MPF denuncia Cerveró por lavagem de dinheiro e formação de quadrilha

cervero02
O MPF denunciou nesta terça-feira (24) o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró pelos crimes de formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, apurados na Operação Lava Jato, da Polícia Federal. A operação investiga um esquema de corrupção bilionário de sobrepreço em obras da Petrobras e que envolveria ex-funcionários da estatal, executivos de empreiteiras e políticos. “Cerveró é acusado de utilizar o cargo de diretor na estatal para favorecer contratações de empreiteiras mediante o pagamento de propina”, disse o MPF em nota.
Os outros dois denunciados são Fernando Soares, que é apontado pelo MPF como operador financeiro do esquema, e Oscar Algorta, que seria responsável por lavar dinheiro ao adquirir com valores ilícitos uma cobertura de luxo para ocultar a real propriedade atribuída a Cerveró.

Veja as demandas da APP já atendidas pelo Governo de Beto Richa


unnamed
O Governo do Estado liberou hoje os R$ 70 milhões referentes à rescisão dos professores contratados por seleção simplificada (PSS). Veja outras demandas da APP-Sindicato já atendidas pelo Governo:
– Retirada da pauta da Assembleia Legislativa dos projetos de lei PLC 06/2015 e PLO 060/2015;
– Pagamento integral da rescisão dos professores temporários (PSS) – R$ 70 milhões (fevereiro);
– Porte das escolas e turmas conforme normas de dezembro de 2014;
– Convocação imediata de mais 1.000 professores e pedagogos aprovados em concurso;
– Retomada imediata de projetos de contraturno (educação física e língua estrangeira);
– Indicação de diretor assistente em 300 escolas que funcionam em três turnos;
– Garantia do número suficiente de agentes de apoio nas escolas;
– Disponibilidade imediata de salas de apoio para reforço escolar;
– Pagamento de auxílio alimentação para agentes de apoio.

'Tudo perfeito', diz Fernanda Souza sobre casamento com Thiaguinho


A atriz e o cantor se casaram na noite desta terça-feira, 24, na São Paulo.

Lucas Pasin e Thaís Sant'annado EGO, em São Paulo
Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Enfim, casados! Fernanda Souza e Thiaguinho trocaram alianças na noite desta terça-feira, 24, na Paróquia Nossa Senhora do Brasil, em São Paulo. O casal deixou a igreja cerca de uma hora e meia depois da cerimônia. "Foi tudo perfeito! Chorei muito, foi emocionante, mais do que esperava. Sonhava com algumas coisas que aconteciam em casamento, mas foi muito mais do que esperava. Ele fez muito mais, várias surpresas. Ontem eu sonhei com algumas coisas que aconteceriam no casamento. Ele fez tudo que eu pedi. Não sabia, foi surpresa. Quase desmaiei de verdade", disse Fernanda ao deixar a igreja ao lado do marido.
Thiaguinho também falou sobre a cerimônia: "Péricles cantou, Leonardo Gonçalves e Dani Araújo também. Eu mostrei a primeira vez para Fernanda quando a gente ficou, já prevendo que ela seria a mulher que eu iria casar. A entrada da imagem da Nossa Senhora foi uma surpresa também. Uma amiga que fez."
O casamento foi marcado pela emoção dos noivos e dos amigos. A atriz Claudia Raia, uma das madrinhas, não segurou as lágrimas ao ver Thiaguinho entrar na igreja. Já Rafael Zulu foi o responsável pela primeira leitura da cerimônia, Gênesis 2, trecho bíblíco escolhido pelos noivos: "Quero chamar para a primeira leitura o cupido do casal", disse o padre.
Após um atraso de praxe - a cerimônia estava marcada para 19h e só começou de fato às 20h40 - os convidados e os dez casais de padrinhos finalmente viram os noivos chegarem à igreja. "Obrigada por terem vindo até aqui. muito obrigada", agradeceu Fernanda ao chegar ao local, visivelmente emocionada. "Estou muito nervosa", completou ela.
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho
A decoração da igreja foi toda preparada em estilo bem clean - com as tradicionais gypsophilas decorando o corredor - e um coral de meninas começou a noite cantando "Nossa Senhora" preparando o clima para a entrada da noiva.

A daminha, sobrinha da noiva, entrou com a música "Um anjo do céu" .Os sinos tocaram 20h49 e a noiva entrou precisamente às 20h52 ao som da Marcha Nupcial enquanto o noivo nervoso - e mordendo os lábios - aguardava no altar.

Como o pai da atriz já faleceu, ela entrou na igreja acompanhada pelo sogro, João Barbosa, em um modelo assinado pela estilista alagoana Martha Medeiros. O cantor optou por um terno Tom Ford.
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho

Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho se beijam
Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Cerimônia estrelada
Os padrinhos Fabio e Andrea Francisco foram os primeiros a chegar ao local, seguidos pela mãe e pela irmã do cantor, Glória Barbosa e Ellen Caroline - respectivamente. Não demorou para os famosos, dentre eles muitos padrinhos - comoPreta GilAngélicaLuciano Huck, Rafael Zulu, Samara Felippo e o promoter David Brazilmarcarem sua presença.
O padre Reginaldo Manzzoti, responsável pela cerimônia, conversou rapidamente com a imprensa."Nós temos uma grande devoção em comum que é por Nossa Senhora Aparecida. Eu vim aqui para abençoá-los. Nos conhecemos há muito tempo, eu já cantei com ele e ele já cantou comigo. Somos amigos e estou feliz por ter sido escolhido para ser o padre desta cerimonia".

  •  

Mais cedo, Fernanda Souza usou uma rede social para agradecer o carinho dos fãs: "Nosso 'Muito obrigado' por todo o carinho de vocês. Que Deus nos abençoe. Amém", escreveu na legenda de foto postada no Instagram.
Depois da cerimônia - assinada pela cerimonialista Yaya Quintella - os noivos recebem os convidados em uma festa badalada, que acontece na Casa Fasano, no Itaim Bibi.

Amigos famosos prestigiam união
Samara Felippo foi uma das primeiras madrinhas famosas a chegar ao casamento de Fenanda Souza e Thiaguinho na noite desta terça-feira, 24, em São Paulo."Somos amigas há muitos anos, desde Malhação e nunca mais nos separamos. Desejo toda energia positiva e todo meu amor por ela. Estou  muito nervosa", disse Samara.
Outro casal de padrinhos, Luciano Huck e Angélica chegaram na sequência. O apresentador, que se esteve mais cedo com o noivo, entregou: "Ele está bem ansioso". Já Angélica, falou sobre o presente dos noivos, "Eu não dei nada demais, não foi um helicóptero ou ilha (risos). Entrei na lista de presente e mandei algo que eles pediram lá", disse ela, antes de acrescentar: "Casal lindo, dois lindos. Gosto muito dos dois, enerrgia boa. E adoramos casamento!"
Esquema de segurança
Horas antes do casório a igreja já havia recebido um forte esquema de segurança, para que curiosos não tenham acesso. O vestido da noiva foi feito pela estilista Martha Medeiros e o penteado  por Thiago Fortes.
Na segunda-feira, 23, Fernanda Souza reuniu amigas famosas em seu chá de panela. A apresentadora Angélica, a cantora Preta Gil e as atrizes Carolina DieckmannFernanda Paes Leme, Samara Felippo e Gisele Itié estiveram na festa realizada na Zona Sul do Rio.
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)Casamento de Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Manuela Scarpa e Amauri Nehn/Photo Rio News)
Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto:  Thiago Duran, Paduardo, Leo Franco e Francisco Cepeda / AgNews)Fernanda Souza e Thiaguinho (Foto: Thiago Duran, Paduardo, Leo Franco e Francisco Cepeda / AgNews)
Fernanda Souza (Foto:  Francisco Cepeda e Thiago duran / AgNews)Fernanda Souza (Foto: Francisco Cepeda e Thiago duran / AgNews)
Fernanda Souza (Foto: Celso Tavares / EGO)Fernanda Souza (Foto: Celso Tavares / EGO)
Fernanda Souza (Foto: Celso Tavares / EGO)Fernanda Souza (Foto: Celso Tavares / EGO)
Adriana Galisteu  (Foto: Iwi Onodera / Ego)Adriana Galisteu (Foto: Iwi Onodera / Ego)
Claudia Raia (Foto: Celso Tavares / Ego)Claudia Raia (Foto: Celso Tavares / Ego)
Claudia Raia (Foto: Celso Tavares / Ego)Claudia Raia (Foto: Celso Tavares / Ego)
Angelica e Luciano Huck (Foto: Iwi Onodera / EGO)Angelica e Luciano Huck (Foto: Iwi Onodera / EGO)
Regina Casé e Preta Gil  (Foto: Iwi Onodera / Ego)Regina Casé e Preta Gil (Foto: Iwi Onodera / Ego)

Juiz federal é flagrado ao volante de Porsche Cayenne de Eike Batista


O juiz ao volante do Porsche
O juiz ao volante do Porsche Foto: Rafael Moraes / Extra
Extra

O juiz federal Flávio Roberto de Souza foi flagrado pelo EXTRA, na manhã desta terça-feira, ao volante do Porsche Cayenne branco do empresário Eike Batista. O magistrado chegou com o veículo à sede da 3ª Vara Criminal Federal, no Centro do Rio, às 10h22m, e entrou por um portão lateral da sede da Justiça Federal, na Avenida Barão de Tefé. O Porsche foi um dos apreendidos pela Polícia Federal por ordem do próprio magistrado: ele determinou a apreensão de todos os bens do ex-bilionário no Brasil.
O EXTRA fez plantão na porta da 3ª Vara Federal Criminal, na Avenida Venezuela, após ser avisado de que o juiz estaria usando o veículo.
Detalhe da placa do veículo
Detalhe da placa do veículo Foto: Igor Ricardo / Extra
Procurado por telefone após o flagrante, o juiz não explicou o motivo de estar dirigindo o carro apreendido.
- A ligação está ruim. Não estou te ouvindo - disse.
Logo após, completou:
- Agora estou ouvindo, mas não posso falar pois estou numa reunião.
À revista Veja, o juiz se defendeu e alegou que não havia vagas no pátio da Justiça Federal para todos os carros apreendidos de Eike. Ele disse que levou os dois veículos mais caros (o Porsche e uma Hillux) para a garagem do próprio prédio, e teria comunicado ao Detran. Nesta terça-feira, de acordo com o juiz, os carros seriam levados de volta para o pátio, onde ficariam expostos antes do leilão desta quinta-feira. Segundo o magistrado, a Hilux que o motorista da Vara Federal dirigia deu problema e teve de ser rebocada. O motorista era quem pegaria o Porsche depois para levar à Justiça Federal. Então ele, se dispôs a levar.
O Porsche, no entanto, não vai a leilão nesta quinta-feira.
Um vídeo enviado à redação do EXTRA mostra o carro de luxo no momento em que ele entra no prédio da Justiça Federal.
O magistrado chegou á sede da 3ª Vara Crimanal federal com o carro
O magistrado chegou á sede da 3ª Vara Crimanal federal com o carro Foto: Rafael Moraes / Extra
Em entrevista ao EXTRA, neste domingo, Flávio Roberto criticou os advogados do empresário, que tentam tirá-lo de um dos processos, garantindo que eles não vão fazê-lo sair “do sério” e afirmou: “Vou esmiuçar a alma dele”.
Thor Batista, filho de Eike, disse apenas que espera que o pai seja julgado “com imparcialidade”:
- Só espero que o meu pai seja julgado com imparcialidade, de uma maneira justa.
Detalhe do juiz ao volante do Porsche
Detalhe do juiz ao volante do Porsche Foto: Rafael Moraes
Advogado de Eike Batista, Sérgio Bermudes chamou de indecente e ilegal o juiz usar o carro apreendido. O defensor do empresário disse que vai fazer duas representações contra o magistrado - no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e no Tribunal Regional Federal (TRF).

- Por que que esse foi o único carro apreendido que não entrou na relação dos que serão leiloados? Para que ele (o juiz) fique com o carro e possa usufruir dele. A situação é trágica. Não é só ilegal, é indecente. O juiz determinou que os bens apreendidos fossem levados para o deposito judicial e que os automóveis ficassem no pátio da Justiça Federal. Tanto ele queria usar o carro, que não colocou na lista de carros que vão ser leiloados. Para que? Para ele (o juiz) ficar no bem bom, andando de Porsche - disse Bermudes.
De acordo com Bermudes, o magistrado não nomeou um fiel depositário para ficar com os bens apreendidos. E explicou que, legalmente, o magistrado não poderia se nomear fiel depositário.
O carro no dia em que foi apreendido
O carro no dia em que foi apreendido Foto: Cezar Loureiro / O Globo
O juiz em seu gabinete
O juiz em seu gabinete Foto: Guilherme Pinto / Extra
Uma sindicância será aberta para apurar o caso, segundo a Justiça Federal informou em nota:
"A Corregedoria Regional da Justiça Federal da 2ª Região instaurou hoje processo de sindicância para apurar os fatos noticiados pela imprensa no dia 24 de fevereiro, acerca da conduta do juiz federal titular da 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, referente ao uso de bens apreendidos do empresário Eike Batista. O procedimento foi aberto por determinação do corregedor regional em exercício, desembargador federal José Antonio Lisbôa Neiva".


Bloqueio de caminhões afeta Porto de Santos; e várias regiões do Brasil


Manifestantes bloquearam acessos ao maior porto do país, em SP. 
Governo conseguiu na Justiça primeiras decisões para liberar estradas.

Do G1, em São Paulo
O bloqueio de estradas por caminhoneiros começou a afetar o transporte de mercadorias nos portos e ferrovias do país. Nesta terça-feira (24), manifestantes fecharam os acessos ao Porto de Santos (SP), o maior do Brasil.  A Polícia Militar usou bombas de gás e prendeu 7 pessoas que se negavam a desbloquear as vias.
Também nesta terça, o governo conseguiu nas justiças do Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Bahia a liberação de trechos interditados pelos protestos.
Os bloqueios afetaram ainda a operação do porto de Paranaguá, no Paraná, principal terminal de exportação de produtos agrícolas do país. Segundo a administração do porto, apenas 10% dos carregamentos previstos para esta terça-feira foram realizados. 
Caso o protesto prossiga, há risco de atrasos nos carregamentos dos navios atracados no porto e também das embarcações que aguardam no mar, afirma a administração.
Desde segunda-feira (23), o terminal ferroviário de Rondonópolis, no sul de Mato Grosso, deixa de exportar 12,8 mil toneladas de grãos por dia, devido aos protestos que impedem a circulação dos caminhões.
Caminhoneiros realizam protesto na estrada que leva ao porto de Santos, no litoral sul de São Paulo. O protesto causa um enorme congestionamento na entrada da cidade de Santos (Foto: Ernesto Rodrigues/Folhapress)Caminhoneiros realizam protesto na estrada que leva ao porto de Santos, no litoral sul de São Paulo. O protesto causa um enorme congestionamento na entrada da cidade de Santos (Foto: Ernesto Rodrigues/Folhapress)
As manifestações, iniciadas na semana passada, conseguiram maior adesão e foram registradas paralisações de caminhoneiros em 13 estados ao longo desta terça, sendo que em 12 deles houve bloqueio de estradas.
Pouco depois das 20h, bloqueios fechavam vias em nove estados. Perto das 21h, as estradas de Mato Grosso do Sul foram liberadas após um dia inteiro de protestos. (Veja abaixo a situação de cada estado e aqui os trechos com bloqueios)
Os caminhoneiros protestam, principalmente, contra o aumento do diesel e o preço do frete, considerado baixo pela categoria. Nesta noite, o secretário-geral da Presidência, Miguel Rossetto, disse que não é "pauta" do governo a redução do preço do diesel. Segundo ele, haverá uma reunião nesta quarta (25) em Brasília com lideranças dos caminhoneiros e empresários.

Decisões judiciais
O governo conseguiu nesta terça as primeiras decisões judiciais determinando o desbloqueio de rodovias pelos caminhoneiros. No Rio Grande so Sul, a Justiça Federal determinou adesocupação de três rodovias federais em Pelotas: BR-116, BR-293 e BR-392.
Outra ação, movida pelo Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados do estado, conseguiu a determinação do fim dos protestos que ocupam techos de rodovias em Passo Fundo (BR-285), Santa Rosa (BR-472) e Santa Vitória do Palmar (BR-468).
Em Minas Gerais, a Justiça Federal determinou a imediata desobstrução das rodovias federais que cortam o estado, parcialmente bloqueadas por caminhoneiros desde domingo (22). Caso a decisão seja descumprida, os sindicatos que promovem os protestos pagarão multa de R$ 50 mil por hora de ocupação indevida, além de R$ 5 mil por pessoa física ou veículo.
A liberação das rodovias em Minas só deve acontecer nesta quarta, assim que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) for notificada oficialmente.
Na Bahia, decisão liminar da juíza Gabriela Silva Macedo, da Justiça Federal em Barreiras, determinou que, se as estradas não forem desbloqueadas, haverá multa de R$ 100 mil por hora.
Em Santa Catarina, a PRF começou a usar sua tropa de choque para liberar rodoviasocupadas pelo protesto de caminhoneiros. Os policiais fizeram com que os veículos que bloqueavam um trecho da BR-282 em Xanxerê, no oeste do estado, fossem tirados da pista e colocados no acostamento. Segundo a PRF, foi uma desinterdição "à força, mas sem confronto".
VEJA COMO ESTÁ A SITUAÇÃO EM CADA ESTADO
Caminhoneiros protestam na Via Expressa, em Salvador. (Foto: Imagens/Tv Bahia)Caminhoneiros protestam na Via Expressa,
em Salvador. (Foto: Imagens/Tv Bahia)
BA
Caminhoneiros iniciaram protestos na manhã desta terça-feira na Bahia. À tarde, elesfecharam a Via Expressa, em Salvador, no sentido porto.
Também há interdições na cidade de Luís Eduardo Magalhães, região oeste do estado. Um trecho que estava interditado em Feira de Santana foi liberado no fim da tarde.

No Ceará, protesto dos caminhoneiros deixa congestionamento na BR-116 (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)No CE, protesto dos caminhoneiros congestiona
BR-116 (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
CE
Os bloqueios também chegaram ao Cearánesta terça-feira, onde cerca de 60 caminhões fecham os dois sentidos da BR-116, em Fortaleza. Apenas veículos pequenos, de emergência e caminhões com carga viva podem passar.
O trecho é um dos principais acessos à capital cearense e com intensa movimentação de cargas, já que a rodovia liga o Ceará ao Rio Grande do Sul. Veja aqui os pontos com bloqueio.

Caminhoneiros buscam apoio de outros motoristas (Foto: Alan Batislani/Arquivo pessoal)Caminhoneiros buscam apoio de outros motoristas
(Foto: Alan Batislani/Arquivo pessoal)
SP
Um protesto de caminhoneiros bloqueia os acessos ao Porto de Santos desde a manhã desta terça-feira. A fila de caminhões fez com que a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), liberasse a circulação de veículos de passeio, que chegam da capital paulista, pelo acostamento da Rodovia Anchieta.
Perto do porto, o  Batalhão de Choque da Polícia Militar se organizou para liberar a pista e após isso abordou os caminhoneiros. Alguns se negaram a sair. A polícia usou bombas de gás e prendeu 7 pessoas.
Um outro grupo realizou um ato de protesto no km 560 da Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Parapuã, interior de São Paulo. A via foi liberada no fim da tarde.

Protesto na BR-381 em trecho próximo a Betim, nesta terça-feira (24) (Foto: Reprodução/TV Globo)Protesto na BR-381 em trecho próximo a Betim,
nesta terça-feira (24) (Foto: Reprodução/TV Globo)
MG
Em Minas Gerais, os caminhoneirosinterditavam parcialmente, nesta terça-feira, a Rodovia Fernão Dias, em Igarapé, na Grande BH; em Oliveira, no Centro-Oeste; e em Perdões, no Sul; e em Santo Antônio do Amparo. Veja aqui os pontos de bloqueio no estado.
São registradas interdições também na BR-262 e na BR-040. Manifestantes fecharam ainda o trecho da MG-050 que liga Divinópolis a Formiga.
A manifestação na Região Metropolitana afeta a produção de veículos na Fiat pelo segundo dia consecutivo. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, devido à falta de peças que não foram entregues não é possível retomar a produção, e turnos foram suspensos.
A paralisação no Centro-Oeste de Minas já provoca reflexos nos postos de combustíveis. Em Oliveira, pelo menos três já confirmaram que estão fechados e outros têm quantidade mínima para abastecimento.

Caminhoneiros fazem paralisação na PR-218, em Astorga (Foto: Ramon Rosa/Arquivo Pessoal)Caminhoneiros fazem paralisação na PR-218,
em Astorga (Foto: Ramon Rosa/Arquivo Pessoal)
PR
Segundo a PRF, até as 21h desta terça, o estado tinha 23 pontos de interdição em rodovias.
A paralisação afetou as operações do Porto de Paranaguá. Dos 900 caminhões que deveriam descarregar no pátio nesta terça, apenas 45 chegaram. Segundo a administração, 1.569 caminhões também deixaram de carregar os grãos do porto. 
Os bloqueios também causaram falta de combustíveis em alguns postos do sudoeste e do oeste do Paraná. Naqueles em que ainda havia combustível, o litro da gasolina chegou a R$ 5.
Indústrias de alimentos, agricultores e pecuaristas do oeste, sudoeste e norte do Paraná estão suspendendo as produções. Frigoríficos em Francisco Beltrão, Dois Vizinhos e Toledo deixaram de fazer o abate de aves.
Em Marmeleiro, nesta terça, um produtor teve que jogar fora 3 mil litros de leite, já que os caminhões do laticínio para quem fornece em Santa Catarina não conseguem chegar à propriedade no sudoeste do Paraná desde o dia 18.

Dezenas de caminhões estão parados também em Xanxerê (Foto: PRF/Divulgação)Dezenas de caminhões parados na estrada em
Xanxerê (Foto: PRF/Divulgação)
SC
Em Santa Catarina, onde os protestos ocorrem desde quarta-feira (18),  havia pelo menos 32 rodovias estaduais e federais com bloqueios de caminhoneiros na tarde desta terça-feira.
Os atos se concentram, principalmente, no Oeste do estado, mas há bloqueios também na Serra, no Vale do Itajaí, no Sul e no Norte. Veja aqui os pontos de bloqueio no estado. 
Segundo o Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados (Sindileito), por causa dos bloqueios a coleta de leite no estado pode ser 100% interrompida. O Sindicato dos Postos de Combustíveis de Chapecó afirma que 90% dos postos do oeste catarinense estão sem conbustível.
maioria dos frigoríficos do estado deve parar a produção nesta terça-feira, segundo o diretor-executivo do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados de Santa Catarina (Sindicarne) e da Associação Catarinense de Avicultura (ACAV), Ricardo de Gouvêa.
"O prejuízo é muito grande. Hoje ainda não é possível mensurar. Ele é do tamanho de toda a cadeia produtiva", disse Gouvêa.

Caminhoneiros protestam em quatro rodovias do RS (Foto: Divulgação/PRF)Caminhoneiros protestam em  rodovias do RS
(Foto: Divulgação/PRF)
RS
A Justiça Federal determinou o desbloqueio de rodovias em Pelotas (BR-116, BR-293 e BR-392), Passo Fundo (BR-285), Santa Rosa (BR-472) e Santa Vitória do Palmar (BR-468).
Segundo as polícias rodoviárias federal e estadual, manifestações de caminhoneiros ocorrem em mais de 20 rodovias do estado nesta terça-feira. Em algumas delas, veículos de carga são impedidos de seguir viagem.
A paralisação dos caminhoneiros já afeta diversos setores produtivos no estado. Indústrias de laticínios e frigoríficos, por exemplo, estão com produção reduzida por falta de matéria-prima e já contabilizam prejuízos. Caso a circulação de mercadorias não seja normalizada, os supermercados afirmam que podem faltar produtos nas prateleiras.
Se o bloqueio continuar, em um ou dois dias faltará leite no mercado, estima o Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados do estado (Sindilat-RS). O maior frigorífico de suínos do estado suspendeu as atividades nesta manhã e 3 mil animais deixarão de ser abatidos.

Protesto de caminhoneiros em Mato Grosso. 3 (Foto: Reprodução/TVCA)Protesto de caminhoneiros em Mato Grosso
(Foto: Reprodução/TVCA)
MT
Pela manhã, ao menos dez trechos das BRs 364, 163 e 070, em Mato Grosso, estavam bloqueados nesta terça-feira.
Segundo a PRF, os caminhoneiros não deram trégua durante a noite e mantiveram as interdições nos municípios de Cuiabá, Rondonópolis, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Sorriso e Diamantino. Em Sinop, o bloqueio começou no início da manhã.
Os caminhoneiros tentam impedir, há quase uma semana, que os veículos de cargas façam o escoamento da produção agrícola. Os caminhões com combustíveis seguem presos em bloqueios e, como consequência, o óleo diesel acabou em distribuidora no Norte do estado.

Caminhoneiros durante bloqueio na BR-463 em Sanga Puitã (Foto: Martin Andrada/ TV Morena)Caminhoneiros durante bloqueio na BR-463
em Sanga Puitã (Foto: Martin Andrada/ TV Morena)
MS
Durante praticamente todo o dia, os caminhoneiros realizaram bloqueios em nove trechos de estradas em Mato Grosso,liberando as vias no início da noite desta terça-feira.
Para o caminhoneiro Marcelo Silva, o protesto está mal organizado. Ele saiu de Santa Catarina para entregar piso em Mato Grosso e já passou por quatro pontos de manifestação. "São nossas reivindicações, claro, mas nem todos os caminhoneiros estavam preparados para a paralisação", disse durante parada na BR-163, em São Gabriel do Oeste.
Os motoristas que participam do protesto no estado montaram tendas na beira das rodovias, onde improvisaram almoço nesta terça-feira. Os organizadores do movimento afirmam que não há previsão para o término dos bloqueios.