De hoje até o dia 7, nenhum eleitor pode ser preso se não for em flagrante


Redação

Nenhum eleitor pode ser preso ou detido a partir desta terça-feira (30), salvo em situações de flagrante delito, de acordo com o parágrafo 1º do artigo 236 do Código Eleitoral. A conduta acontece até o dia 7 de outubro, na próxima terça-feira, segundo a legislação eleitoral, 48 horas após a abertura das urnas. A mesma regra vale para os candidatos dessas eleições, que não podem ser presos desde o último dia 20.
De acordo com a justificativa eleitoral, a proibição de prisões durante esse período é uma garantia ao direito do voto que eleitor precisa ter, sem que haja nenhum tipo de empecilho. Caso tenha segundo turno, também haverá períodos em que não possa prender o eleitor.
A exceção da regra acontece caso o candidato ou eleitor for pego em flagrante ou existir contra eles uma sentença criminal condenando por crime inafiançável, como racismo ou tortura, ou, ainda por desrespeito a salvo-conduto.
O Código Eleitoral diz que caso ocorra qualquer prisão o preso será imediatamente conduzido à presença do Juiz competente que, se verificar a ilegalidade da detenção, para então responsar o coator.
Segundo turno
Já o candidato que concorrer ao segundo turno para presidente da República ou governador de estado não pode ser preso ou detido a partir de 11 de outubro, salvo em flagrante delito. O segundo turno da eleição ocorrerá no dia 26 de outubro.

Colombo elegeu representante para encontro regional de Cultura


WEBMASTER 30 DE SETEMBRO DE 2014
Mesa de abertura no I Encontro Cultural de Colombo que elegeu a representação para as etapas superiores com vistas ao Conselho Estadual
Mesa de abertura no I Encontro Cultural de Colombo que elegeu a representação para as etapas superiores com vistas ao Conselho Estadual
Realizado na última quinta-feira dia 25, no salão paroquial da Igreja Matriz, o Primeiro Encontro Cultural de Colombo reuniu representes dos diversos segmentos da cultura local com objetivo de promover a reflexão sobre o tema, a integração entre agentes culturais, buscar informações e divulgar a cultura do município, além de entre os participantes um representante da sociedade civil para representar Colombo na Conferência Macrorregional de Curitiba a ser realizada na cidade de Fazenda Rio Grande no dia 18 de outubro.
Presente na abertura do Encontro, a Prefeita Beti Pavin destacou a importância de investimento nesta área. “Quando assumimos, tínhamos em vários setores, a necessidade de atender com a urgência necessária. A Saúde, a Educação as obras de contenção e prevenção de enchentes e alagamentos, enfim, todos com várias urgências. Agora, já estamos em condições de nos voltar para este que é um setor importante porque trata dos nossos valores que estão na história e estimula o talento dos nossos artistas.” Disse a Prefeita.
O evento que foi organizado por servidores do Departamento de Cultura e registrou a participação de 64 pessoas, teve seu ponto máximo durante a apresentação da Palestra proferida pela representante da Secretaria de Estado da Cultura Ana Maria Hladczuk e com a colaboração de Renata Mele. Elas falaram sobre o Plano Estadual de Cultura, e a eleição para a escolha dos representantes da sociedade civil no Conselho Estadual de Cultura.
Secretário Antonio Ricardo fala das realizações e perspectivas para o setor no município de Colombo
Secretário Antonio Ricardo fala das realizações e perspectivas para o setor no município de Colombo
Após um intervalo, foi realizado a escolha através de voto direto entre os cinco candidatos: Terezinha K. Guerdello, cantora; José Francisco da Silva, fotógrafo; Antonio Marcos da Silva, músico; Lucia Misael, artista visual e Joseane Berenda, atriz. Por votação aberta a assembleia decidiu que o Sr. Antonio Marcos da Silva, representará o município de Colombo na Conferência Macroregional de Curitiba, a ser realizada em Fazenda Rio Grande no dia 18 de outubro de 2014.
O Secretário Municipal da Indústria, Comércio, Turismo e Cultura Antonio Ricardo Milgioransa durante seu pronunciamento, destacou os eventos que o Departamento de Cultura vem realizando e deu ênfase na elaboração do Plano Municipal da Cultura que será elaborado, segundo ele com a participação da classe artística do município.
Também participaram do evento, a Diretora do Departamento de Cultura Professora Rita de Fátima Straioto, Silvio Kuslov, representando o Coletivo de Ação Cultural de Colombo – COACOL, os vereadores Alan Tatto e Anderson Prego.
Fotos: João Le Senechal
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo

Marido que matou gerente de banco não demonstra arrependimento, diz delegada


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento


Preso em flagrante por matar a mulher de 40 anos, José Joaquim da Silva não demonstranenhum arrependimento, de acordo com a delegada Ana Carolina de Castro, da Delegacia da Mulher de Curitiba. O crime aconteceu na noite do último domingo (28) na residência do casal, nobairro Capão Raso, em Curitiba. A filha de 14 anos, fruto do casamento, assistiu a tudo e tentou evitar a morte da mãe, que foi estrangulada pelo marido.
Rejane Bortolin era gerente de um banco no bairro Portão, em Curitiba. O casamento dela com Silva não vinha bem, segundo a delegada. “Não houve negativa, ele assumiu que cometeu o crime por conta de um impulso por discussões conjugais. Em conversa comigo, o acusado também não se mostrou arrependido do crime”, descreveu a delegada Ana Carolina.
rejane
Rejane era gerente de banco em Curitiba (Foto: Reprodução Facebook)
A delegada também afirmou que não foi constatada pela Polícia Civil a suposta embriaguez do marido. “A embriaguez foi uma informação da Polícia Militar, mas nós não pudemos comprovar isso e ele nega o uso das bebidas. Silva está preso em flagrante e será transferido à carceragem provisória, nós pedimos pela prisão preventiva e cabe ao sistema judiciário definir se vai aceitar”, contou.
No caso da prisão provisória não ser aceita, o acusado permanece detido pelo flagrante, mas pode ser liberado no caso de um advogado pedir para que ele responda em liberdade, por ter residência fixa e nenhuma passagem pela polícia. “O crime não parece ter sido premeditado, ao que parece foi no impulso, tanto que esse casal não tinha nenhum histórico de agressão aqui na delegacia”, explicou Ana Carolina.
A delegada demonstra preocupação com os recentes casos de crimes passionais  na Grande Curitiba. O outro com grande repercussão aconteceu dentro de um shopping em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, quando um jovem matou a namorada e atirou contra a própria cabeça em seguida.

Jovem que matou ex-namorada dentro de shopping morre após duas paradas cardíacas


Por Denise Mello

casal
Casal estava junto há quatro anos – Foto: reprodução facebook
A Prefeitura de São José dos Pinhais, por meio do Hospital São José, informou na manhã desta terça-feira (30), que o paciente André Gricoli, que deu entrada no Pronto Socorro na noite quinta-feira (25), não resistiu à gravidade dos ferimentos e faleceu por volta das 10h40 de hoje, após duas paradas cardíacas.  Gricoli atirou contra a própria cabeça depois de matar a ex-namorada dentro do Shopping São José.
O jovem de 18 anos chegou a ter a morte cerebral declarada pela equipe médica na sexta-feira, mas um novo exame descartou o quadro horas depois pelo fato de um terceiro exame ter apresentado sinais vitais no cérebro do rapaz. Outros exames foram feitos a cada 12 horas, dentro da UTI, até a morte na manhã de hoje. De acordo com os médicos, a bala atingiu setores vitais de Gricoli e, caso ele sobrevivesse, iria ficar com graves sequelas.
Crime
A Polícia Civil (PC) vai refazer os últimos passos do casal para descobrir o que motivou o crime dentro do shopping. Gricoli atirou contra a ex-namorada e, em seguida, tentou suicídio ao disparar contra a cabeça. Segundo a PC, o casal não possuía antecedentes criminais e as famílias se conheciam. Os dois tinham 18 anos e namoravam desde os 14.

Primeiro dia de greve fecha agências do Centro de Curitiba e centros administrativos


Por Elizangela Jubanski

greve-bancos-dentro
Greve dos bancários no primeiro dia: adesão parcial de 7,8 mil trabalhadores

No primeiro dia de greve nacional dos bancários cerca de 7,8 mil profissionais aderiram à paralisação em Curitiba e região metropolitana. Os dados são do Sindicato dos Bancários de Curitiba e região que afirmam que, ao todo, onze centros administrativos estão fechados, quatro deles são HSBC; três do Banco do Brasil, dois da Caixa Econômica Federal (CEF), um do banco Bradesco e um do Santander. A base total de sindicalizados é de 18 mil trabalhadores.
Praticamente todas as agências bancárias do centro de Curitiba estão fechadas, com cartazes e faixas alertando aos clientes sobre a não abertura dos bancos. Não há registros de piquetes em frente às principais agências centrais.
O sindicato acredita que as agências bancários dos bairros de Curitiba e região metropolitana também não abrirão as portas, no entanto, o balanço oficial dos bancos que aderiram à greve acontece no início da tarde.
O presidente do Sindicato dos Bancários, Elias Jordão, em entrevista à Banda B, afirmou que cerca de 40% dos trabalhadores, já aderiram à greve. “No começo é assim mesmo, a greve toma força à tarde ou até mesmo amanhã. Mais de um mês estamos tentando essa negociação, que está muito abaixo do que a gente espera para esse ano. Estamos confiantes de que o número de bancários paralisados vai aumentar. Os municípios de São José dos Pinhais e de Campina Grande do Sul estão com boa adesão também”, conta.
Os caixas eletrônicos funcionam normalmente para serviços de saque, depósitos e pagamentos. Ano passado, a greve dos bancários durou 23 dias.
Sem acordo
A greve geral foi aprovada em assembleia na noite desta segunda-feira (29). De acordo com o Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) foi considerada “insuficiente, não somente do ponto de vista econômico, mas também porque ignora completamente as demais reivindicações da pauta da categoria”.
Entre as reivindicações dos bancários, está o reajuste salarial de 12,5%; piso salarial de R$ 2.979,25; 14º salário; participação nos lucros e resultados de três salários mais parcela adicional de R$ 6.247; vales-alimentação e refeição, cesta alimentação, décima terceira cesta e auxílio-creche/babá de R$ 724 ao mês.
Contraproposta
A última contraproposta apresentada pela Fenaban foi no sábado (27.  Os bancos ofereceram reajuste de 7,35% para salários e demais verbas salariais. O valor, segundo a entidade, representa aumento real de 0,94% e de 8% para os pisos salariais (reajuste 1,55% acima da inflação).

Governo Richa é aprovado por 58% dos paranaenses


Ibope mostra que 47% dos eleitores também consideram a gestão tucana como “boa” ou ótima”
30/09/2014 | 10:30 | 
A gestão do governador Beto Richa (PSDB) é aprovada por 58% dos paranaenses, segundo levantamento divulgado ontem pelo Ibope. A pesquisa mostrou que 30% desaprovam a maneira que Richa administra o estado. Não souberam ou não responderam somam 12%.
Ao mesmo tempo, o governo de Beto Richa também é avaliado positivamente por 47% dos paranaenses. A pesquisa mostrou que 41% consideram a administração do tucano “boa”, enquanto 6% avaliam como “ótima”. Do outro lado, apenas 16% da população acha a gestão de Richa “ruim” ou péssima”.
Richa segue estável e pode vencer no 1.º turno
A quarta pesquisa Ibope, divulgada ontem, mostra que o candidato à reeleição Beto Richa (PSDB) se mantém estável na liderança pela corrida ao Palácio Iguaçu, com 47% das intenções de voto, e pode ser eleito no primeiro turno


O instituto perguntou também se os eleitores confiam ou não em Beto Richa. Para esta etapa, 51% das pessoas ouvidas afirmaram que confiam, enquanto 40% responderam o contrário.
Metodologia
Ibope entrevistou 1.204 eleitores, em 65 municípios, entre 24 a 28 de setembro, por encomenda da Sociedade Rádio Emissora Paranaense S/A. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR) sob o protocolo PR-00042/2014.

Sequestrador libera refém e se entrega em hotel de Brasília


Terminou por volta das 16h30 desta segunda-feira, 29, em Brasília o sequestro de um funcionário do hotel Saint Peter, que foi mantido refém por cerca de sete horas.

O sequestrador, identificado como Jac Souza dos Santos, depois de se hospedar no hotel, localizado na área central da capital federal, rendeu o mensageiro do estabelecimento e mandou que os hóspedes deixassem o local, informando que seria um ato de terrorismo.

Durante todo o tempo, ele manteve o refém em um quarto do 13º andar com um colete que aparentava conter explosivos. Há pouco, ele liberou o refém e se entregou à polícia. Jac Souza dos Santos foi encaminhado à Delegacia de Polícia.

Beto vai criar 20 Restaurantes Populares nos próximos quatro anos



 

Postado em 29 de setembro de 2014, por BetoRicha



Beto Richa vai implantar, nos próximos quatro anos, 20 restaurantes populares nas regiões com maior concentração de trabalhadores no Estado. O anuncio foi feito neste domingo (28) durante encontros na 4ª e na 10ª igrejas do Evangelho Quadrangular, em Curitiba. Richa lembrou que a iniciativa foi implantada por ele quando era prefeito de Curitiba, com refeições a R$ 1.
As unidades serão construídas e mantidas em parceria com municípios, instituições religiosas e ONGs. Durante os encontros, Beto reafirmou a parceria com as igrejas no trabalho social. “Sabemos da importância do trabalho que fazem para o fortalecimento da família e, por consequência, da sociedade. Buscamos sempre o entendimento e fizemos grandes parcerias, principalmente na área social”, disse Beto.
Os restaurantes populares vão garantir refeições em ambiente adequado e com um cardápio elaborado por nutricionistas, com uso da produção regional. “Serão espaços de convivência, práticas de vida saudável e de educação alimentar, com cursos, oficinas e palestras”, afirma Beto Richa. As unidades atenderão o público em geral, mas darão atenção prioritária a trabalhadores, estudantes, aposentados, coletores de material reciclável e ambulantes.
IGREJAS – Na quarta igreja do Evangelho Quadrangular, no bairro Capão da Imbuia, Beto foi recebido pelo pastor Jorge Basso, que agradeceu o trabalho social feito no governo e na prefeitura de Curitiba. “Sempre as portas do Beto estavam abertas para nossa igreja, que sempre teve uma atenção especial. Com o Beto na prefeitura, tivemos um grande apoio no trabalho social”, disse ele. O pastor também falou das eleições. “Não podemos nos omitir. Precisamos ter atitude responsável perante Deus e a família”, disse Basso.
Em seguida, Beto foi recebido pelo pastor Rogério Amorim, na décima igreja do Evangelho Quadrangular no Campo Comprido. O pastor agradeceu o apoio às igrejas evangélicas e lembrou que Beto esteve na igreja diversas vezes quando era prefeito de Curitiba. “Beto fez um bom governo e terá nosso apoio para ficar mais quatro anos”, disse o pastor.

‘Bala de prata’ de Requião era denúncia de sumiço de documentos e supostas fotos comprometedoras


Da Redação


O clima era quente. Cabos eleitorais e eleitores não desligaram da televisão para conferir o que seria a ‘bala de prata‘, prometida pelo candidato Roberto Requião (PMDB). Durante alguns dias, o senador disse que iria levar ao programa eleitoral de ontem (29) algo que mostraria aos paranaenses a verdadeira face do candidato à reeleição Beto Richa (PSDB). A denúncia não veio no programa eleitoral, mas sim em uma transmissão ao vivo pelo facebook, por volta das 21h30, na qual Requião denunciou que documentos do inventário da família de sua esposa Maristela teriam sido revelados de forma ilegal pelo grupo de Beto Richa. Requião também disse que teria supostas fotos do tucano em situações que seriam comprometedoras, as quais preferiu não divulgar.
pessuti e requiao
Requião falou o que era a tal da ‘bala de prata’ (Foto: Reprodução)
Requião disse na transmissão ainda que, ao contrário do que seu principal adversário fez na semana passada, vai enviar cópias das fotos para o próprio Richa e protocolar as originais, juntamento com os documentos, em uma denúncia na Polícia Federal (PF). Ainda de acordo com o peemedebista, os documentos mostram que aliados políticos de Richa e dissidentes do PMDB espalharam documentos de sua vida pessoal.
“Há quatro anos foram surrupiados documentos da minha mulher. Eles faziam parte do inventário do pai da minha mulher que estava em um cofre do Palácio Iguaçu. Eles dizem que encontraram os documentos no Canguri, a casa oficial do estado. Mas foram roubados, por gente a serviço do Beto Richa. É uma infâmia absoluta”, afirmou na transmissão.
Requião ainda considerou a possibilidade de os documentos terem sido encontrados. “A atitude honesta esperada seria a devolução dos papeis à minha família. A má intenção e a canalhice de quem roubou os documentos ficam comprovadas. E eles repassaram as informações criminosamente para blogueiros”, contou.
Segundo o candidato, laudos apontam que esses documentos foram divulgados a partir da casa do atual governador Beto Richa, da casa do governo e de empresas públicas. “Esses sites estão hospedados em um endereço em nome do Beto Richa, no site oficial do Beto Richa. E não é só isso: Celepar, Palácio Iguaçu, Copel e também da casa do Beto Richa. Usando o IP da sua casa? Que pouca vergonha, menino!”, criticou. A perícia foi feita pelo perito criminal e especialista em crimes eletrônicos Wanderson Moreira Castilho.
pessuti
Pessuti, do PMDB, apareceu no horário de Richa para falar de ‘mentiras de Requião’ (Foto: Reprodução)
Aparição de Pessuti
A ‘bala de prata’ era para ter sido divulgada, segundo a promessa, no programa eleitoral de Requião, mas isso não aconteceu. Antes do programa do peemedebista ir ao ar quem apareceu foi o ex-governador Orlando Pessuti, que foi vice de Requião. Pessuti afirmou que tudo o que viria a seguir, no caso a suposta ‘bala de prata’, era uma mentira.
“Eleição com Requião sempre tem armação. Fui vice de Requião e quando tínhamos opiniões contrárias era insultado e agredido. Peço a você que está nos assistindo para não votar em Requião, porque para ganhar a eleição ele é capaz de tudo, inclusive tentar confundir o eleitor com propagandas como essa, que vai começar daqui a pouco”, disse Pessuti.
A propaganda então começou e a ‘bala de prata’ não veio. A candidata a vice de Requião, Rosane Ferreira (PV), foi quem apareceu para mostrar mulheres que fizeram parte da vida do senador, mas nada da tal denúncia, que só veio em seguida. Nas redes sociais, inclusive, muitos se mostraram decepcionados com a não exibição da ‘bala de prata’, conforme havia sido prometido.
Acusação de censura
A alegação da campanha de Requião para a não exibição da ‘bala de prata’ foi o pouco tempo na propaganda eleitoral. Requião deixou para fazer a revelação na #TV15, canal de comunicação que ele usa desde o início da campanha eleitoral para conversar com seus eleitores (www.requiaopmdb.com.br/tv15). O problema é que, de acordo com a os responsáveis pela campanha, em poucos segundos o site foi derrubado do ar. Requião fez então o pronunciamento pelo facebook e acusou Richa de ter derrubado a #TV15.
“Quem são esses bandidos que procuram censurar nosso programa, cortar a nossa voz? Isso deve ter custado milhões”, questionou Requião, finalizando o vídeo transmitindo pelo Facebook.
Com o fim do suspense da ‘bala de prata’, resta aguardar para como será o dia seguinte a ela no programa eleitoral e também no debate da RPCTV, que aconteceu nesta terça-feira após a novela Império.

Traficantes tentam o famoso ‘é pra consumo’, mas balança na perna põe tudo a perder


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

drogas-bairro-alto
Meio quilo de maconha, cocaína, celulares e também balança de precisão. Foto: DB/Banda B

Eles tentaram, mas não deu. Uma dupla foi presa em flagrante com meio quilo de maconha de noite desta segunda-feira (29) no Bairro Alto, em Curitiba. Eles tentaram se defender alegando que toda a erva seria para consumo próprio. Uma balança de precisão na meia de um dos suspeitos colocou abaixo o plano ‘é tudo nosso’. Gean Rafael Pinheiro, 32 anos, e Alexandro Machado Fragoso, 27 anos, foram detidos.
A Polícia Militar (PM) viu a dupla andando pela Avenida da Integração, por volta das 21h30, quando notou que eles dispensaram um pacote grande. Na abordagem, descobriram que a dupla tinha jogado em um matagal quase meio quilo de maconha. Pinheiro e Fragoso ainda tentaram contar a ‘velha história’ – assim diz a polícia – de que a maconha seria inteiramente para consumo próprio. No entanto, uma balança de precisão encontrada amarrada na perna fez o plano cair por terra.
“Eles tentaram dispensar o pacote quando a gente se aproximou, mas não teve jeito. Vimos a droga, uma quantidade de cocaína e também a balança de precisão. Não adiantou, é algema e camburão para os dois”, disse sargento Bindi à Banda B. A dupla foi presa em flagrante por tráfico de drogas e encaminhada ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul).
.

Polícia posiciona atiradores de elite em cerco a sequestrador em Brasília


Homem armado algemou funcionário e ameaça explodir hotel Saint Peter.
Hotel foi esvaziado; negociadores tentam fazer com que homem se renda.

Raquel MoraisDo G1 DF
Polícia Civil armado em frente ao hotel Saint Peter, em Brasília, onde homem faz um funcionário refém (Foto: Raquel Morais/G1)Policial civil armado em frente ao hotel Saint Peter, em Brasília, onde homem faz um funcionário refém (Foto: Raquel Morais/G1)
A Polícia Civil informou que atiradores de elite foram posicionados e aguardam autorização para disparar contra o homem que invadiu o hotel Saint Peter no centro de Brasília na manhã desta segunda-feira (28) e fez um mensageiro de refém. A corporação não quis informar o número de atiradores ou o total de policiais envolvidos na operação.
Ele nos deu um prazo para atender às exigências dele – saída da Dilma, extradição de Cesare Battisti e aplicação efetiva da Lei da Ficha Limpa – e esse prazo está acabando. Ele disse que vai explodir, caso não o atendamos"
Paulo Henrique Almeida, delegado
O sequestrador colocou um colete, supostamente com dinamite, no funcionário. "Temos 98% de certeza de que são explosivos", disse o delegado Paulo Henrique Almeida. Nas imagens do refém, é possível ver que o colete tem uma fileira de objetos cilíndricos. Se for mesmo dinamite, a carga tem capacidade para danificar a estrutura do hotel, segundo a polícia.

"Ele nos deu um prazo para atender às exigências dele – saída da [presidente] Dilma, extradição de Cesare Battisti e aplicação efetiva da Lei da Ficha Limpa – e esse prazo está acabando. Ele disse que vai explodir, caso não o atendamos." Almeida afirmou que não vai dizer qual é o prazo dado pelo sequestrador, mas informou que é inferior a seis horas. Cesare Battisti é um ex-ativista italiano que, condenado por terrorismo, fugiu para o Brasil. Em 2009, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu pela não extradição de Battisti.

Segundo o publicitário, que não quis se identificar, o homem passou em todos os quartos mandando os hóspedes descerem. O publicitário desconfiou que fosse um assalto. "Depois, enquanto eu terminava de juntar as coisas, ele voltou no meu quarto e disse que não era roubo nem nada, era terrorismo. Que ele não estava brincando."
De acordo com testemunhas, o sequestrador fez o check-in por volta das 8h30. Às 8h40, subiu para o 13º andar e bateu de quarto em quarto mandando os hóspedes descerem e informando que se tratava de uma ação terrorista.

Um publicitário de Ribeirão Preto (SP) que está no Distrito Federal a trabalho conta que foi abordado pelo homem às 8h40. "Ele bateu na porta do meu quarto e mandou juntar todas as coisas e descer. Estava armado e com o mensageiro já algemado, cheio de bombas no corpo", diz.
'Vazamento de gás'
Os lutadores de MMA e irmãos Minotauro e Minotouro, que estavam hospedados no hotel,tiveram de deixar o quarto às pressas após serem informados de que havia um vazamento de gás. Eles participaram do Brasília Capital Fitness, evento sobre atividade física realizado no final de semana.
Hotel Saint Peter, em Brasília (Foto: Editoria de arte G1)
Minotauro disse que eles estavam hospedados no quarto andar do hotel e não ficaram sabendo de nada sobre o sequestro. "A gente desceu pelo elevador. Lá dentro não ficamos sabendo de nada. A primeira informação foi que estava tendo um vazamento de gás, que era para a gente sair o mais rápido possível."
O lutador disse que demorou a deixar o hotel porque estava tomando café da manhã. "Quando chegaram ao meu quarto eu tinha saído para tomar café, então quando voltei os quartos já estavam todos abertos, ninguém tinha nenhuma informação."

O hotel Saint Peter é o mesmo onde o ex-ministro José Dirceu, condenado no processo do mensalão, iria trabalhar ganhando R$ 20 mil mensais. Dirceu acabou desistindo do trabalho devido à repercussão negativa do caso. O imóvel está localizado no Setor Hoteleiro Sul, às margens do Eixo Monumental, e possui 400 quartos distribuídos em 15 andares.

Sem munição, Requião diz que a bala de prata é o seu voto

requiao - tv bala de prata2
Depois de frustrar os eleitores e exibir uma propaganda amistosa no tempo que sobrou do seu horário eleitoral que teve parte dedicada a um direito de resposta de Beto Richa (PSDB), Roberto Requião (PMDB) anunciou que a bala de prata seria revelada na sequência, na web. Convocou os eleitores para seu programa on-line e não trouxe nenhuma novidade: entre divagações e teorias carentes de fundamento, disse que a verdadeira bala de prata é o voto do eleitor.
Requião ainda estava no páreo. Pesquisas mostravam que, apesar de improvável, era possível um segundo turno entre Richa e Requião. Agora, o peemedebista que prometia levar a eleição no primeiro turno após a exibição do supostamente bombástico programa eleitoral desta noite, trata a possibilidade de segundo turno como uma vitória hercúlea. Utopia manca, amparada unicamente em mirabolantes pesquisas internas anunciadas por seu partido.

Ibope: Richa amplia vantagem e chega a 54,6% dos votos válidos


beto votos validos
Na quarta pesquisa Ibope para o Governo do Estado divulgada nesta segunda-feira (29), Beto Richa (PSDB) manteve a liderança, com 47%, e ampliou ainda mais a vantagem sobre os adversários. Roberto Requião (PMDB), que caiu dois pontos em relação à pesquisa anterior, agora tem 28% e está 19 pontos distante de Beto Richa. A candidata do PT, Gleisi Hoffmann, perdeu três pontos e aparece com 9%, 38 pontos longe de Beto Richa. Ogier Buchi (PRP) se manteve com 1%.
Considerados apenas os votos válidos, Beto Richa chega a 54,6%, o que garante a vitória no primeiro turno. “Nesta última semana, com o apoio da grande maioria dos paranaenses, vamos trabalhar dobrado. Quando comparam as propostas, o trabalho e o histórico de cada candidato, os eleitores estão decidindo, cada vez mais, pelo Paraná do desenvolvimento, do diálogo e do respeito”, disse Beto.
O Ibope também apontou a rejeição dos candidatos. A maior rejeição é de Requião, que tem 23%. Gleisi Hoffmann tem 22% e Beto Richa, 16%.
A pesquisa foi feita nos dias 28 e 29 de setembro, com 1.204 eleitores. A margem de erro é de três pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi contratada pela Sociedade Rádio Emissora Paranaense, com registro 42/2014 no TRE.

Funcionário da Volvo se perde em curva e morre ao cair de motocicleta no Campo Comprido


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento


O motociclista Getúlio de Oliveira Cândido, de 31 anos, morreu na hora após cair da motocicleta em que estava em uma curva da Rua Eduardo Sprada, no bairro Campo Comprido, em Curitiba. O acidente fatal aconteceu no início da madrugada desta terça-feira (30).
Segundo o subtenente Anísio, do Batalhão de Polícia de Trânsito (Bptran), a vítima era funcionária da Volvo e vinha na pista sentido bairro Batel. “O que apuramos é que o rapaz voltava do trabalho, se perdeu na curva e ao cair bateu contra um poste de iluminação pública, morrendo na hora. Agora a perícia vai apurar as causas do acidente”, afirmou.
O corpo do motociclista foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curiiba (IML).
.

Conversão à esquerda provoca grave acidente e deixa duas pessoas feridas em Curitiba


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

salgado-acidente
Motorista do Fiesta e passageira do Palio tiveram feridos e foram levados ao hospital. Foto: DB/Banda B

Duas pessoas ficaram feridas em um grave acidente de trânsito na avenida Senador Salgado Filho, no bairro Uberaba, em Curitiba, na noite desta segunda-feira (29). O motorista do veículo Fiesta, Marcos Roberto Ceulin, 26 anos, e a passageira de um Fiat Palio, Cássia Yumi Nara, 28 anos, ficaram feridos e foram socorridos pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). Eles não correm risco de morte.
A colisão aconteceu no cruzamento com a Rua Rodolfo Bernadelli por volta das 20 horas e, de acordo com testemunhas, os carros seguiam pela Salgado Filho, em sentido contrário, quando o Fiesta deu sinal para uma conversão à esquerda. Nesse momento, o Palio não teria conseguido frear e atingiu o Fiesta de frente.
“Ela tinha uma contusão em tórax e abdômen e ele uma laceração no joelho e contusão em membros inferiores. Ainda bem que ambos estavam com cinto porque senão, com certeza, os dois teriam sofrido algo bem pior”, descreveu o socorrista Clodemir.
As duas vítimas foram encaminhadas ao Hospital Cajuru. A avenida ficou parcialmente bloqueada e liberada após todos os atendimentos às vítimas.

Amigos avisam que não vai dar tempo, mas trabalhador segue e morre atropelado ao atravessar BR-376


Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

soa-jose-atropelamento
Trabalhador ainda não foi identificado. Foto: DB/Banda B

Um trabalhador não identificado com cerca de 35 anos morreu ao ser atropelado na BR-376, no bairro São Pedro, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. O motorista do Renault Logan parou para prestar socorro, mas o pedestre morreu na hora com o impacto da batida. A BR ficou parcialmente interditada, mas sem registro de congestionamento.
O atropelamento aconteceu por volta das 19h, próximo ao quilômetro 3 da pista sentido Santa Catarina, no momento em que a vítima atravessava a rodovia. O homem foi atingido pelo veículo, com placas de São José, e, de acordo com testemunhas, era trabalhador da construção civil.
Dois amigos que estavam com a vítima esperando o melhor momento para atravessar viram o atropelamento. Segundo eles, o homem achou que daria tempo de passar a rua e atravessou, mesmo sob os gritos dos colegas.
De acordo com o motorista do veículo, Robson dos Santos, ele chegou a frear, mas como chovia e a pista estava molhada, não conseguiu evitar o atropelamento. “Eu estava trabalhando, peguei a esposa e a filha para ir para a casa e essa fatalidade aconteceu. Deu para ver que os amigos gesticularam para que ele não passasse a rua, mas ele acabou passando e aconteceu isso. Esse trecho é bem complicado porque é bairro e centro cortados por uma rodovia”, disse à Banda B.
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local. O trânsito no local ficou parcialmente interditado e o corpo da vítima foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.
.