Sargento da Aeronáutica morre após capotamento na Régis Bittencourt


Da Redação com PRF
Sargento morreu na hora (Foto: PRF)
Sargento morreu na hora (Foto: PRF)

Um terceiro-sargento da Aeronáutica morreu e outros dois ficaram gravemente feridos em um acidente na manhã desta sexta-feira (24) na BR 116 em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o um Chevrolet Classic onde estavam os três homens capotou na altura do quilômetro 29 da BR 116, por volta de 11h20. Dois dos ocupantes foram ejetados do veículo.
Morreu no local um terceiro-sargento da Aeronáutica, de 54 anos de idade. Os dois feridos são integrantes da Polícia Militar do Distrito Federal, de 51 e 56 anos de idade. Ambos foram encaminhados ao Hospital Angelina Caron, também em Campina Grande do Sul.
Chovia no momento do acidente. A velocidade máxima no local do capotamento é de 60 quilômetros por hora. O carro bateu contra a mureta do lado direito da rodovia antes de capotar.
Uma pistola calibre .40 teria desaparecido do local do acidente antes da chegada da equipe da PRF. Imagens de câmeras da concessionária que administra o trecho serão analisadas para identificar se a arma foi furtada após o capotamento.