Beto na carreata na RMC: ‘Paraná tem que seguir neste caminho’


beto carreata
Moradores de bairros da região norte de Curitiba, de Pinhais e de Araucária, na Região Metropolitana, foram às ruas cumprimentar o governador Beto Richa (PSDB), que participou neste sábado (13), de uma grande carreata, ao lado do apresentador Ratinho, do deputado Ratinho Junior (PSC).
A carreata, seguida por mais de 100 veículos, partiu do bairro Atuba e foi seguindo pelo Bairro Alto até Pinhais. No caminho, muitos moradores demonstravam alegria e sinalizavam com gestos de apoio. “Nas ruas, ao lado da população, é que realmente percebemos o resultado das pesquisas, com um grande entusiasmo e a vibração muito positiva”, disse Beto, ao lado de sua esposa, Fernanda Richa.
No caminho, Beto passou pelas obras de duplicação da PR-415 (Avenida João Leopoldo Jacomel), entre Curitiba, Pinhais e Piraquara. As obras começaram em agosto e vão revitalizar 14 quilômetros de estrada, que terá seis pistas de rolamento, três em cada sentido e também ciclovias.
“O Paraná tem que seguir neste caminho, de ritmo crescente. Eu vejo o quanto o Paraná melhorou”, afirmou Ratinho. Nos últimos três anos, incentivos do Governo do Estado garantiram novas empresas e ampliações de unidade em 13 municípios de Curitiba e da Região Metropolitana. Esses investimentos criaram empregos em vários setores da economia. Hoje, a região tem a menor taxa de desemprego do País (3,7%).
Na região Norte da capital, Beto vai garantir a construção do Hospital Zona Norte, com um financiamento de 38 milhões. O novo hospital atenderá a população de Curitiba e da RMC.
A dona de casa Maria Esmanhoto, moradora do Bairro Alto, disse que mais uma vez seu voto será de Beto Richa. “Sempre votei no Beto e agora vou confiar nele mais uma vez”, disse ela.

Miss Bumbum Portugal faz topless e beija muito em iate em Miami


Marianne Ranieri tirou a parte de cima do biquíni para se bronzear. Acompanhante da loira é jogador de futebol e se chama Tiago Fernandes.


Marianne Ranieri, a Miss Bumbum Portugal, resolveu mostrar outro atributo ao pegar sol em um iate em Miami, nesta sexta-feira, 12. Acompanhada do jogador de futebol Tiago Fernandes, que joga no time Miami Dade FC, a loira, que já namorou Graciella Carvalho, tirou a parte de cima do biquíni e, desinibida, fez topless. Ela também tirou onda bebendo champanhe, se bronzeando e beijando muito.
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)
Marianne Ranieri e James Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)Marianne Ranieri e Tiago Fernandes (Foto: Splash News/Divulgação)

'Vitória para nós duas', diz mulher após casar com companheira no RS


Solange e Sabriny trocaram alianças e foram aplaudidas em cerimônia.
Caso ganhou repercussão após incêndio em CTG no Rio Grande do Sul.



Após muita polêmica, Santana do Livramento realizou neste sábado (13) o casamento coletivo que juntou 28 casais, sendo um deles formado por duas mulheres. A união de Solange Ramires, 26 anos, e Sabriny Benites, 24 anos, ficou no centro das discussões depois que um incêndio criminoso atingiu o Centro de Tradições Gaúchas (CTG) que abrigaria a cerimônia. Após a repercussão do caso e a transferência de local, a oficialização teve o aguardado "sim", troca de alianças e beijo, como manda o protocolo.
Casal de mulheres casa em Fórum na tarde deste sábado (13) (Foto: Estêvão Pires/G1)Mulheres casa em Fórum na tarde deste
sábado (13) (Foto: Estêvão Pires/G1)
Solange estava vestida de noiva, enquanto Sabriny trajava um smoking. Ao som da marcha nupcial, o casal entrou por último no salão do júri e foi aplaudido de pé pelos presentes.
"Foi uma vitória pra nós duas. Agora, a gente espera que outros casais possam assumir, possam andar na rua perfeitamente. Muita gente não anda por causa do preconceito", afirmou Solange ao G1 ao sair do altar improvisado no salão do júri. "Acredito que possa diminuir um pouco [o preconceito] agora", completou Sabriny. "Mas o tradicionalismo tem a cabeça muito fechada. Enquanto não abrir a cabeça, vai existir preconceito", lamentou.
Embora longe do CTG, a celebração teve características gauchescas. Alguns noivos vestiam bombachas, lenços vermelhos e camisas brancas. Outras mulheres usavam vestidos de prenda, entre elas a magistrada, responsável pela realização do casamento.
"É para reforçar o combate à homofobia no tradicionalismo. Foi um sacrifício. Será um grande evento diante de casais que não se acovardaram. Não vamos nos calar. Os direitos das minorias estão garantidos", disse ao G1, pouco antes da celebração.

"Por que essa cerimônia causa tanto incômodo ao tradicionalismo?", questionou a juíza Carine Labres em seu discurso, logo no início da celebração. "Qual a razão de tanta intolerância?", indagou.
O ambiente foi decorado com as cores da bandeira do Rio Grande do Sul e do movimento LGBT. O salão do júri foi a segunda opção da magistrada, que propôs inicialmente que o matrimônio coletivo fosse realizado no CTG Sentinelas do Planalto na cidade. O galpão, porém, foi alvo de um incêndio criminoso na madrugada de quinta (11). Apesar do mutirão proposto para reconstruir o espaço, não houve condições e nem tempo suficiente para concluir os trabalhos.
Com a repercussão, o evento contou com as presenças de autoridades como ministra da Secretaria dos Direitos Humanos, Ideli Salvatti, o presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, José Aquino Flôres de Camargo, e a secretária de Justiça e Direitos Humanos do governo estadual, Juçara Dutra Vieira.
A ministra Ideli Salvatti defendeu a criminalização da homofobia, enalteceu o amor e disse que o fato permite uma discussão nacional sobre o assunto.
Juíza discursa após execução da marcha nupcial (Foto: Estevão Pires/G1)Cerimônia de casamento lotou fórum de Santana
do Livramento (Foto: Estevão Pires/G1)
“Essa solenidade que é uma solenidade de amor. O que ocorreu aqui acabou trazendo tantas autoridades e imprensa e servirá para o debate nacional sobre a importância de se respeitar na sociedade brasileira, pelo que se é, dando-lhe todos os direitos e oportunidades. Tem um trecho de uma música que eu costumo lembrar, diz muito do que estamos fazendo aqui hoje: qualquer maneira de amor vale a pena, qualquer maneira de amar valerá. O amor é que vale. Exatamente por isso tem que ser respeitado”, destacou.
O incêndio ocorreu na madrugada de quinta-feira. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou por volta de 0h30, e as chamas foram controladas cerca de três horas depois. Ninguém ficou ferido, mas o fogo atingiu a parte interna da estrutura, justamente o palco, onde acontecerá o evento.
Casal gay trocou alianças em casamento coletivo em Santana do Livramento (Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS)Casal gay trocou alianças em casamento coletivo
(Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS)
A Polícia Civil diz que o incêndio foi criminoso. Um garrafa com resquícios de gasolina foi encontrada no galpão do CTG, que, segundo a polícia, pode ser um coquetel molotov, artefato incendiário de fabricação caseira. Testemunhas relataram que viram quatro pessoas próximas ao CTG antes do início das chamas, mas a polícia diz que, por enquanto, não há suspeitos de autoria do incêndio.
Logo após o incêndio, um mutirão se formou para reconstruir a estrutura danificada do galpão a tempo do casamento coletivo. Segundo o patrão do CTG, Gilbert Gisler, o Xepa, a instituição recebeu mais de 40 doações de material de construção, de pessoas físicas e jurídicas. A comunidade de Santana do Livramento também doou a mão de obra para a reconstrução do local.
Com bandeira gay e decoração tradicionalista, fórum é preparado para casamento no RS (Foto: Estêvão Pires/G1)Bandeira gay e cores da bandeira tradicionalista decoraram o salão do júri (Foto: Estêvão Pires/G1)

Pessuti tem razão: a rejeição de Requião é maior no PMDB


1309-pessuti-anima
Os dissidentes do PMDB desceram hoje (sábado, 13) em peso na Boca Maldita com os novos números da Datafolha. A pesquisa mostra que a rejeição de Requião é de 27%. Mas entre os eleitores cujo partido de preferência é o PMDB, a rejeição é de 28%. ” Pessuti tem razão. A maior parte do PMDB, da base do partido, não está com Requião. Quem está com o Requião é a turma do pedágio”, disse Doático Santos. O ex-governador Orlando Pessuti tem usado dados das pesquisas para dizer que a “fatura está liquidada” com a vitória de Beto Richa (PSDB) no primeiro turno.
A pesquisa Datafolha comprova a tese dos dissidentes do PMDB: 50% eleitores do partido vão votar em Requião, mas 43% votam em Beto Richa. Dos entrevistados cujo partido de preferência é o PMDB, somente 2% disse votar em Gleisi. “Os dissidentes do PMDB, a base do partido, está com Beto Richa, rumo à vitória”, disse Doático Santos.

VOTE PARA COLOMBO, VOTE PROFESSOR WALDIRLEI BUENO 77 333 E PELÉ 1445 IMAGENS



 O blog Nilton do Rim faz um breve histórico da caminhada do Professor Waldirlei Bueno vereador em seu terceiro mandato, e do vereador Renato Strapassaon ( PELÉ ) que atualmente preside a Câmara Municipal de Colombo. Quero aqui deixar registrado a importância de elegermos o Professor Waldirlei para Assembléia Legislativa e o Pelé para a Câmara Federal. Não adianta elegermos candidatos de fora de nossa cidade, porque na hora de liberar as verbas grandes,  e que realmente possam  ajudar o desenvolvimento de nossas cidades esses DEPUTADOS  vão pensar em primeiro lugar onde eles moram. É por esse motivo que nós do Blog Nilton do Rim e Ivan de Colombo e da RÁDIO COLOMBO WEB levantamos essa bandeira vamos VOTAR em candidatos ficha limpa e que morem em Colombo. Pense nisso e não esqueça no dia 05 de outubro VOTE BEM, VOTE CERTO, VOTE para Deputado Estadual no Professor Waldirlei Bueno nº 77.333 e para Deputado Federal no JOSE RENATO STRAPASSON Nº 1445