Prefeitura debate alterações no Estatuto e Plano de Cargos e Salários dos Servidores Municipais


WEBMASTER 2 DE JUNHO DE 2014

Após encontrar uma realidade adversa no último ano com os limites de gastos com pessoal extrapolados Colombo volta à normalidade

Prefeitura debate alterações no Estatuto e Plano de Cargos e Salários dos Servidores Municipais Nomeada em dezembro de 2013, a Comissão para elaboração de estudos para alterações no Estatuto e no Plano de Cargos e Salários dos Servidores Municipais está finalizando os trabalhos propostos pela Gestão Municipal através da Portaria 755/2013.
Desde que foi implantado em 2003, o Estatuto teve em 2010 uma atualização que não produziu os efeitos esperados tendo ainda hoje várias inconsistências, dificuldades operacional, direitos, critérios para a concessão de alguns benefícios, formatos para a instauração de sindicância e processos administrativos.
Após o necessário aprofundamento na análise destes documentos, foi promovida a sistematização da Lei, o que garantiu mais funcionalidade tornando-o mais prático e de fácil manuseio tanto para setores da Administração quanto para os servidores. Algumas questões que não estavam claras ganharam novas redações, Cargos e Salários
Várias falhas foram detectadas no Plano de Cargos e Salários, entre eles, a falta de definições das funções no quadro de servidores. As funções foram após este os estudos, atribuídas e reestruturadas. Uma atenção especial foi dada ao Grupo dos Cargos em Extinção (que não se realizam mais concursos) com a simplificação da tabela e o fim do prazo para adaptação.
No início da atual gestão e até o final do ano passado, a Prefeitura de Colombo estava em uma situação crítica em relação aos limites preconizados com gastos de pessoal com a extrapolação do Limite Prudencial, ou seja, estavam acima do que prevê a Lei de Responsabilidade Fiscal. Todo um grande esforço foi feito neste período para trazer aos limites aceitáveis. Hoje, já é possível pensar em promover ajustes nos salários dos servidores, mesmo que isso esteja sendo feito com toda a cautela necessária, diante da realidade financeira que não atinge apenas a cidade de Colombo.
Objetivos
Na remodelação do Estatuto e no Plano de Cargos e Salários, todas as mudanças levaram em conta a preservação dos direitos adquiridos pelos servidores. Entres os objetivos, está a organização, a funcionalidade e o melhor o entendimento por parte dos servidores.
Foto: Marcio Fausto/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em: BLOG – colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC; no site oficial: www.colombo.pr.gov.br e no Instagram: @colombopmc

Justiça expede alvará de soltura para ex-juiz Nicolau dos Santos Neto


Ele foi beneficiado pelo indulto pleno, concedido a presos idosos e doentes.
'Lalau' está preso na Penitenciária 2 de Tremembé desde março de 2013.

Do G1 Vale do Paraíba e Região
STJ nega pedido de liberdade para o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto (Foto: Reprodução Globo News)Ele está preso na P2 de Tremembé desde 2013.
(Foto: Reprodução Globo News)
A Vara de Execuções Criminais (VEC) de Taubaté expediu alvará de soltura para o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto 'Lalau', de 85 anos. A decisão é desta segunda-feira (2) e atende ao indulto pleno assinado pela presidente Dilma Rousseff em dezembro de 2012, que concede liberdade para presos com mais de 60 anos, que cumpriram mais de um terço da pena e que se encontram com problemas de saúde. Ele está preso na Penitenciária 2 (P2) deTremembé (SP) desde março de 2013.
O ex-juiz do trabalho foi condenado por desviar cerca de R$ 170 milhões da construção do Fórum Trabalhista de São Paulo na década de 90. Ele era, na época do desvio dos recursos, presidente do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP).

Para ganhar liberdade, Lalau aguarda o alvará de soltura chegue ao presídio. A expectativa é que ele deixe a P2 nesta terça-feira (3). "Ele deve sair amanhã [terça] a tarde. Inicialmente apenas eu vou acompanhá-lo na saída", disse Celmo Márcio de Assis Pereira, advogado do ex-magistrado.
Lalau está preso desde dezembro de 2000 e segundo a defesa, se locomove com ajuda de cadeira de rodas, tem problemas de coração e está em depressão.
Condenação
Em maio de 2006, no julgamento criminal, o ex juiz foi condenado a 26 anos e 6 meses de prisão. No começo de 2007, ele conseguiu que a Justiça o autorizasse a cumprir a pena em prisão domiciliar, alegando depressão.
Em setembro do ano passado, a Justiça suíça autorizou a repatriação de US$ 7 milhões bloqueados desde 1999 em uma conta do ex-juiz em um banco do país. A decisão também condenou o ex-magistrado a indenizar o Brasil em US$ 2.153.628 por causa de transferências bancárias realizadas por ele, na década de 1990.

Mais dois cubanos desertam do programa Mais Médicos



A Associação Médica Brasileira (AMB) afirma que irá receber mais dois médicos cubanos que desistiram do programa Mais Médicos, do governo federal. Segundo nota da associação, os profissionais da saúde desistiram devido à condição de "trabalho análogo à escravidão” imposta pelo projeto, mas só detalharão os motivos da desistência na quarta-feira.
A AMB criou em fevereiro o Programa de Apoio ao Médico Estrangeiro que, segundo a associação, visa a proteger a liberdade e integridade dos profissionais que vieram de outros países para trabalhar no Brasil. O programa auxilia também aqueles que desejam solicitar refúgio ou asilo político.

O salário pago aos cubanos é igual aos dos demais médicos, mas a maior parte fica com o governo da ilha. Os médicos recebiam US$ 1 mil – sendo US$ 400 para suas despesas no País e o resto para quando voltassem a Cuba. Após a série de deserções, o governo aumentou em março o pagamento direto para US$ 1.245 por mês, cerca de R$ 3 mil, sem contar benefícios de hospedagem, transporte e alimentação pagos por prefeituras.O primeiro caso de deserção de cubanos do programa foi o da médica Ramona Rodriguez. Lotada inicialmente no município de Pacajá, no Pará, Ramona fugiu para Brasília e pediu ajuda a parlamentares da oposição. Segundo ela, o episódio ocorreu quando descobriu que recebia apenas os US$ 400 enquanto médicos de outras nacionalidades ganhavam R$ 10 mil por mês.

'Trauma vai ficar', diz jovem que teve cabelo roubado em assalto

Ataque aconteceu na noite de domingo na Zona Norte de Porto Alegre.
Homens que estavam em uma motocicleta abordaram a jovem na rua.

Carla SimonDo G1 RS
  •  
Jovem teve cabelo cortado por assaltantes (Foto: Arquivo pessoal)Jovem teve cabelo cortado por assaltantes (Foto: Arquivo pessoal)
A jovem de 20 anos que teve o cabelo cortado e roubado durante um assalto na noite de domingo (1) em Porto Alegre diz estar traumatizada com o ocorrido. A mulher, que não quer ser identificada por medo, foi abordada por dois homens em uma motocicleta na Zona Norte da capital quando saía a pé para comprar cigarro.
"O trauma vai ficar. Não sei se vou conseguir andar na rua sozinha de novo. Quando pediram para eu me virar, achei que seria esfaqueada. Quando vi, estavam cortando meu cabelo", disse ao G1.
O ataque ocorreu na esquina das avenidas Grécia e João Wallig. Ela caminhava pela rua quando os dois homens a pararam e anunciaram o assalto, ameaçando-a com um revólver. "Eu não tinha levado celular, não tinha dinheiro. Pensei que tanta gente morre por não dar nada aos bandidos. Por isso, tirei os tênis e entreguei para eles", lembrou.
Em seguida, os assaltantes pediram para que ela virasse de costas e mostraram a tesoura. Alguns segundos depois, o cabelo já estava sendo cortado.
Jovem diz que nunca usou cabelo curto antes (Foto: Arquivo pessoal)Jovem diz que nunca usou cabelo curto antes
(Foto: Arquivo pessoal)
A recepcionista contou que sempre cuidou do cabelo comprido e que nunca cortava mais do que as pontas. Nesta segunda-feira (2) após ir ao cabeleireiro para aparar o estrago feito pelos assaltantes, ela diz que já pensa em colocarmega-hair. "Ficou horrível", lamentou.
Em uma rede social a jovem publicou um texto mostrando a sua revolta com a situação. "Que mundo a gente vive? Aonde o país vai parar? Hoje foram os meus cabelos. E isso não é futilidade não, é parte de mim que tiraram. É algo importante, não só pra mim, mas para muitas mulheres. Algo tem que ser feito. Eu mereço respeito, todos nós merecemos", dizia a manifestação.
Segundo a Brigada Militar esse tipo de crime não é comum na região. Por enquanto, ninguém foi preso.

Anvisa suspende distribuição e venda do antigripal Resfenol gotas por falta de eficácia


Da Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a distribuição, o comércio e o uso, em todo o país, do medicamento Resfenol, solução oral gotas, fabricado pela empresa Kley Hertz S.A. Indústria e Comércio. A agência cancelou o registro do antigripal sob a alegação de que o produto não apresenta estudos clínicos que comprovem sua eficácia. A empresa fabricante fica responsável pelo recolhimento de todo o estoque existente no mercado.
gotas
(Foto: Reprodução)
A resolução, publicada no Diário Oficial da União, entra em vigor hoje (30). Também foi suspenso pela Anvisa o Lote 09411231 do antibiótico Cefalexina 500mg comprimido, fabricado pelo Laboratório Teuto Brasileiro e com validade até janeiro de 2016. O fabricante já iniciou o recolhimento voluntário de lote, por apresentar oito comprimidos na embalagem com dez.
O Lote 46199 do antiácido Kollangel 100ml suspensão oral (hidróxido de alumínio + hidróxido de magnésio), produzido pela empresa Natulab Laboratório S.A, foi suspenso pela agência por apresentar resultados insatisfatórios nos ensaios de aspecto e de contagem do número total de microorganismos mesófilos. A empresa tem que recolher o estoque existente desse lote no mercado.
O produto CAMOMILAbaby C (suplemento de vitaminas C e D em cápsulas) também teve suspensas pela Anvisa a fabricação, comercialização, distribuição, divulgação e utilização. O suplemento vitamínico estava sendo fabricado irregularmente pela D.S. Rodrigues Alimentos-ME, que não tem autorização de funcionamento para produção de medicamentos. A venda do produto era feita pela empresa Brascom Home Telemarketing Ltda. A empresa fabricante é responsável pelo recolhimento do produto.

Supervisora da Guarda Municipal de Curitiba está entre vítimas do acidente na 376



A supervisora Irene Ivaszek, de 48 anos, da Guarda Municipal de Curitiba,  está entre as vítimas do grave acidente ocorrido no quilometro 676 da BR-376, próximo à divisa com o estado de Santa Catarina. “A Prefeitura de Curitiba lamenta e recebe com muita tristeza a notícia de morte da supervisora vítima no acidente de trânsito na tarde do último domingo”, diz nota da prefeitura. Irene era natural de Nova Tebas, nos Campos Gerais paranaenses, e levava o irmão, que é morador do Mato Grosso, para o estado catarinense, onde ele visitaria os filhos. Ele também faleceu no acidente.
irene
Foto: Arquivo pessoal
Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, um caminhão com placas de Eldorado do Sul (RS) perdeu o controle na descida da serra sentido Santa Catarina, tombou e bateu em outros quatro automóveis e três caminhões. No impacto, um Celta e um Fiat Uno pegaram fogo. Quatro das cinco vítimas morreram carbonizadas.
Irene integrou a primeira turma da Guarda Municipal de Curitiba, formada em 1988, e também a primeira turma de servidores capacitados para atuar na Patrulha Maria da Penha, que concluiu o curso em março. Ela era solteira e não deixa filhos. Ainda não há informações se o corpo de Irene será trazido para Curitiba.
“Fica o nosso agradecimento à supervisora Irene pelos 26 anos dedicados à Guarda Municipal. É uma pena que ela tenha partido justamente no momento em que participava deste novo projeto, a Patrulha Maria da Penha, tão importante para a proteção às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar”, disse o prefeito.
Irene Ivaszek era natural de Cândido de Abreu. “Ela veio para Curitiba e fez da Guarda sua segunda família, dedicando-se de corpo e alma à corporação”, disse o diretor da Guarda Municipal de Curitiba, Cláudio Frederico de Carvalho. Ele lembrou que Irene participou de projetos como o SOS Criança e a proteção animal e também de eventos relacionados à carreira por todo o Brasil.
Vítimas
Até a manhã de hoje, três vítimas fatais já haviam sido identificadas identificadas. São Maria de Jesus Soares, 33 anos, Eduardo Estevão de Brito, 20, e Ergos Nascimento Filho, de 35 anos. O motorista da carreta que provocou o acidente chegou a ser socorrido, mas teve morte cerebral na ambulância, a caminho do hospital, segundo informou a PRF.

Atirador misterioso mata assaltante de farmácia

Bandido assalta farmácia e morre baleado por ‘atirador misterioso’

SUSPEITO
Suspeito baleado ficou em estado grave 

Um bandido morreu baleado após assaltar uma farmácia na Rua Izabel Redentora, quase esquina com a Av. Rui Barbosa, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, na tarde desta segunda-feira (2). De acordo com testemunhas, na fuga um ‘atirador misterioso’, que passava pelo local, disparou contra ele e um comparsa.
Identificado como Jean Carlos, o marginal acabou caindo em frente a uma agência dos Correios localizada nas proximidades. Ele foi encaminhado em estado gravíssimo ao Hospital São José, mas não resistiu.
Outro suspeito, de nome Wesley Correia, foi baleado no braço e preso após pedir ajuda em uma casa hospitalar na região. “Não sabemos quem foi o responsável pelos tiros. Com o marginal ferido aqui na rua encontramos uma arma de brinquedo, usada para dar voz de assalto”, disse  o guarda municipal Ricardo Silva.

Homem capota carro e fica ferido após ter um desmaio em Curitiba


 

capotamentodentro
Motorista de 63 anos ficou ferido no acidente 

Um homem de 63 anos, portador de diabetes, capotou o carro em que estava na manhã desta segunda-feira (2) na Av. Iguaçu, no bairro Vila Izabel, em Curitiba. Segundo os socorridos do Corpo de Bombeiros, ele teve “um apagão” e perdeu o controle do carro, possivelmente devido a uma hipoglicemia, que é a falta de açúcar no sangue.
O subtenente Scroch, do Corpo de Bombeiros, falou sobre o caso. “Aqui é um trecho de reta e ele bateu o Peugeot 206 contra um Fiat Uno estacionado, após passar mal. O senhor teve apenas alguns arranhões e não corre qualquer risco. Ele será levado pela ambulância do Corpo de Bombeiros ao Hospital Evangélico”, afirmou.
Detalhe no caso é que uma quadra depois do acidente está localizada a Associação Paranaense dos Diabéticos. Apesar disso, os bombeiros não confirmaram se a vítima estava indo até lá. Uma das três faixas da Iguaçu deve permanecer bloqueada até as 10h devido ao acidente

Cidades pequenas de quatro regiões paranaenses são bases para partidos tradicionais


2 de junho de 2014
Municípios entre 1,8 mil e 5 mil habitantes funcionam como redutos das principais legendas. Maior predomínio é do PMDB, em Santa Lúcia, no Oeste
GUILHERME VOITCH/GAZETA DO POVO
cri e
As cidades mais “partidárias” do Paraná têm entre 1,8 mil e 5 mil habitantes e estão localizadas em quatro das dez mesorregiões paranaenses: Sudoeste, Oeste, Centro-Sul e Norte.
Santa Lúcia e Pato Bra­­gado, no Oeste, são os municípios em que PMDB e DEM possuem, proporcionalmente, o maior número de filiados. PP e PSDB têm suas principais bases em Uniflor e Miraselva, região norte. Boa Esperança do Iguaçu, no Sudoeste, e Porto Barreiro, Centro-Sul, são os principais redutos de PDT e PT, respectivamente.
A reportagem da Gazeta do Povo chegou ao resultado cruzando dois dados fornecidos pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR): o total de eleitores e o número de filiados de cada partido em todos os municípios paranaenses.
O maior predomínio de um partido no Paraná é verificado em Santa Lúcia, município colonizado por gaúchos e catarinenses, distante 50 quilômetros de Cascavel. A cidade possui 3.218 eleitores, dos quais 739 (22,9%) são filiados ao PMDB. “Administramos a cidade por cinco mandatos consecutivos. Perdemos a última eleição, mas fizemos quatro das nove cadeiras da Câmara”, diz o vereador Silvano Tortelli, presidente do Diretório Municipal do PMDB.
O peemedebismo de Santa Lúcia ajudou o partido nas eleições de 2010. Juntos, os deputados estaduais Caíto Quintana e Nereu Moura receberam metade dos votos válidos para a Assembleia. “Os dois são muitos importantes para o município na Assembleia. O Caíto também foi fundamental quando era chefe da Casa Civil no governo Requião”, diz Tortelli.
Além de Santa Lúcia, outros municípios da Região Oeste como Maripá e Anahy estão entre as cinco cidades com mais filiados do PMDB no estado.
PSDB e DEM
A predominância em microrregiões do estado não é uma exclusividade do PMDB. Também na região Oeste, às margens do Lago de Itaipu estão as cidades em que o DEM tem seu mais alto índice de filiados. Entre elas estão Pato Bragado, Missal e Entre Rios do Oeste. “Comecei minha carreira política há 40 anos em Marechal Cândido Rondon e os municípios próximos, que estão nesse trecho entre Guaíra e Foz do Iguaçu, sempre foram muito importantes para mim e para o partido. Sempre constituíram uma base fiel para nós”, diz o presidente estadual do DEM, deputado estadual Élio Rusch.
O PSDB, do governador Beto Richa, também dispõe de uma trincheira própria, numericamente pequena, mas bastante fiel. Miraselva e Prado Ferreira, no Norte do estado, estão distante 11 quilômetros uma da outra. As duas estão entre as cinco cidades mais tucanas do estado. Outros municípios próximos, como Iguaraçu, também têm um alto número de filiados do PSDB.
Município tem 43% dos eleitores filiados
Luiz Carlos da Cruz,correspondente
Boa Esperança do Iguaçu, município da região Sudoeste do Paraná, possui proporcionalmente o maior número de filiados que militam em algum partido político. A cidade tem 1.066 pessoas filiadas, o que significa que 43% do total de eleitores está registrado em algum partido. É lá que o PDT tem seu mais alto índice de filiados no estado: 13%. O PMDB vem na sequência, com 10%.
A preferência se reflete na Câmara de Vereadores. Juntos, os dois maiores partidos locais possuem cinco das nove vagas – três são do PDT e duas do PMDB. As outras cadeiras são ocupadas pelo PSDB, PT, PP, PSD e PR.
O presidente do Le­­gislativo, Valdir Cândido da Silva (PDT), destaca que desde a emancipação do município, há 21 anos, a participação popular nos partidos foi grande. Segundo ele, muitos pedetistas ainda são influenciados pelo chamado “Brizolismo”, os adeptos das ideias do ex-governador do Rio de Janeiro Leonel Brizola, fundador do PDT. “São admiradores da velha história de Brizola”, diz Silva.
Para Antonio Bianchini, filiado ao PSDB, a militância vem desde os tempos da emancipação da cidade, quando PDT e PMDB rivalizavam entre si. Com o tempo, alguns militantes foram fundando novas legendas e convidando a população para ingressar nos novos partidos. O fato de ser uma cidade pequena facilita a entrada dos novos filiados.
Engana-se quem pensa que os militantes apenas fazem número nas legendas. De acordo com o presidente da Câmara, quando são convocados para reuniões partidárias os filiados comparecem em massa. “Eles questionam bastante, dão sugestões”, relata Silva. Bianchini confirma a participação popular nas reuniões. “Às vezes participam mais, outras menos, mas estão sempre participando e dando opinião”, observa.
Candidatura única
O alto número de militantes políticos, no entanto, não impediu um grande acordo nas eleições municipais de 2012 entre todas as legendas do município. Após dois meses de negociações, eles decidiram se unir e lançar um único candidato a prefeito. Claudemir Freitas (PMDB) foi eleito com apoio de todos os partidos que ajudam a administrar o município.

Dilma muda pacto para financiar obra de mobilidade em cidade de médio porte


2 de junho de 2014
Governo passa a atender municípios entre 400 mil e 700 mil habitantes com recursos destinados ao transporte, após regiões metropolitanas não conseguirem usar toda a verba; eleitorado dessas localidades está nas prioridades da campanha petista
Murilo Rodrigues Alves e João Villaverde/ Estadão
Dilma
 A pouco mais de um mês do início oficial da campanha eleitoral, a presidente Dilma Rousseff decidiu reformular o “pacto da mobilidade urbana”, um dos cinco anunciados em cadeia de rádio e TV após as manifestações de junho de 2013. A principal alteração amplia o critério de prefeituras que podem ser beneficiadas e, com isso, mais 26 capitais e municípios de médio porte serão incluídos na relação. Essas cidades também estão nas prioridades da estratégia do PT para a corrida presidencial.
No ano passado, no pronunciamento em resposta às manifestações, Dilma anunciou R$ 50 bilhões para projetos de mobilidade urbana nas principais capitais do País e nos municípios com mais de 700 mil habitantes, num total de 25 localidades contempladas. Agora, mais 26 cidades de 400 mil a 700 mil habitantes também vão poder receber até R$ 21 bilhões.
Fazem parte da lista oito capitais: Rio Branco (AC), Macapá (AP), Vitória (ES), Porto Velho (RO), Florianópolis (SC), Aracaju (SE), Cuiabá (MT) e Boa Vista (RR). Em 2010, Dilma venceu em apenas duas delas no primeiro turno (Porto Velho e Macapá) e, na segunda votação, agregou apenas Cuiabá à lista.
Entre os demais 18 municípios agora incluídos no pacto da mobilidade estão 5 paulistas (Ribeirão Preto, Santos, São José dos Campos, São José do Rio Preto e Sorocaba), 3 mineiros (Contagem, Juiz de Fora e Uberlândia) e um pernambucano (Jaboatão dos Guararapes). Tirar o PSDB do governo de São Paulo, no qual está há 20 anos, é a prioridade do PT nas disputas estaduais, e Minas e Pernambuco são os Estados dos pré-candidatos à Presidência Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB).
Dirigentes do PT defendem que o partido busque para si a bandeira “pró-mobilidade urbana”, considerada uma das mais importantes para o debate eleitoral deste ano, em consequência dos protestos contra o aumento no transporte público em 2013. Esse discurso se encaixaria com a defesa de políticas de redução da pobreza e aumento do consumo das famílias – melhorar as condições de locomoção nas grandes e médias cidades seria o “próximo passo”.
“As prefeituras do PT sempre tiveram a mobilidade urbana como um dos temas principais. Isso em São Paulo sempre foi claro: desde Luiza Erundina, passando por Marta Suplicy e agora com Fernando Haddad”, disse o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), integrante da executiva nacional do partido. “As cidades estão travadas, e isso não só dos grandes centros urbanos. Então essa decisão da presidente de apoiar a mobilidade urbana (nas cidades de médio porte) é positiva para todo mundo.”
Vice-presidente nacional do PT, Alberto Cantalice corrobora a tese e lembra que o eleitorado brasileiro é muito concentrado nas médias e grandes cidades. “Vamos focar nesses municípios”, explicou.
Novos projetos. O governo afirma que a mudança no pacto pela mobilidade não tem relação direta com o processo eleitoral e só ocorre agora porque as administrações das cidades e dos Estados contemplados tinham até o fim de maio para apresentar os projetos de transporte coletivo, como veículos sobre trilhos, pneus ou corredores exclusivos para ônibus.
De acordo com o Ministério das Cidades, pasta responsável pelos repasses, as principais capitais e regiões metropolitanas conseguiram liberação de R$ 27 bilhões, mesmo tendo pedido R$ 84,4 bilhões, por problemas nos projetos apresentados. Para as 26 novas cidades, o governo oferecerá até R$ 21 bilhões.
O governo diz que só não liberou mais recursos para as grandes cidades porque algumas não apresentaram “propostas aderentes”: os projetos devem dar prioridade ao transporte coletivo, ter alta ou média capacidade de atendimento de pessoas e possibilidade de implementação imediata.
Para gestores municipais ouvidos pelo Estado, na melhor das hipóteses, as obras com recursos já anunciados só devem ter início no segundo semestre, depois de concluídos os empreendimentos em execução para a Copa. O governo federal estima que as obras do pacto só devem ficar prontas daqui a dois anos, em um cenário otimista. Nos projetos que envolvem metrô, a estimativa sobe para seis anos.

Candidatos terão três dias para se inscrever no Sisu a partir de hoje


2 de junho de 2014
Começam nesta segunda-feira (2) as inscrições para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), apenas pela internet. Este ano, os candidatos terão até quarta-feira (4) para se inscrever. Para participar, é preciso ter feito o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) do ano passado e não ter zerado a redação.
destaque-231069-sisu
O Sisu oferece vagas em universidades públicas de ensino do país. O número de vagas nesta edição cresceu 29% em comparação ao mesmo período do ano anterior, chegando a 51.412 em 67 instituições. O número de cursos também teve aumento, passando de 1.179, em junho de 2013, para 1.447 em 2014.
Neste semestre, 41% das vagas serão destinadas às cotas e 3% para outros tipos de ações próprias das instituições. Serão oferecidas 1.374 vagas em medicina, um acréscimo de 847 em relação ao ano passado, e 2.550 mais nas engenharias, para atender 8.707 alunos.
Durante o período de inscrição, o candidato poderá consultar, em seu boletim na página do Sisu, a classificação parcial na opção de curso escolhido. Até quarta-feira também será possível mudar de opção. O sistema vai considerar a última inscrição confirmada.
O resultado da primeira chamada do Sisu será divulgado na sexta-feira (6), e as matrículas ocorrerão entre os dias 9 e 13. A segunda chamada está prevista para o dia 24, com matrículas entre 27 de junho e 2 de julho.
FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Rodoviária volta a operar com capacidade total na segunda-feira


1 de junho de 2014
A Rodoviária de Curitiba voltará a operar com 100% de sua capacidade a partir desta segunda-feira (02). Com a conclusão das obras, a operação voltará a ser feita em duas alas – interestadual, no bloco da frente, e estadual no bloco dos fundos.
noticia_977231_img1_rodo
Modernizada, a Rodoviária passa a operar com mais conforto e segurança, contando com escadas rolantes, passarela acessível, elevadores que abrem para os dois lados, nova sinalização, iluminação e sistema de climatização. A partir de agora, a Rodoviária passa a contar com uma terceira ala com oito plataformas exclusivas para desembarque liberando as 50 plataformas para embarque.
Os passageiros também ganham mais segurança e agilidade no embarque com a instalação de equipamentos de controle eletrônico de acesso às salas de embarque.
FONTE: BEM PARANÁ

HOMEM É ENCONTRADO MORTO COM TIRO NA NUNCA EM COLOMBO




corpodentro
Homem levou tiro na nuca 
O corpo de um homem identificado como Márcio Ribeiro, de 36 anos, foi encontrado na manhã desta segunda-feira (2) jogado em um matagal na Estrada da Pedreira, no bairro Rio Verde, em Colombo, na região metropolitana de Curitiba. Segundo a Guarda Municipal (GM), o crime possivelmente aconteceu em outro local.
“O rapaz levou um tiro na nuca e há sinais de que o corpo foi arrastado até esta região. Possivelmente o assassinato aconteceu durante a madrugada e o rapaz foi deixado aqui. Uma execução com só um tiro, é provável que ele estava nas mãos dos autores”, afirmou o guarda municipal Ceccon, que atendeu o local de morte.
A Polícia Civil de Colombo investiga o caso.

MADRUGADA MAIS FRIA DO ANO EM CURITIBA


 
Curitiba teve, na manhã desta segunda-feira (2), a temperatura mais baixa do ano, com 7,6°C. O recorde negativo também aconteceu no estado do Paraná, com 2,0°C em Guarapuava e em São Mateus do Sul. Para os amantes do gelo, a previsão é entusiasmante. Amanhã o recorde vai cair de novo e as temperaturas devem ficar em 3,0°C na capital, com previsão de geada, de acordo com o Instituto Tecnológico Simepar.
GEADA1
Geada deve dar as caras amanhã em Curitiba 
Por falar na geada, ela já aconteceu na manhã de hoje em Guarapuava, São Mateus do Sul, União da Vitória, com 4,4°C, Lapa, também 4,4°C e Palmas, 3,5°C. Para amanhã algumas destas cidades poderão ter temperatura negativa ao amanhecer, segundo a previsão do Simepar.
O que chama a atenção é que o frio vai se intensificar amanhã e ir melhorando gradativamente, porém, outra massa de ar frio se aproxima e, na semana que vem, deverá fazer mais frio ainda, com possibilidade de novas temperaturas negativas.
Previsões:
Amanhã
Curitiba:
Mín: 3°C
Máx: 15°C
Guarapuava:
Mín: 2°C
Máx: 16°C
Ponta Grossa:
Mín: 2°C
Máx: 16°C
General Carneiro:
Mín: 0°C
Máx: 16°C
Palmas:
Mín: -1°C
Máx: 15°C
Previsão para terça da semana que vem:
Curitiba:
Mín: 1°C
Máx: 16°C
Guarapuava:
Mín: 3°C
Máx: 15°C
Ponta Grossa:
Mín: 2°C
Máx: 17°C
General Carneiro:
Mín: 1°C
Máx: 14°C
Palmas:
Mín: 1°C
Máx: 14°C

Grave acidente na BR-377, caminhão bate em sete carros e cinco pessoas morrem



ACIDENTE 376
Acidente provocou cinco mortes na BR-376 – Foto: PRF
Um grave acidente no km 676 da BR 376, na região da Curva da Santa, em Guaratuba, deixou cinco pessoas mortas e outras cinco feridas, a maioria em estado grave, no final da tarde deste domingo (1º). O acidente aconteceu por volta das 17 horas e envolveu quatro caminhões e quatro veículos.
Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um caminhão com placas de Eldorado do Sul (RS) perdeu o controle na descida da serra sentido Santa Catarina, tombou e bateu em outros quatro automóveis e três caminhões. No impacto, um Celta e um Fiat Uno pegaram fogo. Quatro das cinco vítimas morreram carbonizadas.
Até o momento, três das cinco vítimas fatais foram identificadas. São Maria de Jesus Soares, 33 anos, Eduardo Estevão de Brito, 20, e Ergos Nascimento Filho, de 35 anos. O motorista da carreta que provocou o acidente chegou a ser socorrido, mas morreu na ambulância, a caminho do hospital.
Outras cinco pessoas foram encaminhadas ao Hospital de Joinville e ao Hospital do Trabalhador, em Curitiba. Quatro em estado grave e uma com ferimentos leves.
Segundo o policial rodoviário Stoher, tem sido cada vez mais comuns acidentes causados por excesso de velocidade. “Segundo usurários nos informaram, o caminhão descia a serra em alta velocidade e não conseguia parar. Ele passou pela região de escape e seguiu atingido todos os veículos. Infelizmente, a imprudência neste trecho é demais. Muito caminhão abusa da velocidade e quando vai tentar segurar na serra não consegue.
O acidente provocou horas de congestionamento no trecho na pista sentido Santa Catarina. Segundo a PRF, o tráfego só foi normalizado no início da madrugada. Na pista sentido Curitiba o trânsito chegou a ser interrompido, mas logo foi liberado.