Panela descontrolada assusta funcionários de lanchonete e mobiliza bombeiros no Centro


Por Felipe Ribeiro e Bruno Henrique
Foto: Bruno Henrique - Banda B
Foto: Bruno Henrique – Banda B
Uma panela pegou fogo e mobilizou o Corpo de Bombeiros durante a manhã deste sábado (15) no Centro de Curitiba. De acordo com informações do local, o caminhão dos bombeiros se encaminhou até a lanchonete, localizada no cruzamento da Travessa da Lapa com a Rua Marechal Deodoro, para atender uma situação de incêndio, mas no local encontrou “só” uma panela descontrolada.
Funcionários contaram à reportagem da Banda B que a forma que ela estava assustou a todos do estabelecimento. O Corpo de Bombeiros foi rapidamente acionado e atendeu a situação.
De acordo com os bombeiros, o rápido telefonema foi importante, já que a não contenção da panela poderia sim iniciar um incêndio na lanchonete. A situação foi controlada por volta das 11h20.

Pai e filho saem de bar e são baleados no Terminal do Guadalupe


Por Felipe Ribeiro e Bruno Henrique



Dois homens, pai e filho, foram baleados no começo da manhã deste sábado (15) no Terminal do Guadalupe, região central do Curitiba.
De acordo com informações da Polícia Militar, Jonathan Gonçalves dos Santos, de 23 anos, e Laércio Gonçalves, de 46, estavam em um bar no Centro, quando no cruzamento das ruas Pedro Ivo e João Negrão, acabaram atingidos.
A polícia acredita que os disparos possam ter ligação com um tiroteio ocorrido na semana passada na Rua Conselheiro Laurindo.
Os tiros passaram de raspão e as vítimas foram encaminhadas ao pronto-socorro.

Suspeitando de traição, homem atira contra a própria cabeça após balear esposa


Por Felipe Ribeiro e Bruno Henrique

Carta deixada pelo atirador e arma do crime. (Foto: Bruno Henrique)
Carta deixada pelo atirador e arma do crime. (Foto: Bruno Henrique)
Suspeitando de traição, um homem atirou primeiro contra a esposa e, em seguida, contra a própria cabeça no final da manhã deste sábado (15) em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Na mulher, o tiro acertou o ombro e ela passa bem, já ele foi levado em estado gravíssimo ao Hospital Cajuru.
A situação aconteceu na Rua Milton Anselmo da Silva, no Jardim Claudia. Através de uma carta escrita pelo atirador, ele relata que a esposa teria o traído. “Eu matei porque ela estava me desrespeitando com outro da firma (…), matei pela minha dor de trabalhar e trazer dinheiro todo dia para ela fazer isso, como se eu fosse um escravo”, relatou em carta deixada esperando ter êxito nos disparos.
O filho pequeno da vítima presenciou toda a situação e precisou de atendimento. Euclides Gonçalves dos Santos foi passa por tratamento, mas a situação é considerada crítica.

Ex-presidente da Fanáticos assume assassinato de adolescente paranista


Por Felipe Ribeiro e Bruno Henrique



Outro ex-presidente da torcida organizada Os Fanáticos, Fábio Marques, de 33 anos, assumiu no final da tarde deste sábado (15) a autoria do assassinato de Diego Henrique Raab Gonciero, de 16 anos, em 2012. Pela manhã a Delegacia de Atendimento ao Futebol e Eventos (Demafe) havia prendido o advogado Juliano Rodrigues, já que o laudo do Instituto de Criminalística apontou que o projétil que tirou a vida do adolescente saiu de um revólver 38 registrado em nome dele. Marques possui uma extensa ficha criminal. No ano passado foi preso com uma arma em outubro e estava envolvido tanto na briga entre torcidas do Atlético na Vila Capanema, como no confronto com torcedores do Vasco, em Joinville.
De acordo com o delegado Clóvis Galvão, ele era vice-presidente da Fanáticos na época e, junto com um colega teria ido tirar satisfação de um suposto apedrejamento à sede da torcida organizada. “Segundo ele, lá ele teria sido reconhecido e torcedores do Paraná teriam tentado o agredir, nisso ele teria dado dois tiros para o alto e só soube que tinha matado um menino por noticiário”, disse.
Ele disse ainda que a arma seria dele, mas Rodrigues continua preso como coautor do crime. “Ele se apresentou espontaneamente, mas vamos ver o que pode ser feito para pedirmos a prisão preventiva dele. Ele garante que a arma não era de Rodrigues, mas o laudo comprova isso”, explicou.
Gonciero foi assassinado com um tiro na cabeça no dia 30 de junho de 2012. De acordo com a Polícia Militar, vários torcedores do Paraná e do Sport estavam concentrados em frente à sede da torcida para irem ao Estádio Couto Pereira acompanhar a partida entre o Coritiba e o time pernambucano. Um carro Prisma de cor branca teria se aproximado dos torcedores e os integrantes do veículo fizeram vários disparos de arma de fogo. Rodrigues é conhecido como Suk e está detido no Centro de Operações Policiais Especiais (Cope).

Cliente que achar produto vencido na prateleira leva outro de graça no PR

Por acordo entre supermercados e Procon, consumidor nem tem que comprar, basta encontrar na gôndola item fora do prazo para ganhar outro igual.







Um acordo entre os supermercados do Paraná e o Procon agradou aos consumidores. Agora, quem encontrar um produto fora da validade, ganha outro de graça.
A novidade anunciada logo na entrada das lojas surpreende muita gente. "Acho bacana, ajuda a conscientizar o povo, né?", diz uma jovem.
Não é preciso nem comprar, basta encontrar na gôndola um produto com o prazo de validade vencido para ganhar outro igual. E de graça. É só procurar o gerente e mostrar a mercadoria. Encontrou dez produtos vencidos? Leva dez sem pagar nada.
“Se tem uma compensação, todo mundo procura sempre ficar mais em cima, né?”, admite uma cliente.
Grandes redes e até mercados menores já aderiram ao acordo firmado entre o Procon e a associação dos supermercados.
"Se o supermercado fez a adesão ao acordo e não está cumprindo, faça a denúncia ao Procon. E o Procon tomará as providências com relação a esse mercado", afirma o coordenador do Procon, Rodrigo Brum.
O acordo já mudou o comportamento de lojas e consumidores. Os supermercados reforçaram ainda mais o controle de estoques. Os consumidores, a atenção na hora das compras.
“Você fica sendo um fiscal na realidade, né?”, diz uma compradora.
Seu Ari e Dona Walte não tiram o olho das embalagens. Viraram detetives de prateleiras. "Levar alguma coisinha de graça é até bom", diz o idoso, aos risos.
Esse acordo só não vale quando o consumidor descobre em casa que o produto está vencido.  Nesse caso, ele só consegue trocar a mercadoria.

VEJA O VIDEO DA MATÉRIA NO BOM DIA BRASIL

Banco indenizará em R$ 19 mil menina de 12 anos inscrita no cadastro de inadimplentes - SPC




Por unanimidade, a 4ª Câmara de Direito Civil do TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) rejeitou um recurso proposto por um banco que pretendia converter decisão judicial anterior que determinou o pagamento de indenização por danos morais para uma menina de 12 anos, indevidamente inscrita nos órgãos de proteção ao crédito, por descumprimento de contrato.
Os magistrados aceitaram ainda recurso interposto pela defesa da criança, e aumentaram para R$ 19 mil o valor devido pela empresa condenada.
De acordo com o desembargador Luiz Fernando Boller, relator do recurso,  não há nos autos qualquer indício de que o contrato tenha sido celebrado pela menina. Ele ressaltou ainda a incapacidade civil da criança para tal ato e disse a casa de crédito, além de não tomar os devidos cuidados a respeito do contrato fraudulento, teve plena e oportuna ciência do dever de retirar o nome da criança do cadastro de inadimplentes. No entanto, a instituição financeira combateu a ordem de exclusão do registro, bem como a respectiva multa pelo descumprimento do comando. 

 “Via de consequência, inexistindo qualquer elemento de prova capaz de justificar a ilicitude da conduta do demandado - ao contrário disto, sobressaindo evidente que o ofensor deixou de empregar a necessária cautela quando da contratação -, concluo ser inafastável a responsabilização do banco  por ter incluído o nome da menor no cadastro restritivo dos órgãos de proteção ao crédito, sem que houvesse qualquer relação jurídica capaz de motivar o procedimento”, disse o magistrado.

FENAPAR ENTREGA DOCUMENTO COM REIVINDICAÇÕES DE 100.000 PACIENTES RENAIS DO BRASIL




No dia 13 de março de 2014  estiveram  em Brasilia associações de pacientes renais do Brasil representando 14 estados da federação para comemorar o DIA MUNDIAL DO RIM,  foi um dia especial onde pacientes renais se encontraram para comemorar e debater a situação do tratamento renal nas diversa regiões do Brasil. Várias associações  são filiadas a FENAPAR - Federação Nacional das Associações de Pacientes Renais e Transplantados do Brasil e cumpriram várias agendas com autoridades ligadas a área de saúde e com a imprensa que cobria as comemorações alusivas ao DIA MUNDIAL DO RIM. A FENAPAR está muito preocupada com o tratamento renal no Brasil porque através de dados da SBN - Sociedade Brasileira de Nefrologia, hoje temos 100.000 pacientes fazendo hemodiálise no Brasil e pelas informações e evolução das doenças que causam IRC era para termos mais de 150.000 em tratamento, e chega-se a conclusão que mais de 50.000 pessoas morreram antes de iniciar a hemodiálise. Devido a vida sedentária das pessoas e aos diabetes de cada 10 pessoas uma tem graves problemas renais. E a preocupação da FENAPAR é que o Ministério da Saúde invista mais recursos para que as UNIDADES DE SAÚDE BÁSICAS  nos municípios  realmente façam um trabalho para identificar onde estão essas pessoas hipertensas e diabéticas ou com parentes com IRC para iniciarem imediatamento um acompanhamento com médico nefrologista para impedir ou retardar a entrada em diálise. A diretoria da FENAPAR tentou entregar um documento com quase 25.000 assinaturas para a presidenta da republica Dilma Rouseff, mas infelizmente fomos barrados por sua segurança e  nenhum assessor do gabinete presidencial quis receber esse documento. Graças ao empenho do Deputado Jesus  Rodrigues, conseguimos contato com o Coordenador Geral de média e Alta Complexidade do Ministério da Saúde o Dr. José Eduardo Fogolim, que recebeu o presidente da FENAPAR Renato Padilha, D, IsoldiChies e Humberto Mendes e se comprometeu a nos receber em audiência e ainda marcar uma agenda com o Ministro da Saúde.