Jovem assassinado no Ceará havia se despedido de amigos no Facebook


Fabrício Batista escreveu despedida em 4 de março e morreu dia 30.
Ele foi baleado na perna e nas costas por dois homens.

Do G1 CE
Jovem havia se despedido de amigos em 4 de março, mais de 20 dias antes de ser baleado e morrer (Foto: Facebook/Reprodução)Jovem havia se despedido de amigos em 4 de março, mais de 20 dias antes de ser baleado e morrer (Foto: Facebook/Reprodução)
O jovem cearense Fabrício Batista morreu na noite desta segunda-feira (30) havia se despedido de amigos no Facebook em 4 março. O jovem de 18 anos foi baleado na quinta-feira da semana passada (26) e morreu quatro dias depois em um leito do Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará.
“Antes de eu morrer eu desejo a meus amigos um grande abraço!! Muitas Felicidades pra vocês”, dizia a mensagem. Na postagem, a mãe dele contesta a mensagem. “Meu filho, eu te amo, não fale isso”, diz a mãe.

A Polícia Militar investiga as causas que motivaram o assassinato do adolescente, mas acredita que esteja relacionado aos crimes que ele já havia cometido. Fabrício respondia pelos crimes de tráfico de droga, ameaça de morte, tentativa de furto e lesão corporal. Ele havia sido detido aos 15 anos, quando ameaçou a avó e a mãe.
De acordo com a Polícia Militar, Fabrícia Batista estava em um estabelecimento comercial quando foi baleado na perna e nas costas por dois homens, que fugiram em uma motocicleta. Ninguém foi preso. Os tiros feriram também um homem de 53 anos, que foi hospitalizado e passa bem.
Ele já havia sofrido uma tentativa de homicídio em setembro de 2014, quando um adolescente perfurou as costas dele com golpes de chave de fenda.
Fabrício Batista já havia sido detido aos 15 anos por ameaças à mãe e à avó (Foto: Facebook/Reprodução)Fabrício Batista já havia sido detido aos 15 anos por ameaças à mãe e à avó (Foto: Facebook/Reprodução)