Trio é preso três dias depois de roubar carro no Bigorrilho


Da Redação com Polícia Civil
trio-roubo-180714-bandab
(Foto: PM)

Três pessoas foram presas envolvidas em um roubo de carro no bairro Bigorrilho, em Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (18). Um veículo Fluence foi recuperado pelo 12º Batalhão da Polícia Militar.
Os policiais receberam o alerta e localizaram o carro com o trio. O automóvel estava com as placas clonadas e foi roubado na última quarta-feira (15). Um dos suspeitos foi reconhecido pela vítima como autor do roubo.
Os três foram encaminhados para a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba.
No Boqueirão
Policiais civis da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) prenderam também, nesta semana, Elton Batista da Silva e Gleitson Ribeiro da Silva, que estavam circulando pela Rua Paulo Setubal, próximo à Praça das Menonitas, com um Agile prata, furtado no dia 17 de junho. O caso aconteceu no bairro Boqueirão, em Curitiba.
Segundo o delegado Marcelo Magalhães, da DFR, uma equipe da especializada achou a dupla em atitude suspeita e deu voz de abordagem a eles. Com Silva, os policiais encontraram um revólver 38. “Os dois foram conduzidos até a delegacia e lá teve início a investigação em relação ao carro. Inicialmente, pela placa ASX-0685 não foi constatada nenhuma irregularidade”, contou o delegado.
Mesmo assim, os investigadores resolveram checar o chassis do veículo e descobriram que a placa original do carro era outra (AVW- 2297). “Esse carro havia sido furtado. Por isso, os dois foram autuados por receptação e porte de arma”, explicou o delegado.

Jovem foge e mãe acaba presa por tráfico de drogas na RMC


Por Felipe Ribeiroe Danaê Bubalo

traficosjp
Foto: Danaê Bubalo – 
Uma mulher de 34 anos foi presa em flagrante no final da tarde deste sábado (19) após um adolescente de 17 anos ser abordado com um equipamento para preparo de maconha e levar a Guarda Municipal de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, até a sua casa.
De acordo com o guarda Jacomel, o menino foi abordado na Rua Luiz Rezende e falou onde havia comprado a droga. Lá a guarda encontrou 67 buchas de cocaína, 200 gramas de maconha e R$ 140 em dinheiro trocado.
Como a droga estava dentro da residência, Jacira Cristina Luchini foi presa em flagrante por tráfico e encaminhada à Delegacia de São José dos Pinhais. A detida informou que a droga era do seu filho, um jovem de 19 anos que fugiu pouco antes da abordagem.

PM lança megaoperação em todo o Paraná para combater a criminalidade


Da PMPR

No final da tarde desta sexta-feira (18), teve início mais uma megaoperação da Polícia Militar do Paraná: a “Operação 3 Planaltos”, que contará com um grande efetivo de policiais militares e viaturas que atuarão em todo o estado. O lançamento oficial foi feito no Quartel do Comando Geral, localizado no bairro Rebouças em Curitiba, capital paranaense, simultaneamente com os demais batalhões de todo o estado, com o apoio dos seis Comandos Regionais de Polícia Militar (CRPM).
operacaopm
Foto: PMPR
Em Curitiba, a operação conta com mais de 120 policiais militares e mais de 30 viaturas que saíram às ruas da cidade marcando o início dos trabalhos na capital.
“O intuito é a redução do número de contravenções e crimes, visando a apreensão de armas de fogo ilegais e/ou irregulares e drogas, a captura de foragidos da Justiça, abordagens, fiscalização, saturação, ações para a prevenção de furtos e roubos de veículos também são intensificadas durante o período da operação”, explica o major Eroni roberto Antunes, Subcomandante do Regimento de Polícia Montada (RPMon) e Comandante da operação na Capital.
Durante a operação, que ocorre simultaneamente em todo o Paraná, contando com a colaboração de todos os Comandos Regionais e unidades locais, são feitos vários pontos de bloqueio, blitz e batidas policiais em locais de grande circulação de pessoas e carros, além daqueles em que são registradas mais ocorrências, com base em dados obtidos por meio da análise de Boletins de Ocorrência Unificados (BOU).
Além dos Comandos Regionais representados pelos batalhões, as unidades especializadas da Polícia Militar também participam da operação, o BPMRv (Batalhão de Polícia Militar Rodoviária) e BPMA (Batalhão de Polícia Militar Ambiental) devem atuar em parceria com as companhias locais, assim como o BPMEsc (Batalhão de Polícia Militar Escolar), o GRAER (Grupamento Aéropolicial e Resgate Aéreo), o BPFron (Batalhão de Polícia de Fronteira) e o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito). Já o BOPE (Batalhão de Operações Especiais) atua na capital e região metropolitana.
Os resultados serão divulgados ao final da operação.
.

Carro é encontrado capotado no Parque Náutico do Iguaçu e motivo é um mistério


Por Felipe Ribeiro e Danaê Bubalo
Foto: Danaê Bubalo - Banda B
Foto: Danaê Bubalo – 
Um veículo Fiat Siena, com placas de São José dos Pinhais, foi encontrado capotado no começo da manhã deste sábado (19) no Parque Náutico do Iguaçu, em Curitiba. De acordo com a Guarda Municipal, o veículo estava fechado na chave de ignição e foi necessário quebrar o vidro para abrir a porta.
Pelo relato dos guardas, um homem passava pelo local e observou o veículo, suspeitando até que poderia se tratar de um crime, mas nada foi constatado. A ausência de marcas de freadas também não indicam um acidente ou perda de controle.
O carro não é roubado e está com os documentos em dia. O dono do veículo agora deve ser convocado para esclarecimentos.
.

Guardas municipais de Curitiba são investigados por ligações com doleiro Alberto Youssef


1907-doleiro-escuta
Do Painel, Folha de S. Paulo:
Alô, doleiro – A Polícia Federal descobriu que o doleiro Alberto Youssef, preso na operação que apura desvios na Petrobras, conseguiu usar um celular atrás das grades. Os investigadores acreditam que ele fez as ligações, de dentro da carceragem em Curitiba, para ocultar provas do caso. Foram identificados cinco suspeitos de receber propina para permitir o uso ilegal do telefone. Eles estão lotados no setor de custódia da PF paranaense e serão investigados por crime de corrupção passiva.
Na mira – A delegada que apura o uso do celular pediu ontem, em ofício sigiloso, “levantamentos detalhados” com o endereço, o patrimônio e os “principais relacionamentos” dos cinco funcionários da carceragem.
Alvos – Os investigados são um agente da Polícia Federal, três guardas municipais e uma funcionária terceirizada. A delegada ainda não sabe se todos colaboraram para a entrada do telefone.
Fora do ar – A primeira suspeita surgiu em maio, quando um agente da PF informou aos superiores, por escrito, o número e a operadora do celular usado pelo doleiro. Ontem a linha caía em caixa postal sem identificação.
Defesa – O advogado de Youssef, Antonio Figueiredo Basto, diz que ainda desconhece a investigação da PF e que nunca recebeu nenhum telefonema do doleiro. “Nunca vi nenhum indício disso. Mas a Polícia Federal deve investigar e tomar as providências necessárias”, afirma.

Quem não gosta de trabalho é o Requião, diz Beto Richa



O governador Beto Richa (PSDB) disse nesta sexta-feira (18), em entrevista a rádio Municipal FM de Quedas do Iguaçu, que fez em três anos o que o senador Roberto Requião (PMDB) fez em oito anos de governo. “Posso comparar, com muita tranquilidade, os três anos do meu governo contra os oitos anos do governo Requião, que não cumpriu nada do que prometeu e deixou apenas dívidas”.





Motociclista fica ferido após se envolver em acidente com caminhão no Bigorrilho


Por Felipe Ribeiro e Danaê Bubalo
Foto: Danaê Bubalo - Banda B
Foto: Danaê Bubalo – 
Um motociclista ficou ferido durante a tarde deste sábado (19) após perder o controle em uma curva e se envolver em um acidente com caminhão na curva das ruas Noel Rosa e Dr. Álvaro Albuquerque, no bairro Bigorrilho, em Curitiba.
acidentebigorrilho
Foto: Danaê Bubalo – 
De acordo com o motorista do caminhão, ele não viu nada, somente foi avisado por um carro que seguia no sentido contrário que a motocicleta estava embaixo do seu veículo. “Eu acredito que ele passou por baixo, já que o caminhão não possuí nenhuma marca de batida”, comentou.
Como o local é de curva, é provável que o motociclista não tenha visto o caminhão e se desequilibrado.
Felipe Barbosa, de 22 anos, foi encaminhado ao Hospital Cajuru, mas de acordo com o motorista do caminhão, ele não possuía nenhum documento.
A Delegacia de Delitos de Trânsito deve investigar a situação.

Fonte: Banda B

Bandidos levam PM à grande esquema de roubo de cargas após assalto a furgão na BR-277


Por Felipe Ribeiro e Danaê Bubalo
Fotos: Danaê Bubalo 

Pelo menos três membros de uma grande quadrilha de roubo de cargas da região de Curitiba foram presos em flagrante no final da manhã deste sábado (19) após assaltarem um furgão na BR-277, em São José dos Pinhais. De acordo com a Polícia Militar, uma viatura passava pela rodovia no exato momento em que houve o roubo ao furgão, o que motivou uma perseguição que terminou na Rua Antônio Contim, uma via sem saída.
Segundo a vítima do assalto, ele seguia para a empresa de roupas para a qual fazia o serviço e foi fechado na pista por dois homens um Corsa Classic. Enquanto um dos bandidos seguiu no veículo, outro deu a voz de assalto e pegou a direção do furgão, vindo a parar nesta rua onde se entregaram.
Verificando os documentos do Classic apreendido, a PM encontrou uma arma e documentos que levou os policiais até uma residência da Rua Charles Nicole, no bairro Cajuru, em Curitiba, onde uma mulher foi encontrada e centenas de objetos roubados eram guardados. Ela foi presa em flagrante por participação na quadrilha e tráfico de drogas, já que uma quantidade de maconha também foi encontrada no local.
Um veículo Audi, que estaria dando cobertura ao Classic, também foi identificado como parte integrante da quadrilha após deixar dois baleados no posto do Corpo de Bombeiros do Afonso Pena. Um helicóptero do Batalhão de Operações Aéreas (Graer) o localizou em uma casa e o motorista que tentou fugir também deve ser preso.
Neste momento a PM verifica outros pontos que podem servir como local de armazenagem para os produtos roubados em São José dos Pinhais, Pinhais e Colombo.
A Delegacia de Estelionatos e Desvio de Cargas (DEDC) deve seguir na investigação do caso.
.

Sensus aponta que Dilma e Aécio empatam em eventual 2º turno


Pesquisa feita pelo Instituto Sensus mostra que a presidente Dilma Rousseff (PT) sofreu uma oscilação dentro da margem de erro, mas manteve o mesmo patamar nas intenções de voto. A pesquisa mostrou ainda que Dilma e o candidato do PSDB, Aécio Neves, estão empatados tecnicamente em um eventual segundo turno.

A presidente oscilou de 32,2% das intenções em junho para 31,6% no levantamento divulgado neste sábado pela revista IstoÉ. O candidato do PSDB à Presidência, senador Aécio Neves, oscilou de 21,5% para 21,1%. Já Eduardo Campos, do PSB, oscilou de 7,5% para 7,2%%.

O pastor Everaldo Pereira (PSC) teve 2,6% das intenções de voto, ante 2,3% em junho. Luciana Genro (PSOL) tem 1,1%. Rui Costa Pimenta (PCO), 0,7%. José Maria (PSTU), 0,5%. Eduardo Jorge (PV), 0,3%. Eymael (PDC), 0,3%. Levy Fidelix (PRTB) 0,3%. Mauro Iasi (PCB) tem 0,1%. Brancos, nulos, não respondeu são 34,4%, ante 28,8% na pesquisa anterior.

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, a diferença entre a presidente Dilma Rousseff e seus potenciais adversários caiu. No cenário com Aécio Neves, o placar fica em 36,3% contra 36,2% do tucano, tecnicamente empatados. Em junho, Dilma tinha 37,8% das intenções contra 32,7% de Aécio, uma diferença de 5,1 pontos porcentuais.

Quando o oponente de Dilma é Eduardo Campos, a presidente teria 38,7% das intenções de voto contra 30,9% do pessebista, uma diferença de 7,8 pontos porcentuais. Em junho, a petista tinha 37,5% contra 26,9% de Campos, 10,6 pontos de diferença.

Avaliação do governo

Os eleitores também foram questionados sobre a avaliação do governo Dilma Rousseff. A avaliação positiva oscilou de 34,2% em junho para 32,4% agora. A avaliação negativa caiu de 34,6% no levantamento anterior para 28,5% na pesquisa atual. Já a avaliação regular subiu de 29,1%% para 36,4%. A porcentagem dos que não responderam ou não souberam responder ficou em 2,8%, ante 2,2% da última mostra.

A pesquisa Sensus, contratada pelo próprio Instituto, foi a campo entre 12 e 15 de julho e ouviu 2 mil eleitores em 136 municípios de 24 Estados do País. O levantamento tem nível de confiança estimado de 95% e margem de erro máxima de 2,2 pontos porcentuais. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo BR-00214/2014.
Agência Estado

No PR, apenas 9 deputados estão fora da disputa


Dos 84 parlamentares paranaenses em exercício na Câmara e na Assembleia Legislativa, 75 se registraram no pleito de outubro

Praticamente todos os deputados estaduais e federais paranaenses vão dividir a agenda entre as atividades parlamentares e a campanha eleitoral. Na Câmara dos Deputados, dos 30 representantes em exercício de mandato na bancada estadual, 25 são candidatos. Na Assembleia Legislativa (AL) do Paraná, 50 entre os 54 deputados estaduais em exercício querem permanecer no Legislativo. Entre os 50, cinco disputam uma vaga no Congresso, em Brasília. O levantamento foi realizado pela FOLHA a partir dos dados do sistema DivulgaCand2014, do Tribunal Superior Eleitoral, e trata exclusivamente dos parlamentares hoje em exercício. No quadro ao lado, porém, com base no site da Câmara dos Deputados, a reportagem também revela quem são os suplentes que por algum período exerceram a cadeira de deputado federal na atual legislatura e estão dispostos a tentar as urnas novamente. O site da AL não informa quais políticos passaram pela Casa ao longo dos quatro anos.

Enquanto a maioria tenta a reeleição, existe o grupo daqueles que não se candidataram, mas que vão investir na candidatura de apadrinhados ou atuar na articulação das campanhas de aliados políticos. Dois dos integrantes da bancada estadual no Congresso, Eduardo Sciarra (PSD) e Abelardo Lupion (DEM), optaram por ajudar outras campanhas. Depois das especulações de que poderia ser candidato ao Senado ou até vice de Beto Richa (PSDB), Sciarra acabou como coordenador da campanha do governador tucano, que tenta a reeleição. Lupion não quis tentar a reeleição e vai integrar a equipe política do presidenciável Aécio Neves (PSDB), além de acompanhar o filho, Pedro Lupion (DEM), em sua campanha de reeleição à AL.

As alianças políticas também retiraram da disputa pela reeleição outros paranaenses na Câmara. Deputada federal de primeiro mandato, Rosane Ferreira (PV) ficou com a vaga de vice-governadora na chapa encabeçada por Roberto Requião (PMDB), depois de ser anunciada pelo PV como candidata ao Executivo. A deputada federal Cida Borghetti (Pros) entrou na campanha como vice de Beto e abriu espaço para o marido, o ex-secretário estadual da Indústria e Comércio Ricardo Barros (PP), que tenta voltar à Câmara. O domicílio eleitoral de ambos é na região de Maringá. Entre os aliados de Beto que desejam sair de Brasília está o deputado federal Ratinho Junior (PSC), que vai tentar uma cadeira na AL.

Também fora da lista de candidatos, o deputado federal Dr. Rosinha (PT), que foi preterido pelo partido na escolha de um nome ao Senado, deve atuar na campanha da senadora Gleisi Hoffmann (PT) ao governo do Estado. Sem partido, o ex-petista André Vargas, que responde por suposta quebra de decoro parlamentar no Conselho de Ética da Câmara por envolvimento com o doleiro preso Alberto Youssef, também está fora da disputa.

Veterano no Congresso, Odílio Balbinotti (PMDB), que cumpre o quinto mandato consecutivo na Câmara, não vai tentar a reeleição. O secretário de Governo de Beto Richa, Cezar Silvestri (PPS), eleito para a legislatura 2011-2014 na Câmara, permanece licenciado da Câmara e não vai tentar a reeleição. Já a esposa do pepessista, Cristina Silvestri (PPS), tenta uma vaga na AL.

Na AL, apenas Duílio Genari (PP), Felipe Lucas (PPS), Nelson Garcia (PSDB) e Rose Litro (PSDB) abriram mão da disputa. Rose, que venceu em 2010 com o apoio do marido, o ex-deputado estadual Luiz Fernandes Litro (PSDB), vai atuar na campanha do filho Paulo Litro (PSDB). Encerrando o seu sexto mandato consecutivo, Nelson Garcia (PSDB) desistiu de tentar a reeleição a pedido de familiares, segundo a assessoria de imprensa. O pepessista Felipe Lucas vai apoiar a esposa, Marisa Massa Lucas (PSC), e o filho Rafael Felipe Lucas (PSB), que se candidataram a deputada estadual e deputado federal, respectivamente.


Malaysia Airlines divulga nacionalidades dos 298 passageiros


Maior parte das vítimas da queda do avião era da Holanda, Austrália e Malásia; incluindo três crianças







Em comunicado, a companhia área Malaysia Airlines divulgou neste sábado (19), as nacionalidades dos 298 passageiros mortos na queda do voo MH17. Os passageiros eram:

- 192 holandeses, entre eles um com cidadania americana

- 44 malaios, incluindo 15 tripulantes e duas criança
- 27 australianos
- 12 indonésios, incluindo uma crianças
- 10 britânicos, entre eles um com cidadania sul-africana
- 4 alemães
- 4 belgas
- 3 filipinos
- 1 canadense
- 1 neozelandês
O Boeing 777 caiu no leste da Ucrânia, quando partiu na quinta-feira (17), de Amsterdã para Kuala Lumpur. A aeronave estava a 10 mil metros de altitude e cruzava uma região conflagrada pelo choque entre o Exército ucraniano e milícias separatistas entre as cidades de Donestsk e Luhansk, próximo à fronteira da Rússia.
Agência Estado

Um ano e meio após tragédia, polícia indicia mais 18 pessoas por incêndio na Boate Kiss


Da Agência Brasil

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul indiciou hoje (18) mais 18 pessoas pelo incêndio na Boate Kiss, em janeiro de 2013. A polícia entregou ao Judiciário o inquérito policial sobre as investigações remanescentes do caso, no qual informa os novos indiciamentos. Os motivos são diversos: falsidade ideológica, prevaricação, fraude processual, falso testemunho e crime ambiental.
31.01.13_-_KISS
Foto: Agência Brasil
A polícia verificou irregularidades na concessão do alvará de localização e da Licença de Operação da boate, além de constatar que alguns dos indiciados não disseram a verdade quando foram interrogados sobre o caso. O inquérito também apontou o envolvimento de servidores públicos em fraudes que possibilitaram a expedição das licenças para funcionamento do estabelecimento.
O incêndio na Boate Kiss ocorreu na madrugada do dia 27 de janeiro de 2013, causando a morte de 242 pessoas e deixando mais de 620 feridas. O fogo começou durante a apresentação da banda Gurizada Fandangueira, quando um dos músicos acendeu um artefato pirotécnico no palco. A espuma usada para abafar o som do ambiente era imprópria para uso interno e produziu substâncias tóxicas, como o cianeto, o que causou a maioria das mortes. A boate funcionava com documentação irregular e estava superlotada.
.

Frio chega com força e madrugada teve temperaturas negativas no Paraná



Da Redação



O frio chegou com força ao Paraná e a madrugada deste sábado (19) teve temperaturas negativas na região sudoeste. De acordo com o Instituto Meteorológico Simepar, os termômetros registraram a marca de – 0,1°C em São Mateus do Sul e a previsão é de geada para todas as regiões do estado no domingo (19).

Segundo o meteorologista Reinaldo Olmar Kneib, uma intensa massa de ar frio e também seco se desloca pela região sul do Brasil e também atinge parte dos estados de São Paulo e de Mato Grosso do Sul. Em Curitiba, o dia amanheceu com 4,3 °C.

Para o domingo, a forte massa de ar frio e seco intensifica-se sobre o estado. Com isso, o frio aumenta em todas as regiões paranaenses, inclusive nas regiões mais quentes como o Litoral e faixa norte. Além do intenso resfriamento noturno, a ausência do vento e também o ar seco, aumentam as condições atmosféricas para geadas amplas na maior parte do Paraná.

Em Curitiba, os termômetros devem ficar entre 2°C e 17°C no domingo.