EX PREFEITO J.CAMARGO PRESTA DEPOIMENTO NO FÓRUM DE COLOMBO ACOMPANHADO DE SEU FIEL ESCUDEIRO

Foto: Marcio Fausto


O ex prefeito J. Camargo esteve essa tarde no Fórum de Colombo onde está respondendo por irregularidades em licitação do transportes em nossa cidade. O ex prefeito esteve o tempo todo acompanhado do seu fiel escudeiro o ex vereador PAINHO, que na gestão passada era o o líder do prefeito na CÂMARA MUNICIPAL DE COLOMBO. Nossa equipe de reportagem está apurando qual será os próximos tramites do processo.

O vereador Painho ao sair do FÓRUM acompanhando o ex prefeito fez um gesto obsceno com o dedo para nossa equipe de reportagem, o que na verdade não nos surpreende pois o mesmo vereador chamou o povo de PALHAÇO em sessão realizada no último ano de seu mandato.

Fica uma dica para o povo trabalhador e humilde de nossa cidade,  esse cidadão precisa receber o troco na URNAS.














Foto: Marcio Fausto




Jovem vai visitar namorada e, no caminho, mata adolescente e fere outro em COLOMBO


Por Marina Sequinel e Juliano Cunha





Dois adolescentes foram baleados em Colombo, na região metropolitana de Curitiba, no início da tarde desta segunda-feira (24). O crime aconteceu na Rua Vinte e Três, na Vila Zumbi dos Palmares. Wylker Fernandes Savaro, 15 anos, foi atingido nas costas e morreu na hora, enquanto o outro rapaz, de 17 anos, também recebeu disparos nas costas e no braço.
Segundo testemunhas, um homem identificado apenas como Adriano estava de bicicleta e abordou a dupla, atirando contra ela. O homicídio teria sido motivado por uma briga entre gangues. Adriano era da Vila da Liberdade e teria ido visitar a namorada na Vila Zumbi. Ainda não se sabe se eles teriam discutido antes dos disparos.
O corpo do menino de 15 anos foi encaminhado para o Instituto Médico Legal. A segunda vítima foi encaminhada para o Hospital Angelina Caron, localizado em Campina Grande do Sul.

Primos são presos pouco antes de tentar matar assassino de parente em Curitiba


Por Marina Sequinel e Juliano Cunha

Dois homens foram presos após perseguição policial no bairro Uberaba, em Curitiba, na tarde desta segunda-feira (24). A dupla confessou que pretendia se vingar do rapaz que matou o irmão de um deles. Os primos Juliano, de 20 anos, e Jhonatan Gonçalves, de 22, estavam em uma motocicleta na Vila Morena quando foram abordados pela polícia.
suspeito-vinganca-240314-bandab1
Criminoso confessou que pretendia matar assassino de irmão. (Foto: Juliano Cunha – Banda B)
Segundo o tenente Souza, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), eles estavam armados e a caminho do assassino do irmão de Juliano. “A dupla queria matar o homem, sem dúvida nenhuma. Pelo menos esse crime conseguimos impedir”, disse o tenente à Banda B.
Jhonatan já tinha passagens pela polícia por homicídio e Juliano por porte ilegal de arma. Após a abordagem, eles foram encaminhados para o 7º Distrito Policial.

Homem é assassinado no Uberaba e avó precisa ser socorrida após presenciar disparos


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha
Foto: Juliano Cunha - Banda B
Foto: Juliano Cunha – Banda B
Um homem de 40 anos foi assassinado no final da tarde desta segunda-feira (24) na Rua Silvio de Maia Moreira, no bairro Uberaba, em Curitiba. De acordo com testemunhas, um casal chamou a vítima pelo nome e o executou na frente da avó que escutou o chamado.
No local, a Polícia Militar não quis dar maiores informações sobre o caso e apenas disse que o casal chegou em um Fox e realizou cerca de oito disparos.
Familiares contaram para a Banda B que a vítima já esteve presa por homicídio e tráfico de drogas. A Delegacia de Homicídios agora deve investigar o caso.
A avó da vítima, que possui cerca de 90 anos, passou mal com a cena e foi encaminhada a um pronto-socorro de Curitiba.

CPI DO SUMIÇO DA GRANA DA FESTA DA UVA JÁ TEM SEUS INTEGRANTES










Em reunião esta tarde na CÂMARA MUNICIPAL DE COLOMBO, os vereadores  escolheram os nomes dos cinco integrantes que farão parte da CPI - COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO, que vai apurar possíveis irregularidades nas FESTAS DA UVA de 2009 a 2012, principalmente aa Festa da Uva de 2011 onde foi roubado o dinheiro da BILHETERIA.

Para lembrar o caso:

Em 2011 as  irmãs do ex prefeito J. Camargo, que na época ocupavam cargos de SECRETÁRIAS MUNICIPAIS, foram sequestradas e levadas até as sede da prefeitura e todo o dinheiro da arrecadação foram roubados, e até hoje a população não ficou sabendo  o que realmente ocorrei naquele dia, porque ninguém sabe porque  mais o processo corre em SEGREDO DE JUSTIÇA.

Os vereadores integrantes da CPI são:

  • Waldirlei Bueno
  • Gil Gera
  • Renato da Farmácia
  • Pr. Antonio
  • Micheli Mocelin 

Na sessão de amanhã serão escolhidos o presidente e o relator da CPI que provavelmente fique entre vereador Gil Gera e Waldirlei Bueno.





Esposa e amante planejam morte e são presos durante enterro de cabo da PM


Da Redação com Diário dos Campos



Um cabo da Polícia Militar foi assassinado a mando da esposa na madrugada deste domingo (23) em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais. Emerson Luiz Grzesczyczen foi morto com doze facadas dentro de seu próprio estabelecimento comercial, no momento em que a vítima fechava o estabelecimento.
De acordo com a Polícia Civil do município, o crime foi premeditado, planejado e executado pela esposa da vítima juntamente com um funcionário com quem tinha um relacionamento amoroso há três anos.
Em entrevista ao Jornal Diário dos Campos, o acusado Marcos Willian Santos da Silva, de 19 anos, admitiu o homicídio e também o relacionamento com a esposa da vítima, Eliane de Oliveira Grzesczyczen. A arma utilizada por Marcos foi escondida por Eliane que tentou simular um arrombamento na casa para enganar as investigações policiais. O autor foi preso em casa e chegou a ir até o velório da vítima. Eliane, que tem três filhos, foi presa durante o velório do cabo.
Leia a reportagem completa clicando aqui.

Dupla assalta panificadora, agride criança e PMs não podem registrar B.O. por falta de papel e gasolina


Por Elizangela Jubanski

Uma família dona de uma panificadora no bairro Sítio Cercado, em Curitiba, passou por um momento de revolta na noite deste domingo (23). O comércio foi assaltado por dois marginais, por volta das 22 horas, que agrediram um garoto de 12 anos e ainda comeram bolo antes de ir embora. No entanto, o que mais revoltou o dono do estabelecimento não foram essas atitudes dos assaltantes, mas sim o fato de ele não conseguir registrar boletim de ocorrência por falta de papel.
O proprietário conversou com a Banda B na manhã de hoje e contou que os assaltantes agiram com violência logo que entraram na panificadora. “Meu neto de 12 anos estava próximo do caixa e foi agredido. Eles deram uma chave de braço nele, pegaram o dinheiro do caixa e foram pra dentro. Lá tem uma repartição com alguns produtos e eles tiveram a cara de pau de sentar e comer bolos e outras coisas antes de irem embora”, descreveu. O garoto não teve ferimentos e não precisou de atendimento médico.
Assim que os bandidos deixaram a panificadora, o dono pediu auxílio ao filho dele, que acionou a Polícia Militar (PM). “Eles foram até lá, mas disseram estar sem folhas de boletim de ocorrência. Já achei estranho, mas então pedi que eles fossem buscar porque eu queria, sim, registrar o assalto. Eles disseram que não poderiam ir até uma delegacia pegar folhas porque não tinham gasolina. Sério, isso é uma piada de mau gosto, só pode”, se revoltou. Horas depois, o proprietário conseguiu registrar boletim de ocorrência em uma delegacia próxima a panificadora dele.

Dupla é presa tentando instalar “chupa-cabra” em caixa eletrônico de supermercado


Por Marina Sequinel e Roberto Romanowski
chupa-cabra-220314-bandab1
(Foto: Roberto Romanowski – Banda B)

Dois homens foram presos em um supermercado no bairro Rebouças, em Curitiba, no início da tarde deste sábado (22). Eles tentavam instalar um dispositivo conhecido como chupa-cabraem um caixa eletrônico do Banco do Brasil dentro do estabelecimento. O artefato captura os dados do cartão da vítima.
chupa-cabra-220314-bandab
(Foto: Roberto Romanowski – Banda B)
Um deles estava dentro do mercado e o outro no estacionamento. Eles se comunicavam por meio de um celular quando as pessoas começaram a desconfiar e acionaram a polícia. O Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) montaram uma campana no local e prenderam a dupla em flagrante, antes que eles pudessem agir.
Eles foram levados direto para a carceragem.