Bandidos tomam ‘posse’ de cidade da RMC pela 3ª vez e agem contra dois caixas eletrônicos


Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento
brad1
Agência foi destruída pela ação dos marginais (Foto: Colaboração)

Pela terceira vez em um mês, a Gangue da Dinamite agiu na cidade de Quitandinha, região metropolitana de Curitiba. Na madrugada desta quarta-feira (19), os marginais dominaram a cidade por cerca de meia hora e agiram contra as agências do Bradesco e do Itaú.
Primeiro, os bandidos foram até a agência do Itaú e  tentaram explodir o caixa eletrônico, conforme descreveu à Banda B um morador da região. “A bomba de fumaça, dispositivo de segurança, atrapalhou e os marginais foram embora de lá, só quebrando alguns vidros. Eles seguiram até a agência do Bradesco e lá explodiram as dinamites, mas sem levar nada”, explicou.
De acordo com a testemunha, os marginais podem ter feito a explosão apenas para se divertir. “O Bradesco ainda estava em reforma porque eles agiram lá recentemente. O local que eles explodiram não tinha nenhum caixa eletrônico, então podem ter feito só por fazer”, afirmou.
Após a explosão, os bandidos embarcaram em uma Duster branca e fugiram sentido ignorado. Para não correrem risco, eles colocaram armadilhas para furar os pneus e viaturas da Polícia Militar. A suspeita é que essa mesma gangue tenha agido em Quitandinha há um mês, contra o Itaú, e há 15 dias, contra o Bradesco.
“Daqui a pouco vamos ter que nos virar a base de troca, porque não vai ter dinheiro rodando. Os moradores de Quitandinha estão com medo. A Gangue da Dinamite parece que gostou daqui”, concluiu a testemunha.