Requião afastava empresas, diz Gleisi


0608-gleisi-requião
A senadora Gleisi Hoffman (PT) deve estar com pesquisa nova na mão, pois começou a bater forte em Roberto Requião (PMDB), com quem disputa uma vaga no segundo turno. Em entrevista ao jornal Metro, de Curitiba, Gleisi elogiou o programa Paraná Competitivo, de Beto Richa (PSDB), e disse que Requião afastava as empresas do Paraná. “Ele (o programa) melhorou o ambiente de negócios, talvez, porque antes era um ambiente muito arredio. Eu diria que não havia um esforço de trazer as empresas para cá. Talvez agora haja um esforço.”

No Norte Pioneiro, Beto Richa garante duplicação da PR-092‏


beto richa norte
O governador Beto Richa afirmou nesta quarta-feira (6), em Siqueira Campos, que o projeto básico para duplicação da rodovia PR-092, entre Jaguariaíva e Santo Antonio da Platina, está concluído. O anúncio de Beto Richa foi feito durante a 82ª Festa do Senhor Bom Jesus da Cana Verde. A proposta de Beto é ligar Santo Antônio da Platina até Jaguariaíva, passando pelo Vale da Ribeira, até chegar na BR 116, perto de Curitiba.
Beto Richa ressaltou que o governo fará audiências públicas na região para debater com a comunidade a proposta. “Essa é uma obra prioritária para região, que certamente vai contribuir para o desenvolvimento econômico e social dos municípios. Além disso, a duplicação vai reduzir os acidentes e dar mais segurança aos motoristas e pedestres que utilizam essa rodovia”, afirmou o governador.
O prefeito de Siqueira Campos, Fabiano Lopes Bueno, agradeceu o governador pelos investimentos na cidade e destacou a importância da duplicação para a região. “Uma obra aguardada há décadas que agora será realidade. A duplicação vai melhorar a economia dos municípios”, afirmou. Ele comentou ainda o estilo municipalista da gestão do governador. “Nossa administração foi atendida além da nossa expectativa. O Estado hoje tem um governante de diálogo que respeita as pessoas”, afirmou.
TURISMO – Beto Richa reafirmou ainda o compromisso do governo estadual em estruturar e fortalecer o turismo em todas as regiões do Paraná. “Vamos investir mais em todas as modalidades de turismo, que é uma indústria limpa que contribuiu para o fortalecimento da nossa economia”, disse. O governador falou sobre a Festa do Senhor Bom Jesus da Cana Verde. “Uma das mais importantes festas religiosas que está crescendo anualmente”, afirmou.
Além do fortalecimento do turismo, Richa falou dos investimentos em agricultura, educação e saúde pública. “Mesmo com as dificuldades, impostas por um governo federal centralizador, estamos fazendo um bom trabalho na saúde com investimento de mais R$ 2 bilhões no setor. Com isso, reduzimos a mortalidade materna e infantil e ampliamos o número de transplantes de órgãos”, disse Richa. O Governo está construindo 450 unidades de saúde no Paraná.
A FESTA – A 82ª Festa do Senhor Bom Jesus da Cana Verde de Siqueira Campos começou no dia 02 de agosto e é considerado um dos maiores eventos religiosos do Estado. Em 2013 o evento reuniu cerca de 150 mil fiéis de diversas regiões do Brasil. Neste ano, a estimativa de que esse número seja ultrapassado. Somente no último domingo (03), 70 mil pessoas visitaram o Santuário.

Marcello Richa debate ações com juventude da RMC


MARCELO RICHA
O coordenador de redes sociais e da juventude da coligação Todos Pelo Paraná, Marcello Richa, participou nesta terça-feira (5) de um encontro com lideranças da juventude da coligação na Região Metropolitana de Curitiba para debater ações e estratégias de campanha. A reunião buscou fortalecer a integração da comunicação e destacar a importância da participação do jovem na política.
“Queremos potencializar a participação do jovem, abrindo espaço para que eles exponham suas ideias e sugestões. Para isso, vamos fortalecer a mobilização com a juventude nas ruas e redes sociais, transformando isso em um evento de debate do plano de governo”, disse Marcello Richa.
O tucano também destacou os grandes avanços que a gestão Beto Richa conquistou para a Região Metropolitana de Curitiba, como o repasse de R$ 80 milhões para a integração do transporte, investimento na construção do Hospital da Zona Norte, construção e ampliação de 10 escolas na região e mais de 17 mil famílias atendidas pelo programa de habitação.
“Temos uma história de grandes gestões tanto em Curitiba quanto no governo do estado. Vamos fazer uma campanha propositiva e aberta ao diálogo, comparando os números e os governos, mostrando tudo o que já foi feito e apresentando propostas para manter o Paraná no rumo do crescimento social e econômico”, finalizou Marcello Richa.

Madrugada violenta deixa dois adolescentes mortos com mais de 5 tiros


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

garoto
Adolescente morto em São José já tinha sido apreendido. Foto: DB/Banda B

Dois adolescentes de 14 e 15 anos foram assassinados na noite desta terça-feira (5) em municípios da região metropolitana de Curitiba. O primeiro caso aconteceu no bairro Rio Doce, em São José dos Pinhais. Gabriel dos Anjos, 14 anos, foi morto com seis tiros. Ele já tinha sido apreendido por porte ilegal de arma de fogo e também posse de drogas. O atirador não foi encontrado.
O crime aconteceu na rua Deputado Ernesto Mouro e os moradores ouviram disparos de arma de fogo por volta das 22 horas. A Polícia Militar (PM) foi acionada e encontrou o garoto morto no meio da rua. Gabriel já tinha sido apreendido por porte ilegal de arma de fogo e também posse de drogas.
Há informação de que o garoto estava na companhia do irmão mais velho quando foi atingido. Ele estava no local, mas não confirmou a versão à polícia. O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi acionado, mas a vítima morreu na hora.“Ninguém se identificou como testemunhas e, então, temos poucas informações. Os familiares não contaram muita coisa e estão bem abalados”, contou a tenente Jéssica do 17º BPM.
O corpo do jovem foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) Curitiba e a Delegacia de São José dos Pinhais investiga o caso.
Quatro Barras
A segunda vítima adolescente foi morta pouco tempo depois na rua Ana Andriata Mocelin, no bairro Borda do Campo, em Quatro Barras, também na região metropolitana de Curitiba. Dian Roberto de Amaral, 15 anos, foi morto ao lado de uma casa, que fica em frente à praça Daniel Mocelin.
Segundo informações da Polícia Militar, dois homens em uma motocicleta se aproximaram do garoto e efetuaram diversos disparos. Não houve discussão. Cinco atingiram o jovem, que morreu na hora. De acordo com o tenente Werner do 22º BPM, imagens das câmeras de segurança da Guarda Municipal (GM) de Quadro Barras filmaram o momento em que os atiradores fugiram do local em alta velocidade. “Nas filmagens dá pra ver os assassinos. Elas vão ajudar a polícia na identificação deles”, disse. Dian não tinha passagens pela polícia, mas seria usuário de drogas.
A Delegacia de Quatro Barras investiga o caso e o corpo do adolescente foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Trio tenta assaltar mercado, é surpreendido por segurança e um cai baleado em confronto


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

baleado
Um assaltante foi baleado e os outros conseguiram fugir. Fotos: DB/Banda B
Um jovem suspeito de tentar assaltar um mercado no bairro Capão Raso, em Curitiba, na noite desta terça-feira (6), foi baleado no peito pela Polícia Militar (PM). Daniel da Silva, 20 anos, estava ao lado de uma dupla que tinha acabado de assaltar uma farmácia e se encaminhava para fazer o mesmo em um mercado da região. Eles foram surpreendidos pelo segurança e trocaram tiros com a polícia. Silva foi internado no Hospital do Trabalhador (HT).
O trio foi abordado pelo segurança do mercado por volta das 19h30 e saiu correndo. A Polícia Militar foi acionada e nas esquinas das ruas Estanislau Kais e Eleonora Faria Costa da Silva encontrou os três jovens tentando fugir. Houve troca de tiros, Silva foi baleado no peito e encaminhado ao Hospital do Trabalhador.
De acordo com a Polícia Militar um veículo Mondeo, de cor vermelha, fugiu do local em alta velocidade. “Esses elementos estavam assaltando há algum tempo por aqui. Eles conseguiram fugir, mas já repassamos as características do veículo para toda a polícia da região”, disse o tenente Ekerman, do 13º BPM.

Dupla impede que amigos saiam de campo de futebol e atira contra eles; um morreu na hora


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo


Dois amigos foram baleados dentro de um campo de futebol em Colombo, na região metropolitana de Curitiba, na noite desta terça-feira (5). Mário Vando Carneiro Martins, 28 anos, tentou correr, mas foi alcançado e morreu no estacionamento. Willian Fernandes de Oliveira Rosa, 20 anos, foi baleado, mas socorrido com vida até o Hospital Evangélico. Ele corre risco de morrer.
O crime aconteceu dentro de um campo de futebol na rua Rio Grande de Norte, no bairro Campo Pequeno, por volta das 20h30. Segundo informações de testemunhas, os dois amigos tinham participado de um jogo de futebol e estavam indo embora, dentro de um veículo Gol, quando três homens em um Fiesta, de cor preta, bloquearam a saída. Dois desceram do carro, sacaram a arma e dispararam contra a dupla. Martins morreu no estacionamento e Oliveira foi ferido e encaminhado em estado grave ao hospital.
“Eles bloquearam a saída dos amigos e foram até o carro deles. Moradores ouviram muitos tiros, cerca de 20 disparos, e ligaram para a polícia”, contou o tenente Werner. Imagens das câmeras de segurança do local filmaram o momento do crime e devem ajudar na identificação dos acusados. A Delegacia de Colombo investiga.
.

Empresário desaparece misteriosamente a caminho de igreja; só a caminhonete foi encontrada


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento
empresariodentro
Clorivan está desaparecido desde segunda-feira (4) (Foto: Reprodução Facebook)

A família do empresário Clorivan Fernandes, de 36 anos, está desesperada. A cunhada dele, Rosilene Batista, procurou à Banda B nesta quarta-feira (6) para relatar o desaparecimento. Clorivan saiu para ir à igreja na noite de segunda-feira (4), em sua caminhonete Nissan, e não mais foi visto.
O que preocupa os familiares é que o veículo em que Clorivan estava foi encontrado na ontem na zona rural de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba. “A caminhonete ficou estacionada por um bom tempo neste local e chamaram a Polícia Militar (PM). Somente alguns pertences dele foram encontrados, mas nenhum sinal do Clorivan”, afirmou Rosilene.
A cunhada descreveu que o empresário, que comanda uma equipe de marceneiros e também tem uma loja na área, é trabalhador e participa até do coral de uma igreja. “Não temos a menor ideia do que aconteceu. O desaparecimento foi entre o Cajuru e a Vila Oficinas, no momento em que ele ia até a Igreja Apostólica, como sempre faz. Falaram que hoje vão ser feitas buscas próximo de onde a caminhonete foi encontrada”, disse.
A Polícia Civil investiga o caso e já recebeu o Boletim de Ocorrência (BO) por parte dos familiares. Qualquer informação pode ser dada via 190 da PM.

Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento
empresariodentro
Clorivan está desaparecido desde segunda-feira (4) (Foto: Reprodução Facebook)

A família do empresário Clorivan Fernandes, de 36 anos, está desesperada. A cunhada dele, Rosilene Batista, procurou à Banda B nesta quarta-feira (6) para relatar o desaparecimento. Clorivan saiu para ir à igreja na noite de segunda-feira (4), em sua caminhonete Nissan, e não mais foi visto.
O que preocupa os familiares é que o veículo em que Clorivan estava foi encontrado na ontem na zona rural de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba. “A caminhonete ficou estacionada por um bom tempo neste local e chamaram a Polícia Militar (PM). Somente alguns pertences dele foram encontrados, mas nenhum sinal do Clorivan”, afirmou Rosilene.
A cunhada descreveu que o empresário, que comanda uma equipe de marceneiros e também tem uma loja na área, é trabalhador e participa até do coral de uma igreja. “Não temos a menor ideia do que aconteceu. O desaparecimento foi entre o Cajuru e a Vila Oficinas, no momento em que ele ia até a Igreja Apostólica, como sempre faz. Falaram que hoje vão ser feitas buscas próximo de onde a caminhonete foi encontrada”, disse.
A Polícia Civil investiga o caso e já recebeu o Boletim de Ocorrência (BO) por parte dos familiares. Qualquer informação pode ser dada via 190 da PM.

Polícia já sabe quem matou jovem na Praça do Japão e qual foi o motivo do crime


Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

crimedentro (1)
Jovem foi morto durante a tarde com mais de dez tiros. Foto: JC/Banda B

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já sabe quem foi o autor do crime contra o jovem de 22 anos, assassinado no início da tarde desta terça-feira (5) na avenida Sete de Setembro, próximo a Praça do Japão, no bairro Batel, em Curitiba. Kelvin Grieger foi ferido com cerca de dez tiros de pistola ponto 380. A motivação do crime teria sido um desacordo comercial. Câmeras de segurança de vários pontos na região auxiliaram a equipe de investigação.
sete-suite-des
Quando mais novo, vítima lutava taekwodo. Foto: Reprodução
O delegado Dirceu Schactae da DHPP confirmou à Banda B sobre a motivação e também descartou qualquer ligação com a luta que a vítima praticava. “Já sabemos, mas ainda optamos em esperar para divulgar o nome. Até o fim de semana vamos elucidar esse caso. O fato de ele lutar taekwodo não tem relação com o crime. O que aconteceu é que o autor sabia que ele praticava lutas e que não teria vantagem sobre a vítima. Por isso, decidiu já ir armado”, descreveu. Quando mais jovem Kelvin competiu nos Jogos da Juventude na modalidade de Taekwodo. Ele terminou em 4° lugar na categoria acima de 78 kg em 2008.
Ainda, de acordo com o delegado, testemunhas de um estacionamento serão ouvidas na tarde de hoje. Familiares também prestaram depoimento à Polícia Civil.
O envolvimento com as drogas inicialmente cogitado, está completamente descartado. O delegado afirma que o crime foi praticado com muita raiva. “Para efetuar mais de dez tiros na rua, tamanha raiva, sem medo, em pleno dia. Esse suspeito vai responder por homicídio qualificado”, completou.
O corpo do jovem está sendo velado no bairro Uberaba, onde também será sepultado.

Jovem confessa que matou inimigo no Parolin e garante que só queria se defender


Da Redação


A Divisão de Homicídios de Curitiba (DHPP) já sabe quem matou Luis Marcelo Justi, de 42 anos, também conhecido como Tatuador, no bairro Parolin, em Curitiba. O autor das facadas fatais foi David Vensceslau, de 18 anos. Ele foi preso em um assalto e confessou o crime contra Justi, que aconteceu no último dia 21 de fevereiro.
suspeito
David foi preso pela DHPP (Foto: Divulgação)
A apresentação do acusado foi feita nesta quarta-feira (6) na DHPP. De acordo com o delegado Fábio Amaro, David e Justi discutiram na Av. do Canal, quando o autor deu vários golpes de faca.
“Ele relatou que estava sofrendo ameaças da vítima e que no dia do crime teria agido em legítima defesa, mas que não tinha interesse em matá-lo”, explicou à Banda B.
“Agora vamos concluir o inquérito policial para que David seja processado e submetido à Júri Popular. Em caso de condenação, ele poderá ser submetido a uma pena que varia de 12 a 30 anos de reclusão por homicídio qualificado”, complementou.

Menino de 11 anos atacado por tigre em zoológico recebe alta


Da Redação com Catve.tv

tigre
Foto: Reprodução Catve
O menino de 11 anos, que teve o braço direito amputado após se atacado por um tigre no Zoológico de Cascavel, recebeu alta na tarde desta quarta-feira (6). Ele estava internado no Hospital Universitáriodesde o dia do ataque, quarta-feira passada.

Marcos do Carmo Rocha, pai do garoto, a mãe e também o padrasto estavam junto com ele na saída do hospital. Ainda na manhã de hoje, o menino recebeu alta de um dos médicos, contudo precisava ainda ser avaliado por outros profissionais para deixar o hospital. Ele ainda passará por exames no IML de Cascavel.

O caso do garoto ganhou repercussão nacional e também internacional. O garoto estava no zoológico na quarta-feira (30), acompanhado do pai e de um irmão de 3 anos. Ele brincava na frente da jaula do tigre quando teve o braço dilacerado pelo animal. Imagens de visitantes que estavam no parque flagraram todas as brincadeiras e também o menino fornecendo comida ao leão e ao tigre. Após o ataque, segundo o pai, quando acordou já na unidade de saúde, o menino pedia se o tigre estava bem.

Na esfera policial do caso, o delegado Denis Zortea, já ouviu dois guardas patrimoniais e dois supervisores da Guarda. Ainda devem prestar esclarecimentos o médico veterinário do parque Valmor dos Passos, e testemunhas que presenciaram a situação. Além disso, Marcos do Carmo deve ser ouvido de forma oficial pela polícia.

O tigre Hu, que tem 3 anos de idade, chegou a ficar 5 dias em uma área de manejo, segundo o veterinário, devido ao estresse a que foi exposto, mas já retornou ao recinto onde pode ser visto pelos visitantes.

Músico foi assassinado por matadores de aluguel; esses são os dois suspeitos


Por Luiz Henrique de Oliveira e Bruno Henrique
suspeitosdentro
Suspeitos ainda não foram identificados pela DHPP (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

A Divisão de Homicídios de Curitiba (DHPP) tem as imagens dos autores do assassinato do músico Gio Melo Sicuro, de 46 anos, que aconteceu na Rua da Paz, no Centro de Curitiba. A fotografia, feita por uma câmera de segurança, foi divulgada pela DHPP ao Portal da Banda B, porque os dois ainda não foram identificados.
Segundo a investigação, os dois seriam matadores de aluguel e foram contratados por uma terceira pessoa para realizar o crime. Eles invadiram o apartamento do músico e o executaram, no início da manhã do dia 30 de junho deste ano.
GIL
Sicuro foi assassinado a tiros (Foto: Reprodução Facebook)
O delegado Dirceu Schactae, da DHPP, que investiga o caso, explicou à Banda B de que forma a polícia chegou aos suspeitos.
“Antes do crime, eles tentaram por duas vezes entrar no prédio do músico para entregar uma encomenda, mas não conseguiram, porque o porteiro não deixou. Eles vestiam o uniforme de uma transportadora e conseguimos chegar até eles porque fizeram um assalto na região usando o mesmo vestuário”, relatou o delegado.
Ainda de acordo com Schactae, um trabalho investigativo levou a polícia à imagem dos supostos autores. “O que aconteceu foi que, em um dos dias, eles esqueceram a suposta encomenda destinada ao Sicuro no local do assalto a uma loja de informática, que nos disponibilizou a imagem”, disse.
Também na entrevista à Banda B, o delegado descartou a participação de funcionários da transportadora no assassinato. “Ou eles roubaram o uniforme, ou eram ex-funcionários. Nenhum dos dois que aparecem na imagem trabalham nesta transportadora. O dono de lá, inclusive, está colaborando nas investigações”, descreveu.
centro
Crime aconteceu na Rua da Paz (Foto: BH – Banda B)
Motivação
Por fim, Schactae explicou que os suspeitos provavelmente não conheciam Sicuro. “O que dá a entender é que esses dois não tinham ligação com o músico, mas foram contratados para matá-lo. No dia do crime, eles invadiram o apartamento após render o porteiro”, lembrou o delegado.
Além de músico, Sicuro era funcionário no setor de cultura da Paraná Educativa. Na época do crime, ele tinha um mandado de prisão em aberto pela Lei Maria do Penha.
Quem tiver informações sobre os suspeitos pode ligar, de maneira anônima, no telefone da DHPP: 0800-6431121.

Mulher com transtorno bipolar está desaparecida há um mês e família se desespera


Por Felipe Ribeiro

O desaparecimento de uma mulher de 29 anos, que sofre com transtorno bipolar, vem preocupando uma família do Bairro Alto, em Curitiba. Erica Rabel desapareceu na tarde do dia 4 de julho, mesma tarde em que Brasil e Colômbia se enfrentaram pela Copa do Mundo, mas até esta quarta-feira (6) praticamente nenhuma pista do paradeiro dela chegou até eles ou até a polícia.
desaparecidabipolar
Foto: Reprodução
De acordo com a irmã, Vera Rabel, Erica foi vista pela última vez na casa dos pais, que fica localizada próximo ao Terminal do Bairro Alto, mas desde então nenhuma nova pista chegou até eles. “Ela sofre do transtorno desde os 12 anos de idade, minha mãe ainda tentou impedir com que ela fugisse, mas não conseguiu. Ela estava bem transtornada antes da fuga. Chegamos a tentar interná-la pelo SUS, mas não conseguimos”, disse.
Desde a terça-feira, dia 5 de agosto, Vera iniciou uma busca própria e chegou a ir ao Terminal Guadalupe para tentar encontrar a irmã, mas nada conseguiu. “Não fazemos a menor ideia onde ela pode ter ido, umas pessoas comentaram que podem ter visto ela em Colombo, mas nada concreto”, concluiu.
Quem tiver qualquer informação que possa levar à Erica pode entrar em contato pelos telefones 3319-6977 e 9718-2259 ou com a Divisão de Vigilâncias e Capturas: 3219-9700.

Marido que matou jovem que deu em cima de mulher casada é identificado


Por Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha


A Delegacia de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, elucidou um assassinato que chocou os moradores da cidade, em agosto do ano passado. De acordo com a polícia, Alessandro Francisco Martins, de 18 anos, o ‘Ripa’, foi morto por Wagner José dos Passos, de 29, o ‘Bocão’, após uma festa, em que a vítima teria mexido com a mulher do autor.
Um detalhe no caso é que Wagner tinha uma bronca antiga com Alessandro, porque o jovem tinha pichado a frente de sua casa com o seu apelido (Ripa), conforme descreveu à Banda B, em entrevista nesta quarta-feira (6), o investigador Charles Garcia.
“O Bocão e a vítima tinham discutido há um ano por conta da pichação, mas a situação tinha sido resolvida, porque a mãe do Alessandro o fez pintar o muro. Um ano depois, porém, aconteceu essa festa e os dois brigaram feio, após o Alessandro mexer com a mulher do Bocão. A confusão terminou na morte do Alessandro”, explicou o investigador
Bocão foi preso recentemente após se envolver em uma briga de trânsito em frente a Delegacia de Pinhais. Ele pagou fiança e foi liberado. “Agora responde em liberdade pelo assassinato. Ele nega o crime, mas se for condenado poderá pegar uma pena que varia de 12 a 30 anos de prisão”, detalhou Charles Garcia.

Assalto termina com vítimas baleadas; funcionário reagiu ao ver arma na boca de chefe

Publicado em 6 de agosto de 2014,14:03

Por Luiz Henrique de Oliveira e Juliano Cunha
assaltosanta
Empresa de gesso foi invadida por assaltantes que balearam duas pessoas (Foto: Juliano Cunha – Banda B)

Uma tentativa de assalto a empresa Gesso Santa Felicidade, na Rua José Culpi, no limite de Santa Felicidade com o Butiatuvinha, em Curitiba, terminou com duas vítimas baleadas na tarde desta quarta-feira (6). Várias viaturas da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e até um helicóptero foram acionados para atender a ocorrência.
A informação é que um funcionário terceirizado, que estava na loja para descarregar produtos, não aguentou ver a arma na boca da chefe e partiu para cima dos três assaltantes, que dispararam. Foram baleados Silmara Gomes da Silva Alesse, de 42 anos, esposa do proprietário da empresa, e Elias Rodrigues, de 50 anos, funcionário terceirizado. Em estado grave, o funcionário foi levado de helicóptero ao Hospital Angelina Caron, após levar cinco tiros. Já a mulher, baleada duas vezes, uma delas de raspão, foi levada com ferimentos leves ao Hospital Evangélico.
Os bandidos fugiram em um Fiat Uno Preto, placas DIV-9920. O dono do carro falou à Banda Be deu informações sobre os marginais. “Um era moreno alto, o outro moreno baixo e o terceiro um homem branco de porte médio. Eles estavam armados e tive que entregar o meu carro”, afirmou a vítima. Ele também protestou. “Não dá mais para aguentar. Chega e chega. Tem que mudar tudo e alguém precisa fazer alguma coisa”, reclamou.
Sem gravar entrevista, o dono da empresa de gesso suspeita de informação privilegiada e afirmou que já tinha feito um Boletim de Ocorrência contra ex-funcionários, que frequentemente faziam ameaças.
O assalto
De acordo com a Polícia Militar (PM), os marginais entraram pelo muro lateral de empresa e pediam por um malote em dinheiro. Quando a arma foi colocada na boca da proprietária, o funcionário reagiu. A PM faz buscas pelos suspeitos, até o momento sem sucesso. Nenhum policial quis falar sobre o caso.
.

Mulher passa madrugada dentro de bueiro para fugir de bandido; veja o momento do resgate


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento
resgatedentro
Resgate foi acompanhando pela Banda B (Foto: Antônio Nascimento)

Portal da Banda B acompanhou com exclusividade o momento em que homens do Corpo de Bombeiros resgataram uma mulher de dentro de um bueiro na Vila Resistência, na Cidade Industrial de Curitiba. O caso aconteceu no início da manhã desta quarta-feira (6) e a vítima alegou que estava sendo perseguida por um bandido, que queria matá-la.
A mulher, que não foi identificada, afirmou ter entrado na galeria de esgoto ainda de madrugada para tentar sobreviver. Um morador ouviu os gritos dela por socorro e chamou os bombeiros, que prontamente foram ao local.
Para resgatar a vítima, foi necessário um trabalho minucioso por parte dos militares, conforme descreveu à Banda B o tenente Alisson. “Pela galeria não tinha como entrar, então fomos até um bueiro mais próximo e retiramos a tampa com nossos equipamentos. Em seguida, os bombeiros de debruçaram e a retiraram puxando pelos braços”, contou.
Assim que foi retirada do bueiro, a mulher desmaiou. Ainda segundo o tenente, o estado de saúde da vítima inspira cuidados, porque ela apresentava sinais de hipotermia. “Estava com bastante frio e molhada. Foi levada a uma casa hospitalar para ficar em observação”, explicou o tenente.
A vítima foi encaminhada ao hospital.
Assista ao resgate abaixo (vídeo Antônio Nascimento / Banda B):