PT acusa Requião de ter estimulado MST a invadir fazenda Araupel


1807-requiao-mst
Na última quarta-feira (16), faltando poucos minutos para a meia-noite, mil famílias, cinco mil pessoas, ligadas ao MST, invadiram áreas de terras da Araupel, empresa que opera com reflorestamento em Quedas do Iguaçu, no Sudoeste do Paraná. Tanto empresários quanto o PT, da senadora Gleisi Hoffmann, não tem dúvidas: a invasão, que coloca sob ameaça o emprego de 1.050 paranaenses, e garante o sustento de 10 mil pessoas, foi desencadeada com o estímulo direto de Roberto Requião (PMDB). Na manhã do dia da invasão o senador deu uma entrevista incendiária a Rádio Municipal FM 92.5, de Quedas do Iguaçu.
Na entrevista, Requião disse apoiar os sem-terra e afirmou que a Araupel – que já divulgou um amplo material provando sua posse legal da área – podia ser “classificada como uma empresa invasora, expropriadora de terras públicas”. “As pessoas não podem vir com está conversa que geram empregos, se fosse assim o trafico de drogas teria que ser legal, pois gera mais de 100 mil empregos neste país”, assegurou Requião. Reafirmando, mais uma vez, sua posição contra a empresa e em favor do MST. Durante os três mandatos em que governou o Paraná, Requião estimulou, por ação ou omissão, ações dos sem-terra contra a Araupel e inúmeras outras áreas produtivas.
O diretor da Araupel, Tarso Giacomet, lamentou a manifestação de Requião e destacou a irresponsabilidade do senador. “Ele instigou uma situação que estava crítica. Vindo de um adolescente é perdoável, mas de um senhor de 75 anos, um senador, é lamentável. Se mostrou um oportunista”, comentou Tarso. Lembrando que em 2003, Requião presidiu e assinou a aprovação de valores que foram pagos pela União, em indenizações, de prejuízos que o sem-terra, havia causado para empresa.
“O senador não está agredindo a Araupel, mas sim, todo setor produtivo do Paraná, já que contamos com apoio da Fiep, inúmeras entidades públicas e privadas”, avalia. Quanto aos questionamentos do senador sobre a titularidade das terras, o diretor afirma que no mesmo ano em 2003, um parecer do Incra, atestou que as terras são de propriedade da iniciativa privada.
Parceiros – A associação de Requião com o MST e com invasões de terras é antiga. Desde a primeira campanha, para prefeito de Curitiba em 1985, o senador estimulava a invasões de áreas urbanas e rurais para pressionar seus adversários políticos e para dar sustentação a uma confusa ideologia anticapitalista combinada com um esquerdismo raivoso. Entre 2003 e 2010, o então governador usou o MST para invadir praças de pedágio, unidades de pesquisa de sementes transgênicas e grandes propriedades que plantavam soja geneticamente modificada.
O pacto de Requião com o MST sofreu um abalo sangrento em 1993, durante o primeiro governo Requião. Estimulados pela postura francamente simpática aos sem-terra, o MST invadiu a fazenda Santana, em Campo Bonito, município de Guaraniaçu. Três policiais do serviço reservado da PM, que haviam se infiltrado no movimento, foram mortos pelos sem-terra. Enfurecido com o que interpretou como sendo uma ofensa pessoal, Requião, segundo testemunhos de assessores do governo da época, teria ordenado a caça e a morte do líder sem-terra Diniz Bento da Silva, o Teixeirinha.
A morte do sem-terra, precedida por humilhações e torturas, rendeu uma condenação do Brasil na OEA. Desde essa época o PT do Paraná mantém reservas com relação à atitude de Requião de aparelhar os sem-terra e usá-los para seus projetos políticos. O MST, no entanto, como se viu na invasão da Araupel, voltou a seguir a liderança funesta do senador.
Fonte: Blog Fabio Camapna

Entidades médicas abrem guerra contra Dilma


Medicos-protesto-planalto-1024x628

A Federação Nacional dos Médicos (Fenam) e a Associação Médica Brasileira (AMB) comunicaram ao presidenciável Aécio Neves (PSDB-MG) que apoiarão a oposição na disputa pela Presidência contra Dilma Rousseff. Em reunião na quarta (16), o presidente da Fenam, Geraldo Ferreira, garantiu ao tucano que a maior parte dos médicos trabalhará por sua eleição. Outra parcela menor apoiará Eduardo Campos (PSB-PE).
Segundo Ferreira, o programa de Aécio para saúde ‘ainda é vago’, mas cria carreira nacional e refuta cubanos em situação análoga à escravidão.
As entidades médicas consideraram “ousada” a proposta de Aécio de destinar 10% da Receita Corrente Bruta da União para a Saúde.
O conselho deliberativo da AMB se reúne hoje em Fortaleza para decidir sobre apoiar Aécio ou, de forma mais ampla, os candidatos de oposição. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto

Lei Municipal atribui ao proprietário responsabilidade por limpeza de terreno


WEBMASTER 18 DE JULHO DE 2014

O não cumprimento da lei acarreta em notificação e até mesmo multa ao proprietário do lote

A limpeza do lote é de responsabilidade do proprietário e o não cumprimento da lei ocasiona notificação e até multa.
A limpeza do lote é de responsabilidade do proprietário e o não cumprimento da lei ocasiona notificação e até multa.
A frequência com que encontramos terrenos baldios em grandes centros é grande e os transtornos por eles causados também. Mato alto, lançamento irregular de lixo e entulhos, doenças como a leptospirose e dengue, ocasionadas por ratos e mosquitos, que são atraídos pelo mato alto e o acúmulo de lixo. E se não bastasse todos estes inconvenientes, terrenos baldios ainda trazem insegurança pra quem mora próximo ou tem que passar por esses locais.
Mas de quem é a responsabilidade pela limpeza desses terrenos? Em Colombo, segundo a Lei Municipal n° 785/2000, a limpeza e conservação dos lotes urbanos são de inteira responsabilidade do proprietário e o não atendimento da lei pode acarretar em notificação com prazo para limpeza e até mesmo pagamento de multa.
Caso exista na sua rua terrenos com mato alto ou lixo acumulado comunique a Prefeitura. O pedido deve ser feito por meio do serviço de protocolo da Prefeitura que o direcionará a Secretaria de Meio Ambiente, a qual tem a competência de fiscalizar os terrenos baldios ou com obras abandonadas.
“A ausência de limpeza nesses terrenos afeta a população de um modo geral, pois terrenos baldios acabam sendo foco de doenças, insegurança e existe também a própria poluição visual. No fim não envolve apenas questões ligadas ao meio ambiente, é algo intersetorial”. Explica Daniele Gasparin, engenheira ambiental da secretaria municipal do Meio Ambiente.
Portanto proprietário de lote em Colombo faça a sua parte e mantenha o seu terreno limpo e cercado. O ambiente e a população agradecem.
Foto: João Senechal/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG: colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.PR.GOV.BR

Técnicos do Ministério da Saúde vistoriam obras em Colombo


WEBMASTER 18 DE JULHO DE 2014

Com 570 m² a nova Unidade de Saúde no Bairro Moinho Velho já está com 80% das obras concluídas e deverá atender a 15 mil pessoas

Construção da nova unidade de saúde do Moinho Velho é vistoriada por técnicos do Ministério da Saúde.
Construção da nova unidade de saúde do Moinho Velho é vistoriada por técnicos do Ministério da Saúde.
Na segunda-feira, 14, técnicos de análise do Ministério da Saúde vieram até Colombo para vistoriar a nova Unidade de Saúde que está sendo construída no Moinho Velho. Durante a vistoria foi verificado a situação e adequação da obra.
Neste momento a obra está em fase de conclusão, faltando apenas pintura, colocação do piso e a conclusão da área externa, o que representa 80% dos serviços executados. A nova unidade contará com 573,16 m² de construção, com instalações para sala de curativos, consultório odontológico, sala de vacinas, farmácia, entre outros. A expectativa é de que a unidade atenda a 15 mil pessoas.
Atualmente os moradores da região que precisam de atendimento, têm que se deslocar até a unidade de saúde do Jardim Osasco, o que acaba sobrecarregando e aumentando o tempo de espera, já que a unidade atende a uma demande de 30 mil pessoas.
Segundo o secretário municipal da Saúde, Fernando Aguilera, a nova unidade proporcionará mais conforto e qualidade à população. “É um avanço para o serviço saúde do município, para que haja acesso a atendimentos de qualidade e para que as pessoas se sintam confortáveis num local adequado e que preste um serviço de saúde humanizado. Essa é uma de várias obras que serão entregues para que o serviço de saúde do município avance cada vez mais” afirma o secretário.
Mais saúde pela cidade
Secretário Fernando Aguilera acompanha vistoria da nova unidade que beneficiará 15 mil pessoas
Secretário Fernando Aguilera acompanha vistoria da nova unidade que beneficiará 15 mil pessoas
Além da nova unidade de saúde que está sendo concluída no Bairro Moinho Velho outras seis obras estão sendo realizadas pela cidade, são elas: UBS Osasco e César Augusto – que aguardam terraplanagem, UPA Osasco – aguarda medição, UBS São Gabriel – paredes já estão levantadas. Além da obra de ampliação da UBS São Dimas. E em processo licitatório encontram-se duas obras: UBS Jardim Guilhermina e UBS Belo Rincão.
Foto: João Senechal/PMC
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG -colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK:facebook.com/pmdecolombo: TWITTER: @ColomboPMC e no site oficial: www.colombo.pr.gov.br

Homens armados rendem vigilantes de empresa e agência bancária é destruída


Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento


(Fotos: Fabrício Santos)
Cinco homens fortemente armados invadiram a empresa Auto Viação de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (18). O alvo do grupo era uma agência bancária do HSBC, que fica dentro da empresa. Os caixas eletrônicos foram para os ares e a agência ficou completamente destruída.
A quadrilha rendeu funcionários e vigilantes por volta das 2h30. Dos cinco, três estavam encapuzados e armados com armas longas. O grupo seguiu direto para a agência bancária. A ação foi rápida e eles usaram explosivos dentro da agência.
O valor levado pelos bandidos não foi calculado. A Delegacia de São José investiga o caso.
.

Festival de Antonina deve levar milhares de turistas à Graciosa neste fim de semana


Da Redação

Primeiro grande evento do litoral paranaense após a reabertura da Estrada da Graciosa, o Festival de Inverno de Antonina deve levar milhares de turistas e movimentar o comércio da região neste final de semana. A histórica rodovia foi liberada em meia pista no último dia 9 e já no fim de semana passado levou centenas de pessoas ao litoral.
graciosa
Foto: AEN
Para o sábado, o destaque do festival organizado pela UFPR é o show do cantor Renato Teixeira, que acontece no período da noite. Acompanhado por banda completa, o cantor e compositor, traz ao público um formato de show que mescla grandes sucessos de sua carreira com hits da música nacional de raiz, ou caipira como gosta de chamar. No domingo, o movimento deve se concentrar no período da manhã, já que milhares de pessoas buscam os restaurantes de Morretes e Antonina.
Para organizar o fluxo de carros na Estrada da Graciosa, foi instalado um semáforo, que vai permitir a circulação e evitar acidentes no local. A conclusão total do trecho da rodovia, que desmoronou em março por causa das fortes chuvas, será finalizada em setembro deste ano.
O Festival de Inverno da UFPR segue até o dia 26 e leva à Antonina diversas oficinas e espetáculos voltados tanto para a comunidade local, quanto universitária. O Festival é uma alternativa para quem procura sair da rotina e deseja ter contato com atrações culturais e artísticas. As atividades ofertadas agregam crianças, jovens e adultos e passam pela dança, teatro e música, do popular ao erudito. Os mais de 35 espetáculos serão realizados em diversos espaços, como igreja, teatro e ruas da cidade. Já no dia 26, a banda Móveis Coloniais de Acaju irá participar do encerramento do evento.
A programação completa dos espetáculos está disponível no site do evento.
BR-277
De acordo com a previsão de tráfego da concessionária Ecovia, cerca de 57 mil veículos devem circular pela BR-277 e demais estradas, em ambos sentidos, entre hoje (18) até domingo (20).
O período de maior movimento na BR-277, sentido Paranaguá, deve ocorrer entre as 17h00 e 21h00 de sexta, com pico de 900 veículos por hora, e no sábado, entre 9h00 e 13h00. No domingo, a previsão é que haja um retorno com fluxo normal de veículos, sem picos de concentração.

Funcionário público morre na hora após bater contra caminhão na RMC


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Foto: Juliano Cunha - Banda B
Foto: Juliano Cunha – 

Um funcionário público morreu na hora após bater contra um caminhão na Rua Doutor Valério Sobania, em Araucária, na região metropolitana de Curitiba. Hercilho Zeferino de Mello tinha 54 anos e, de acordo com testemunhas, estaria em alta velocidade no momento do acidente.
De acordo com o motorista do caminhão Scania, Antônio Valdeci, Mello perdeu o controle antes mesmo de contornar a curva, o que impediu qualquer ação por parte dele de impedir a batida. “Eu não consegui tirar o caminhão e aconteceu essa tragédia, uma pena”, comentou.
O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal.
Confusão
Durante o atendimento, o motorista do caminhão e um sobrinho da vítima chegaram a ter uma discussão no local, já que segundo Valdeci, a vítima estava bebendo momentos antes do acidente, o que poderia indicar embriaguez.

'Queremos esquecer', diz família que se mudou após exorcismo no RS


Depois de ter casa demolida, família se mudou para área urbana de cidade.
Mãe de menina que passou por ritual diz que teve ajuda de muitas pessoas.

Do G1 RS
Casa é demolida após exorcismo no RS (Foto: Reprodução / RBSTV)Pedras caíam no telhado e dentro da casa, segundo moradores (Foto: Reprodução / RBSTV)
Mais de um mês após ter a casa demolida por conta de supostos acontecimentos e fenômenos incomuns, a família da menina de 11 anos que passou por um ritual de exorcismo em um município da Região Norte do Rio Grande do Sul afirma que os fenômenos cessaram e que deseja esquecer o passado.
“Está tudo bem agora. Não tem mais nada de estranho. Queremos esquecer. Muitas pessoas nos ajudaram”, contou a mãe ao G1, após a demolição da casa e da mudança da família para um novo lar.
  •  
Família presencia fenômenos no RS (Foto: Reprodução/RBS TV)Família presenciava fenômenos em cidade da
Região Norte (Foto: Reprodução/RBS TV)
O casal e os três filhos, um menino de oito anos e duas jovens de 11 e 15 anos, deixaram a área rural e hoje vivem na zona urbana da cidade, cujo nome não é revelado a pedido da família. A prefeitura do município diz que alugou um imóvel para abrigar a família e também disponibilizou uma equipe multidisciplinar para acompanhar o caso.
A mãe da menina de 11 anos, que prefere não ser identificada, relata que o comportamento estranho da filha parou há algumas semanas. Em junho, o caso se tornou o principal assunto entre moradores e mobilizou vizinhos, assistentes sociais, médiuns e até a polícia, como mostrou a reportagem do Teledomingo (relembre no vídeo abaixo).
De acordo com o relato da mulher, a filha do casal apresentava um comportamento estranho. Em alguns momentos, ela chegava a mudar o tom de voz e se contorcer. Os moradores também relataram supostos fenômenos, como pedras que caíam sem explicação sobre o telhado da casa e dentro da residência, além de objetos e móveis que se moviam.
No início de junho, a residência onde a família vivia acabou desmanchada por conta dos supostos fenômenos. Vizinhos, policiais e pesquisadores confirmam a versão da família e dizem que presenciaram tais acontecimentos. Por medo, a família decidiu abandonar o local e procurar ajuda. Várias entidades sociais e religiosas se ofereceram para auxiliar. 

Na residência vivia um casal com três filhos, um menino de 8 anos e duas meninas, de 11 e 15 anos. Vizinhos prestaram ajuda e chegaram a levar eles para outros locais, como um colégio próximo. No entanto, os acontecimentos teriam voltado a ocorrer. Além das pedras, a filha mais velha do casal começou a apresentar um comportamento estranho. "Um dia, o espírito levou ela para cima da casa, jogou-a para baixo e quebrou a telha", relatou a mãe.
Entenda o caso

No dia 8 de junho, o Teledomingo (veja o vídeo acima) mostrou a história da família que vivia em uma casa onde ocorriam fenômenos incomuns. Barulhos de socos nas paredes, pedras que caíam no telhado e dentro da casa, mesmo com as portas e janelas fechadas, eram alguns dos relatos dos moradores. Policiais que foram chamados ao local também se assustaram com os acontecimentos.
Ao saber do caso na cidade, o produtor de vídeos Gelson Luiz da Costa foi até o local movido pela curiosidade. Com uma câmera, fez imagens para registrar os fenômenos. No momento da gravação, uma pedra caiu dentro casa. Ele percebeu que a família precisava de ajuda e se empenhou para encontrar um médium para fazer um trabalho de exorcismo.
O médium Nelson Júnior Paz disse ter exorcizado a garota. “O espírito se afastava da menina quando a gente chegava perto da casa. Então, eu me retirei para que ele baixasse nela e eu pudesse fazer o exorcismo. Também perguntei por que ele estava perturbando aquela menina, o que acontecia. A todo momento, ele dizia que queria a vida dela ou a propriedade de volta”, relatou o médium à época.
Garota de 11 anos voltou a apresentar comportamento incomum (Foto: Reprodução/RBS TV)Garota de 11 anos chegou a ser exorcisada (Foto: Reprodução/RBS TV)

Tranquilo, adolescente que confessou até assassinato diz à polícia que não ficará apreendido por muitos dias


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

Um adolescente que vendia drogas pelas ruas da Cidade Industrial de Curitiba confessou crimes graves na noite desta quinta-feira (17) durante uma abordagem. O garoto de 16 anos estava traficando na rua Anjolino Buzetti e foi visto pela equipe da ROTAM do 23º Batalhão da Polícia Militar. O adolescente foi abordado com cerca de 17 buchas de maconha prontas para a venda.
A partir do flagrante, o garoto contou que tinha mais drogas dentro da casa onde ele estava.Elas foram apreendidas, junto de um revólver calibre 32 e várias peças de roupas de um roubo a um veículo Doblô, que aconteceu há duas semanas, no bairro Fazendinha.
Ele confessou que roubou veículo ao lado de outros dois adolescentes que moram em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba. Ainda, contou que também mora próximo dos comparsas, mas precisou se mudar para Cidade Industrial depois de ter cometido alguns homicídios. “Ele contou que estava jurado de morte. Ele admitiu todos esses crimes e continuava praticando roubo e assaltos. Ele disse na nossa cara que não vai ficar preso por muito tempo e, por isso, ainda jurou praticar mais crimes onde morava ”, contou o tenente Osias.
O adolescente já foi preso em Fazenda Rio Grande com duas espingardas e revólveres. As vítimas do veículo Doblô reconheceram o garoto como sendo o assaltante. As roupas e outros pertences também foram reconhecidos. O adolescente foi levado para a Delegacia do Adolescente (DA).

Criança de 2 anos sai correndo e morre atropelada em condomínio do Centro Cívico


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Foto: Juliano Cunha - Banda B
Foto: Juliano Cunha – 

Uma criança de dois anos morreu atropelada no final da manhã desta sexta-feira (18) em um condomínio da Travessa João Bom, no bairro Centro Cívico, em Curitiba. De acordo com os socorristas do Siate que atenderam a ocorrência, um vizinho estacionava um Ecosport quando provavelmente a criança teria corrido em frente, vindo a morrer na hora.
Segundo o médico do Samu que esteve no local, Dr. Cardenas, é claro que ninguém teve a intenção de causar o acidente e o que ocorreu ali foi uma tragédia. “O vizinho estava entrando na garagem, é uma pena muito grande o que ocorreu. O Siate ainda tentou socorrer, mas nada pôde fazer”, comentou.
O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).
Fonte: Banda B

"A cura da Aids poderia estar naquele avião" que foi abatido por míssil


JOEP LANGE MORRE EM QUEDA DE AVIÃO NA UCRÂNIA (FOTO: DIVULGAÇÃO/REPRODUÇÃO)


A queda do avião da Malaysia Airlines ocorrida nesta quinta-feira, 17, reservou tristes notícias para o mundo da ciência. No voo, estavam cerca de 100 cientistas e ativistas a caminho da Conferência Internacional sobre a Aids, prevista para começar neste domingo (20) na Austrália.
Dentre os mortos, estava o holandês Joep Lange, de 60 anos, reconhecido como um dos maiores especialistas sobre a doença no mundo. O cientista dedicou cerca de 30 anos da sua vida às pesquisas sobre o vírus HIV e à Aids. Ele ficou mundialmente conhecido por defender a diminuição dos custos do tratamento para os países mais pobres. Em anuncio, um professor da Universidade South Wales que havia trabalhado com Lange disse: “Joep tinha um compromisso absoluto com os tratamentos contra o HIV na Ásia e na África”.

Ex-presidente da Sociedade Internacional da Aids (IAS), o cientista estava trabalhando como professor de medicina na Universidade de Amsterdã e era diretor do Instituto de Amsterdã para a Saúde Global e o Desenvolvimento. Em declaração, o atual presidente da IAS falou: “O movimento HIV/Aids perdeu um gigante”.

Pioneiro nas terapias mais acessivas da doença, Lange estava voando para Kuala Lumpur, onde encontraria sua mulher para um voo de conexão à Austrália. Junto dele, estavam cerca de 100 pessoas que seguiam em direção à conferência. Em entrevista a uma rede australiana, Trevor Stratton, um consultor sobre a doença, disse: “A cura da Aids poderia estar a bordo daquele avião, simplesmente não sabemos”.

Caminhão com álcool capota, explode e motorista morre na Serra do Cadeado



Um acidente de trânsito ocorrido na noite de quinta-feira (17), no km 305 da BR-376 (Rodovia do Café), na Serra do Cadeado, entre as cidades de Mauá da Serra e Ortigueira, provocou a explosão de um veículo, a morte do motorista e ferimentos em dois bombeiros que atendiam a ocorrência.
incendio br
Acidente ocorreu no km 305 da BR-376 (Rodovia do Café), na Serra do Cadeado, entre as cidades de Mauá da Serra e Ortigueira(Fotos:Clóvis Maia, de Faxinal para TNOnline)
De acordo com o Corpo de Bombeiros de Ivaiporã, Maurílio Aparecido de Souza, de 50 anos, trafegava com o caminhão marca Scânia tanque bitrem, modelo 124-380, placa AQS-6080, de Maringá, no sentido Interior/Capital do Estado, e transportava 40 mil litros de etanol (álcool) quando o veículo de carga capotou, explodiu duas vezes e pegou fogo.
Maurílio morreu carbonizado em meio às ferragens do caminhão e dois integrantes do Corpo de Bombeiros de Ivaiporã ficaram feridos durante o combate ao fogo.

14 deputados que voltam às urnas são milionários


Levantamento foi realizado entre os 25 parlamentares da bancada do Paraná em Brasília que se inscreveram na disputa de outubro

Catorze dos 25 deputados federais do Paraná que voltam às urnas em outubro têm mais de R$ 1 milhão em bens declarados à Justiça Eleitoral, segundo levantamento da FOLHA. O partido que mais concentra candidatos milionários é o PSC, com quatro parlamentares que, juntos, declararam R$ 45,78 milhões.

O levantamento da evolução do patrimônio dos candidatos da Câmara Federal levou em consideração apenas os deputados atualmente em exercício de mandato, deixando de fora os suplentes que também voltam às urnas este ano. Dos 30 deputados em exercício na bancada, cinco não se inscreveram no pleito de 2014. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disponibiliza os bancos de dados desde as eleições de 2006. Os valores utilizados eram os disponíveis até a tarde de ontem.

Dos 25 candidatos com mandatos, apenas três não entram na disputa de outubro para o mesmo cargo: Cida Borghetti (Pros) e Rosane Ferreira (PV) entram como candidatas a vice, respectivamente, de Beto Richa (PSDB) e Roberto Requião (PMDB), e Ratinho Júnior (PSC) vai tentar uma vaga na Assembleia Legislativa do Paraná.

Entre candidatos milionários, cinco têm mais de R$ 10 milhões em bens: Alfredo Kaefer (PSDB), Edmar Arruda (PSC), Nelson Padovani (PSC), Dilceu Sperafico (PP) e Leopoldo Meyer (PSB). Somadas, as fortunas somam R$ 168,5 milhões. A maior parte da cifra, entretanto, cabe a Kaefer, que declarou quase R$ 108,6 milhões.

Porém, os detentores das maiores fortunas nem sempre são os que tiveram maior evolução em seus bens. O deputado federal Luiz Nishimori (PR) viu seu patrimônio saltar 1.653% em oito anos. Se, em 2006, seu patrimônio era constituído de parte de capital social de duas empresas e um Honda Civic, num total de R$ 58,9 mil, em 2014 constam em seu nome mais de R$ 1,032 milhão, com dinheiro em contas correntes, participações societárias e um veículo Pajero.

Outro que teve uma ascensão meteórica nos bens é Ratinho Júnior (PSC). O crescimento, neste caso, atinge 1.236,8% entre 2006 e 2014. Há oito anos, o então candidato a deputado federal tinha em bens pouco mais de R$ 595 mil. Este ano, em sua corrida pela cadeira de deputado estadual, a declaração supera os R$ 7,9 milhões. O candidato é filho do apresentador Ratinho, que é proprietário, entre outros empreendimentos, da Rede Massa de Comunicação.

Além dos dois, outros nove candidatos "de carreira" dobraram o tamanho de seus bens nos últimos anos.

Por outro lado, quatro viram seus patrimônios encolherem. É o caso de Giacobo (PR), André Zacharow (PMDB), Hermes Parcianello (PMDB) e João Arruda (PMDB). Este último, aliás, tem a retração mais chamativa, chegando a 79% em quatro anos. Se, em 2010, o banco de dados do TSE indica declarações que ultrapassam R$ 2 milhões, em 2014 chega a pouco mais de R$ 438 mil. A diferença nestes dois casos é uma aplicação de renda fixa no valor de R$ 1,5 milhão no banco Cruzeiro do Sul, que não existe na atual declaração.

Morre no Rio o escritor João Ubaldo Ribeiro, da obra “Viva o povo brasileiro”


Redação
j
João Ubaldo morreu nessa madrugada
Morreu na madrugada desta sexta-feira (18), aos 73 anos, o escritor João Ubaldo Ribeiro. João Ubaldo — membro da Academia Brasileira de Letras (ABL) e autor de “Sargento Getúlio” e “Viva o povo brasileiro” — foi vítima de uma embolia pulmonar. As informações são do jornal A Tarde.
O escritor ocupava a cadeira número 34 da ABL, desde 1993. Nascido em Itaparica, na Bahia, em 23 de janeiro de 1941, ele morou ao longo da vida em Sergipe, Lisboa, Berlim e Rio de Janeiro, onde acabou se fixando.
De acordo com a ABL, João Ubaldo deixa quatro filhos — dois do casamento com Mônica Maria Roters e outros dois com Berenice de Carvalho Batella Ribeiro.

Trio esquece documentos dentro de carro em assalto e é preso horas depois de invadir chácara em São José


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

sao-jose-chacara
Dois presos durante ação da polícia. 
A chegada da Polícia Militar (PM) em uma chácara em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, frustrou a tentativa de assalto de três jovens. Eles deixaram para trás um veículo – no nome de um deles – e todos os documentos de identificação. Um deles trabalhava em uma lanchonete no Aeroporto Internacional Afono Pena. Dois foram presos e todos os pertences da família devolvidos.
A tentativa de assalto aconteceu na noite desta quarta-feira (16) às 20h30 na localidade da Colônia Acioli. O trio invadiu a chácara e rendeu a família: 5 adultos e uma criança. Todos foram amarrados em um cômodo da casa e mantidos reféns até que os acusados levassem muitos eletrônicos e eletrodomésticos até o carro que eles usavam – um Corsa.
Durante o assalto, parentes da família entraram em contato com a PM, que chegou rapidamente ao local. Os bandidos foram surpreendidos e foram obrigados a deixar o veículo e fugir a pé por um matagal próximo. “No momento em que chegamos não conseguimos detê-los. Mas, depois, vimos que eles abandonaram um carro que estava sendo usado no crime. Lá dentro tinha todos os documentos deles e, com isso, conseguimos localizar o endereço deles e até mesmo onde trabalhavam. Um era atendente de lanchonete no aeroporto. No dia seguinte todos até eles”, contou o tenente Johanes do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
Para tentar enganar a polícia, o dono do veículo registrou, na manhã seguinte, um boletim de ocorrência sobre um suposto roubo do seu carro. A tentativa não deu certo e Sérgio Berg Filho, 20 anos, foi preso por participação no assalto. Vicente Subtil de Oliveira, 27 anos, foi preso em casa, no Jardim Cristal, e confessou o crime e a participação dos comparsas. O terceiro elemento acusado do crime identificado como Iago Leonardo Cabral Bispo, 21 anos, sendo procurado pela polícia.
Todos os pertences da família que estavam dentro do carro foram recuperados. Eles estão presos na Delegacia de São José dos Pinhais.

Mulher fica na linha de tiro entre polícia e assaltantes de banco e acaba baleada na Rua Anita Garibaldi


Por Denise Mello e Bruno Henrique

tiroteio1
Mulher foi atingida no chão e foi encaminhada ao hospital – 

marido caido
Vítima ficou caída no chão após a batida
Um tiroteio na Rua Anita Garibaldi, no Barreirinha, em Curitiba, deixou uma mulher ferida por volta das 6 horas desta sexta-feira (18). O confronto entre policiais e integrantes da Gangue do Maçarico aconteceu logo após o assalto a uma agência do Banco do Brasil. O bando fugia quando foi cercado pelos policiais. Na fuga, o carro dos assaltantes bateu contra uma moto em que estava um casal. Eliana Araújo, de 34 anos, caiu e na troca de tiros foi atingida mesmo no chão. Ela foi socorrida em estado grave, um dos bandidos foi baleado e o restante da gangue fugiu.
A gangue tinha acabado de estourar e pegar o dinheiro dos caixas eletrônicos da agência quando foi flagrada por policiais do 20º Batalhão da PM. Os bandidos, fortemente armados, fugiram em um veículo Gol. Começou então a perseguição pelas ruas do bairro. Logo em frente, o carro dos bandidos bateu na contramão contra a moto de um casal que seguia para o trabalho. Os ocupantes caíram e começou o tiroteio.
Com o impacto, Eliana, que pilotava a moto, foi arremessada do outro lado da rua e acabou atingida nas nádegas. O marido dela, José Carlos dos Santos, 40 anos, que estava na garupa, também foi arremessado após a bandida e encaminhado ao Hospital Evangélico com ferimentos leves. Um dos bandidos, David William, de 25 anos, foi atingido com dois tiros nas pernas e levado para o Evangélico também. A polícia afirma que o tiro que acertou a vítima partiu dos bandidos.
assalto tiros
Gangue conseguiu estourar um dos caixas
O restante da quadrilha conseguiu fugir e buscas estão sendo feitas na região do Cachoeira, Ahú e Barreirinha, e também na saída para a região metropolitana de Curitiba pela Rodovia dos Minérios. Um dos assaltantes conseguiu fugir com o dinheiro levado do caixa.
O grupo é de Joinville (SC) e veio para Curitiba nesta madrugada só para praticar o assalto.
A vítima baleada foi encaminhada ao Hospital Cajuru.