'Não deu tempo de levá-la para casa', diz mãe de menina que morreu em MS


Menina de 5 anos recebeu medicamento na veia e faleceu em seguida.
Hospital lamenta ocorrido e diz que substância é de uso rotineiro.

Nadyenka CastroDo G1 MS
Samila, 5 anos, morreu após receber medicação, diz família (Foto: Alessandra Barbosa da Silva/ Arquivo Pessoal)Samilla morreu após receber medicação, diz família (Foto: Alessandra Barbosa da Silva/ Arquivo Pessoal)
"Ela começou a chorar, queria ir para casa. Eu falei que iria levá-la, mas não deu tempo", lembra, emocionada, Alessandra Barbosa da Silva, de 35 anos, mãe de Samilla Barbosa de Oliveira, de 5 anos, que morreu no último sábado (23) na Santa Casa de Cassilândia, distante 437 quilômetros de Campo Grande, após receber medicação na veia.
O hospital encaminhou uma nota oficial lamentando o ocorrido. Segundo a unidade, os medicamentos utilizados são de uso rotineiro pelos hospitais e a dose administrada estava dentro da recomendada em função do quadro clínico da paciente. Os frascos foram entregues à polícia. As demais unidades do mesmo lote foram usadas no fim de semana. A administração da Santa Casa abriu procedimento para apurar o ocorrido.
De acordo com a esteticista, a filha reclamou de dor de garganta na quinta-feira (21), tomou remédios em casa e na sexta-feira (22) à noite vomitou, sentiu dores no abdômen, dificuldade de respiração e foi levada para o hospital. Ela foi atendida pelo médico plantonista e os exames, conforme Alessandra, indicaram alteração e irritação na garganta.
No sábado, ainda na unidade de saúde, a menina foi atendida por pediatra, que receitou antibiótico. Segundo Alessandra, a filha não tinha febre e, antes de passar pelo especialista, comeu bolachas, chá de canela e pão de queijo.

"Eu ia até assinar o termo de responsabilidade e levar ela para casa". Logo após ter o medicamento aplicado na veia, conta a mãe, a criança morreu. "Ela estava no meu colo. Virou o olhinho, ficou amarela", lembra Alessandra. A criança foi levada para o setor de urgência, onde foi tentada a reanimação, mas ela não resistiu.
Conforme Alessandra, quando o médico disse que a menina precisaria ficar mais dois ou três dias no hospital, Samilla pediu para ir para casa.
A família registrou boletim de ocorrência e o caso é investigado como morte a esclarecer. O delegado responsável, Alexandro Mendes de Araújo, explicou ao G1 que serão chamados para prestar depoimentos funcionários do hospital que estavam de plantão na sexta-feira e no sábado, inclusive os médicos, testemunhas e familiares da criança.
Veja, na íntegra, a nota da Santa Casa de Cassilândia
A Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Cassilândia, representada por seu provedor, Sílvio Barbosa de Queiroz, vem a público prestar os esclarecimentos preliminares a respeito do falecimento de uma criança no dia 23 do corrente mês, após a administração de um medicamento antibiótico diante de um quadro infeccioso, constatado por exame laboratorial.
Nós, membros da provedoria, médicos, enfermeiros e funcionários do hospital lamentamos profundamente o ocorrido.
É preciso esclarecer que os medicamentos utilizados são de uso rotineiro pelos hospitais, e foram administrados dentro das doses recomendadas ao quadro clínico.
Além disso, o atendimento foi realizado de imediato por uma equipe composta por três médicos, conjuntamente aos enfermeiros, os quais se esforçaram ao máximo para salvar a vida da criança.
A causa da morte está sendo investigada pela Polícia a pedido da própria equipe médica, que juntamente com a Secretária Municipal de Saúde, prontamente solicitaram a abertura de um boletim de ocorrência e a realização de um exame de necropsia. Os fatos também estão sendo apurados pela própria administração da Santa Casa.
Os frascos dos medicamentos utilizados foram entregues à Polícia Civil, para posterior análise. Os frascos restantes do mesmo lote foram utilizados durante o final de semana. O lote atual é de outro fabricante.
Mais uma vez, registramos nosso pesar e prestamos nossa solidariedade e apoio aos familiares.
Cassilândia, 25 de agosto de 2014
Prontuário de Samilla, 5 anos, que morreu após receber medicamento em hospital (Foto: Alessandra Barbosa da Silva/ Arquivo Pessoal)Família teve acesso ao prontuário de Samilla (Foto: Alessandra Barbosa da Silva/ Arquivo Pessoal)

Presas postam fotos sensuais dentro da cadeia no Paraná


mulheres cadeia gif
De Estelita Hassa Carazzai, Folha de S. Paulo:
Pelo menos duas presas tiraram fotos sensuais dentro da Cadeia Pública de Guarapuava, na região central do Paraná, e as publicaram em redes sociais.
As fotografias, feitas com celulares, foram tiradas em abril e descobertas por agentes carcerários.
As presas têm cerca de 30 anos e foram denunciadas por tráfico de drogas. Ambas são provisórias, ou seja, ainda não foram condenadas. Uma delas está presa desde abril. A outra, há cerca de um ano.
Nas fotos, elas aparecem deitadas nas camas de concreto, que ficam no alojamento feminino da cadeia.
Após a descoberta das fotografias, os agentes realizaram uma inspeção e encontraram o celular. Era um aparelho apenas, usado pelas duas mulheres, que dormem no mesmo alojamento.
“Infelizmente isso acontece. Os presos escondem muito bem”, afirma o chefe da cadeia pública de Guarapuava, Altemir Nascimento.
Segundo Nascimento, somente neste ano 40 celulares foram apreendidos na cadeia (que abriga homens em mulheres), já em posse dos presos.
As duas presas flagradas nas fotos receberam uma sanção disciplinar e foram impedidas de receber visitas ou alimentos de familiares por 30 dias. Além disso, a ocorrência pode impedir, no futuro, que elas recebam progressão de regime.

Requião "mente" na RPC: votou contra os empréstimos sim!




O senador Roberto Requião (PMDB) sofreu mais duas derrotas na Justiça Eleitoral. Ele perdeu uma ação que moveu contra o Google, solicitando a retirada de vídeos do Youtube. Requião também teve negado um recurso, e segue obrigado a abrir espaço em seu site e perfis de rede sociais para direito de resposta do adversário Beto Richa (PSDB). As duas decisões foram assinadas pelo juiz Leonardo Castanho Mendes, do TRE-PR. As informações são da Gazeta do Povo.





Na ação movida contra a Google, o senador e candidato pedia a retirada de seis vídeos do canal do Youtube “Xô Requião”. Mendes entendeu, no entanto, que apenas um vídeo apresentava, de fato, conteúdo ofensivo. Trata-se do vídeo “Requião e o funk do cavalinho”, que, por determinação do juiz e sob pena de multa de R$ 30 mil, já foi retirado do ar.
Os outros cinco vídeos, segundo o juiz, utilizaram trechos de entrevistas concedidas pelo próprio Requião. O magistrado também entendeu que Requião, embora tenha afirmado que os vídeos se valeram de montagens, não apresentou provas que comprovassem o fato. Assim, as peças podem ser mantidas no ar.
Na outra decisão, o TRE-PR negou recurso de Requião e manteve uma condenação que o obriga a conceder direito de resposta à coligação “Todos pelo Paraná”, que tem Beto Richa como candidato. A decisão se baseia no vídeo “Pedágio, nós temos lado e o nosso lado é o povo”, em que Requião faz críticas às tarifas de pedágio e afirma que Richa teria desistido de ações judiciais movidas contra as concessionárias.
O juiz entendeu que a informação divulgada por Requião é inverídica, uma vez que o Paraná, como réu, não poderia desistir do processo. Requião, que havia recorrido da primeira decisão, deverá, em até 48 horas, divulgar em seu site e em suas contas no Twitter e no Youtube a resposta de Richa.

Motociclista perde o controle e fica ferido após bater forte contra mureta de proteção


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Um motociclista de 28 anos ficou gravemente ferido após perder o controle e bater forte contra a mureta da BR-116, no bairro Tatuquara, em Curitiba. De acordo com o cabo Evandro, o acidente aconteceu próximo à Central de Abastecimento do Paraná (Ceasa) e por pouco o motociclista não bateu contra um carro.
“Ele ficou com ferimentos generalizados, mas não corre risco de morte. O médico da concessionária Autopista Planalto Sul prestou os primeiros socorros e ainda inspira cuidados”, comentou.
Alerson Gonçalves da Silva foi encaminhado ao Hospital do Trabalhador.

Carro bate contra poste após fechada e via rápida é bloqueada no Portão


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha
 Fotos: Juliano Cunha – Banda B

Uma forte batida de um carro contra um poste interditou a Via Rápida do Portão, no sentido bairro, durante o final da tarde desta quarta-feira (27) próximo ao cruzamento com a Rua João Bettega, em Curitiba. De acordo com o cabo Chaves, do Batalhão de Polícia de Trânsito, o motorista contou que foi fechado por um caminhão e o risco de queda do poste deve interditar a via até pelo menos às 20 horas.
“A Copel confirmou que o poste está pendurado apenas nos cabos de alta tensão, então não há como liberar a pista, já que o poste pode cair aqui na Rua Francisco Frischmann”, disse.
Uma viatura do Batalhão de Operações Especiais (Bope) passava pela via no momento em que o carro bateu no poste e fez as primeiras orientações no trânsito. Como o motorista usava o cinto de segurança, ninguém ficou ferido. O caminhoneiro fugiu do local.
A energia elétrica está desligada no entorno do acidente e a religação irá ocorrer apenas após a substituição do poste.
A Polícia Militar orienta os motoristas a procurarem trajetos alternativos, já que a previsão de liberação da pista é de entre 20 e 21 horas.

Para PF, compra do jato de Eduardo Campos envolve 'fantasmas'


Empresas sem lastro financeiro ou com endereços fantasmas custearam o pagamento de uma dívida de R$ 1,7 milhão para a compra do Cessna Citation usado por Eduardo Campos.

São seis empresas e pessoas que fizeram transferências bancárias para a AF Andrade em troca do uso do jato, antes da compra ser efetivada e aprovada.

A Polícia Federal já tem em mãos os depósitos feitos e sabe que algumas das fontes pagadoras da compra são firmas supostamente fantasmas. Uma delas é a Geovane Pescados, em Recife. Outra é a Câmara e Vasconcelos, que depositou R$ 159 mil.

Em nota nesta terça-feira, 26, o empresário João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho admitiu estar à frente do negócio com a AF Andrade e captou empréstimos para a quitar a dívida do financiamento. "Os valores recebidos foram para pagar parcelas vencidas do leasing do avião (...) para permitir que a Cessna, financiadora da aeronave, agilizasse a operação de venda", afirmou.

As suspeitas são que João Carlos Lyra, Apolo Santana Vieira e os demais envolvidos foram usados para ocultar a compra da aeronave, no valor de US$ 8,5 milhões, com dinheiro de caixa 2 da campanha.

João Carlos Lyra é enteado do ex-senador e ex-deputado federal por Pernambuco Luiz Piauhylino Monteiro (PSB), aliado de Campos. Outros dois financiadores do negócio também divulgaram nota nesta terça-feira, 26. Um deles é filho de Piauhylino: o advogado Luiz Piauhylino Monteiro Filho. Ele diz ter emprestado a João Carlos Lyra R$ 325 mil. Pelo contrato assinado entre eles, o dinheiro foi transferido no dia 14 de maio para a AF Andrade.

Por meio da mesma assessoria de imprensa usada por João Carlos Lyra, a empresa Ele Leite Ltda. - cujo nome ainda não havia sido citado na compra do jato - declarou ter emprestado R$ 727,7 mil para o empresário. O dinheiro também foi transferido diretamente no dia 15 de maio para a A.F. Andrade.

O proprietário da Ele Leite, uma micro empresa do ramo imobiliário, é Eduardo Freire Bezerra Leite, conhecido como Eduardo Ventola. Em foto divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo, no sábado, 23, ele aparece com dois outros empresários de Pernambuco buscando o jato em Ribeirão Preto.

As outras três financiadoras foram a Câmara e Vasconcelos, a RM Construções e a Geovane Pescados. Elas estão sediadas em endereços fantasmas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

‘O Governo municipalista do Beto faz a diferença’, afirma Cida


Cm_Pitanga
As obras do governo Beto Richa (PSDB) em todos os municípios, principalmente nos de menor porte, estão fazendo a diferença no desenvolvimento do Estado. A afirmação é da candidata à vice-governadora, Cida Borghetti (Pros), que esteve nesta terça-feira (26), em Campo Mourão.
“O governo municipalista do Beto está fazendo a diferença no Paraná. São obras e investimentos em todas as cidades do Estado”, afirmou Cida, em entrevista coletiva à imprensa da região. “Beto foi o único governador a ir aos 399 municípios paranaenses em seu mandato. Escutou a população de perto e por isso sabe das necessidades da nossa gente”, acrescentou.
Segundo Cida, essa forma de governar reflete no apoio massivo dos prefeitos à reeleição de Richa. “Mais de 300 prefeitos já anunciaram o apoio a nossa candidatura”, salientou. Na região de Campo Mourão (Comcam) são 21 prefeitos trabalhando pela campanha de Beto e Cida.
Depois da coletiva a candidata à vice caminhou pelas ruas do centro de Campo Mourão. Acompanhada de lideranças da cidade e região, Cida fez corpo a corpo no comércio da cidade. “Temos que manter o Paraná no rumo certo, e o rumo certo é com Beto Richa”, repetiu aos eleitores.
AGRICULTURA - Na cidade Cida também se reuniu com a diretoria da Cooperativa Agroindustrial de Campo Mourão (Coamo), a maior cooperativa da América Latina.
Recebida pelo diretor Ricardo Calderari, a candidata reforçou o compromisso de continuar o trabalho em defesa dos agricultores paranaenses. “Sempre defendi os interesses do setor produtivo do Paraná e do Brasil”, disse. Cida faz parte da Frente Parlamentar da Agricultura na Câmara Federal.
PITANGA – À tarde a candidata foi a Pitanga, na região central do Estado. No município de pouco mais de 30 mil habitantes, Cida se reuniu com empreendedores na Associação Comercial e Empresarial de Pitanga (Acepi), presidida por Serginho Hey, e com produtores rurais no Sindicato Rural, comandados por Luiz Carlos Zampier.
Acompanha dos ex-prefeitos Alexandre Carlos Buchman (Tico) e Osni Schon e de candidatos da coligação como Batatinha e Cristina Silvestri, Cida ouviu propostas e conheceu demandas da região, entre elas a melhoria da infraestrutura rodoviária e a criação de incentivos fiscais específicos para a região central. “Levo daqui válidas sugestões para o desenvolvimento de Pitanga e região”, disse.
GIRO - As agendas em Campo Mourão e Pitanga fazem parte de um giro que a candidata à vice faz desde a semana passada. Cida já esteve em Cianorte, Paranavaí, Umuarama, Toledo, Cascavel, Foz do Iguaçu, Pato Branco, Francisco Beltrão e Londrina.

Empresa terá de indenizar funcionária obrigada a dividir quarto com colega homem


Redação

Uma empresa de informática de Curitiba deverá pagar R$ 5 mil em indenização por danos morais a uma funcionária obrigada a dividir quarto de hotel com colega do sexo masculino, durante viagem de trabalho.
A decisão, da qual cabe recurso, é da Primeira Turma do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná (TRT-PR), que dobrou o valor de indenização fixada no primeiro grau.
justica
Imagem ilustrativa
A coordenadora de marketing trabalhou por um ano e oito meses para EBS Sistemas, que desenvolve programas de computador. Em outubro de 2012, após ser demitida, ajuizou ação trabalhista pedindo a indenização por danos morais.
O juiz Felipe Augusto de Magalhães Calvet, da 8ª Vara do Trabalho de Curitiba, atendeu ao pedido da trabalhadora e fixou a indenização por danos morais em R$ 2,5 mil.
Depoimentos de testemunhas confirmaram que a empresa recorria à divisão de quartos para diminuir gastos de viagens dos funcionários. Ao analisar o recurso, os desembargadores da Primeira Turma entenderam que a prática deveria ser indenizada: “Por certo que a busca do lucro subordina-se ao respeito à dignidade da pessoa humana, princípio constitucional (art. 1º, III, da Constituição Federal) estruturante do próprio Estado Democrático de Direito”.
Levando em conta a gravidade do dano moral causado e o capital social da empresa, a Primeira Turma decidiu aumentar o valor da indenização de R$ 2,5 mil para R$ 5 mil. “De fato, a divisão de quarto de hotel por imposição patronal expõe a intimidade e a privacidade da pessoa, além de sujeitar o empregado a diversos constrangimentos, mormente quando o aposento é partilhado por pessoa do sexo oposto” ponderou a desembargadora Adayde Santos Cecone, que relatou o voto, seguido por unanimidade pela Turma. Da decisão cabe recurso.

Carro fica destruído em acidente com caminhão e motorista fica preso às ferragens


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo


O motorista de um veículo Daewoo Espero ficou gravemente ferido em um acidente de trânsito na noite desta terça-feira (26), na Rodovia do Xisto, em Araucária, na região metropolitana de Curitiba. O veículo bateu contra a traseira de um caminhão e ficou completamente destruído. Um adolescente de 15 anos, que estava no carro, teve ferimentos leves.
O acidente aconteceu por volta das 22 horas, próximo a um hipermercado no bairro Vila Nova. O veículo, com placas de Campo Largo, bateu violentamente contra a traseira de um caminhão carregado com adubo que seguia para Santa Catarina. O motorista do caminhão, Hércules Cuépsel, não se feriu e disse à Banda B que o motorista do veículo andava em alta velocidade.
“Eu senti a batida e vi a poeira. Foi muito rápido. Disseram que ele estava voltando de um jogo de bola e tinha ultrapassado em alta velocidade uma porção de carros. Inclusive, outro caminhão teve que jogar para o lado. Prejuízo para mim, né? Porque o que sobrou do frete vou ter que pagar o conserto do meu caminhão”, descreveu.
Segundo o Corpo de Bombeiros, o motorista do carro não foi identificado oficialmente e teria cerca de 35 anos. Ele ficou preso às ferragens e foi necessário o apoio do caminhão da corporação para retirar o homem. O motorista corre risco de morrer e foi encaminhado ao Hospital Evangélico, em Curitiba. Já o passageiro, um adolescente de aproximadamente 15 anos, teve apenas ferimentos leves nas mãos e nas pernas.

Idosos recebem certificado de inclusão digital


WEBMASTER 25 DE AGOSTO DE 2014

Centro de Convivência Jardim Adriana realizou a formação da primeira turma do projeto

Idosos do Centro de Convivência do Jardim Adriana concluem curso sobre como utilizar o computador
Idosos do Centro de Convivência do Jardim Adriana concluem curso sobre como utilizar o computador
Os meios tecnológicos estão cada dia mais avançados e o acesso aos conteúdos digitais por meio da navegação estão conquistando a maioria da população. Com a intenção de inserir os idosos neste mundo virtual, nasceu o projeto “Inclusão digital na terceira idade” da Celepar (Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná) em parceria com a Prefeitura de Colombo.
E esta iniciativa acaba de formar a primeira turma de idosos. Os 30 formandos receberam os certificados de conclusão do curso digital no Centro de Convivência do Jardim Adriana, neste dia 22. O evento contou com a presença da prefeita Beti Pavin que realizou a entrega dos diplomas junto com o diretor da Celepar, Jackson Carvalho Leite.
Segundo a prefeita, é importante que os idosos tenham o conhecimento de como manusear uma máquina de computação. “O acesso à internet está se tornando cada vez mais parte do dia a dia dos cidadãos, esse veículo tecnológico trouxe a possibilidade da aproximação com o mundo, ou seja, além de passar a informação em geral, as pessoas podem manter contato com amigos e parentes de outras cidades, estados e países. Existe essa necessidade de que os nossos idosos entendam mais sobre essa ferramenta e em como ela pode ser transformadora”, disse Beti Pavin.
Prefeita Beti Pavin fez a entrega dos certificados do Projeto de Inclusão Digital da Pessoa Idosa
Prefeita Beti Pavin fez a entrega dos certificados do Projeto de Inclusão Digital da Pessoa Idosa
O curso teve duração de quatro dias, e de acordo com a coordenadora do evento por meio da Secretaria Municipal da Ação Social e Trabalho, Rúbia Cristina, “esse curso traz a noção básica de como utilizar o computador”, completou.
Outros Centros de Convivência atendidos pela Prefeitura Municipal irão oferecer este mesmo curso nos próximos meses de janeiro, fevereiro e julho. Mais informações podem ser obtidas na secretaria da Ação Social e Trabalho 41-3675.5900.

Prefeitura realiza audiência sobre o plano de Habitação


WEBMASTER 25 DE AGOSTO DE 2014

Iniciativa visa implementar políticas habitacionais direcionadas à população de menor renda

PLHISA Prefeitura Municipal de Colombo por meio da secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação através do departamento de Habitação – DPHA e os agentes participantes Caixa Econômica Federal e o Ministério das Cidades realiza a audiência de fechamento do Plano Local de Habitação de Interesse Social – PLHIS, no dia 11 de setembro, às 19h, no Auditório da Regional Maracanã.
O Plano Local de Habitação de Interesse Social – PLHIS tem o objetivo de aderir o município de Colombo ao Sistema Nacional de Habitação de Interesse Social – SNHIS, para implementar políticas habitacionais direcionadas à população de menor renda.
Na audiência serão apresentados os seguintes itens: a finalidade do PLHIS; uma síntese do déficit habitacional do município; a priorização das intervenções; os programas habitacionais existentes e fontes de financiamentos.
Serviço:
Audiência de fechamento do Plano Local de Habitação de Interesse Social – PLHIS
Data e horário: 11/09 – às 19h
Local: Auditório Regional Maracanã – Rua Dorval Ceccon, 664 – Jardim Fátima
Contato: 41-3675.5976

Prefeitura realizará campeonato de Goalball em setembro


WEBMASTER 26 DE AGOSTO DE 2014

Evento será no Ginásio do Guaraituba e irá contar com a participação de 11 equipes dos estados do Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal

Prefeita e equipe recebe integrantes da associação de deficientes visuais para definir sobre a competição
Prefeita e equipe recebe integrantes da associação de deficientes visuais para definir sobre a competição
Nos próximos dias 19, 20 e 21 de setembro, a Prefeitura Municipal de Colombo por meio da Secretaria da Educação e Esporte através do departamento de Esporte e em parceria com a Associação Colombense de Deficientes Visuais – ACDEV, irá promover a primeira competição interclubes de Goalball na cidade.
O evento destinado a deficientes visuais será realizado no Ginásio de Esportes Leandro Alberti, no Guaraituba e irá contar com a participação de 11 equipes de quatro estados (Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal). Ao todo serão seis times masculinos e cinco femininos que ficarão alojados em uma escola municipal.
Para a Prefeita Beti Pavin será uma honra realizar este torneio e receber estas delegações. “É com muita alegria e satisfação que receberemos estes valorosos atletas que estão vindo graças a este esforço conjunto. Será uma linda competição”, disse a prefeita ao receber junto com o diretor do departamento de Esporte, Paulo Cesar Cardoso, o presidente da ACDEV, Alex Fernando da Silva e o treinador da equipe colombense, Maurício Sampaio Rially.
Goalball
Beti Pavin define e apoia realização de torneio de Goalball no mês de setembro em Colombo
Beti Pavin define e apoia realização de torneio de Goalball no mês de setembro em Colombo
A quadra de Goalball tem as mesmas dimensões da de vôlei (9m por 18m). De cada lado da quadra tem um gol com nove metros de largura e 1,3 de altura. As linhas de posicionamento dos jogadores, a linha do gol e algumas outras importantes para a orientação dos jogadores são marcadas por um barbante preso com fita adesiva, permitindo que os atletas possam senti-las.
Os atletas são, ao mesmo tempo, arremessadores e defensores. Posicionados no espaço de três metros a partir da linha do goal, os atletas devem defender as bolas lançadas pela equipe adversária e lançá-las em direção do gol adversário, rasteira, fazendo tocar em alguns pontos da quadra. Ganha o jogo quem fizer mais gols dentro dos 24 minutos que dura uma partida, dividido em dois tempos.
As equipes são formadas por três titulares e até três reservas; todos vendados ou utilizando um óculos opaco que impeça a visão de qualquer um dos jogadores. A bola possui guizos em seu interior que emite sons – existem furos que permitem a passagem do som – para que os jogadores saibam sua direção. A bola tem 76 cm de diâmetro e pesa 1,25 kg e é mais ou menos do tamanho da de basquete.
O Goalball é um esporte baseado nas percepções tátil e auditiva, por isso não pode haver barulho no ginásio durante a partida, exceto no momento entre o gol e o reinício do jogo ou nos intervalos, paradas técnicas e fim do jogo.
A competição vai contar com o apoio da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais – CBDV.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
BLOG- colombopmc.blogspot.com.br; FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo:
TWITTER: @ColomboPMC; no site oficial: www.colombo.pr.gov.br e no Instagram: @colombopmc
Foto: Cathiane Simões Kaminski/PMC

Alunos do Guaraituba recebem treinamento no Bosque da Uva


WEBMASTER 25 DE AGOSTO DE 2014

Vindos da Escola Municipal Padre Durval Secci os estudantes visitam a Trilha Ecológica e são informados sobre cuidados ambientais

Com o apoio da Bióloga Fabiele Beltramin os alunos conhecem detalhes importantes para a sobrevivência das Florestas
Com o apoio da Bióloga Fabiele Beltramin os alunos conhecem detalhes importantes para a sobrevivência das Florestas
Considerada atividade preparatória para o Programa Nosso Bairro que no próximo sábado dia 30/08 chega ao Guaraituba, o treinamento ambiental, busca efetivar ações e ganhar adeptos na luta pela preservação e recuperação do meio ambiente.
“Esta é uma determinação da Prefeita Beti que nos pede desde o inicio do ano passado ações ambientais efetiva nas escolas. Temos conversado bastante e ela própria idealizou este projeto idealizado que hoje está nas escolas, mas que vai dar a sua contribuição em toda a cidade de Colombo.” Informa o Secretário do Meio Ambiente José Carlos Moretes.
Sob a coordenação das profissionais do Departamento de Educação Ambiental da Secretaria Municipal do Meio Ambiente o treinamento consiste em oferecer aos alunos informações sobre a Bacia Hidrográfica do Rio Palmital que é o principal Rio no Bairro Guaraituba. Na caminhada pela trilha ecológica os alunos conhecem tipos de florestas e como preservá-la. A valorização do meio ambiente é lição prioritária durante o encontro e ao perceber que são parte dele, ganham informações sobre os cuidados como não jogar lixo no chão, na trilha e nos rios e em terrenos baldios.
A importância da manutenção dos rios limpos é um dos detalhes da conscientização ambiental
A importância da manutenção dos rios limpos é um dos detalhes da conscientização ambiental
Recentemente o foco dos trabalhos desta equipe foi o atendimento de 37 alunos do Pré-II do CMEI Cantinho Feliz, que também está localizado mesmo Bairro. E desta vez, os alunos foram recepcionados na “Sala Verde” do Viveiro Municipal. “Agora nosso objetivo é atender aos alunos de todas as turmas de 3º Ano da Escola Municipal Padre Durval Secci. O que queremos é oportunizar aos alunos a vivência deste treinamento ambiental e ao mesmo tempo esperamos deles que se tornem agentes multiplicadores na escola e nas suas casas.” Disse a Biotecnóloga Tatiane Martins Soares.
Ainda para o Secretário Municipal do Meio Ambiente outras entidades também educacionais do Bairro Guaraituba receberão o mesmo treinamento na sequência deste projeto. “Este é um trabalho que chamamos de Sala Verde. Queremos com ele, criar uma mentalidade sustentável para o planeta. E é através de pequenas ações que estamos fazendo nossa parte aqui em Colombo. Nas questões ambientais tudo é muito complexo. Por isso á nossa opção por trabalhar na base. Estamos Começando agora e será permanente. Estamos partindo das escolas e nosso objetivo é atender a toda a sociedade.
Os trabalhos práticos com os alunos além de contar com a colaboração dos professores nas escolas são desenvolvidos pelas instrutoras Tatiane Martins Soares – Biotecnóloga, Fabiele Beltramin – Bióloga e Fernanda Almeida que é Tecnóloga em Gestão Ambiental.