A Rádio Colombo Web e o Pr. Junribe Pagliarin, juntos pela Evangelização


A Rádio Colombo Web, inclui em sua programação o programa " A HORA DE CRISTO", onde divulgaremos a palavra de Deus através de mensagens inéditas do Pastor Juanribe Pagliarin.  Nós somos "a voz de um novo tempo",e essa pareceria com a Igreja Paz e Vida do Pr. Juanribe Pagliarin, não se trata de uma experiência, mas uma oportunidade de contribuir com a evangelização da palavra de Deus e revelar os valores da fé para as famílias de todo o mundo através da nossa Rádio. 

A Rádio Colombo Web, passa a incluir em sua programação a partir de hoje às 22:00, o programa " A hora de Cristo", nesse espaço exibiremos diariamente as Mensagens do Reino de Deus.  Agradecemos a Comunidade Cristã da Igreja Paz e Vida e ao Pr Juanribe Pagliarin, e Pr. Ademori Porto, pela confiança em nosso trabalho.

Aos nossos ouvintes, fazemos o convite para ouvirem as mensagens o Pr. Juanribe Pagliarin, de segunda a sexta nos horários de 07:30 às 08:30, 11:00 às 12:00, 16:00 às 18:00 e 23:00. às 00:00 e nos finais de semana nos horários de : 07:30 às 08:30, 11:00 às 12:00 ,- 17:00 às 18:00. 
O Experiência de Deus é um momento marcante onde o Pr. Juanribe Pagliarin, ajuda a despertar a necessidade espiritual dos ouvintes em contato com Deus e também a alcançar um equilíbrio emocional. O programa é retransmitido para todo Brasil e é líder em audiência entre as rádios.

Diretores 
Ivan de Colombo 
Nilton do Rim

Cerca de 40 ficam feridos em acidente de trem na Baixada Fluminense (RJ)


Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/ Twitter @luetuca
    5.jan.2015 - Trens do ramal Japeri batem na altura da estação Presidente Juscelino, em Mesquita, na Baixada Fluminense
    5.jan.2015 - Trens do ramal Japeri batem na altura da estação Presidente Juscelino, em Mesquita, na Baixada Fluminense
Cerca de 40 pessoas ficaram feridas após um choque entre dois trens na estação Juscelino, em Mesquita, na Baixada Fluminense (RJ), segundo o secretário estadual de Transporte, Carlos Roberto Osório.
De acordo com a concessionária Supervia, um trem que seguia da Central do Brasil para Japeri bateu em outra composição, que se encontrava parada na estação. As primeiras informações não levantaram feridos graves. A secretaria de Saúde da cidade está acompanhando as vítimas.
O trem que bateu estava reformado e com manutenção em dia, segundo Osório. O maquinista não teria sofrido nenhuma lesão grave e estaria auxiliando as equipes.
O Corpo de Bombeiros e o Grupamento de Polícia Ferroviária (GPFer) foram acionados para prestar o atendimento necessário. Técnicos da SuperVia estão no local para apurar as causas do incidente e auxiliar os passageiros.
Segundo o perfil do Twitter da Supervia, o mau tempo prejudicou o fornecimento de energia na linha do ramal e o sistema de sinalização foi afetado.
Segundo Hélcio Ramalho, passageiro do trem que estava em movimento, a composição já havia apresentando problemas. "O trem estava muito lento, parando muito". O passageiro afirmou que a luz do trem apagou após o choque. "Houve um desespero danado, quem conseguiu se levantou", disse em entrevista ao canal "Globo News".
Agentes do Corpo de Bombeiros do Catete, na zona sul, de Parada de Lucas, Nova Iguaçu, Nilópolis e Duque de Caxias fazem o atendimento no local. Por causa do acidente, a circulação no ramal Japeri encontra-se suspensa e sem previsão de normalização.

Rick anuncia fim de dupla com Renner: 'Falta de paz no coração'


Anúncio foi feito após Renner ser detido por embriaguez ao volante.
'Quero recomeçar do zero', diz Rick; dupla já havia rompido em 2010.

Do G1, em São Paulo
Rick e Renner (Foto: Vitor Salemo / Divulgação)Rick (à direita) e Renner (Foto: Vitor Salemo/
Divulgação)
O cantor sertanejo Rick, que cantava junto com Renner, anunciou o fim da dupla, em mensagem no domingo (4), no perfil oficial da dupla no Instagram. O rompimento acontece após Renner ser detido por embriaguez ao volante, no dia 26 de dezembro, em São Paulo. É a segunda vez que eles se separam. Em 2010, a dupla terminou, mas voltou em 2012.
Renner pagou uma fiança de R$ 10 mil e vai responder ao processo em liberdade. Em 2001, o sertanejo se envolveu em um acidente que deixou dois mortos em Santa Bárbara d'Oeste, no interior de São Paulo.
"Tenho 48 anos de idade e não tenho mais tempo para construir castelos de areia. Vou ajudar o Renner em tudo que eu puder, que tiver ao meu alcance. Mas tenho filhos, tenho netos e uma vida passando depressa. Deus sabe o quanto lutei por Rick e Renner. Mas hoje afirmo com toda certeza que só vou até aqui", escreveu Rick no Instagram.

"Sou um homem que depende da música pra viver, e sei que meu futuro é incerto. Mas pior que a incerteza do meu futuro é a falta de paz no meu coração. Tenho certeza de que o próprio Renner sabe tudo que fiz para que Rick e Renner jamais tivesse fim. Mas hoje tudo que eu quero é poder recomeçar mesmo que seja do zero, se assim for a vontade de Deus. Se o mundo da música vai entender eu não sei. Mas uma coisa é certa: vou continuar fazendo o melhor que eu puder porque conheci, vivi e amei a música, depois nasci", finaliza Rick.
Entre 2010 e 2012, Rick passou a cantar sozinho, usando o nome artístico Rick Sollo. Ele usou a mesma assinatura na mensagem no Instagram, indicando que vai voltar à carreira solo após o fim da dupla.
No dia 28 de dezembro, Rick disse no Instagram que estava "envergonhado" e pediu desculpas aos fãs da dupla. "Não sei mais o que dizer, mil vezes perdão", escreveu.
  •  
Rick anuncia fim da dupla com Renner em mensagem no perfil do Instagram oficial (Foto: Reprodução / Instagram)Rick anuncia fim da dupla com Renner em mensagem no perfil do Instagram oficial (Foto: Reprodução / Instagram)

Socialite suspeita de planejar morte de rival volta a Manaus e é presa


Ela fugiu para os EUA no dia em que homem atirou contra uma universitária.
Prisão preventiva foi decretada no dia 18 de dezembro do ano passado.

Adneison Severiano, Andrezza Lifsitch e Jamile AlvesDo G1 AM
Marcelaine Schumann deixa IML após realizar exame de corpo de delito (Foto: Jamile Alves/G1 AM)Marcelaine Schumann deixa IML após realizar exame de corpo de delito (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
A socialite Marcelaine Santos Schumann, suspeita de ser a mandante da tentativa de homicídio da universitária Denise Silva em novembro, chegou a Manaus nesta segunda (5) e foi presa pela Polícia Federal. Ela desembarcou no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, de um voo direto de Miami, nos Estados Unidos.
A suspeita foi encaminhada para a realização de exame de corpo de delito, no Instituto Médico Legal (IML), Zona Norte da capital, de onde foi encaminhada, por volta das 14h, para uma unidade prisional. A Polícia Federal não informou para qual cadeia Marcelaine foi levada.
Marcelaine é suspeita de encomendar o crime por desconfiar que Denise mantinha um caso com um homem considerado o amante da socialite. Ela fugiu para o exterior no dia do crime, segundo a polícia. A universitária sobreviveu ao atentado.
Marcelaine desembarcou no aeroporto da capital às 12h21 (horário do Amazonas) em um voo da TAM Linhas Aéreas. Passageiros relataram ao G1 que o comandante solicitou que todos permanecessem sentados para um procedimento especial. Em seguida, a socialite foi retirada da aeronave. Ela estava acompanha por dois homens.
Socialite deve ser encaminhada para uma cadeia na capital (Foto: Jamile Alves/G1 AM)Socialite deve ser encaminhada para uma cadeia na capital (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
A TAM informou, por meio de nota, que "colaborou com as autoridades e órgãos competentes colocando à disposição todas as informações necessárias".
Marcelaine é a quinta pessoa presa suspeita de envolvimento no crime. A prisão preventiva da socialite foi decretada no dia 18 de dezembro do ano passado. 
Em dezembro do ano passado, o titular da delegacia, Paulo Martins, afirmou que a suspeita logo voltaria para o Brasil, já que o visto de turista para os Estados Unidos venceria em breve.
Socialite foi presa após desembarcar em Manaus (Foto: Jamile Alves/G1 AM)Socialite foi presa após desembarcar em Manaus (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
A defesa de Marcelaine entrou com pedido de habeas corpus. No entanto, em dezembro do ano passado, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) não aceitou o pedido de revogação da prisão preventiva da suspeita.
Com a decisão do STJ, a defesa deve aguardar parecer do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), que já decidiu avaliar o caso somente após o fim do recesso forense, previsto para o dia 6 de janeiro, um dia após a volta da socialite.
Marcelaine Schumann desembarcou no aeroporto de Manaus nesta segunda (Foto: Jamile Alves/G1 AM)Marcelaine Schumann desembarcou no aeroporto de Manaus nesta segunda (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
Além dela, três pessoas foram presas em dezembro do ano passado. De acordo com a Polícia Civil, Rafael Leal do dos Santos, de 25 anos, conhecido como "Salsicha", foi quem atirou contra a universitária. O homem afirmou que recebeu R$ 3.500 para realizar o crime. Ele foi preso no município de Anori, a 234 km de Manaus, onde estava abrigado na casa do avô.
Segundo a Polícia Civil, após ser preso, Rafael confessou a tentativa de homicídio e apontado a participação de outras três pessoas no crime: Charles "Mac Donald" Lopes Castelo Branco, de 27 anos, suspeito de negociar o assassinato com a mandante, e Karen Arevalo Marques, de 22 anos, que intermediou o aluguel da arma usada no crime. Ela e Charles foram presos na Rua Miratinga, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.
Após investigações, a Polícia Civil concluiu, por meio das câmeras de segurança do local, que Rafael visitou o local diversas vezes antes de cometer o crime. Ele disparou três vezes contra Denise. Dois tiros atingiram a universitária.
Marcelaine (direita) é suspeita de encomendar morte de Denise (esquerda) (Foto: Arquivo Pessoal)Marcelaine (direita) é suspeita de encomendar morte de Denise (esquerda) (Foto: Arquivo Pessoal)
Mandante
Denise foi baleada na manhã do dia 12 de Novembro deste ano no estacionamento de uma academia localizada na Avenida Getúlio Vargas, no Centro de Manaus.
Conforme a delegada Geórgia Gomes, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros, a socialite premeditou o crime.  As duas mulheres seriam casadas e há suspeita de que elas seriam amantes de um mesmo homem. "Não está nada comprovado, até porque a Denise disse que não tinha nenhum envolvimento com o suposto namorado da mandante", afirmou Geórgia Gomes.

Denatran adia multa para extintor antigo; o novo está em falta


Extintor novo começou a equipar carros zero a partir de 2005.
Pelos próximos 3 meses, infração não será punida, diz o órgão.

Do G1, em São Paulo
Validade do extintor deve ser verificada (Foto: Karla Cabral/G1)Extintor do tipo ABC começou a equipar carros em 2005 (Foto: Karla Cabral/G1)
O Denatran anunciou nesta segunda-feira (5) que adiará por 90 dias a exigência do uso do extintor do tipo ABC para carros, que passou a valer no último dia 1º e cujo descumprimento resultaria em multa de R$ 127,69 e 5 pontos na carteira de habilitação.
O adiamento será por 90 dias, segundo o órgão. O prazo conta a partir da publicação no Diário Oficial da União, mas, de acordo com a assessoria do Denatran, multas aplicadas a partir desta segunda não serão consideradas.
A medida foi tomada pelo Ministério das Cidades após motoristas de diversas regiões do país relatarem dificuldade para encontrar o equipamento à venda.
A procura cresceu com a divulgação de que a regra, estabelecida em 2009, passaria a resultar em multa a partir deste ano se fosse descumprida.
O modelo exigido agora pela lei é chamado de ABC porque controla incêndio produzido por diversos tipos de materiais. Ele começou a equipar carros fabricados a partir de 2005, porém, uma liminar chegou a derrubar essa exigência, que foi restabelecida em 2009.
O extintor antigo era do tipo BC, que combatia apenas o fogo causado por líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos.
Equipamento vencido
A procura por extintores também aumentou porque, ao verificar o equipamento nos carros, proprietários perceberam que o item estava fora da data de validade, que é de 5 anos, a partir da data de fabricação. Circular com extintor vencido também pode dar multa.

Carro bate contra caminhão, pega fogo e motorista morre na hora




cidade
(Foto: Jornal da Cidade)
Um grave acidente na manhã desta segunda feira na Estrada da Itambé, km 20, acabou deixando o condutor de um veículo Gol morto e o passageirogravemente ferido. Conforme informações no local, o veículo Gol acabou colidindo frontalmente contra um caminhão, após o choque o veículo rodou na pista e começou a pegar fogo.
O passageiro do veículo identificado como Joarez Texca Leal, 32, conseguiu sair do veículo, mas sofreu graves ferimentos e risco de perder a vida, sendo socorrido pela equipe do Siate e encaminhado ao PS do Rocio. O motorista do veículo Gol foi identificado como Gelson Gustavo Leal, 25, morreu carbonizado no interior do veículo.
Ambos eram primos e moradores da região do Campina do Vargedo e trabalhavam na praça de pedagio de São Luiz do Purunã e estavam retornando do trabalho e se deslocando para casa
.

Bandidos mostram pistola, riem para funcionários e prendem seis no banheiro


Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Dois bandidos armados trancaram seis pessoas no banheiro de uma distribuidora de água durante assalto realizado na tarde desta segunda-feira (5), no bairro Vista Alegre, em Curitiba. De acordo com um dos funcionários do estabelecimento, a ação foi muito rápida e aparentemente são os mesmos assaltantes que já haviam cometido este crime contra o local há cerca de dois meses.
assaltodistribuidora
Foto: Juliano Cunha – Banda B
“Na primeira vez eles foram mais violentos, mas agora eles sabiam exatamente onde agir. Um deles chegou a rir da nossa cara durante a abordagem. Se continuar assim, vamos precisar contratar um segurança”, disse.
O funcionário não soube precisar se os bandidos teriam fugido em uma motocicleta, carro ou a pé, já que também acabou preso no banheiro.
A Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) deve investigar o caso.

Carro capota após se perder na curva e bebê precisa ser socorrido pelo helicóptero da PRF


Por Felipe Ribeiro
Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF

Um capotamento no quilômetro 14 da BR-116, em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, deixou um bebê ferido no final da manhã desta segunda-feira (5).
acidenteregis
Foto: Divulgação PRF
De acordo com o policial rodoviário federal Carvalho, duas famílias seguiam no sentido São Paulo quando o veículo Siena em que o bebê estava se perdeu na curva e capotou. “Nisso, um outro carro tentou desviar e bateu contra a mureta. Apesar dos acidentes, ninguém se feriu gravemente”, disse.
Segundo a PRF, o bebê estava na cadeirinha e foi levada ao Hospital Angelina Caron de helicóptero por precaução.
Os demais envolvidos passam bem.
.

Francischini promete operações “cirúrgicas” para conter guerra na Vila das Torres


Por Felipe Ribeiro e Bruno Henrique

Quase uma semana após a chacina que terminou na morte de seis pessoas no estacionamento de um hipermercado de Curitiba, o secretário de Segurança Pública do Paraná, Fernando Francischini, disse que o estado irá promover operações “cirúrgicas” para combater a guerra entre gangues que tomou a região. Em entrevista coletiva realizada na manhã desta segunda-feira (5), o secretário afirmou teve uma reunião com o gabinete de gestão integrada e imediatamente já iniciaram novas ações para conter a criminalidade na região.
francischini
Foto: Divulgação AEN
“A maioria das pessoas que mora na vila são pessoas de bem, pais de família que lutam para manter os filhos. A partir de agora teremos ações firmes, não só de ocupação, mas de inteligência para garantir que os bons cidadãos possam continuar morando no local”, garantiu.
A chacina no hipermercado Walmart aconteceu no último dia 31, véspera do Ano Novo. Apesar do estabelecimento não estar localizado na vila, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) confirmou que o motivo do crime foi a disputa entre as gangues. O grupo de rapazes chegou ao hipermercado no início da tarde em um Fiat Uno, de cor branca, para fazer compras no local. Na saída, eles foram abordados por homens que ocupavam um veículo Ônix Chevrolet, de cor preta.
Ainda no local, familiares afirmaram que Alan teria saído do sistema prisional para passar o fim de ano ao lado da família. A polícia acredita que o crime tenha envolvimento com as gangues da Vila das Torres, mais precisamente entre os membros da ‘gangue de cima’. Ainda, sem confirmação da polícia, há suspeita que a morte dos jovens tenha sido encomendada por presos do Complexo Penal de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba.
Fuga de presos no Paraná
Questionado ainda sobre as três fugas de presos ocorridas no estado durante os primeiros dias do ano, Francischini disse que possuí indícios que em um dos casos houve omissão, mas que todos eles serão muito bem apurados.
“Já determinei o afastamento do delegado para que não haja interferência na investigação. Se aconteceu mesmo uma facilitação, isso é muito grave e não vamos deixar que isso se repita”, concluiu.

Inscrições para o Sisu 2015 começam no dia 19 de janeiro


Prazo vai até o dia 22 de janeiro.
Sistema seleciona alunos para vaga em universidades públicas pelo Enem.

Do G1, em São Paulo
As inscrições para a primeira edição de 2015 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) estarão abertas entre os dias 19 de janeiro até as 23h59 do dia 22 de janeiro, exclusivamente pelo sitewww.sisu.mec.gov.br. O edital foi publicado nesta segunda-feira (5) no Diário Oficial da União.
O Sisu seleciona alunos para vagas em instituições públicas de ensino superior a partir da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para participar desta edição, o candidato tem de ter feito a edição 2014 do exame e não ter zerado na redação. O estudante poderá se inscrever em até duas opções de vaga.
O resultado da primeira chamada regular será divulgado no dia 26 de janeiro.
Prouni
As inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni), referente ao primeiro semestre de 2015, ocorrem entre os dias 26 de janeiro até as 23h59 do dia 29.
Podem disputar uma bolsa de estudo estudantes brasileiros que tenham feito o Enem e que atenda ao menos uma das condições a seguir:
- Tenha cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
- Tenha cursado o ensino médio completo em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
- Tenha cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
- Seja pessoa com deficiência;
- Seja professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública.
O resultado da primeira chamada sai no dia 2 de fevereiro e da segunda no dia 19 de fevereiro

Coronel da PM suspeito de incitar violência em protestos é exonerado no Rio


Vinícius Konchinski
Do UOL, no Rio
r
  • Divulgação/Governo do Estado do Rio de Janeiro
    Mensagens atribuídas a Souza, trocadas com comandados, indicam também que ele tem admiração pela doutrina nazista. Outra suspeita é de que ele pode estar envolvido no ataque a tiros ao prédio de outro oficial, seu desafeto
    Mensagens atribuídas a Souza, trocadas com comandados, indicam também que ele tem admiração pela doutrina nazista. Outra suspeita é de que ele pode estar envolvido no ataque a tiros ao prédio de outro oficial, seu desafeto
O secretário de Estado de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, anunciou na manhã desta segunda-feira (5) que o governo exonerou o coronel da Polícia Militar Fábio Almeida de Souza, ex-comandante do Batalhão de Choque e do Bope (Batalhão de Operações Especiais).
A decisão foi tomada após reportagem da revista "Veja" desta semana afirmar que o oficial incitou atos de violência policial contra manifestantes durante os protestos de 2013.
Beltrame afirmou ainda que a corregedoria da PM instaurou um procedimento disciplinar para apurar a veracidade das informações veiculadas pela revista. Desde que deixou o comando do Bope, em março do ano passado, Souza integrava a escolta pessoal de Beltrame.
O secretário se disse "horrorizado" com as revelações sobre a suposta conduta do coronel.
"Quando fiquei sabendo, me certifiquei das mensagens do inquérito e o exonerei nesta manhã [de hoje]. Fiquei horrorizado. Quando ele veio para a segurança da secretaria, não havia procedimento algum contra ele. Esse procedimento será aberto e o pedido é meu", afirmou Beltrame

Nazismo

Mensagens atribuídas a Souza, trocadas com comandados, indicam também que ele tem admiração pela doutrina nazista. Outra suspeita é de que ele pode estar envolvido no ataque a tiros ao prédio de outro oficial, seu desafeto.
As mensagens constam de investigação sigilosa a cargo da Corregedoria-Geral da PM. Em nota, a corporação confirma a abertura de IPM (Inquérito Policial Militar), mas não dá detalhes.
Souza foi promovido a coronel no final do ano passado "por merecimento", quando comandava a equipe de vigilância pessoal de Beltrame.
Em um grupo de WhatsApp (aplicativo de mensagens por celular), Souza, segundo a "Veja", escreveu que os black blocs, manifestantes considerados violentos e baderneiros, deveriam ser mortos: "7,62 (referência a um calibre de fuzil), mata eles tudo", disse.
"Porrada, paulada, tonfada (pancada com um instrumento chamado tonfa, semelhante a um cassetete), fuzilzada, mãozada", continuava uma mensagem.
Em outra mensagem, Souza diz: "Na última manifestação, dei de AM640 inferno azul (lançador de bomba de gás) nas costas de um black bobo, no máximo 30 metros!!! Que orgulho!!!".
Também divulgada pela revista, mensagem atribuída ao coronel menciona despacho de umbanda deixado na porta do gabinete do tenente-coronel Márcio Rocha, que substituiu Souza por um período no Batalhão de Choque. Os dois seriam inimigos.
"Faltou a galinha preta, as guias, as velas do Flamengo, a pipoca e aquela batata cheia de espeto", disse.
A portaria do prédio de Rocha foi atingida por tiros disparados por dois homens numa moto em janeiro de 2014, uma semana após o episódio do despacho.
Em outra postagem, Souza louva o "padrão Alemanha de 1930", em referência ao regime instituído pelo líder nazista Adolf Hitler, e diz: "Vai ter virada e vingança. 2014, a virada. 2015, a caça aos infieis insurgentes ladrilhos malditos indignos".
A PM emitiu notas sobre a investigação do ataque à casa de Rocha: "O Inquérito Policial Militar (IPM) está em andamento, na fase de cumprimento de exigências feitas pelo Ministério Público. (...) Todos os oficiais citados nos fatos já depuseram na qualidade de testemunhas".
Não há comentário sobre a troca de mensagens pelo WhatsApp.
Procurados pela reportagem, nem o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) nem o secretário de Segurança se manifestaram. As assessorias informaram que caberia à PM responder sobre os fatos.
O diretor da Anistia Internacional no Brasil, Atila Roque, considerou muito grave o teor das mensagens.
"Se confirmada a autenticidade dessa troca de mensagens, estamos diante de um fato de enorme gravidade: um oficial da 'elite' da polícia pregando abertamente o uso excessivo da força, o extermínio e a sedição, conspirando contra os próprios colegas policiais. É difícil entender como esse oficial e os demais identificados nessa investigação da Corregedoria ainda não estejam afastados do serviço; e, no caso do coronel Fábio, tenha sido inclusive, promovido", disse Roque.
Para o presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Wadih Damous, "esses diálogos capitaneados pelo comandante da tropa acabam por ratificar o que já se sabe há muito tempo: a PM acaba por se constituir em fator importante da cultura da violência que impera na política pública de segurança. Incitar os soldados a praticar violência contra manifestantes ou seja contra quem for, e com exortações de natureza inequivocamente nazista, é inaceitável e incompatível com as funções policiais". (Com Estadão Conteúdo)

IMAGENS FORTES: Agência divulga fotos de Andressa Urach no hospital


Depois de ficar quase um mês internada, apresentadora exibiu curativos nas pernas em ida à praia no sábado, 3, em Florianópolis, Santa Catarina.

do EGO, no Rio
Imagens fortes (Foto: EGO)
A agência Grosby Group divulgou, na madrugada desta segunda-feira, 5, imagens de como ficaram as pernas de Andressa Urach durante o processo de retirada do hidrogel que ela tinha aplicado. Nas fotos é possível ver grandes ferimentos em uma das pernas da apresentadora. As imagens foras feitas durante o período em que Andressa ficou internada no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Porto Alegre.
Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre (Foto: Grosby Group/ Agência)Andressa Urach durante internação no Hospital
Conceição (Foto: Grosby Group/ Agência)
Após alta, passeio pela praia 
Depois de ficar quase um mês internada, Andressa Urach exibiu curativos nas pernas em ida a uma praia no sábado, 3, em Florianópolis. Usando um camisão branco e uma canga amarela, ela caminhou pela orla enquanto tomava água de coco. Na mesma data, pela manhã, a modelo também foi fotografada caminhando pelas ruas da capital catarinense. Nas fotos, a apresentadora aparece usando um vestido longo. Essa foi a primeira vez que a apresentadora apareceu depois de ficar internada por conta de complicações daaplicação de hidrogel nas pernas, realizada há mais de cinco anos. Em seu passeio, Andressa foi clicada lendo o livro de autoajuda "Comande sua vida com o poder da mente".
Relembre o caso
Andressa Urach está se recuperando da infecção que a levou ao Hospital Conceição, em Porto Alegre - onde estava desde o dia 29 de novembro. Após 25 dias de internação, durante os quais ela chegou a ter um quadro de sepsepor conta de aplicações de hidrogel nas pernas, Andressa deixou o hospital na véspera de Natal.
Andressa Urach em praia em Florianópolis, Santa Catarina. (Foto: Grosby Group/ Agência)Andressa Urach em praia em Florianópolis
Na ocasião, ela falou sobre o momento difícil que enfrenta através de sua assessoria de imprensa. "Quero agradecer em primeiro lugar a Deus e ao Hospital Nossa Senhora da Conceição de Porto Alegre por salvarem minha vida, principalmente a toda a equipe da UTI e a todos os profissionais que ali trabalham sem exceções, que me receberam com muito carinho e dedicação, ali pude perceber que todos os pacientes são tratados da mesma maneira.
A alta de Andressa aconteceu antes do que se imaginava. No último dia 14, o médico Dr. Pedro Alexandre da Motta Martins, chefe do serviço de cirurgia plástica do Hospital Nossa Senhora da Conceição, disse ao EGO que a apresentadoradeveria deixar o hospital somente no início do ano.
Na madrugada do dia 1° de janeiro, Andressa já dava sinais de sua boa recuperação e de seu arrependimento ao escrever um post em rede social desejando um bom ano a seus seguidores. "Sabe qual é a ironia da vida? Pensamos sempre ao contrário, temos pressa de crescer e depois suspiramos pela infância perdida. Perdemos a saúde para ter dinheiro e logo em seguida perdemos o dinheiro para termos saúde... Pensamos tão ansiosamente no futuro que esquecemos o presente, assim nem vivemos o presente nem o futuro e esquecemos muitas vezes da família e amigos. Vivemos como se nunca fôssemos morrer e morremos como se nunca tivéssemos vivido. A vida é feita basicamente de contrários. A palavra vida tem apenas um "V", o resto é só "ida"... Desfrute do Senhor, de sua palavra e de todos os que você ama! Enttão, um brinde e que venha 2015. Não poderia passar ano novo melhor! Na presença de Deus com minha família agradecendo a vida!", declarou ela horas depois da virada para 2015.
Hidrogel causou infecção nas pernas
A causa do problema de saúde de Andressa foi uma aplicação de hidrogel feita há cinco anos nas coxas. Em julho deste ano, ela teve problemas e se submeteu a um procedimento para retirar o produto. Mas voltou a ter complicações e foi operada no dia 28 de novembro para retirar resquícios do hidrogel. Após a cirurgia, Andressa chegou a ser liberada, mas teve que voltar no dia seguinte após um mal-estar. Com a infecção detectada, ela passou por uma nova operação no dia 30.  "A Andressa passou muito mal após a primeira cirurgia. Ela foi levada ao hospital e eles disseram que o dreno fechou e o hidrogel causou uma infecção. Andressa passou por uma nova cirurgia à noite, e está na UTI", informou a assessoria de Urach na ocasião.

No dia 2 de dezembro de 2014, Julio Vedovato, médico particular de Urach, anunciou que ela estava com sepse, ou seja, que a infecção estava espalhada por todo o corpo, causando risco de parada dos órgãos. De lá para cá, a modelo passou por uma série de procedimentos médicos, recebeu transfusões de sangue e contou com o carinho de familiares, amigos e fãs, que acompanharam sua recuperação.
Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre (Foto: Grosby Group/ Agência)Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre
Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre (Foto: Grosby Group/ Agência)Detalhe da perna de Andressa Urach
Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre (Foto: Grosby Group/ Agência)Andressa Urach durante processo de retirada do hidrogel da perna
Andressa Urach durante internação no hospital Conceição, em Porto Alegre (Foto: Grosby Group/ Agência)Andressa Urach durante internação em dezembro de 2014