Jovem vai visitar a namorada, é perseguido e acaba baleado no Parolin


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

baleadoparolin
Foto: Juliano Cunha – Banda B
Um jovem de 23 anos, que estaria a caminho da casa da namorada, foi baleado na tarde desta terça-feira (28) na Rua Maria Moscarde Fanini, no bairro Parolin, em Curitiba. De acordo com o soldado Guimarães, do 12° Batalhão da Polícia Militar, a vítima contou que estava indo visitar a namorada, quando outro jovem de bicicleta teria o perseguido e feito os disparos.
“Logo após os tiros ele pediu ajuda em uma farmácia e disse não conhecer o atirador. Ele estava sozinho, mas acreditamos que possa ser uma vingança, já que ele possuí passagens por roubo”, comentou.
Ele foi encaminhado ao Hospital Cajuru, mas passa bem.

Suspeito de pedofilia contra quatro crianças do Paraná é preso em distrito de Rondônia


Da Redação com Polícia Civil

Um homem de 53 anos, suspeito de pedofilia na região norte do Paraná, foi preso no início deste mês de janeiro após mais de três meses foragidos. José Eni de Fátima de Paula, foi detido por policiais civis da 17.ª Subdivisão Policial (SDP) de Apucarana, com o apoio da Polícia Militar (P2) da cidade de Porto Velho, no estado de Rondônia.
De acordo com investigações, o acusado não estava utilizando o seu nome verdadeiro. Eni foi localizado no assentamento rural Joana D’arc sito, no Distrito de Jaci Paraná, em Porto Velho.
Paula responderá por estupro de vulnerável. Até o momento foram constatados quatro vítimas. O suspeito está à disposição da Justiça.

Trabalhadores dos Correios podem entrar em greve nesta quarta-feira


Por Felipe Ribeiro e Marco Piza

Em protesto contra um novo sistema de plano de saúde, trabalhadores dos Correios de todo o Brasil podem entrar em greve nesta quarta-feira (29). Em nota, o sindicato da categoria no Paraná afirma que a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) desrespeitou o acordo feito com a categoria no Tribunal Superior do Trabalho, onde ficou proibida qualquer alteração no atual plano de saúde dos funcionários. Os trabalhadores alegam que a empresa criou as pressas o novo Postal Saúde, que dá abertura para futuras mudanças que em nada beneficiam a categoria.
Em entrevista ao jornalista Adilson Arantes, o diretor Wilson Dombroski, afirmou que o objetivo maior é barrar a privatização desse plano de saúde. “Hoje nosso plano não é o melhor do mundo, mas todos os trabalhadores estão cobertos no Brasil inteiro. A orientação nacional inclusive é a de que não aceitemos o novo cartão, já que será impactado na mensalidade e até pagamento de consultas. Nossa preocupação maior é de que a idade pode trazer mensalidades muito altas”, comentou.
Segundo o Sindicato dos Trabalhadores nos Correios do Paraná (Sintcom), eles estão novamente mobilizados na luta contra as “insistentes e ilegais tentativas da Empresa de empurrar goela abaixo esse novo modelo para o Correios Saúde”.
A data da greve, aprovada em assembleias ao redor do país e confirmada na 37ª Plenária da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, foi escolhida porque no dia 31 de janeiro seria realizada uma audiência sobre a ilegalidade da caixa de assistência, mas que foi adiada pela quinta vez na justiça. “A quantidade de vezes que o julgamento foi adiado só prova que não podemos deixar nosso futuro apenas nas mãos de um juiz. Vamos lutar até as últimas consequências em defesa do nosso plano de saúde”, afirma a nota.
A última greve dos Correios aconteceu entre os meses de setembro e outubro de 2013 e durou 20 dias.

Obras para melhorar acesso à Rodoviária começam em fevereiro


Da SMCS

O acesso dos ônibus à Rodoferroviária de Curitiba passará por mudanças dentro de alguns meses, quando estiverem concluídas as obras que começam em fevereiro nas ruas ao redor do terminal. As mudanças irão causar a diminuição do fluxo de ônibus na Avenida Presidente Affonso Camargo e também nos viadutos do Colorado e do Capanema (Avenida Prefeito Omar Sabag), melhorando o trânsito na região. Os recursos para as obras, orçadas em R$ 5,12 milhões, são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Copa, do governo federal. A previsão de entrega é maio deste ano.
obrasrodoviária
Foto: SMCS
O projeto de acessos da Rodoferroviária foi homologado na semana passada pelo prefeito Gustavo Fruet. Nele constam obras que vão ser realizadas em três trechos pela empresa O Betacem Construções e Empreendimentos Ltda, vencedora da licitação.
O primeiro trecho será para a construção de uma nova via na Rua Dario Lopes dos Santos, entre a Rua Conselheiro Laurindo até a futura continuação da Avenida Comendador Franco (Avenida das Torres),  em uma extensão de 480 metros. Essa via será exclusiva para o tráfego de ônibus, terá sentido contrário ao fluxo hoje existente na Rua Dario Lopes dos Santos, e será construída em uma faixa de terreno que está em processo de doação pela Superintendência de Patrimônio da União e antes pertencia à Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA).
O segundo trecho será de alargamento da Rua Conselheiro Laurindo, entre a Rua Dario Lopes dos Santos e Avenida Silva Jardim, com a realização de fresagem e recapeamento asfáltico. A Rua Conselheiro Laurindo continuará com uso misto, sem faixa exclusiva para o tráfego de ônibus. A terceira intervenção será a construção de um acesso à rodoferroviária a partir da rua do prolongamento do viaduto Colorado. O acesso será exclusivo para ônibus e vai permitir que eles entrem no espaço da rodoferroviária sem a necessidade de passar pela Presidente Affonso Camargo, cortando parte de outro terreno pertencente à União e que também está em processo de doação.
Integra o pacote de obras desta região a execução de trabalhos de drenagem, terraplenagem, pavimentação, instalação de galerias celulares, alargamento de ruas, sinalização horizontal e vertical, sinalização semafórica, calçamento, e relocação de rede de iluminação pública.
Torres
A outra intervenção está inserida no projeto Corredor Aeroporto-Rodoferroviária. É a da extensão da Avenida Comendador Franco (Avenida das Torres) até a Rua Dario Lopes dos Santos. Para esta intervenção houve necessidade de a União ceder a permissão de uso de dois terrenos, com área total de 4.114,63 metros quadrados.
Do projeto Aeroporto-Rodoferroviária constam outras obras que estão em execução e também com previsão de término para maio. A trincheira da Rua Guabirotuba já foi entregue em outubro de 2013.
O investimento total é de R$ 145 milhões, recursos do PAC da Copa.
Com as obras finalizadas, a nova opção para os ônibus acessarem a Rodoferroviária de Curitiba será a seguinte: Avenida Comendador Franco, entrando à esquerda na Avenida Dario Lopes dos Santos, seguindo por ela até a Rua Conselheiro Laurindo. Na sequência, entrada à direita na Avenida Silva Jardim até o novo acesso que fará a ligação à Rodoferroviária.
Facilidades
Diariamente 450 ônibus chegam à Rodoferroviária de Curitiba utilizando a Avenida Presidente Affonso Camargo, única via de acesso disponível atualmente. Em feriados, o número de ônibus duplica e as complicações no trânsito da via se acentuam ainda mais.
Aproximadamente 30 mil pessoas circulam pela Rodoviária diariamente, das quais 10 mil embarcando e outras 10 mil desembarcando. Os demais usuários são funcionários de empresas sediadas na Rodoviária, pessoas que utilizam serviços municipais disponíveis no local e acompanhantes de pessoas que estão em deslocamento.

Passarela cai e deixa ao menos 4 mortos na linha Amarela no Rio de Janeiro



Segundo testemunhas, uma carreta bateu na passarela. O veículo não podia circular na linha Amarela no horário do acidente porque o tráfego de caminhões é proibido entre as 6h e 10h. A passarela tinha altura de 4,5 m. Uma testemunha relatou ao R7 que o veículo estava com a caçamba levantada pouco antes do acidente. 
A Secretaria Municipal de Conservação negou que a carreta prestasse serviço para a Prefeitura do Rio. O veículo, que pertence à empresa Arco da Aliança, tinha um adesivo da administração municipal. Segundo a prefeitura, a empresa é credenciada para retirar caçambas de lixo e entulho na capital fluminense.
Carros foram atingidos e um táxi ficou esmagado pelas toneladas de ferro. Uma pessoa caiu em um riacho que beira a via. Ela foi socorrida pelos bombeiros. 
Até as 10h20, não havia informações sobre o estado de saúde das vítimas. Segundo os bombeiros, os feridos foram levados para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, Hospital Geral de Bonsucesso, Hospital Estadual Alberto Torres e Hospital Municipal Souza Aguiar.
Os dois sentidos da via foram interditados. De acordo com o Centro de Operações, o motorista que segue no sentido Barra da Tijuca, zona oeste, deve acessar a saída 5 e pegar a avenida Pastor Martin Luther King Júnior. Ainda segundo o Centro de Operações, quem costuma usar a linha Amarela no sentido centro/Fundão devem acessar a saída 4, na avenida Dom Hélder Câmara.  

Brincadeira de amigos em cava termina com adolescente de 15 anos afogado na RMC


Por Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha


Pouco minutos após o atendimento a uma vítima de afogamento na Represa do Passaúna, em Araucária, na região metropolitana de Curitiba, os bombeiros foram chamados até a BR-116, quase no limite de Araucária com Fazenda Rio Grande. Por volta das 15h desta terça-feira (18) um adolescente de 15 anos se afogou no local e foi resgatado com vida.
O tenente Giovani, dos bombeiros, falou sobre o caso à Banda B. “Quando chegamos no local o rapaz foi salvo após ficar 20 minutos submerso. Ele está recebendo todo o atendimento para ser levado ao hospital e seu estado é gravíssimo”, destacou.
De acordo com o tenente, a vítima brincava com outros quatro amigos. “Inclusive foi um destes garotos que nos ligou pedindo ajuda. Mais uma vez fica o alerta para não se usar cava, que tem fundos irregulares e que podem ser fatais”, concluiu.

Homem é baleado na nádega e atirador avisa: ‘o que é seu está guardado’


Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski

Um homem de 28 anos foi baleado nas nádegas na noite desta segunda-feira (27) no bairro Prado Velho, em Curitiba. Jean Rodrigues estava em um local onde usuários de crack se reénem quando foi surprendido pelo atirador. Ele foi ferido por dois disparos de arma de fogo: um deles atingiu as nádegas e transfixou. Outro feriu a mão da vítima. A polícia não tem informações sobre o paradeiro do atirador.
A tentativa de homicídio aconteceu por volta das 20h30 na rua Manoel Martins de Abreu, quase esquina com a Rua Chile. Rodrigues estava em um beco, conhecido como ponto de encontro entre usuários de drogas, quando o atirador chegou no local. A vítima tentou correr e, mesmo assim, foi ferida. Rodrigues entrou em um armazém para pedir socorro. O atirador, que estava com a camisa do Atlético-MG, fugiu.
Durante atendimento dos socorristas do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), Rodrigues contou que o homem armado, antes de fugir, disse a ele: ‘Dessa vez você escapou, mas o que é teu está guardado”. No entanto, ele afirma desconhecer os motivos do atentado. “Quando chegamos ele estava bem, mas ferido. Vai ter que fazer exames para ver se lesionou algo internamento. Ele contou que estava consumindo droga quando o atirador chegou”, contou cabo Cordeiro.
Consciente e sem risco de morte, ele foi encaminhado ao Hospital Cajuru. A Delegacia de Homicídios passa a investigar o atentado.

Homem que se diz ‘amigo de políticos’ ofende policial e termina baleado nas pernas


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique
siatedentro
Homem foi atendido pelo Siate após causar na delegacia (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

Uma confusão danada após um acidente de trânsito no bairro Campo Comprido, em Curitiba, terminou no 9° Distrito Policial (9°DP), na Vila Izabel, na manhã desta terça-feira (28). Um motorista com sinais de embriaguez, que capotou uma caminhonete na Rua Paulo Gorski, foi baleado nas duas pernas após tentar fugir e ofender os policiais militares, de acordo com a Polícia Militar (PM). O homem, que a todo momento dizia ser influente e amigo de políticos da capital, chegou a chamar um dos policiais de neguinho, entre outras coisas, segundo a PM.
A PM foi chamada para atender o acidente e, chegando no local, ao tentar retirar o motorista da caminhonete, teria sido recebida com ofensas. O rapaz foi detido e encaminhado à Delegacia de Delitos de Trânsito, onde teria se recusado a fazer o teste do bafômetro. “Por conta das ofensas e insultos aos policiais, foi encaminhado ao 9° DP para ser autuado por desacato e injúria racial”, explicou o capitão Kredens, da PM.
Durante o momento em que era levado à delegacia, o suspeito teria dito ser amigo de políticos de Curitiba. “Ele afirma ser um homem que trabalha na construção e faz licitações com órgãos públicos. Tem que saber que não está acima das leis”, ponderou o capitão.
Ainda segundo Kredens, ao chegar no 9° DP o homem partiu para cima de um policial. “Ele foi para cima e o soldado que tinha  recebido ofensas racistas, para defender o companheiro e evitar uma fuga, atirou contra as duas pernas do suspeito. O motorista foi encaminhado ao Hospital do Trabalhador, a princípio sem risco de morte”, explicou.

Depois de assaltar loja, dupla entra em rua sem saída, cai em córrego e é presa pela policia


Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

bandidos-molhados
Bandidos foram parar dentro de córrego. Foto: BH/Banda B

Uma dupla que assaltou uma loja de departamento em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, na manhã desta terça-feira (28), foi presa depois de escolher uma rota de fuga sem saída. Os dois bandidos invadiram a loja Salfer, que fica na rua Jacob Macanham, no bairro Emiliano Perneta, e anunciaram o assalto. Eles agiram rápido e levaram dinheiro do caixa. A Polícia Militar (PM) que já monitorava outras ações da dupla conseguiu interceptá-los.
bandidos-molhados-dentro
Bandidos molhados dentro da viatura. Foto: BH/Banda B
Armados com um revólver calibre 38, os dois entraram em um Monza logo após o assalto. Com os policiais na perseguição, eles dobraram na rua Apucarana. Nenhuma placa indicava rua sem saída e a falta de sinalização auxiliou na prisão dos bandidos, que caíram em um córrego.
Os dois, identificados como Waldivino da Silva, 28 anos, e Alexandre da Silva, 25 anos, são moradores do bairro Cajuru, em Curitiba, e no município de Fazenda Rio Grande. A Polícia Militar acredita que eles já protagonizaram outros assaltos na região pelas características apontadas pelas vítimas. Os dois foram levados à Delegacia de Pinhais onde serão autuados em flagrante.

Revoltados, família de jovens que morreram no trânsito bloqueiam rua na CIC


Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski


Moradores da rua Pedro Gusso, na Cidade Industrial, em Curitiba, se reuniram na noite desta segunda-feira (27) para protestar contra a falta de segurança no trânsito. No último sábado (25) dois jovens morreram no cruzamento de motocicleta. Um veículo Fiat Palio teria invadido a preferencial.
Familiares, amigos e, principalmente, quem mora ao redor se reuniram para pedir melhorias no trânsito por volta das 19h30. Eles queimaram pneus e bloquearam a rua com galhos e pedaços de madeira. Para eles, o cruzamento é perigoso e precisa de um redutor de velocidade.
A Guarda Municipal acompanhou o protesto do início ao fim. “Fomos avisados que teria um protesto pacífico e estamos aqui para acompanhar. Realmente, está bem complicada a região porque os motoristas excedem a velocidade. Está tranquilo e os manifestantes estão calmos”, contou o guarda Gilberto.
Os moradores fizeram um coro durante o protesto pedindo lombada ou redutor de velocidade. O manifestante Carlito de Araújo, que mora na região há 48 anos, falou sobre o excesso de velocidade dos motoristas que passam pela rua. “Motos e carros passam aqui em velocidade muito alta, é perigoso para eles e é perigoso para a gente também que precisa atravessara rua”, reclamou.
“Outros acidentes fatais já aconteceram. Uma idosa e uma criança foram atingidas. Mês passado, um motoqueiro também morreu aqui”, contou Maria Regina Franque.
A manifestação contou com cerca de 150 participantes e durou cerca de duas horas. Às 22h os próprios manifestantes fizeram a limpeza do trecho e liberaram a rua.
Acidente
Por volta das 20h30, da noite de sábado (25), dois jovens que estavam em uma motocicleta na rua Pedro Gusso, na CIC, colidiram contra um Fiat Palio, que cruzou a preferencial. Paulo Carvalho, de 26 anos, morreu no Hospital Evangélico à 1h15. Já a prima do rapaz, Ana Carolina de Carvalho, 20 anos, morreu na hora devido ao impacto. O motorista do Palio apresentava sinais de embriaguez e foi levado a Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran).

Contas em Portugal foram pagas com cartões pessoais, diz chanceler


27 de janeiro de 2014
O ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, disse nesta segunda-feira, 27, que todos os integrantes da comitiva presidencial que fizeram “escala técnica obrigatória” em Lisboa, no último sábado, pagaram a conta do restaurante onde jantaram com recursos próprios. Figueiredo deu a declaração a pedido de Dilma, uma vez que a notícia da parada da comitiva em Lisboa, revelada pelo Estado, provocou cobranças da oposição e irritou a presidente.
Questionado se a conta do estrelado restaurante Eleven, com vista sobre o rio Tejo, havia sido quitada com cartão corporativo, Figueiredo respondeu de pronto: “Não, cada um pagou o seu e a presidenta, o dela, como ocorre em todas as viagens. Foi com cartão pessoal”.
O chanceler repetiu os termos da nota divulgada no domingo pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência ao argumentar que a passagem da comitiva de Dilma por Lisboa, antes da viagem a Cuba, seguiu recomendação da Aeronáutica. A presidente estava em Davos, na Suíça, para participar do Fórum Econômico Mundial. Antes de seguir para Havana, onde prestigiará a II Cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), ela e sua comitiva fizeram uma escala em Lisboa.
“As aeronaves da Presidência não têm autonomia para viajar de Zurique a Cuba”, justificou Figueiredo. “Havia duas possibilidades: ou o nordeste dos Estados Unidos, ou parando em Lisboa, onde era o ponto mais a oeste do continente. Viu-se que havia previsão de mau tempo com marolas polares, no nordeste dos Estados Unidos. Então houve uma decisão da Aeronáutica de que o voo mais seguro seria com escala em Lisboa”.
Sem sentido. Figueiredo disse que a decisão só foi tomada “no dia da partida” e por isso não houve informação prévia. Indagado por que Dilma e a comitiva não pernoitaram na Embaixada do Brasil em Portugal, o chanceler afirmou que isso não faria sentido. “Não cabe uma comitiva presidencial numa embaixada, onde mora um embaixador. Não tem quartos suficientes, nem vai ter nunca”, comentou ele.
Dilma e sua comitiva ocuparam 45 quartos de dois hotéis luxuosos em Lisboa, o Ritz e o Tívoli.
Auxiliares da presidente disseram ao Estado que o preço pago pela hospedagem não foi o divulgado porque, quando muitos quartos são reservados, a tarifa não é a de balcão. Segundo informações do jornal, a diária da suíte presidencial no Ritz, onde Dilma se hospedou, custa o equivalente a R$ 26,2 mil.
O Estado apurou que a notícia divulgada sobre a escala técnica em Lisboa aborreceu Dilma e criou mal-estar quando ela desembarcou em Havana, no domingo. Além de tudo, azedou o clima de otimismo deixado por ela após sua passagem pelo Fórum Econômico Mundial. Na avaliação de auxiliares da presidente, ela lançou em Davos uma segunda Carta ao Povo Brasileiro, garantindo aos empresários que o Brasil é um país com estabilidade econômica, que respeita contratos.
FONTE: ESTADÃO

Suspeito morre com arma na mão após confronto com policiais militares em Curitiba


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique
suspeitodentro1
Suspeito morreu dentro de favela no Pinheirinho (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

Um homem não identificado, de aproximadamente 35 anos, morreu com um revólver calibre 38 na mão durante um confronto com policiais militares no final da madrugada desta terça-feira (28). O fato aconteceu na Vila Pluma, no bairro Pinheirinho, em Curitiba, na margem da Linha Verde.
O cabo Silvestre, que participou do confrontou, explicou à Banda B como tudo aconteceu. “Estávamos em patrulhamento quando vimos quatro rapazes em atitude suspeita. Eles viram a viatura chegando e já dispararam várias vezes. Um dos tiros chegou a destruir o vidro de nosso veículo”, destacoususpeitodentro2.
Durante o revide por parte dos policiais, um dos suspeitos foi atingido, já os outros três tiveram mais sorte. “Esse rapaz baleado morreu aqui no local, porém os seus comparsas fugiram pulando os telhados de residências aqui da região”, descreveu.
Por fim o cabo, que não teve nesta terça o seu primeiro confronto com bandidos no ano, falou sobre a dificuldade do trabalho do policiais. “A gente tem uma função de liderança e é preciso ter muito foco. Infelizmente essas situações de confronto fazem parte. O importante é levar segurança à população”, disse.
Buscam estão sendo feitas na região para tentar prender os suspeitos que fugiram, até o momento sem sucesso.

Primeira chacina do ano em Curitiba tem quatro jovens executados no Atuba


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique
chacinadentro1
Jovens morreram dentro desta casa (Foto: Bruno Henrique – Banda B)


Rafael Pinto, de 24 anos, Ruan Alves Batista, de 22, Diego Rodrigues dos Santos, de 19, e Marco Douglas Adowski, de 23. Estes são os nomes das primeiras vítimas de uma chacina em Curitiba em 2014. Eles foram executados com tiros de pistola na cabeça na madrugada desta terça-feira, na Rua Arnaldo Wolf Geaensly, no bairro Atuba, em um crime que pode estar relacionado ao tráfico de drogas.
chacinadentro2
Viaturas da Homicídios, especializada que investiga o caso (Foto: Bruno Henrique – Banda B)
De acordo com o delegado Fábio Amaro, da Delegacia de Homicídios de Curitiba (DH), a lei do silêncio imperou no local da chacina. “São poucas informações que foram passadas até o momento. Os moradores não quiseram falar nada. Alguns dos jovens podem ter envolvimento com o tráfico de drogas e o crime estar relacionado a isso”, disse à Banda B.
Segundo Amaro, foram tiros de pistola na cabeça das vítimas. “Eram pelo menos três marginais que entraram dentro desta casa. Vamos agora com muito empenho buscar os responsáveis pelo crime”, afirmou.
Os corpos foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).

Stephanes Junior sai em defesa da venda de bebidas alcoolicas nos estádios


Da Redação

O deputado Stephanes Junior (PMDB) lamentou hoje (27) o imbróglio envolvendo a decisão sobre a liberação de venda de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol. Primeiro, o advogado Henrique Cardoso processou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), pedindo a liberação, a anunciou uma decisão favorável à causa. Depois, a juíza Vanessa Bassani, titular do 12º Juizado Especial Cível de Curitiba, negou que tenha liberado a venda embora o site do Tribunal de Justiça registre que foi julgada procedente a ação.
“Trata-se de uma discussão inócua, porque a bebida alcoólica estará sendo vendida na Arena da Baixa na Copa, por compromisso assumido pelo Brasil junto da Fifa. Se pode no jogo da Copa porque não pode nos demais jogos? Ou a lei brasileira só é válida para determinadas ocasiões”, cobrou Stephanes Junior, que é favor da liberação total.
“Em nenhum momento se comprovou que a ingestão de bebida alcoólica dentro do estádio provocou tumulto ou briga. Até porque a bebida é vendida livremente do outro lado da rua e o torcedor já chegou ao estádio após ter bebido seja no bar ou em casa. Essa história de proibição não passa de hipocrisia, especialmente quando se sabe que vai estar liberado nos jogos da Copa”, acrescentou.
Se fosse para se proibir sob a alegação de que a ingestão de álcool pode prejudicar o espetáculo, a medida teria que ser adotada para festivais, casas de shows e outros eventos com grande participação popular, defende o deputado.
“O maior risco da bebida é ao volante e até hoje não se conseguiu impedir a venda de bebidas alcoólicas ao longo das estradas federais e estaduais. Porque agora o torcedor vai ser privado, à exceção da Copa, de sua liberdade de que se quiser beber algo durante um jogo de futebol, em meio a temperaturas que ultrapassam os 30 graus centígrados? Estamos sob a vigência da Lei da Fifa, que está acima de tudo, num país que falta leito hospitalar, remédio, médico, segurança, habitação, mas que investe bilhões em estádios que ao final do ano estarão abandonados”, completou Stephanes.

Hotsite da 51ª Festa da Uva está no ar com conteúdo exclusivo sobre o evento


WEBMASTER 24 DE JANEIRO DE 2014

Dicas, roteiros, atrações e venda de ingressos são algumas das informações que o internauta vai encontrar no endereço virtual

Hotsite da 51ª Festa da Uva está no ar com conteúdo exclusivo sobre o eventoEstá no ar o Hotsite, canal exclusivo de comunicação, da 51ª Festa da Uva de Colombo, realizada pela Prefeitura Municipal em parceria com a Secretaria da Indústria, Comércio, Turismo e Cultura. O objetivo principal é manter a população e a imprensa em geral informadas sobre cada detalhe do evento.
O endereço virtual do canal é o festadauva.colombo.pr.gov.br, onde o internauta poderá ficar por dentro de todas as notícias, atrações e rotas de acesso ao local do evento, que acontece nos dias 7, 8 e 9 de fevereiro, no Parque Municipal da Uva, no centro de Colombo. Ele também pode ser acessado através do banner disponibilizado no canto superior direito do site da prefeitura (colombo.pr.gov.br).
Todas as novidades e acontecimentos da festa serão publicadas em tempo real através de textos, fotos e vídeos. Mas não só os acontecimentos contemporâneos estarão lá, como também a história que deu origem à mais tradicional festa do município, para que seja rememorada e disseminada entre os que a prestigiam.
Tecnologia à serviço da tradição
No Hotsite também já estão disponíveis os principais links relacionados à Festa, como site para a compra antecipada de ingressos e o acesso para compartilhamento com as redes sociais, como Google Plus, Twitter e Facebook. Uma novidade neste ano é o plugin do Instagram, ferramenta que exibe em tempo real para o visitante virtual a cobertura fotográfica completa do evento, com atualização automática.
Confira a programação principal e outras curiosidades sobre as atrações que acontecerão no palco principal, no palco 2 e no pavilhão. Tudo isso para facilitar o acesso às informações do evento e fazer com que os turistas e visitantes do evento explorem tudo de melhor que a Festa da Uva tem a oferecer.
Serviço:
Hotsite: festadauva.colombo.pr.gov.br
O que: 51ª Festa da Uva de Colombo
Local: Parque Municipal da Uva
Endereço: Continuação da Rodovia da Uva, no Centro de Colombo – a 100 metros da Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário, Rua Marechal Floriano Peixoto, 8771
Informações: 41-3656.2065 e 3656.6181
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC, INSTAGRAM: @colombopmc e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Polícia descobre nova pista sobre latrocínio de sogro que não queria entregar carro de nora


Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

A Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) avançou nas investigações sobre o latrocínio do sogro que reagiu a tentativa de assalto para não entregar carro da nora, no bairro Portão, em Curitiba. Rubens Raul Schlenker morreu após ser baleado na cabeça na noite do último dia 20. Ele teria reagido ao assalto, segundo informou um sobrinho dele à Banda B. Um boné foi encontrado nas proximidades de onde o crime aconteceu, na rua Capiberibe. Há suspeita de que o crime tenha sido praticado por adolescentes.
Depois de quase uma semana do latrocínio, investigadores estão montando um retrato-falado dos suspeitos para divulgar à imprensa. A família conseguiu dar mais detalhes sobre as feições dos bandidos. Também, de acordo com o delegado José Victor Pinhão, o boné está sendo analisado e passará por perícias.
Crime
A ação aconteceu por volta das 19h na rua Capiberibe. De acordo com a família da vítima, o portão da residência estava aberto, Rubens estacionou o veículo dentro da garagem, tirou a neta da cadeirinha e a levou para dentro de casa. A nora e a mulher dele estavam em casa. No momento em que a vítima voltava para a garagem, possivelmente para fechar o portão, foi rendida pelos bandidos.
Um dos marginais pediu pela chave do veículo e Rubens teria se negado a entregar. Ele teria dito que não seria tão fácil assim. O sobrinho da vítima contou que nesse momento, um deles atirou contra a cabeça dele. Dois tiros foram disparados, mas apenas um acertou Rubens. Familiares não acionaram o Siate e preferiram levá-lo diretamente ao Hospital do Trabalhador.
Os assaltantes fugiram com o veículo da nora da vítima, mas pararam a cerca de duas quadras depois devido ao sistema corta combustível, antifurto.

Fiscalização interdita 146 casas noturnas de Curitiba após a tragédia da Boate Kiss


Da Redação com SMCS

Desde a tragédia da boate Kiss, ocorrida em janeiro do ano passado, 146 casas noturnas de Curitiba foram interditadas em decorrência das ações de fiscalização realizadas pela Prefeitura em conjunto com as polícias Civil e Militar e o Ministério Público. Um ano após o caso de Santa Maria, a Prefeitura afirma que a fiscalização continua sendo feita regularmente e a intenção é aperfeiçoar o trabalho este ano.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
No ano de 2013, foram feitas 76 operações, que vistoriaram 406 estabelecimentos. Foram, ainda, 216 interdições de atividade em 140 casas noturnas (houve reincidências). Em 2014, já foram realizadas quatro operações, com 18 locais vistoriados e seis interdições (em seis casas noturnas).
Das 140 casas noturnas que sofreram interdições no ano passado, 57 regularizam sua situação e as demais estão com os processos de vistoria em trâmite, aguardando fiscalizações dos órgãos participantes da ação integrada. O balanço de 2013 aponta um total de 290 notificações, autos de infração e embargos e 190 ações de orientação.
Este ano, até agora foram dez notificações, autos de infração e embargos. Dois estabelecimentos já regularizam sua situação e os demais estão com os processos em trâmite.
“Após o reforço na ação fiscalizadora no início de 2013, podemos notar um respeito maior dos estabelecimentos em relação às medidas de segurança. Muitas vezes nas nossas operações encontramos locais fechados para regularizarem sua situação”, afirma o secretário municipal de Urbanismo, Reginaldo Cordeiro.
De acordo com o secretário, a população pode ser uma importante aliada na fiscalização, observando, por exemplo, se os alvarás e licenças das casas noturnas estão regulares. “Pedimos que a população também se inteire das medidas de segurança nos locais, do respeito à lotação máxima, das saídas de emergência. E que denuncie sempre que constatar alguma irregularidade”, diz.
Integração
Participam da ação conjunta representantes das secretarias municipais de Urbanismo, Meio Ambiente, Saúde (Vigilância Sanitária) e Trânsito, da Cosedi (Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis), Guarda Municipal de Curitiba, Procuradoria Geral do Município, Ministério Público, Ministério do Trabalho, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.
São realizadas operações semanalmente, às quintas e sextas-feiras ou às sextas e sábados, para verificar questões de documentação (alvarás), segurança (saídas de emergência, extintores, gás), higiene (conservação de alimentos, banheiros), meio ambiente (poluição sonora), entre outras.
Cordeiro informa que a comissão de comércio do Conselho Municipal de Urbanismo abriu espaço para a participação de representantes de entidades representativas de casas noturnas. “Elas participam de reuniões e discussões sobre os temas relativos à área, como a redução de prazos na concessão de alvarás e das vistorias, e têm direito a voto”, informa.
O Gabinete de Gestão Integrada Municipal em Segurança Pública da Prefeitura de Curitiba (GGI) está organizando com os participantes da ação de fiscalização em casas noturnas a criação de uma Comissão Gestora Permanente, para integrar ainda mais os trabalhos de fiscalização, com padronização de dados e processos, além de publicação periódica de atividades e resultados. A primeira reunião do GGI sobre o tema foi realizada na semana passada.