Bilheteria Segura é item prioritário na 51ª edição da Festa da Uva de Colombo


Sistema especializado garante a segurança dos visitantes do evento que acontece neste final de semana

Ingressos da 51ª edição da Festa da Uva podem ser comprados antecipadamente e são específicos por horário
Ingressos da 51ª edição da Festa da Uva podem ser comprados antecipadamente e são específicos por horário
A 51ª edição da Festa da Uva de Colombo, que acontece nos dias 07, 08 e 09 de fevereiro, vai contar com um esquema de segurança reforçado e informatizado, desde o sistema de leitura de ingressos até o sistema de monitoramento por câmeras, instalado em pontos estratégicos no Parque Municipal da Uva, local do evento.
A Comissão Organizadora, presidida pelo secretário da Indústria, Comércio, Turismo e Cultura, Antônio Ricardo Milgioransa, explica como se chegou a este esquema implementado. “Os principais detalhes de segurança foram definidos em conjunto, contando com Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Civil e a Guarda Municipal. O item também pesou no momento de adotar a bilheteria, com um sistema completamente informatizado de leitura de ingressos, então a segurança da família que vai visitar a festa está garantida”, disse Milgioransa.
O sistema permite que o ingresso seja comprado antecipadamente via internet ou nos pontos de venda autorizados (veja mais detalhes no hot site especial para o evento em http://festadauva.colombo.pr.gov.br/2014/). O visitante escolhe o horário que quer chegar no local e compra o bilhete de acordo com o valor para a faixa etária e para o período definido. Na sexta-feira (07), não é preciso apresentar ingresso, os portões serão abertos às 17h e a entrada é um quilo de alimento não perecível. No sábado (08) e no domingo (09) os valores para a entrada são: até 12h entrada gratuita, das 12h às 17h meia entrada custa R$ 5,00 para todo o público, e após às 17h, R$ 15,00.
No sábado e domingo os valores para a entrada até 12h é gratuita, das 12h às 17h meia entrada a R$ 5, e após às 17h, R$ 15
No sábado e domingo os valores para a entrada até 12h é gratuita, das 12h às 17h meia entrada a R$ 5, e após às 17h, R$ 15
O presidente da comissão explica a importância de chegar no horário programado. “A pessoa que comprou o ingresso para antes das 17 horas não vai conseguir entrar depois deste horário sem que faça a troca do ingresso na bilheteria, então é importante cuidar com atrasos, sair com antecedência de casa e vir com calma, até porque, temos a Rodovia da Uva, que está em obras. Esta dica, damos para todos, independente de horário, venham com tranquilidade e evitem transtornos e gastos extras, para não estragar o final de semana, que promete muita festa e alegria”, orientou Milgioransa.
Nenhum ingresso perdido
Pensando preventivamente e se antecipando a contratempos e possíveis atrasos para aqueles que fizeram a compra antecipada de ingressos, a Comissão Organizadora preparou uma alternativa para evitar a perda do investimento: a troca de bilhetes. Assim, se o visitante comprou o ingresso de R$ 5,00, que dava acesso somente até as 17h, e chegar depois deste horário, ele poderá efetuar a troca do seu bilhete na entrada, pagando a diferença, que será de R$ 10,00, completando o valor estipulado para entrada após às 17h. O sistema registra a entrada de cada bilhete, que fica inutilizado após a entrada do visitante.
Além disto, as crianças também têm entrada diferenciada na festa. Crianças até dez anos têm entrada gratuita. É importante que os pais apresentem a documentação do menor na bilheteria. O integrante da Comissão Organizadora, Geovane Moreira, diz que “de qualquer forma, os pais nunca devem andar sem o documento dos filhos, mas nestes casos é importante salientar, para que não haja nenhum tipo de imprevisto que possa impedir a família de aproveitar todas as atrações que esta tradicional festa tem a oferecer”.
Serviço:
51ª Festa da Uva de Colombo
Local: Parque Municipal da Uva
Endereço: Rua Marechal Floriano Peixoto, 8771 – Centro
Contato: 41-3656.6600 / 8054 / 8040
Dia 07: Show Negritude Junior – 21 horas – Entrada Solidária 1 kg alimento
Dia 08: Show César Menotti e Fabiano – 20h30 / Álvaro e Daniel – 22h30 – Até às 12h entrada franca / das 12 às 17h – R$ 5,00 (meia entrada) / Após 17h – R$ 15,00
Dia 09: Show Gusttavo Lima – 21 horas – Até às 12h entrada franca / das 12 às 17h – R$ 5,00 (meia entrada) / Após 17h – R$ 15,00
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Justiça italiana nega liberdade provisória a Pizzolato por ele apresentar ‘perigo de fuga"

  • Condenado do mensalão permaneceu por mais de três horas na Corte de Apelação de Bolonha
Tópicos da matéria:



Advogado de Pizzolato, Lorenzo Bergami fala aos jornalistas na saída da Corte de Apelação de Bolonha Foto: Deborah Berlinck/O Globo

Advogado de Pizzolato, Lorenzo Bergami fala aos jornalistas na saída da Corte de Apelação de Bolonha Deborah Berlinck/O Globo
POZZA DI MARANELLO (ITÁLIA) - A Justiça italiana negou nesta sexta-feira a liberdade provisória ao ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, condenado no mensalão, por ele apresentar “perigo de fuga”. Na saída da Corte de Apelação de Bolonha, o advogado de Pizzolato, Lorenzo Bergami, disse que seu cliente falou às autoridades por cerca de meia hora em um “italiano perfeito”. A defesa tenta fazer com que o preso aguarde em liberdade a decisão sobre sua extradição para o Brasil.
Lorenzo Bergami informou que, no depoimento, Pizzolato se manifestou contra a extradição por considerar “político” o julgamento do processo do mensalão no Brasil. O advogado revelou também que o mensaleiro está “tranquilo” e que “não arrancou os cabelos”. Pizzolato deixou o tribunal dentro de um furgão azul para a penitenciária de Modena, às 13h40m (horário local).
Pizzolato chegou na Corte de Apelação de Bolonha, por volta das 10h10m (horário local), dentro de um furgão da Polícia Penitenciária e seguiu para o 1º andar do Palazzo di Giustizia, onde foi ouvido. Não foi possível vê-lo por conta da película do vidro do veículo. Mais cedo, a mulher do mensaleiro Andréa Eunice Haas chegou ao local, mas muito irritada, não quis falar com a imprensa.
O ex-diretor do Banco do Brasil foi condenado a 12 anos e 7 meses de prisão por formação de quadrilha, peculato e lavagem de dinheiro. A prisão de Pizzolato foi determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) depois do julgamento do último recurso, em 13 de novembro do ano passado. A pena deve ser cumprida em regime fechado. A multa é de R$ 1,3 milhão.
Pizzolato autorizou a liberação de R$ 73 milhões da Visanet para a DNA Propaganda, empresa de Marcos Valério, outro condenado no processo, sem garantias dos serviços contratados. Ele teria recebido cerca de R$ 300 mil em espécie.
Condições de prisões podem impedir extradição
O GLOBO teve acesso a duas sentenças de extradição emitidas pelo Tribunal Supremo de Cassação da Itália. Em uma delas, de 18 de dezembro de 2013, o tribunal derruba a extradição de um holandês condenado há 20 anos de prisão no Brasil por tráfico de drogas no Espírito Santo, alegando condições “degradantes, senão cruéis e desumanas” das prisões brasileiras.
O uso de documentos falsos para fugir do Brasil pode fazer com que Henrique Pizzolato seja condenado na Itália a três anos de prisão. De acordo com a polícia italiana, o ex-diretor do Banco do Brasil foi flagrado com uma série de documentos falsos de três países: Espanha, Brasil e Itália, além de 15 mil euros (R$ 45 mil) em dinheiro vivo e grande estoque de comida.
A casa onde Pizzolato se escondia, alugada há um ano por seu sobrinho Fernando Grando, estava com as janelas fechadas para simular que estivesse desabitada, mas os policiais viram que havia consumo de água. Para capturar Pizzolato, eles forçaram uma pane elétrica no apartamento.

 

Adolescente é atropelada na Wenceslau Braz e motorista foge do local


Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski

Uma adolescente foi atropelada na noite desta quinta-feira (06) na Av. Presidente Wenceslau Braz esquina com Av. Santa Bernadete, no bairro Portão. Ela não foi identificada e foi socorrida em estado grave. A garota aparenta ter idade entre 14 e 16 anos. O motorista fugiu do local.
A vítima foi socorrida por populares, que acionaram o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). Um médico acompanhou o socorro devido ao estado da garota. Ela foi encaminhada ao Hospital do Trabalhador. “Ela está bem grave e não tem nenhuma identificação. Não sabemos como aconteceu a dinâmica desse atropelamento”, contou o cabo Zimmer, socorrista do Siate.
Ninguém soube precisar o que teria acontecido. O motorista que causou o atropelamento não parou para prestar socorro à vítima.

Trio oferece drogas a guarda municipal à paisana na Praça Eufrásio Correia e se dá mal


Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski

trio-pracaeufrasio
Trio foi preso em flagrante. Foto: RR/Banda B

A oferta de drogas para um possível “cliente”  levou três pessoas à prisão na noite desta quinta-feira (06) na Praça Eufrásio Correia, no Centro de Curitiba. Marcos Vinícius Fagundes de Lima, 21 anos, Vagner Santos do Carmo, 19, e Franciane Aparecida Alexandre, 19, foram presos em flagrante. O trio ofereceu droga a um guarda municipal à paisana, que estava de folga e saía da faculdade.
Quando atravessava a praça, por volta das 22 horas, o guarda foi abordado pelo trio, que ofereceu drogas a ele. O guarda acionou uma equipe de plantão que iniciou buscas para encontrar os suspeitos de tráfico de drogas. O trio foi encontrado a poucos metros dali. A moça, que usava a camisa de seu time, ainda teria tentado correr para fugir do flagrante. Não adiantou.
Carmo estava com um alvará de soltura no bolso da calça e teria cumprido pena por furto. A garota já consta com passagens por tráfico de drogas e estava com R$ 300 em notas pequenas. Ela contou que o dinheiro era pagamento de um trabalho temporário como chapeira no Ceasa. Ela não portava drogas. “A gente sempre aborda essa garota. Já é conhecida aqui na região. Hoje a casa dela caiu”, disse o guarda municipal Guardiano. Os dois rapazes tinha cerca de 50 gramas de maconha, dividas em papelotes. Outras drogas foram encontradas em árvores da praça. Eles foram encaminhados ao 1º DP
Segundo Guardiano, o trio escondeu cerca de 50 gramas de maconha, divididos em vários papelotes, nas árvores da praça. todos foram encaminhados ao 1º DP, aonde deverão ser autuados por tráfico.

Motorista envolvido em acidente com mortes no Centro estava bêbado e tinha saído de balada


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique


Um teste de bafômetro realizado na manhã desta sexta-feira (7) na Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) comprovou que Wagner Horst, de 26 anos, estava bêbado quando causou o acidente que terminou com a morte de dois passageiros de táxi no final da madrugada de hoje. De acordo com o delegado Rodrigo Brown de Oliveira, da Dedetran, o índice de álcool no sangue dele era de 0,80 mg/l, o que é considerado alto.
galeriadentro
Horst escondeu o rosto no local do acidente (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)
Segundo Brown, Horst trabalhava como vendedor e voltava de uma balada quando aconteceu o acidente. “Investigamos também a informação de que ele teria se envolvido em uma confusão em uma casa noturna”, destacou o delegado, que detalhou qual foi a autuação do suspeito. “Ele vai responder por dois homicídios com dolo eventual simples, quando se assume o risco de matar. Se condenado pode pegar de 6 a 20 anos de prisão por cada crime”, destacou.
Por fim, o delegado garantiu que não vai arbitrar fiança para o caso. “O que pode acontecer é de seus advogadores tentarem e conseguirem a fiança junto ao sistema judiciário, mas por nós ele permanece preso”, concluiu.

Homens invadem casa e matam casal de namorados e adolescente em Curitiba


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento


Homens armados com um revólver calibre 38 invadiram uma casa na Moradias Sambaqui, nobairro Caximba, em Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (7), e cometeram um triplo homicídio. Um casal de namorados e um adolescente foram mortos pelos assassinos.
As vítimas foram identificadas como Rodrigo Henrique Fernandes, o Japa, de 22 anos, dono da residência, sua namorada Joice Cristiane da Silva, de 22, e um adolescente de 15 anos, identificado como Jean. O delegado Fábio Amaro, da Delegacia de Homicídios de Curitiba (DH), afirmou à Banda B que o primeiro a morrer foi o menor de idade. “Ele levou um tiro na cabeça no sofá. Já o casal, que provavelmente dormia, foi assassinado em um quarto”, descreveu.
Ainda segundo Amaro, o dono da residência estaria envolvido com a criminalidade. “Este jovem seria envolvido no crime, de acordo com testemunhas, e acreditamos em algum desacerto no local, porque não há qualquer sinal de arrombamento. Eles vieram aqui para matar mesmo, isso está claro”, ponderou.
Por fim, o delegado fez um apelo à população. “Estamos tendo dificuldades de conseguir informações e precisamos da ajuda de testemunhas no 0800-6431121, de maneira anônima, para que possamos buscas mais detalhes da motivação e autoria deste crime”, pediu.

Passageiros de táxi morrem após acidente causado por motorista que teria furado sinal


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

Fotos: Antônio Nascimento – Banda B

Uma tragédia na Rua 24 de Maio com a Doutor Pedrosa, no Centro de Curitiba, no final da madrugada desta sexta-feira (7), deixou duas pessoas mortas em um acidente de trânsito entre um Peugeot 308 e um táxi Corsa. Testemunhas garantem que o motorista do Peugeot, um jovem de 25 anos, voltava de uma balada, estava embriagado e teria furado o sinal. Essas informações não foram confirmadas pela Polícia Militar (PM).
galeriadentro
Motorista se escondeu na viatura após acidente (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)
As duas vítimas fatais eram passageiros do táxi e não usavam cinto de segurança, o que cooperou para a tragédia. “Quando chegamos nada pôde ser feito, porque as vítimas bateram a cabeça quando o táxi capotou. Se eles tivessem com cinto talvez isso não teria acontecido. As pessoas precisam usar cinto no banco de trás”, orientou à Banda B a tenente Tamires Pereira, do Corpo de Bombeiros, que identificou uma das vítimas fatais como Lidia Vega Kasski, de 50 anos. “O homem que estava com ela não foi identificado ainda”, disse.
Após o acidente o clima no cruzamento era de tensão. O motorista que teria causado a tragédia precisou ser retirado por duas vezes, porque taxistas e testemunhas queriam partir para cima dele. “Quando eu cheguei aqui os dois já estavam mortos. O pessoal não tem responsabilidade, porque sai para beber e faz estas cagadas”, descreveu um taxista que diz ter visto o acidente.
Já o condutor do táxi Corsa, Luciano Pinheiro, relatou que o sinal estava aberto para ele, que vinha pela Rua 24 de Maio. “O rapaz acha que buzina é freio. Passou buzinando pela Doutor Pedrosa com o sinal fechado, já que tinha ficado verde para nós há alguns segundos. O táxi capotou após ser acertado na traseira e só parou no pátio da Igreja Bom Jesus”, falou o taxista, que não segurou as lágrimas.
Por conta da revolta de testemunhas, o motorista causador do acidente foi encaminhado à Delegacia de Delitos de Trânsito, onde deverá realizar o teste do bafômetro e prestar depoimento, para que as medidas cabíveis sejam tomada.
O corpo das vítimas foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).

Comida cara demais aponta pesquisa de aeroportos; Afonso Pena está entre os melhores


da Agência Brasil

O valor da alimentação e dos produtos comerciais nos aeroportos, o custo do estacionamento e o acesso à internet sem fio são os itens mais mal avaliados pelos passageiros nos 15 principais aeroportos brasileiros. Os dados são da 4ª edição dos Indicadores de Desempenho Operacional em Aeroportos, divulgado nesta quarta-feira (5) pela Secretaria de Aviação Civil.
Entre os terminais pesquisados, o que recebeu a pior avaliação foi o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos (SP), seguido pelo Aeroporto Internacional Marechal Rondon, de Cuiabá (MT)  e o Aeroporto Internacional de Brasília Presidente Juscelino Kubitschek. O melhor avaliado foi o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP). Em seguida, estão oAeroporto Internacional Afonso Pena, em Curitiba (PR) e o Aeroporto Internacional Augusto Severo, de Natal (RN).
alimentos
Valor da alimentação está entre itens mal avaliados por passageiros em aeroportosTânia Rêgo / Arquivo Agência Brasil
Entre os serviços prestados nos aeroportos, também foram mal avaliados pelos passageiros itens como velocidade dos serviços de restituição de bagagem, transporte terrestre para o aeroporto e tempo de espera na fila de controle de imigração. Tiveram boa avaliação itens como o atendimento, cordialidade e eficiência dos funcionários do check-in e o rigor na inspeção de segurança.
O ministro da Aviação Civil, Moreira Franco, disse que, ao registrar a insatisfação dos usuários, a pesquisa mostra aos operadores e prestadores de serviços dos aeroportos que mudanças precisam ser implementadas. “Nos itens alimentação e estacionamento, o passageiro não tem alternativa, é quase uma reserva de mercado. Esse é um problema que tem que ser enfrentado e tem que se trabalhar com racionalidade. Acho que essa reclamação insistente dos clientes geram sobre as empresas prestadoras de serviço uma reação que certamente vai provocar uma queda de preço”, disse.
Apesar de os terminais de Guarulhos e Brasília, que vão receber grande quantidade de passageiros durante a Copa do Mundo, em junho, estarem entre os piores avaliados pelos usuários, o ministro Moreira Franco disse que os aeroportos brasileiros irão operar com qualidade. “Não tenho dúvida de que o atendimento da Copa vai ser adequado e comparável a qualquer país do mundo”, disse. Sobre o terminal de Guarulhos, Moreira Franco disse que visitou o local ontem (5) e que um grupo de trabalho com os operadores do aeroporto e órgãos governamentais foi criado para melhorar os indicadores.
A avaliação foi feita no período de outubro a dezembro de 2013. Foram entrevistadas 18.213 pessoas. A coleta de dados é feita por meio de entrevista presencial com aplicação de questionario. Os itens avaliados pelos passageiros estão dentro de categorias como acesso ao aeroporto, instalação aeroportuária, check-in e inspeção de segurança.
Em nota, a GRU Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos, informou que já fez uma série de melhorias nos terminais 1, 2 e 4 a fim de aumentar o conforto dos passageiros. A empresa destaca que as obras nos atuais terminais estão sendo conduzidas de forma a não impactar as operações do aeroporto. Segundo a GRU Airport, Guarulhos recebeu, em 2013, cerca de 36 milhões de passageiros – número aproximadamente 50% maior do que a capacidade atual.
“Somente após a inauguração do TPS3 [terceiro terminal], em 11 de maio, será possível transferir boa parte dos passageiros para a nova área, permitindo um maior nível de conforto nos terminais 1, 2 e 4”, destaca a nota.

Osmar Dias diz que vai apoiar Gleisi mas faz mistério sobre candidatura ao Senado


da catve.tv

osmar dias
Osmar Dias ao lado do prefeito de Cascavel, Edgar Bueno – Foto: catve.tv
A chuva veio no fim do dia, mas era o que o agricultor precisava. O penúltimo dia do Show Rural em Cascavel, oeste do Paraná, teve cerca de 50 mil visitantes.
Uma das visitas foi a de Osmar Dias. “Estamos aplicando R$ 1 bilhão aqui. É o plano safra considerado o melhor da história do Brasil”, afirmou.
Sobre agricultura, ele falou sobre a deficiência em armazenamento, que precisa ser sanada. “Tem armazéns públicos, como o da Conab, que vamos fazer novos e reformar outros, inclusive o de Ponta Grossa será alfandegado, o que alivia o Porto de Paranaguá”, explicou.
Osmar Dias é cotado para ser o próximo ministro da Agricultura. Ele falou com Dilma Rousseff mas negou o convite. “Nossa reunião discutiu infraestrutura para licitar aeroportos, armazéns e a casa da mulher brasileira nas capitais”.
Dias se reuniu durante a tarde com o prefeito Edgar Bueno e o deputado estadual André Bueno, que são do mesmo partido (PDT). Ele não assinalou se vai disputar as eleições, mas adiantou que pode apoiar Gleisi Hoffmann (PT).
Ela também apareceu junto com o ministro Pepe Vargas e entregou maquinários aos municípios do Paraná, ação que faz parte do PAC (Plano de Aceleração do do Crescimento).
Ainda no campo da infraestrutura, Gleisi falou sobre investimentos. “Nós tínhamos prometido o Contorno Oeste e já melhorou bastante. Agora conversei com presidenta e deputados. A saída para essa situação é anel viários, complementar o contorno e duplica-lo, desviando o trânsito pesado na região”, revelou.
Nestes quatro dias mais de R$ 1 bilhão foram negociados no Show Rural. As conversas agora geram lucros também depois.
Para ver a reportagem da catve.tv, clique aqui

Jovem é assassinado com tiro nas costas na RMC


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento


Um jovem ainda não identificado foi assassinado com um tiro nas costas na Rua Bernardo Milek, no bairro Cachoeira, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. O fato aconteceu por volta das 6h desta quinta-feira (6).
tamandaré
No local da ocorrência (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)
O socorrista Matoso, do Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, falou sobre o caso à Banda B. “Chegamos rapidamente e foi verificada que a pessoa já estava em óbito e levou um tiro pelas costas. Nenhuma testemunha esteve no local para prestar esclarecimentos”, afirmou.
A Delegacia de Almirante Tamandaré investiga o caso. O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).

Garis não aguentam mais fazer coletas com roupas tão quentes, diz Sindicato


Por Marina Sequinel e Luiz Henrique de Oliveira

Com o calor nordestino que assola Curitiba, os garis reclamam das roupas pesadas que precisam usar todos os dias. Além do reajuste de 20% nos salários, uniformes mais leves também faz parte da pauta da data-base, que será negociada com as empresas responsáveis pela coleta de lixo no dia 1º de março.
garis-060214-bandab
(Foto: Ricardo Almeida/SMCS)
De acordo com o presidente do sindicato da categoria (Siemaco), Manassés de Oliveira, a reivindicação tem como base as condições de trabalho de cidades do Nordeste, que sofrem com as altas temperaturas. “Em outros lugares, os garis podem usar camiseta, bermuda e tênis mais leves. Os trabalhadores não aguentam fazer cerca de 20 km com esse calor insuportável. Aliás, a diminuição dessa distância é outro pedido nosso”, explicou Manassés à Banda B em entrevista nesta quinta-feira (6).
O presidente ainda afirmou que poder trabalhar com roupas adequadas é essencial em uma cidade como Curitiba. “Aqui tem dois, três estações todos os dias. Por isso, nós temos que ter também dois ou três uniformes, tanto para as altas temperaturas e para o frio rigoroso”, completou.
A reportagem entrou em contato com a Cavo, empresa responsável pela coleta de lixo na capital, que informou que a medida será revista no início das negociações com os trabalhadores, a partir do dia 1º de março. Segundo a empresa, as roupas usadas pelos garis segue a legislação trabalhista, que leva em consideração todos os riscos que eles passam – desde objetos cortantes aos raios ultravioleta – durante o cumprimento das atividades. Essa lei pode mudar a partir de uma homologação, que é fácil de ser feita depois do recebimento da pauta.