Venina Velosa diz que Palácio do Planalto sabia dos prejuízos nos projetos da Petrobras


Ex-gerente disse que carteira ligada ao PAC era “acompanhada de perto” pelo governo.
SBT
Reprodução/SBT
A ex-gerente Venina Velosa disse, em entrevista ao programa “Conexão Repórter”, que o Palácio do Planalto tinha conhecimento dos projetos deficitários da Petrobras.
Ao jornalista Roberto Cabrini, a executiva, atualmente afastada da estatal, informou que a carteira de projetos ligada ao PAC era “acompanhada de perto” pelo governo federal.
Venina afirmou que o conselho de administração aprovava os orçamentos sabendo dos prejuízos contraídos pela empresa. Sem citar o nome da presidente Dilma Rousseff, destacou que a líder do grupo fazia parte do governo.
EX-PRESIDENTE LULA
A ex-gerente explicou que Lula “pode não ter tido” participação direta no caso, mas destacou que “havia uma orientação de aceleração de processos”.
O Instituto Lula não se manifestou sobre as referências feitas por Velosa no “Conexão Repórter”.