Sem saber que estava grávida, mulher entra em UPA e bebê nasce nas mãos de enfermeiras


Por Marina Sequinel e Luiz Henrique de Oliveira
pais-bebe-upa
(Foto: Divulgação)

Um caso emocionante mobilizou os funcionários da Unidade de Pronto Atendimento do Campo Comprido, em Curitiba, na tarde desta sexta-feira (26). Uma mulher de 28 anos chegou ao local com uma dor abdominal intensa e teve uma surpresa: descobriu que estava grávida de oito meses e prestes a dar à luz.
bebe
(Foto: Divulgação)
“Ela não sabia que havia engravidado e, por isso, não tinha nenhum pré-natal ou carteirinha. O médico percebeu o volume da barriga e, usando um detector fetal, percebeu as batidas do coraçãozinho do bebê. Nós mobilizamos toda a UPA para fazer o parto”, contou a coordenadora da Unidade, Vanessa de Paula Laplechade, em entrevista à Banda B.
Tudo ocorreu bem e o bebê, uma menina, nasceu completamente saudável, com 2,9 kg e 40 cm. “Foi muito emocionante. Todos ficaram super felizes com o parto. A gente sempre torce a favor do paciente e, mesmo com os problemas que precisamos enfrentar no dia a dia, fazemos o possível para que tudo dê certo”, completou ela.
A mãe e a bebê, que ainda não tem um nome já que veio de surpresa, foram encaminhadas para o Hospital Evangélico e passam bem. “Sabemos que essa semana foi difícil pelo o que aconteceu em outra unidade, mas é importante que as pessoas vejam que os profissionais de Saúde, na maioria dos casos, se dedicam ao máximo e amam o que fazem”, concluiu, referindo-se ao caso da UPA do Fazendinha, em que uma mulher morreu de infarto enquanto esperava por atendimento.