créditos da Foto: Arquivo do proprietário 
 

O proprietário de um caminhão pede ajuda para encontrar o veículo, pois foi roubado na sexta-feira (17/01), próximo a cidade de Maringá/PR.

Segundo informações, trata-se de um caminhão 1938ls branco com placa MBY 1467, para-choque dianteiro preto e interclima preto engatado em uma carreta graneleira com lona preta, e placa KJT 2388, ambos de Bom Jesus/SC.

Qualquer informação do paradeiro deste veículo pode ser repassada aos telefones: (44) 8863-2452, (49) 8883-0762 ou (49) 3433-3152.

Homem agride mulher a cadeirada em Laranjeiras do Sul.


- Autor: Vanessa Teixeira
 Créditos da Foto: Imagem Ilustrativa 
 

Parece cena de novela, mas não foi ficção, aconteceu nesta quinta-feira (23/01) em uma casa na Rua Jacob Ruths, Bairro Jardim Santana em Laranjeiras do Sul/PR. Uma mulher foi agredida fisicamente pelo seu companheiro com o qual convive há 13 anos.

Tudo começou depois de uma discussão entre o casal, irritado o homem agrediu a mulher com socos, chutes e até mesmo com uma cadeira, e em seguida fugiu.
Assustada e com ferimentos pelo corpo, a mulher chamou a PM/Policia Militar. Ela contou que ela, o companheiro e seus quatro filhos estavam na casa quando tudo começou.

A policia encaminhou a mulher ao Hospital São Lucas para ser feito o laudo de lesão corporal. Já o agressor não foi localizado.

Idoso levava cerca de 4 toneladas de droga em tanque de caminhão.


Motorista paraguaio afirmou que seguia sentido à Cascavel
 Autor: Vanessa Teixeira
 Créditos da Foto: e Informações: Catve 
 

A PRF/Polícia Rodoviária Federal deteve um idoso na tarde desta quinta-feira (23/01). Segundo a policia, o condutor do caminhão tanque com placas paraguaias, Obidulio Oviedo, 70 anos, foi parado durante fiscalização de rotina na BR 277 em Santa Terezinha de Itaipu/PR.

Depois de uma revista minuciosa, a policia encontrou indícios, pois havia cheiro de maconha e marcas de solda nova no tanque. O Corpo de Bombeiros foi acionado e utilizou desencarceradores para abrir o compartimento de carga. Dentro estavam escondidos vários tabletes de maconha, que podem chegar a 4 toneladas da droga.

O motorista afirmou que pegou o caminhão em um posto de combustíveis em Ciudad del Este e que não sabia da carga.

LOJA DE MATERIAIS LUMINOSOS É DESTRUÍDA PELO FOGO EM PONTA GROSSA.


Incêndio aconteceu no início da manhã desta sexta-feira (24), no Paraná.
Avenida Ernesto Vilela, em frente ao estabelecimento, ficou interditada.

Silvia CordeiroDo G1 PR, em Ponta Grossa

Loja de materiais luminosos foi destruída pelo fogo na manhã desta sexta-feira (24), em Ponta Grossa (Foto: Alessandro Chagas Silva/Arquivo Pessoal)Loja de materiais luminosos e confecção de toldos foi destruída pelo fogo na manhã desta sexta-feira (24), em Ponta Grossa (Foto: Alessandro Chagas Silva/Arquivo Pessoal)
Um incêndio destruiu uma loja de materiais luminosos e confecção de toldos no bairro Nova Rússia, em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, no Paraná, no início da manhã desta sexta-feira (24). Segundo o Corpo de Bombeiros, foram necessários três caminhões de combate ao incêndio e 25 homens para apagar as chamas. Até as 9h15, o trecho em frente à loja, na Avenida Ernesto Vilela, estava interditado sentido bairro. Apesar de estar na fase de rescaldo, os bombeiros ainda não tinham a informação de como o fogo começou.
De acordo com o capitão André Lopes, todo o telhado da loja caiu. As paredes precisaram ser derrubadas para que os bombeiros pudessem se aproximar de pequenos focos de incêndio. “O barracão de aproximadamente 200 metros quadrados ficou completamente destruído, mas nenhum estabelecimento ao redor foi afetado”, informa o capitão.
Muitos moradores e trabalhadores da região da Nova Rússia registraram o incêndio. O arte finalista Alessandro Chagas Silva estava seguindo para o trabalho quando reparou na fumaça e decidiu parar para tirar foto. “Eu cheguei junto com o Corpo de Bombeiros, entre 7h40 e 8h. Nessa hora, o fogo já era muito grande”, conta.
A fumaça preta que aparecia no céu da cidade também chamou a atenção do auxiliar de escritório Cassiano Rocha, que fez um vídeo do incêndio. “Eu estava chegando para trabalhar e vi muita fumaça. Fui ver o que aconteceu e vi a loja pegando fogo com parte do telhado caindo”, relata. Ele conta que o incêndio reuniu muitos curiosos e deixou o trânsito um caos na região.
tópicos:

MÃES USAM A INTERNET PARA TROCAR MATERIAL ESCOLAR E ECONOMIZAR;


Erika Busni, de Curitiba, criou uma página para as 'negociações'.
A maior oferta e procura é para livros literários e didáticos.

Bibiana DionísioDo G1 PR

Para economizar, Ana Zambon conversa com outras mães para tentar trocar livros didáticos ou comprar com preços menores (Foto: Arquivo pessoal)Para economizar, a dona de casa Ana Zambon conversa com outras mães para tentar trocar livros didáticos ou comprar a preços menores (Foto: Arquivo pessoal)
Entre as tradicionais despesas de início do ano, está a compra do material escolar dos filhos. Em alguns casos, a lista pedida pela escola é extensa e pode representar uma fatia significativa do orçamento familiar. Na tentativa de economizar, especialmente, na compra dos livros didáticos, as mães recorrem à internet para trocar o que foi usado pelos filhos no ano anterior e que ainda está em bom estado de conservação.
Especialistas sempre alertam para a importância da pesquisa de preço, antes de se definir onde comprar. No caso dos materiais escolares, de acordo com o Procon de Curitiba, o preço do lápis preto, por exemplo, pode variar 200%. Em Maringá, no norte do estado, a diferença também pode ser grande. O preço do apontador pequeno, conforme a pesquisa, teve variação de 1.053% - foi encontrado por R$ 0,15 e também por R$ 1,73.

A economia ainda pode ser feita na compra dos livros didáticos. Ciente disto, a jornalista  Erika Busani, de 42 anos, criou uma página no Facebook onde os pais podem conversar e combinar a trocar dos materiais. No “Escambo na Escola”, a mãe fala o que tem e o que precisa.

Apesar de ter sido criada recentemente, no dia 16, a aceitação da página tem sido boa, como avaliou Busani. Ela disse que as pessoas têm elogiado a iniciativa, contudo, a jornalista acredita que as escolas deveriam ser mais ativas e promover campanhas para os alunos aproveitarem o material já utilizado. “Eu acho que é educativo, ensina os alunos que não é só consumo. Você não precisa comprar tudo novo, você pode reutilizar, reciclar. Partindo do uniforme e do material você ensina para a vida”, argumentou. Além disso, Busani cita que, se as escolas promovessem as troca, seria uma oportunidade para reunir os pais e estabelecer um relacionamento mais próximo entre os eles.
A iniciativa surgiu após Busani ser surpreendida ao descobrir quanto iria gastar com a lista do filho, que tem 11 anos. “Eu peguei a lista e a primeira coisa que eu fiz foi ligar para a escola, porque tem papelaria lá dentro, e perguntei quanto sairia todo o material. Tudo ficaria em R$ 1.200,00. Eu quase tive um surto. Depois, eu fui pesquisar o preço dos livros didáticos. Só os livros sairiam R$ 670,00”, lembrou.

Ela contou que antes de criar a página na internet ainda tentou localizar os livros em sebos da cidade, mas não os encontrou. Segundo ela, os livros do Ensino Médio são mais fáceis de encontrar do que os do Ensino Fundamental.
  •  
Eu acho que é educativo, ensina os alunos que não é só consumo. Você não precisa comprar tudo novo, você pode reutilizar, reciclar. Partindo do uniforme e do material você ensina para a vida"
Erika Busani, criadora da página "Escambo na  Escola"
A dona de casa Ana Carolina Starepravo Zambon, de 32 anos, é mãe de uma menina de 9 anos e já aderiu à troca dos materiais escolares. Ela tem o hábito de conversar com outras mães na saída da escola para saber o que pode ser aproveitado.
“No ano passado, eu troquei livros de literatura. Peguei um do quarto ano e dei um do terceiro. Eu também já vendi um livro, que tinha em casa, que custava R$ 30, por R$ 12”, contou.
Erika Busani, que criou o Escambo Escolar, e o filho de 11 anos (Foto: Arquivo pessoal)Erika Busani, que criou o Escambo na Escola, e o filho de 11 anos (Foto: Arquivo pessoal)


Este ano, Zambon vai apostar novamente nas conversas na saída da escola para economizar. “Esses livros, os livros do bimestre, não são tão baratos. E, às vezes, sobra um ábaco, um material dourado, que eles usam para contar dezenas e centenas, e se você for comprar na papelaria é bem mais caro”.
A dona de casa, inclusive, se programa com bastante antecedência já que o título do livro do bimestre é informado pela escola durante o ano. “Teve uma aluna, que era do quinto ano, e saiu da escola. Eu já peguei o número do telefone dela. Quando eles [os professores] avisarem qual vai ser o livro, vou ligar para ela para ver se ela tem. Se ela tiver, eu acabo comprando mais em conta”.

Assim como Erika Busani, Ana Zambon acredita que as instituições de ensino deveriam promover essa troca de livros e materiais escolares. “Nós sempre pedimos para a escola, mas eles não fazem”. Para ela, a ideia do Escambo Escolar foi interessante porque possibilita o diálogo entre pais de crianças que estudam em locais diferentes.

Atletismo colombense começa 2014 com bons resultados


WEBMASTER 22 DE JANEIRO DE 2014

Jovens integrantes dos programas desenvolvidos pelo departamento de Esportes participam de importantes competições

Atletas de Colombo acompanhadas da equipe técnica do departamento de Esportes na cidade de Navegantes–SC
Atletas de Colombo acompanhadas da equipe técnica do departamento de Esportes na cidade de Navegantes–SC
Depois de um 2013 de bons resultados para o atletismo, onde foram conquistadas 143 medalhas, e oito troféus, incluindo uma quarta colocação no Campeonato Paranaense Caixa de Atletismo Pré–Mirim, e a quebra do recorde paranaense na prova de lançamento do disco masculino, na mesma competição, sem tempo para descanso, 2014 já começa já com importantes conquistas para o atletismo colombense.
No último dia 15, atletas da equipe de atletismo de Colombo participaram da corrida da Lua Cheia, no parque Tingui, em Curitiba, em uma prova de 8,6 quilômetros o atleta João Guilherme Brizola ficou com a 1º colocação na categoria 16 a 19 anos, com o tempo de 31 minutos. Na mesma categoria, o atleta Gabriel Henrique Bestel Blum, obteve a 2ª colocação, na categoria até 15 anos de idade, o atleta Vitor Gabriel Motim chegou na 2ª colocação.
Já na prova de 4,3 quilômetros, na categoria 50-54 anos, o atleta Edson Luiz Carloto, chegou na 4ª colocação com o tempo de 19,043 minutos e logo atrás, o também colombense Iziel Martins de Souza completou o percurso em 19,05 minutos. Nos 4,3 quilômetros feminino, a atleta Izabela Cristine Martins de Souza, que integra a equipe de natação de Colombo, chegou na 4ª colocação geral, com o tempo de 20,23 minutos.
Copa Brasil de Marcha Atlética
Colombenses participaram no último final de semana da Copa Brasil de Marcha Atlética e trouxeram importantes resultados para a cidade
Colombenses participaram no último final de semana da Copa Brasil de Marcha Atlética e trouxeram importantes resultados para a cidade
No último final de semana, nos dias 18 e 19, a equipe de atletismo de Colombo esteve na cidade de Navegantes–SC, onde disputou a Copa Brasil de Marcha Atlética. O evento contou com a participação de 132 atletas, de 15 estados diferentes, divididos em 29 equipes.
A equipe de Colombo contou com a presença de quatro atletas. A atleta Mônica Taís Busko conquistou a 7ª colocação na categoria menores até 17 anos, onde a distância é de 5 quilômetros, e a 6ª colocação por equipes, na categoria mirim, até 15 anos, com distância de 3 quilômetros, a atleta Rafaela da Silva Ferreira chegou na 8ª colocação. A atleta Mariana Sauer, chegou em 11º lugar, e esta categoria também contou com a participação da colombense Lohaney Samara Vieira, obtendo a 6ª posição geral por equipes.
Também esteve presente na competição o chefe de modalidades Rodrigo Coradin que ressaltou o fato de, “a modalidade de atletismo é de grande importância dentro de nosso município, assim como todas as que o Departamento de Esporte fomenta, em busca de novos atletas dando oportunidade de um futuro brilhante no esporte, possibilitando ao jovem a perspectiva de almejar o sucesso como atleta, além de mostrar a força do nosso município”.
Ainda segundo o chefe de modalidades, “o sucesso do atletismo se deve a sua versatilidade, pois acolhe os mais diversos biotipos de atletas, dando assim a possibilidade de qualquer criança. Nosso projeto já vem há um ano e meio, em busca de talentos em Colombo e os primeiros frutos já estão sendo colhidos. Já foram oito títulos em 2013, mais de 170 crianças matriculadas, e mais de uma centena de medalhas conquistadas.
Para 2014 o objetivo é aumentar o número de espaços para a pratica de atletismo, de quatro para 12, e o número de crianças inscritas para 350, incluindo o atletismo paralímpico, realizando também a inclusão social através desta modalidade. “Desta forma vamos tornar este esporte uma ferramenta de desenvolvimento sócio-educativo em Colombo”, completa o professor Sidmar Andrigheto Gielow, responsável pela equipe de Atletismo de Colombo e coordenador do Projeto Atletismo Por Um Futuro Melhor–PRÓ FUTURO, do departamento de Esportes da Prefeitura Municipal de Colombo.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em: 
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC; INSTAGRAM: @colombopmc e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Vereadores aprovam projeto da Prefeitura que concede reajuste ao Magistério Municipal


WEBMASTER 23 DE JANEIRO DE 2014

Lei que confere aumento de 19% para Educador e 12% para Professor será sancionada pela Prefeita Beti Pavin

Em sessão extraordinária vereadores aprovaram por unanimidade a iniciativa do executivo de Colombo
Em sessão extraordinária vereadores aprovaram por unanimidade a iniciativa do executivo de Colombo
Foi aprovado ontem, 22, o projeto de lei 001/2014 da Prefeitura Municipal, que concede reajuste salarial aos ocupantes dos cargos de Professor e Educador Infantil da rede municipal de ensino. A votação aconteceu em sessão extraordinária na qual os vereadores aprovaram por unanimidade a iniciativa do executivo de Colombo.
O projeto que agora será sancionado pela prefeita Beti Pavin,confereaumento salarial de 19% para à carreira de Educador e de 12% para a de Professor. Tais aumentos serão retroativos a 1º de janeiro de 2014. Estes índices concedidos pela Prefeitura superam o percentual estabelecido pela Lei Federal nº 11.738 de 2008, e a Portaria Interministerial nº 16 (DOU, pág. 24) que ficou em um reajuste nacional de 8,32%.
A ação acordada em 2013 com as respectivas categorias tem o propósito de promover a valorização dos profissionais do Magistério Municipal, e este aumento salarial destinado ao Professor e Educador previsto no projeto de lei faz parte do orçamento próprio do município, aprovado no ano passado em conformidade com a Lei de Responsabilidade Fiscal-LRF.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC; INSTAGRAM: @colombopmc e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Festa da Uva terá praça de alimentação com 1500 metros quadrados


WEBMASTER 22 DE JANEIRO DE 2014

Além dos 24 pontos de comercialização de lanches e bebidas no Pavilhão e na Churrasqueira do Parque a boa comida típica será a atração principal

Desde a tradicional polenta, até o elaborado risoto colombense, os visitantes poderão degustar a melhor comida típica italiana
Desde a tradicional polenta, até o elaborado risoto colombense, os visitantes poderão degustar a melhor comida típica italiana
Com 1.500 metros quadrados e 24 pontos comerciais instalados, a praça gastronômica vai garantir a alimentação de todos os visitantes da 51ª Edição da Festa da Uva de Colombo, que será realizada nos dias 07, 08 e 09 de fevereiro, no Parque Municipal da Uva.
Nestes espaços serão comercializados lanches rápidos como sanduíches, cachorro quente, pastel, tapioca, sorvetes, porções, sucos e bebidas em geral. Somente não será permitida a venda de bebidas alcoólicas destiladas na festa.
A Associação dos Servidores Municipais de Colombo – Assemco, será a responsável por servir o tradicional churrasco da festa, na churrasqueira localizada ao lado do Ginásio de Esportes. Já a comunidade católica de Bom Jesus do bairro São Gabriel, assumiu a responsabilidade sobre a cozinha instalada no Pavilhão de Eventos, onde será preparada e comercializada a ótima comida típica italiana de Colombo, como risoto, frango e polenta.
O objetivo desta variedade gastronômica que será oferecida nos três dias de festa é atender a todos os gostos e paladares, e tudo isto vistoriado e certificado pelos agentes da Vigilância Sanitária do município.
Serviço:
51ª Festa da Uva de Colombo
Local: Parque Municipal da Uva
Endereço: Rua Marechal Floriano Peixoto, 8771 – Centro
Contato: 41-3656.8054 / 8040 / 2065 / 6181
Dia 07: Show Negritude Junior – 21 horas – Entrada Solidária 1 kg alimento
Dia 08: Show César Menotti e Fabiano – 20h30 / Álvaro e Daniel – 22h30 – Até às 12h entrada franca / das 12 às 17h – R$ 5,00 / Após 17h – R$ 15,00
Dia 09: Show Gusttavo Lima – 21 horas – Até às 12h entrada franca / das 12 às 17h – R$ 5,00 / Após 17h – R$ 15,00
Foto: João Le Senechal
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG -colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK:facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial:www.colombo.pr.gov.br

Patrulha Agrícola Mecanizada auxilia produtores com serviço de aragem

WEBMASTER 23 DE JANEIRO DE 2014

Programa atende os agricultores que não teriam condições de preparar o terreno sozinhos

O Programa de Patrulha Agrícola Mecanizada auxilia os agricultores na preparação do solo para receber o plantio, promovendo o desenvolvimento da agricultura familiar
O Programa de Patrulha Agrícola Mecanizada auxilia os agricultores na preparação do solo para receber o plantio, promovendo o desenvolvimento da agricultura familiar
Pensando em otimizar esta capacidade e melhorar o desenvolvimento da agricultura familiar, a Prefeitura de Colombo, através da Secretaria da Agricultura e Abastecimento, implantou o Programa Patrulha Agrícola, que oferece o serviço de aragem mecanizada. Com ele, os agricultores do município têm a possibilidade de explorar o máximo que a terra tem a oferecer, através do trabalho feito com os tratores cedidos pela secretaria.
O secretário Márcio Toniolo, responsável pela pasta, conta que a intenção é justamente auxiliar no dia a dia dos produtores que mais precisam, e explica como acontece o processo de inscrição no Programa. “O produtor que possuir o CAD-PRÓ e tiver interesse em participar deve ir até a secretaria e fazer o cadastro. Ele entra numa fila de espera para os atendimentos e agenda o serviço em sua propriedade sem custo”, explicou.
Produtores como o senhor Ailton, que não teriam condições de utilizar toda a extensão da propriedade, contam com o apoio e otimizam sua produção
Produtores como o senhor Ailton, que não teriam condições de utilizar toda a extensão da propriedade, contam com o apoio e otimizam sua produção
Para realizar o programa, a Prefeitura investe, em média, R$ 50 mil por ano em cada trator utilizado no programa, divididos entre despesas de manutenção e combustível. O serviço de Patrulha Agrícola conta com quatro tratores e beneficia principalmente os produtores que não teriam condições de realizar o trabalho por conta própria.
Facilitando a vida do agricultor
O produtor Ailton Perin planta jiló, quiabo, milho e brócolis, entre outras variedades de hortaliças há mais de 30 anos na propriedade de aproximadamente três hectares, que ele mantém em sociedade com seu filho. Mas preparar o solo manualmente em todo este espaço, sem o equipamento necessário, dificultava a aragem do terreno, reduzindo consideravelmente a capacidade de produção.
Só em 2013, mais de 200 produtores receberam uma média de 400 atendimentos, e a meta da secretaria para 2014, é dobrar esta quantidade de serviços prestados
Só em 2013, mais de 200 produtores receberam uma média de 400 atendimentos, e a meta da secretaria para 2014, é dobrar esta quantidade de serviços prestados
Com a Patrulha Agrícola Mecanizada, a situação é outra. “Facilita muito a nossa vida, por que sem essa ajuda a gente ia ter que usar o arado manual, puxado à cavalo, levaria muito mais tempo. Com certeza ia acabar não sendo plantado nada nestas áreas”, explica o agricultor.
Mais de 200 agricultores foram beneficiados com as ações do Programa Patrulha Agrícola só em 2013, com aproximadamente 400 atendimentos. Em 2014, a previsão da secretaria é dobrar a quantidade de atendimentos, aumentando a produtividade da região e promovendo o desenvolvimento econômico de Colombo. Para saber mais informações sobre como participar do programa, o produtor pode entrar em contato com a secretaria pelo telefone 41-3656.4849.
Fotos: João Senechal/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC, INSTAGRAM: @colombopmc e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Programa Instruir Para Não Punir orienta proprietários de estabelecimentos alimentícios


WEBMASTER 23 DE JANEIRO DE 2014

Treinamentos sobre boas práticas no manuseio de alimentos evitam multas, interdições e garantem a saúde dos clientes

Pensando na saúde dos clientes de estabelecimentos do ramo alimentício de Colombo, a Prefeitura, por meio da Secretaria da Saúde, promoveu em 2013, dois treinamentos dentro do Programa “Instruir para não punir”. A secretária da pasta, Dalimar de Lucca Moreira, descreve que o principal objetivo é trabalhar na prevenção. “Principalmente no verão, quando alimentos ficam expostos às altas temperaturas, os clientes ficam mais suscetíveis às intoxicações alimentares, por isto o treinamento promovido dentro do programa orientou para as boas práticas no manuseio de alimentos, chamando a atenção principalmente para a forma de exposição e armazenamento destes produtos”, destacou Dalimar.
Para os dois treinamentos realizados foram convidados 400 proprietários e representantes de estabelecimentos de Colombo, como restaurantes, bares, supermercados, açougue, entre outros. A secretária Dalimar falou sobre a importância de atingir o maior número de público possível. “É importante promover esta conscientização em todos os comércios que trabalhem no ramo alimentício, para garantir a integridade da saúde dos seus clientes, por isto, a cada treinamento convidamos o total da capacidade que é de 200 pessoas”, explicou. Entretanto, muitos deles acabam não comparecendo, e o total de presenças durante o ano de 2013, foi de apenas 150 empresários.
100% do público
vigilancia 3Em Colombo, segundo a Secretaria da Saúde, existem hoje de 800 a 1000 estabelecimentos atuantes nesta área, e para tentar atingir a 100% deste público, a secretaria pretende realizar novos treinamentos dentro do Programa. O próximo, segundo a secretária, está previsto para abril deste ano e a finalidade é diminuir os riscos à saúde. As principais irregularidades registradas em vistorias realizadas antes da implantação do Programa são graves, como a falta de monitoramento de temperatura de produtos perecíveis, de higiene e de condições adequadas de conservação. Os casos mais críticos encontrados foram alimentos que exigem refrigeração, como carnes, laticínios e até a maionese, armazenados em estoques sem nenhuma estrutura, em situações que permitem multiplicação de bactérias, as principais causadoras das intoxicações alimentares.
Os treinamentos servem para mudar esta realidade, promovendo mais qualidade na alimentação oferecida aos clientes do comércio local, bem como reduzindo casos que aumentam a demanda em postos de saúde e pronto socorros. A secretária da Saúde de Colombo contou ainda que o resultado dos treinamentos promovidos foi muito satisfatório. “Nós percebemos que, em muitos dos casos, os erros acontecem não por má fé, mas por desconhecimento das principais normas. Uma avaliação feita após a realização destes treinamentos apontou que foi visível a melhora, que os empresários adotaram as boas praticas e eles mesmos nos avaliaram com 95% de aprovação, então o saldo é muito bom”, ressaltou uma das responsáveis pelos treinamentos do setor de Vigilância Sanitária do município, a coordenadora Priscila Costa.
As normas de boas práticas para o manuseio de produtos alimentícios estão na Resolução 2016/2004. Lá, o proprietário do estabelecimento que já quiser tirar as dúvidas sobre como proceder em relação ao assunto pode conferir as orientações e cuidados que cada tipo de empresa deve seguir. O não cumprimento das normas pode resultar em notificação, com a qual o empresário recebe um cronograma de adequação. Se o estabelecimento não se adequar, poderá ser intimado, multado e até interditado.
Serviço:
Programa Instruir para não punir
Próxima turma em abril
Mais informações podem ser obtidas na Secretaria Municipal da Saúde de Colombo no setor de Vigilância Sanitária pelos telefones 41-3656.3606 / 3697.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC, INSTAGRAM: @colombopmc e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Pedra no meio da Linha Verde faz caminhão tombar e cair em alça de acesso


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique
caminhaodentro
Caminhão saiu da Linha Verde e parou na alça de acesso (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

O motorista de um caminhão que ia de Colombo, na região metropolitana de Curitiba, até oCeasa, no bairro Tatuquara, levou um susto danado no início da manhã desta sexta-feira (24). O veículo em que ele estava, carregado de verduras, bateu em uma pedra na Linha Verde e tombou na alça de acesso do viaduto sob a Av. Victor Ferreira do Amaral.
“Era uma pedra de mais ou menos um metro. Eu perdi o controle do caminhão, bati contra a mureta e acabei tombando na alça de acesso. Estava indo ao Ceasa e tomei um grande susto. Por sorte apenas danos materiais”, afirmou à Banda B o motorista do caminhão, que identificou-se como Ourides Bandeira.
O Boletim de Ocorrência do caso foi feito por policiais rodoviários federais.