Carreta tomba e deixa trânsito lento na BR-376; na BR-277 movimento é normal


Da Redação

tombamento de uma carreta na BR-376, na pista sentido Santa Catarina, deixou o trânsito lento no local durante a tarde deste domingo (21). O acidente aconteceu por volta das 14h30 no km 615, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.
br-277-veiculos
Trânsito flui na BR-277. (Foto: Reprodução/Ecovia)
As faixas foram completamente interditadas e liberadas parcialmente cerca de uma hora após o ocorrido. O tráfego ainda é complicado na região.
Já na BR-277, entre Curitiba e o litoral do Paraná, o fluxo é considerado normal em direção às praias, com cerca de 600 carros por hora. No sentido capital, o movimento é mais alto, com quase mil veículos, segundo a Ecovia, concessionária que administra a rodovia.
A previsão é de que uma queda brusca neste trecho aconteça a partir das 21h. Na BR-277 sentido interior o fluxo é alto, com 800 carros por hora – na pista sentido Curitiba são 1100 veículos.

GPS manda fazer conversão proibida e motociclista é atingido por ônibus no Jardim Botânico


Por Marina Sequinel e Antônio Nascimento
acidente-jardim-botanicodentro
(Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

Um acidente entre um ônibus e uma motocicleta deixou duas pessoas feridas no Jardim Botânico, em Curitiba, na tarde deste domingo (21). O caso aconteceu no cruzamento da Avenida Affonso Camargo com a Rua Agamenon Magalhães.
O condutor da motocicleta, com placas de Campo Largo, na região metropolitana da capital, seguia sentido Centro na Affonso Camargo quando o GPS mandou ele virar à esquerda na Agamenon, o que caracteriza uma conversão proibida. No momento da curva, ele foi atingido pelo ônibus, que não conseguiu desviar.
Segundo o motorista do coletivo, 130 passageiros estavam no ônibus no momento do acidente, mas ninguém ficou ferido. “A sorte foi que eu estava devagar”, disse ele à Banda B.
O motociclista e a garupa, uma jovem de 24 anos, sofreram alguns machucados com a queda da moto. Ela fraturou o pé e teve de ser levada para o Hospital Cajuru.

Garçom é morto a tiros após se envolver em briga e tentar defender casa de pedradas


Por Marina Sequinel e Antônio Nascimento

Um garçom foi morto a tiros na frente de casa em Rio Branco do Sul, na região metropolitana de Curitiba, na noite deste sábado (20). O caso aconteceu no bairro Santa Terezinha.
Valcir Leandro de Souza, de 30 anos, havia brigado com alguns rapazes momentos antes do crime em uma cancha localizada próxima à residência. Ele teria trocado soco com um deles e voltado para casa.
Minutos depois, o grupo apareceu e começou a atirar pedras grandes no telhado, destruindo a estrutura. Valcir saiu para tirar satisfações e acabou sendo morto a tiros. Segundo informações de familiares, o irmão do homem foi assassinado há oito anos na mesma cancha onde houve a discussão.
Ninguém soube informar sobre o motivo da briga. O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal e a delegacia da cidade deve acompanhar o caso.

PM é preso com placas adulteradas em frente a caixas eletrônicos e levanta suspeita


Da Redação

Um soldado do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foi preso em Araucária, na região metropolitana de Curitiba, na madrugada deste domingo (21). Ele estava em um veículo com placas adulteradas.
bope-preso
(Foto: PM/PR)
Segundo informações repassadas à Banda B por uma fonte que não quis se identificar, o PM foi detido em frente a um mercado que possui caixas eletrônicos. Ele estaria acompanhado de ocupantes de outros dois carros em atitude suspeita, que, ao serem abordados pela polícia, fugiram.
O soldado teria tentado escapar, mas foi capturado após acompanhamento tático. As placas estavam cobertas por um papel na tentativa de escondê-las.
A Polícia Militar confirmou a prisão do homem devido à irregularidade no trânsito, mas informou que não há comprovação da relação do detido com uma possível ação contra os caixas eletrônicos.
Qualquer indício deve ser investigado pela delegacia da cidade, de acordo com a corporação. O soldado foi encaminhado para a sede do Bope.

PMs foragidos acusados de assassinatos e de cobrança de ‘pedágio’ a traficantes são presos


Da Redação

Dois policiais militares foragidos acusados de participar de pelo menos 11 assassinatosforam detidos no início da noite deste sábado (20). O soldado Alisson dos Santos Cszulik e o sargento Silvestre de Oliveira Lopes, que estavam com as prisões decretadas, agora estão à disposição da Justiça.
Na madrugada de ontem, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) coordenou a captura de três soldados, suspeitos de envolvimento em duas chacinas na capital e também de praticarem achaques a traficantes. São eles: Patrik Alves Pereira, Eliosir José da Silva e Michel Alves Diel.
prisao-pm1
Policiais do BOPE cumpriram os mandados de prisões. (Foto: Juliano Cunha/Banda B)
Durante a ação, a DHPP teve o apoio do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), da Corregedoria da Polícia Civil e o acompanhamento do secretário de segurança pública do Paraná, Fernando Francischini.
Os cinco policiais, todos do 13º Batalhão da PM, cobravam uma espécie de “pedágio” de traficantes para que eles pudessem continuar a atuar livremente. De acordo com a delegada da DHPP, Maritza Haisi, se o pagamento não fosse feito, o castigo era a morte.
“Esses PMs são conhecidos na região do Xaxim, Sítio Cercado, Cidade Industrial e Pinheirinho como ‘pedagieiros’ porque cobravam propina de traficantes para que pudessem atuar no tráfico, sem serem incomodados”, afirmou Maritza em entrevista à Banda B neste sábado.
Os pedidos de prisão foram feitos pelos delegados Cristiano Quintas, Fabio Amaro e Danilo Zarlenga. A operação envolveu 70 policiais.

Colisão de carro contra poste deixa uma pessoa morta e outra gravemente ferida em Curitiba


Por Marina Sequinel e Antônio Nascimento
(Fotos: Antônio Nascimento – Banda B)

Um grave acidente deixou uma pessoa morta e outra gravemente ferida no Sítio Cercado, emCuritiba, na manhã deste domingo (21). O caso aconteceu na Rua Levy Buquera, quase esquina com a Saturno.
Segundo informações do Corpo de Bombeiros, uma família voltava de uma pizzaria em um Corsa Wagon quando, por volta das 5h50, o motorista perdeu o controle do carro. O veículo bateu contra um poste, rodou e voltou a colidir lateralmente contra o concreto.
Os funcionários do estabelecimento estavam em uma Kombi atrás do Corsa e presenciaram toda a cena. Com o impacto, uma das passageiras de trás do automóvel morreu na hora. O motorista, que não tinha parte dos braços e dirigia com a ajuda de uma estrutura adaptada, teve o ombro arrancado e foi encaminhado às pressas ao hospital para reimplantá-lo.
A esposa e o irmão do condutor escaparam com ferimentos leves. As vítimas ainda não foram identificadas. O Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) prestou atendimento no local.
.

Policial militar morre após ser baleado e abandonado em carro na RMC


Por Marina Sequinel e Antônio Nascimento

rulyan
Rulyan trabalhava no 17º BPM. (Foto: Reprodução/Facebook)
Um policial militar foi encontrado baleado dentro de um veículo Palio branco em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, na madrugada deste domingo (21). O caso aconteceu perto da 1h na Rua Buenos Aires, no bairro Nações.
Rulyan Beraldo Lopes, de 35 anos, foi atingido por três disparos na região da cabeça e do tórax. O Siate, do Corpo de Bombeiros (CB), o levou para o Hospital do Trabalhador, mas ele não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.
O PM era lotado no 17º Batalhão. Ninguém soube informar qual seria o motivo ou o autor do crime. O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal e a delegacia da cidade deve investigar o caso.

Homem que atropelou jovem grávida parou para xingar casal antes de fugir


Segundo polícia, rapaz desceu do carro e chegou a ver a jovem no chão.
Atropelamento aconteceu na noite desta sexta-feira (19), em São Vicente.

Mariane RossiDo G1 Santos
Giovanna e os tios (Foto: Arquivo Pessoal)Giovanna estava grávida e morreu ao ser atropelada no litoral de SP (Foto: Arquivo Pessoal)
A família da jovem Giovanna Bernardini Miron, de 16 anos, que morreu após ser atropelada em uma rodovia na noite desta sexta-feira (19), em São Vicente, no litoral de São Paulo, mostrou perplexidade com a atitude do motorista, que fugiu após o acidente. De acordo com a polícia, após atropelar a jovem e o namorado dela, o motorista do carro parou o veículo, desceu e xingou a garota antes de fugir.
Atropelamento aconteceu na rodovia Padre Manoel da Nóbrega (Foto: Julia Bernardini/Arquivo Pessoal )Atropelamento aconteceu na rodovia Pe. Manoel da
Nóbrega (Foto: Julia Bernardini/Arquivo Pessoal )
De acordo com os familiares, Giovanna descobriu que estava grávida quando já estava com quatro meses de gestação. Há alguns meses, o namorado Eduardo Gonçalves Rodrigues, de 21 anos, começou a morar em São Vicente, com a familia dele. Por isso, às vezes, a jovem vinha de São Paulo para passar o fim de semana ao lado do pai da criança.
Danielle Monteiro é mãe da jovem atropelada (Foto: Mariane Rossi/G1)Danielle Monteiro é mãe da jovem atropelada
(Foto: Mariane Rossi/G1)
A mãe da menina, a promotora de vendas Danielle Monteiro, afirma que a ficha da morte da filha demorou para cair. Ela e o tio da jovem contam que o motorista que atropelou o casal parou o carro para xingá-los antes de fugir. "Ele tem que ser achado. A pessoa atropelou e ainda parou para xingar", falou o tio. "Ela tinha a vida inteira pela frente. Como ele atropela e não para para ajudar? Eu quero Justiça", disse a mãe da menina. A família fez um boletim de ocorrência no 3º Distrito Policial de São Vicente. Eles também irão procurar câmeras de monitoramento da rodovia para tentar encontrar o autor do atropelamento.
Danielle conta que Giovana estava muito feliz com a gravidez e iria ter um menino. Ela e a família já tinham preparado tudo para a chegada da criança. "Ela estava feliz. Extremamente radiante porque ia ter um menino. A gente fez o enxoval, fazia planos", lamentou a mãe da menina.
Já Eduardo, namorado e pai do bebê, ficou sabendo da morte dos dois ainda no hospital, em Praia Grande. Segundo o irmão dele, o ajudante geral Carlos Gonçalves Rodrigues, Eduardo recebeu atendimento mas já teve alta médica. "Ele está em casa, dopado, em estado de choque", afirmou Rodrigues, que não soube dar mais detalhes sobre o estado de saúde do irmão.
O corpo de Giovanna foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Santos e, em seguida, para o necrotério do Hospital São José, em São Vicente. O velório e o enterro da jovem serão realizados na tarde deste domingo (21).
Giovanna tinha 16 anos e estava grávida de um menino (Foto: Arquivo Pessoal)Giovanna tinha 16 anos e estava grávida de um
menino (Foto: Arquivo Pessoal)
Atropelamento
O casal desceu de uma van na Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, na altura do km 280, para passar o fim de semana em São Vicente. Eles tentaram atravessar a rodovia e foram atropelados por um carro. Os jovens foram socorridos por ambulâncias do Serviço do Atendimento de Urgência (SAMU) e encaminhados para a UPA Samambaia, emPraia Grande. A garota não resistiu aos ferimentos e morreu. Já o jovem, apesar de ter sofrido apenas ferimentos leves, está em estado de choque.
De acordo com familiares ouvidos pelo G1, Giovanna Bernardini Miron estava grávida de um menino e tinha planos de viver no litoral com o namorado, que estava morando em São Vicente há alguns meses. A menina deixou dois irmãos, um de 14 anos e outro de cinco anos.

Com cerveja, mulher joga fora chave do carro para escapar de blitz


Comerciante de roupas de 26 anos foi presa em flagrante por embriaguez.
Ela e mais 16 motoristas foram detidos neste domingo (21) pela Lei Seca.

Anderson BarbosaDo G1 RN
Chaveiro foi chamado para abrir o carro de comerciante. Dentro, policiais encontram várias latas de cerveja  (Foto: Styvenson Valentim/G1)Chaveiro foi chamado para abrir o carro de comerciante. Dentro, policiais encontram várias latas de cerveja (Foto: Styvenson Valentim/G1)
Uma comerciante de roupas de 26 anos foi presa na madrugada deste domingo (21) ao tentar enganar os policiais que realizaram uma fiscalização de trânsito na Zona Leste de Natal. A mulher, segundo a PM, parou o carro poucos metros antes de uma barreira montada na Avenida Senador Salgado Filho, jogou as chaves do carro fora e trocou de veículo. "Ela só não esperava que eu estivesse vendo tudo. Como eu já disse várias vezes, nossa equipe é incansável", afirmou o tenente Styvenson Valentim, oficial da PM que coordena a Operação Lei Seca na capital potiguar em conjunto com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Além dela, outros 16 motoristas também foram detidos e 51 carteiras de habilitação retidas.

Ainda de acordo com Valentim, foram realizadas ao longo da madrugada, entre 1h e 5h, quase 400 abordagens. Em uma delas, os policiais encontraram maconha dentro do veículo de um rapaz, que também acabou detido e levado à delegacia.
"Ela deixou o carro dela parado ao lado do Aero Club e entrou em outro veículo. Quando o automóvel passou na barreira mandei o motorista parar e a abordei. Foi quando ela jogou as chaves do carro dela fora. Chamamos um chaveiro e ele conseguiu abrir o carro. Dentro, havia muitas latinhas de cerveja", disse o tenente.
Estatísticas
De janeiro a outubro deste ano, segundo a Coordenadoria de Educação e Fiscalização de Trânsito do Detran no Rio Grande do Norte, 30.424 condutores foram abordados nas barreiras da Operação Lei Seca somente em Natal. Deste total, 2.668 motoristas foram autuados, sendo que 657 se enquadraram no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que tipifica a ação como crime de trânsito. Esses condutores, além das medidas administrativas, poderão ser condenados e punidos com detenção de seis meses a três anos.
Arte bafômetro vale (Foto: Editoria de Arte / G1)
Lei Seca
As regras da Lei Seca consideram ato criminal quando o motorista é flagrado dirigindo com índice de álcool no sangue superior ao permitido pelo Código Brasileiro de Trânsito: 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.
Nesse caso, a pena é de detenção de 6 meses a 3 anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação.
Condutores autuados por esse tipo de infração pagam R$ 1.915,40 de multa,  perdem 7 pontos na carteira e têm a CNH apreendida. O valor é dobrado caso o motorista tenha cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores.
Se o bafômetro registrar um índice igual ou superior a 0,05 miligrama de álcool por litro de ar, mas abaixo do 0,34 permitido pelo Código de Trânsito, o condutor é punido apenas com multa.
No exame de sangue, o motorista será multado por qualquer concentração de álcool, e pode ser preso se tiver mais de 6 decigramas de álcool por litro de sangue.

Cantor Netinho está internado desde agosto no hospital Sírio-Libanês, em SP


Em foto postada em agosto, Netinho aparace com a amiga e assessora, Cristiane, e a médica, no hospital Sírio-Libanês
Em foto postada em agosto, Netinho aparace com a amiga e assessora, Cristiane, e a médica, no hospital Sírio-Libanês Foto: Facebook

O cantor Netinho, de 48 anos, está internado há quatro meses no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa do artista, ele está fazendo um tratamento de reabilitação para curar a tontura que vem sentindo desde que teve três acidentes vasculares cerebrais (AVC) em 2013. O cantor esteve no hospital no início de agosto para realizar um check-up anual e teve que permanecer por lá para começar um novo tratamento.
“Netinho ainda encontra-se fazendo o tratamento para sanar a tontura que é a única coisa que ainda sente após os AVCs do ano passado. Esse tratamento tem dado ótimos resultados e em breve voltaremos para casa”, informou Cristiane Freire, assessora e amiga, que acompanha o artista no hospital.
Em foto postada em agosto, Netinho aparace seu médico no hospital Sírio-Libanês
Em foto postada em agosto, Netinho aparace seu médico no hospital Sírio-Libanês Foto: Facebook
Segundo ela, como o tratamento é feito diariamente, não dava para o cantor ficar indo e vindo para Salvador, onde estava morando. Sem data definida para receber alta, Netinho vai passar o Natal e a virada do ano no hospital. “A previsão é que ele volte para casa logo no início do ano. Ele está superbem. A reabilitação vestibular depois de AVCs não tem prazo determinado para acabar. Depende de organismo pra organismo", garante Cristiane.
A pedido de Netinho, nenhuma informação está sendo passada pelos médicos ou assessoria do hospital até que ele se recupere. Em sua página oficial no Facebook, o cantor fez um último post, no dia 3 de novembro, informando que iria se ausentar até ficar completamente curado.
“(...) Até que eu me sinta prontamente recuperado e apto a voltar para a minha vida normal, continuarei recolhido na minha particularidade junto à minha família e aos outros irmãos que vou adquirindo com o tempo e com a vida. Portanto, informo que se houver algo a ser dito a vocês em qualquer tempo, serei eu mesmo que virei aqui e falarei diretamente. É de real importância que todos vocês saibam que além da minha família, ninguém sabe nada dos meus dias nem está autorizado a falar por mim desde o dia 12 de julho. Fora daqui, tudo é especulação, mentira ou engano. Muito obrigado e até qualquer dia”, escreveu.
Netinho ficou três meses internado no Sírio Libanês em 2013 diagnosticado com problemas no fígado causado pelo uso de anabolizantes. Após ter uma hemorragia no hospital, ele foi operado às pressas e começou a apresentar dificuldades respiratórias e renais. O cantor teve alta em 20 de agosto e voltou a morar no Rio para dar continuidade à carreira de cantor. O tratamento seguiu em casa com sessões de fisioterapia e fonoaudiologia, já que os meses internado deixaram sequelas em Netinho, como dificuldades na fala, nos movimentos e com tonturas.
Netinho mostra sua nova tatuagem, que virou seu lema após o drama que viveu


Só 3% do dinheiro de corrupção retornou ao Brasil


petrobras - protesto
do El País:
Rios de dinheiro já saíram do país ilegalmente em casos de corrupção. Mas o que foi recuperado até agora mal daria para encher uma piscina olímpica. Um levantamento feito pelo Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI) do Ministério da Justiça, mostra que do 1,2 bilhão de reais comprovadamente enviados ao exterior por criminosos, apenas 45 milhões retornaram ao país. Isso representa pouco mais de 3% do que foi desviado por organizações criminosas nos últimos dez anos.
Entre os recursos recuperados e os que ainda dependem de decisões judiciais para retornarem ao país estão valores referentes a casos famosos no Brasil: o desvio de dinheiro que seria usado para a construção do Tribunal Regional de Trabalho de São Paulo (Caso Lalau), desvios da prefeitura paulistana (pelo ex-prefeito Paulo Maluf), do banco Santos, do banco Banestado, do banco Opportunity e do propinoduto criado por agentes tributários do Rio de Janeiro.
No caso de Maluf, por exemplo, parte dos recursos demorou mais de uma década para retornar ao Brasil e ainda faltam 85% do valor autorizado pela Justiça. Já no caso Banestado, a estimativa é que cerca de 60 bilhões de reais tenham sido desviados. Só 5,1 milhões foram repatriados e há 33,2 milhões de reais bloqueados em contas internacionais. Ou seja, a demora é uma constante nessa seara e os valores não atingem o montante total desviado porque nem tudo é possível de rastrear.
“A grande maioria dos processos ainda não terminou e para repatriar o dinheiro é necessário ter uma sentença definitiva, transitada em julgado. E isso não é culpa da Justiça, da Polícia ou do Ministério Público, mas do nosso processo penal, que é demorado mesmo”, explicou o delegado Ricardo Saadi, diretor do DRCI.
Nesse cenário é possível que os 10 ou 20 bilhões de reais desviados pelo escândalo da Petrobras levem mais uma década para retornarem ao país. O que pode agilizar o repatriamento dos recursos é quando os criminosos confessos, como o ex-diretor de abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, assinam acordos se comprometendo a entregar determinada quantia. No caso de Costa, como parte de sua delação premiada, ele concordou em devolver cerca de 70 milhões de reais que teria recebido de empreiteiras e doleiros envolvidos no esquema criminoso.

Dois homens são baleados em locais diferentes e ninguém sabe onde foram parar


Por Denise Mello e Juliano Cunha

A violência marcou o início da tarde deste sábado (20) em Curitiba e região metropolitana. Dois homens foram baleados no bairro Campo Comprido e na cidade de São José dos Pinhais quase ao mesmo tempo, por volta das 13h30. Não há relação entre os crimes e a polícia tem poucas informações das tentativas de assassinato. Em comum, o fato de que, até o momento,  ninguém sabe onde as vítimas foram parar.
O homem baleado em São José dos Pinhais foi alvo de tiros na Rua Rodolfo Scherner, no Jardim Itália. Apenas a polícia foi acionada e, quando os policiais chegaram ao local, viram apenas marcas de sangue na rua. A vítima já havia sido encaminhado por terceiros para algum hospital próximo.
O mesmo aconteceu com outro homem baleado na Rua Ney Pacheco, no campo Comprido. Ele também foi alvo de disparos e socorrido por terceiros até o atendimento médico mais próximo. Neste caso, o Siate chegou a ser acionado junto com a PM, mas ao chegarem no local, os socorristas não encontraram mais a vítima.
A polícia monitora agora os hospitais e unidades de saúde d região para encontrar as vítimas e esclarecer as tentativas de assassinato. Todas os órgãos de saúde são obrigados por lei a notificarem a polícia sobre qualquer atendimento que envolva violência.
.

Após mais duas tragédias, ONG alerta sobre cuidados para não esquecer crianças nas cadeirinhas dos carros


Agência Brasil

Nesta época de fim de ano, quando muitas vezes a rotina é quebrada pelas férias e por diversos eventos sociais, pais e responsáveis pelo transporte de crianças devem redobrar a atenção para evitar casos de esquecimento dos pequenos dentro do carro. A principal orientação dos especialistas para os pais é que estejam sempre atentos aos filhos, especialmente no caso de bebês e crianças pequenas, e sejam especialmente cuidadosos quando mudarem a rotina para deixar as crianças na creche ou em outro local.
“Toda vez que saímos da rotina e dos horários do dia a dia acaba tendo essa chance de esquecimento. Especialmente nesses períodos de férias e quando sai da rotina, devemos estar ainda mais atentos para isso não acontecer”, diz a coordenadora da Rede Criança Segura, Gabriela Guida.
Na última semana, duas crianças morreram dentro do carro após serem esquecidas pelos pais. O primeiro caso foi o de uma menina de 2 anos, em São Bernardo do Campo (SP), que foi deixada pelo pai. Outro caso ocorreu em Belo Horizonte, com uma bebê de 1 ano e 11 meses, esquecida pela mãe.


A tecnologia pode ser uma aliada dos pais nessas horas. O alarme do telefone celular, por exemplo, pode ser acionado para lembrar de deixar a criança em algum lugar específico. “Os pais podem colocar um alarme dizendo ‘deixar a criança na escola’, para lembrar o que deve ser feito”, recomenda Gabriela. Outra medida é pedir para a creche avisar caso a criança não chegue ao local após alguns minutos do horário em que ela costuma ser deixada.
Outra dica para que os pais não esqueçam as crianças dentro dos carros é colocar algum objeto que será utilizado na próxima parada – como uma bolsa, mochila ou maleta – no chão do banco de trás, onde a criança está sentada. No entanto, essa atitude pode representar um risco no caso de acidentes. “Qualquer objeto dentro do carro pode ser um grande risco no caso de colisão”, alerta a especialista.
A psicóloga Mariana Vasconcellos, que trabalha com terapia de casais e família, reforça que a época de fim de ano pode ser mais propícia a casos como esses. “No fim do ano, as pessoas têm muito mais coisas para fazer do que o normal como ir a happy hours de encerramento de ano, dormir mais tarde e acordar no mesmo horário, comprar presentes. As pessoas ficam em um estresse maior do que o comum, e isso pode auxiliar nessas falhas do cérebro”, explica.
Para evitar que tragédias como essas ocorram, ela destaca que é preciso eleger prioridades e prestar atenção ao ritmo de vida que estamos levando. “Se você está muito cansado e estressado, deve pensar no que pode mudar. Se for preciso, pedir ajuda para não acumular coisas demais. Isso não é sinal de fraqueza, nós somos seres humanos e não podemos dar conta de 100% das tarefas”, diz a coordenadora.
Segundo a ONG Criança Segura, uma criança esquecida no carro com temperatura externa de 38 graus Celsius (ºC) pode chegar a ficar exposta a uma temperatura de até 60°C dentro do veículo. Esquecida no carro, a criança pode sofrer queimaduras graves, paradas cardíacas e respiratórias.
A entidade diz que crianças nunca devem ser deixadas sozinhas dentro do carro, mesmo com o vidro aberto. Os pais também devem orientar os filhos a não brincar dentro dos veículos, especialmente no porta-malas.

Motorista que atropelou e matou skatista na Graciosa é preso em casa, paga fiança e é liberado


Por Denise Mello
Motorista do caminhão fugiu (Foto: Antônio Nascimento - Banda B)
Motorista do caminhão fugiu (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)


Policiais civis de Quatro Barras identificaram e prenderam na sexta-feira (19) o motorista suspeito de atropelar dois rapazes na Estrada da Graciosa na quinta-feira (18). Um dos atropelados, o estudante universitário Willyan Forrer de Camargo, 21 anos, morreu na hora e um adolescente de 16 anos, foi encaminhado, em estado grave, ao Hospital do Trabalhador (HT). De acordo com informações dos policiais que fizeram a prisão, o motorista do caminhão, de 37 anos, ficou bastante nervoso na hora da prisão e tremia muito. Ele ficou assustado, mas não resistiu. Na delegacia, pagou fiança e foi liberado.
No depoimento,  o motorista, que conduzia um caminhão carregado de pedras, disse que não viu os garotos na pista e que só fugiu do local com medo de ser atacado por outros skatistas que circulam pela Graciosa. Ele foi liberado mediante fiança. O valor da fiança não foi informado.
Os policiais chegaram até o motorista recolhendo informações na região, onde funcionam muitas pedreiras. Com o horário de entrada e saída dos caminhões, a placa foi levantada e o endereço do acusado foi encontrado. O motorista deve responder processo por homicídio.
O acidente
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), os jovens seguiam com outros três amigos de skate em direção ao litoral, quando próximo do limite de Quatro Barras com Morretes acabaram se envolvendo na colisão.
Willian Foster Camargo morreu na hora. O adolescente foi socorrido em estado gravíssimo ao HT. O helicóptero da PRF precisou ser acionado para o socorro.
De acordo com o pai da vítima fatal, Jair de Camargo, o filho cursava engenharia Faculdade Estácio e morava no bairro Tingui. “É uma tragédia o que aconteceu, já que eu acredito que nem poderia haver esse tipo de esporte no local. Domingo é cheio e ninguém cuida, então outros acidentes podem continuar acontecendo”, lamentou.