STF nega pedido de liberdade a Odebrecht e mais dois

O executivo Marcelo Odebrecht, preso na Operação Lava Jato, durante depoimento à CPI da Petrobras em Curitiba, nesta terça-feira (01)
O executivo Marcelo Odebrecht, preso na Operação Lava Jato(Vagner Rosário/VEJA.com)
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki negou nesta quinta-feira pedido de liberdade do presidente do Grupo Odebrecht, Marcelo Odebrecht, e outros dois executivos ligados à companhia, Márcio Faria e Rogério Araújo. Os três estão presos desde junho em Curitiba (PR) por suspeitas de integrarem um esquema de corrupção, lavagem de dinheiro e pagamento de propina a partir de fraudes em contratos da Petrobras.
Os executivos queriam que o habeas corpus concedido a Alexandrino Alencar, executivo do grupo que também ficou preso e amigo do ex-presidente Lula, fosse estendido aos três. Para Zavascki, porém, a situação específica de Marcelo Odebrecht, por exemplo, não pode ser comparada à de Alexandrino.
A prisão preventiva de Alencar estava baseada no risco de que ele fugisse, voltasse a praticar crimes ou interferisse na colheita de provas. A argumentação do juiz Sergio Moro para manter a prisão do dono da Odebrecht é diferente: para Moro, tendo posição de liderança, Marcelo Odebrecht poderia orientar as atividades criminosas dos outros suspeitos. E mais: o juiz afirma que existem fortes indícios de interferência do executivo na colheita de provas durante as investigações.
Sergio Moro já havia justificado a necessidade da manutenção da prisão do presidente do Grupo Odebrecht em outras instâncias judiciais. Para o magistrado, as provas indiciárias contra a construtora Odebrecht não se resumem a declarações feitas em delação premiada, mas em documentos, como o e-mail em que executivos da empresa discutiram a contratação de navios-sonda e a possibilidade de "sobrepreço" de até 25.000 dólares por dia. Na versão da defesa de Marcelo Odebrecht - ele próprio um dos destinatários da mensagem eletrônica -, a palavra "sobrepreço" não seria superfaturamento, mas uma tradução do termo técnico em inglês cost plus fee, usado pelo mercado para designar valores adicionais cobrados por serviços extraordinários.
O juiz Sergio Moro já havia registrado como evidências da participação da Odebrecht no petrolão o mapeamento de 135 telefonemas entre o executivo Rogério Araújo e o operador Bernardo Freiburghaus, apontado pelo Ministério Público como o homem que pagava propinas em nome da empreiteira. E acrescentou: o carregador de malas de dinheiro do doleiro Alberto Youssef, Rafael Ângulo Lopes, disse em depoimento que o chefe discutia pagamentos de propina com o ex-executivo da Odebrecht Alexandrino Alencar. Investigadores que atuam na força-tarefa da Lava Jato acreditam que ele atuava como distribuidor de vantagens ilícitas em nome da Odebrecht no escândalo do petrolão.

Ministro do STF nega pedido de Lulinha para ter acesso à delação de Fernando Baiano

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki, durante análise dos recursos apresentados pelas defesas dos 25 réus condenados pela corte, os chamados embargos, nesta quarta-feira (21)
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki(Nelson Jr./SCO/STF/VEJA)
O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta quinta-feira a Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha, acesso às declarações do lobista Fernando Baiano. Ligado ao PMDB, Baiano fechou um acordo de delação premiada e revelou que pagou cerca de 2 milhões de reais em despesas pessoais do filho do ex-presidente. Lulinha alegava que precisava dos depoimentos do delator para ter "amplo acesso aos elementos de prova que digam respeito ao exercício do direito de defesa" e para embasar possíveis processos contra jornalistas que o vincularam a Fernando Baiano. Para o ministro Teori Zavascki, além de Fábio Luís não ser um investigado da Operação Lava Jato, "a simples especulação jornalística a respeito (...) de declarações que teriam sido prestadas pelo colaborador não é causa juridicamente suficiente ou justificável para a quebra do regime de sigilo [das delações]". Por lei, os depoimentos de delação premiada devem permanecer em sigilo até o oferecimento de denúncias sobre o caso para, entre outros pontos, garantir o êxito das investigações. (Laryssa Borges, de Brasília)

Polícia investiga maus-tratos após menino levar 'correção' do pai


Professora percebeu marcas nas costas da criança e denunciou.
Conselho Tutelar determinou que o garoto fosse retirado do lar.

Renata MarconiDo G1 Bauru e Marília
Menino ficou machucado após agressão (Foto: Divulgação / Guarda Municipal de Botucatu)Menino ficou com marcas da agressão
(Foto: Divulgação/Guarda Municipal de Botucatu)
A polícia investiga um caso de maus-tratos a uma criança de 7 anos na Cohab I, emBotucatu (SP). O caso foi registrado nesta quinta-feira (22), após uma professora perceber as marcas nas costas da criança e acionar o Conselho Tutelar.
Segundo a delegada da delegacia de Defesa da Mulher (DDM), Rose Mari Ribeiro Dias, o pai usou um cinto para “corrigir” uma ação do garoto.
A Guarda Civil Municipal foi acionada pelo Conselho Tutelar, que determinou que a criança fosse retirada do lar e entregue a um parente, até que fosse tomada uma providência definitiva.
A criança foi submetida a exame de corpo de delito junto ao Instituto Médico Legal (IML). Os pais foram liberados e a polícia investiga o caso

Acusados de matar jovem por causa de R$ 7 são condenados em Guarujá


Pai foi condenado a 17 anos de prisão e o filho a 14 anos em regime fechado.
Julgamento durou três dias. Rapaz foi morto no dia 31 de dezembro de 2012.

Do G1 Santos
Pais de rapaz assassinado se emocionaram ao saber da condenação dos réus (Foto: Solange Freitas / G1)Pais de rapaz assassinado se emocionaram ao saber da condenação dos réus (Foto: Solange Freitas / G1)
Os acusados de assassinar um jovem turista no réveillon de 2012 foram condenados após três dias de julgamento em Guarujá, no litoral de São Paulo. Mario dos Santos Sampaio, de 22 anos, foi morto por causa de uma discussão por conta de uma diferença de R$ 7 no valor de uma conta em uma churrascaria da cidade.
Estudante de Campinas Mario dos Santos Sampaio, morto a facadas dentro de restaurante no Guarujá (Foto: Reprodução EPTV)Mario dos Santos Sampaio foi morto a facadas
dentro de restaurante (Foto: Reprodução EPTV)
O dono do restaurante José Adão Pereira Passos, foi condenado a 17 anos de prisão. Já o filho dele, Diego Souza Passos, foi condenado a 14 anos. Já o garçom Robinson de Jesus Lima, que compareceu na primeira audiência, ainda aguarda o julgamento, que será apenas em 2016, em liberdade. "Pegou 17 anos o pai que deu as facadas no meu filho e 14 anos o filho dele que foi quem segurou e ajudou a matar. A nossa lei no Brasil é muito falha, é uma porcaria. Isso teria que ser prisão perpétua. Meu filho está morto, se eu encontrar com ele um dia vai ser graças a Deus se ele permitir. Esses caras tinham que ficar o resto da vida na cadeia", disse o pai de Mario, Renato Sampaio.
Ainda abalada com o crime, a mãe da vítima, Maria Helena dos Santos Sampaio, também exigiu penas mais duras e se emocionou ao lembrar do filho. "Que Deus abençoe a mãe daquele infeliz porque eu vi o sofrimento dela. A gente não pode esquecer dela, coitada, eu não queria estar no lugar dela, porque ela gerou um monstro. Só que o monstro dela acabou com meu anjo, meu anjo não volta nunca mais. Sabe o que é isso? Meu anjo só tinha 22 anos, ele ia me dar netos, ele só me dava alegrias desde que nasceu. Por que aquele monstro e o pai daquele monstro não enfiaram o facão em mim e sim no meu filho?".
O resultado foi anunciado por volta das 16h50 desta quinta-feira (22). O julgamento teve início nesta terça-feira (20) e todas as testemunhas foram ouvidas ao longo do primeiro dia. Já no segundo dia foram ouvidos os réus antes da decisão ser tomada pelo júri. Pai e filho estão presos desde a época do crime.
Crime
O estudante foi morto a facadas depois de uma discussão por conta de uma diferença de R$ 7 no valor de uma conta no dia 31 de dezembro de 2012. Mário dos Santos Sampaio, de 22 anos, morador de Campinas passava férias na região e jantava com três amigos e a namorada. A confusão teve início quando o jovem se recusou a pagar o valor da conta de R$ 19,99, alegando que o preço divulgado era de R$ 12,99.
O estudante acionou a Polícia Militar e nesse momento, o gerente do estabelecimento e outros três garçons começaram a agredir o rapaz a socos. Ao ver a briga, o dono do restaurante golpeou o turista com três facadas nas costas. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi solicitado, mas a vítima morreu.
Familiares de Mario estenderam cartazes no dia do julgamento dos acusados (Foto: Solange Freitas/TV Tribuna)Familiares de Mario estenderam cartazes desde o começo do julgamento (Foto: Solange Freitas/TV Tribuna)

Policiais do Rio encontram homem prestes a ser torturado por milicianos


Criminosos vendem uma suposta proteção a moradores de favelas.
Homem foi confundido com um informante e já estava amarrado.

A polícia do Rio salvou um homem que estava prestes a ser torturado e morto por milicianos. As imagens de um homem jurado de morte foram feitas pela polícia. Os bandidos aguardavam apenas uma ordem para a execução, mas fugiram com a chegada dos policiais. Eles deixaram o homem amarrado.
As delegacias de combate ao crime organizado e de homicídios faziam uma operação na Favela do Aço, para prender bandidos da maior milícia da cidade do Rio. Segundo investigações, o grupo domina os principais bairros da Zona Oeste e é chefiado por Carlos Alexandre da Silva Braga, o Carlinhos Três Pontes.
O bando é acusado de invadir condomínios do programa ‘Minha Casa Minha Vida’ e de cometer centenas de homicídios. É formado principalmente por ex-policiais, mas já foi comandado por políticos que atualmente cumprem pena em presídios federais.
Boletos apreendidos comprovam outro crime: extorsão. Eles obrigam moradores e comerciantes a pagarem para garantir uma suposta segurança. “A milícia tenta vender essa imagem, e não só vender essa imagem, mas tenta impor normas de condutas, tenta impor aquisição de serviços prestados por eles. E quem não paga pode ter como pena máxima uma morte”, afirma o delegado Alexandre Herdy.
As investigações mostram que o uso de fardas da Polícia Militar é uma das características da milícia. São calças, camisas, coletes à prova de bala, botas; uniforme que pode dar a ideia de que são policiais a serviço da segurança. E mais um detalhe: máscaras e tocas que, segundo a polícia, são usadas durante a tortura e a execução, para que os milicianos não sejam identificados. Todo este material foi apreendido em carros roubados, dentro da favela.
A polícia achou ainda um revólver, munição e carregadores de fuzil. O homem que viu a morte tão de perto foi nesta quinta-feira (22) à delegacia para ajudar nas investigações. Ele é vigilante, está desempregado, tem 38 anos e é pai de três filhos. Ele contou que não mora na favela e que tinha ido à procura de trabalho, quando foi abordado por bandidos por ser um estranho no local.
Ele ficou duas horas e meia em poder dos marginais e conta com detalhes o que aconteceu: “Perguntou que eu era mandado de quem. Quem me mandou. Eu falei que ninguém que ninguém tinha me mandado. Entrei automaticamente no carro, abaixei a minha cabeça, me levaram até determinado local. Me amarraram. Muito violento mesmo assim, de falarem que iam cortar a minha cabeça, que ia me picotar e várias coisas, coisas ruins mesmo. Achavam que eu era informante ou da polícia ou do tráfico. E eu ali só pedia a Deus. Eles falavam: ‘Não tô nem aí pros teus filhos’. São muito cruéis. Não têm dó, não têm pena, não têm, não têm coração. Verdadeiramente Ele [Deus] mandou o socorro, que foi os homens de bem”.
A polícia ainda está tentando identificar os responsáveis pelo sequestro da vítima. Até a noite desta quinta-feira (22), ninguém havia sido preso.

CCR assume projeto para construir novo aeroporto em SP


Grupo pretende erguer o terceiro aeroporto da região metropolitana.
Projeto será implantado em Caieiras, a cerca de 30 quilômetros da capital.

Da Reuters
A concessionária de infraestrutura CCR anunciou nesta quarta-feira (22) que assumiu os direitos de um contrato de opção de compra de um terreno em que o grupo pretende construir o terceiro aeroporto da região metropolitana de São Paulo.
Em fato relevante, a CCR afirmou que seus acionistas, os grupos Andrade Gutierrez e Camargo Corrêa, abriram mão de certas pré-condições para repassar à companhia o direito de assumir a opção do direito de preferência para compra do imóvel.
Pelo acerto, Andrade Guitierrez e Camargo Corrêa dispensam a CCR de ressarcimento dos valores já ao antigo dono do terreno, mas pedem uma "análise oportuna" do reembolso das despesas incorridas na elaboração dos estudos do aeroporto.
Com isso, a CCR deve levar adiante o projeto batizado de Nasp (Novo Aeroporto de São Paulo) em Caieiras, que fica a cerca de 30 quilômetros da capital paulista, mas que depende de aval regulatório do governo federal.
Com área de 12,8 milhões de metros quadrados, o terreno, que fica entre as rodovias Anhanguera e Bandeirantes, já administradas pela CCR, deve custar à companhia o equivalente a R$ 323 milhões, disse à Reuters o diretor de novos negócios da companhia de infraestrutura, Leonardo Vianna.
Segundo ele, estudos preliminares encomendados pela CCR indicam que o novo aeroporto pode ter capacidade para tráfego de 50 milhões a 60 milhões de passageiros por ano, incluindo voos domésticos e internacionais.
"Agora vamos começar a trabalhar para conseguir aprovação do governo federal para o aeroporto", disse Vianna.
Segundo o executivo, os demais aeroportos da região metropolitana já estão com a capacidade esgotada (Congonhas) ou se esgotando (Guarulhos). A previsão da CCR é de que o projeto tenha investimentos de R$ 7 bilhões a R$ 8 bilhões.
O novo aeroporto vai disputar mercado com Guarulhos, atualmente administrado por um consórcio que tem entre os principais sócios a Invepar, que por sua vez tem o grupo OAS entre os principais investidores. O terminal em Caieiras também vai disputar mercado com o aeroporto Viracopos, em Campinas, administrado por companhia que tem entre os maiores acionistas os grupos Triunfo e UTC Participações.
OAS, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa e UTC tiveram negócios abalados pelo envolvimento no escândalo de corrupção apurado pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal.
O grupo CCR deu uma guinada recente em direção ao setor aeroportuário, enquanto enfrenta revezes com governos estaduais em serviços de concessão de rodovias e barcas.
A companhia enfrenta na Justiça um embate com o governo paulista referente a um aditivo de reequilíbrio financeiro ao contrato de concessão do sistema Anhanguera-Bandeirantes, do qual a empresa detém a concessão e que teria impacto nos preços dos pedágios.
E sua concessionária CCR Barcas, que opera o sistema de transporte aquaviário no Rio de Janeiro, pediu para devolver a concessão, cujo contrato valia até 2023, alegando também desequilíbrio financeiro do contrato.
No começo deste mês, a CCR anunciou a compra da prestadora norte-americana de serviços aeroportuários TAS, por US$ 21,7 milhões. Desde 2011, a CCR comprou fatias em administradoras de aeroportos no Equador, na Costa Rica e Curaçao.

Prefeitura de Colombo Informa: Data base do funcionalismo será implementada em janeiro de 2016



A Prefeitura Municipal atendendo a Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, e o Estatuto do Servidor de Colombo informa que irá conceder a data base do funcionalismo colombense em janeiro de 2016. Para tanto será aplicado o reajuste de 8,47%, conforme o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA de maio de 2015.

E para disponibilizar este índice, mesmo diante da crise econômica que assola todos os municípios brasileiros, onde a previsão orçamentária não está acompanhando a arrecadação dos municípios, a Prefeitura de Colombo tomou algumas medidas de austeridade desde o início deste ano, entre elas a diminuição em 20% das despesas administrativas.

A Prefeitura tem entre suas prioridades o atendimento às necessidades dos servidores, entre elas a recomposição dos salários, porém, os gastos com folha de pagamento atingem durante todo este ano, o percentual superior ao limite prudencial previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal, que impõe equilíbrio das contas públicas, incluindo o devido rigor na observância de limites impostos para gastos com pessoal.

Para tanto, outras ações foram adotadas com vistas à redução desses gastos: redução de horas extras, suspensão de contratações e reestruturação administrativa, inclusive com incorporação de secretarias, mas não foi o suficiente para conter o fator gerador do desequilíbrio, que não foi o aumento de despesas, e sim uma sensível redução de receitas que vem dos governos Estadual e Federal, em virtude da crise econômica nacional.

Diante disto, para enfrentar esta queda nos repasses, a Prefeitura irá lançar nos próximos dias o Programa de Recuperação Fiscal de Créditos Vencidos – REFIS, como mais uma medida de recomposição do equilíbrio financeiro o que se prevê para em janeiro resultados positivos na arrecadação e consequentemente a implantação da correção dos salários do funcionalismo público municipal.

Cabe salientar que em 2013 e 2014 foram concedidos 8% e 6,28% respectivamente, de aumento salarial para todos os servidores de Colombo, além da realização, em 2014, da revisão do Plano de Cargos e Salários para todas as categorias.

Para completar, a administração garante que continuará cumprindo com seu compromisso de manter o salário em dia, diferentemente de outros municípios que têm reduzido a carga horária com redução de salário ou até mesmo parcelando os vencimentos mensais. 

Também vai conceder a data base retroativa a maio e reafirma que o 13º salário da categoria também está assegurado e será pago até 20 de dezembro de 2015. Apenas a diferença referente a data base do 13º salário de 2015 será pago em folha complementar até 20 de janeiro de 2016.

Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo

-- 


Torneio Solidário marca a reinauguração do Ginásio Leandro Alberti


WEBMASTER 22 DE OUTUBRO DE 2015

O local, que passou por uma importante reforma, teve sua reabertura marcada pela realização do Torneio Solidário

O Ginásio Leandro Alberti passou por uma reforma completa e está aberto novamente
O Ginásio Leandro Alberti passou por uma reforma completa e está aberto novamente
Foram arrecadados, durante o torneio, mais de meia tonelada de alimentos que serão entregues à instituições de caridade do município
Foram arrecadados, durante o torneio, mais de meia tonelada de alimentos que serão entregues à instituições de caridade do município
Foi em clima de muita festa e solidariedade que o Ginásio de Esportes Leandro Alberti, no Guaraituba, foi reinaugurado. O ginásio, que passou os últimos meses fechado por conta de uma importante reforma, teve sua reabertura marcada pela realização do Torneio Solidário, que reuniu 28 equipes do município.
A prefeita Beti Pavin destacou a importância da revitalização do espaço. “O equipamento esportivo, totalmente revitalizado, que foi entregue a comunidade mostra que o município esta investindo na área esportiva para melhor atender a população e, assim, assegurando qualidade de vida aos moradores.” afirmou.
O evento teve grande participação da população, foram arrecadados mais de meia tonelada de alimentos que serão entregues à instituições de caridade do município. Dentro de quadra, um torneio bastante equilibrado garantiu a animação nas arquibancadas. A disputa entre as equipes foi em um sistema eliminatório simples. No jogo final, com o placar de 3×0, a equipe Attak Futsal se saiu melhor, vencendo o time Corda Bamba “A”.
A reforma
O Ginásio Leandro Alberti passou por uma reforma completa. Os serviços se concentraram na pintura da quadra poliesportiva com tinta resinada para piso, revisão nas instalações elétrica e hidráulica, ao redor do ginásio foi instalado um sistema de escoamento da água – para solucionar os casos de infiltração, principalmente no período de chuvas, um telhado na entrada do ginásio foi construído e a pintura interna e externa foi realizada.
“Todas essas melhorias vão garantir que a população tenha um espaço de qualidade para praticar suas atividades, além de ser uma espaço mais agradável e confortável para aqueles que vão assistir aos jogos”, afirma o secretário de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude, José Mauri Henemann.
O ginásio oferece diversas atividades aos moradores da região, como: escolinha de futsal, vôlei, ginástica, escolinha de mountain bike. As atividades realizadas são totalmente gratuitas, para participar basta fazer a inscrição na secretaria do ginásio. O local também é aberto para locação, o preço é de R$ 15,00. O valor é revertido para o bolsa atleta que atualmente já beneficia mais de 40 atletas de diversas modalidade.
SERVIÇO
Ginásio Leandro Alberti
Rua Rolância, 282 – Guaraituba
Telefone: 3605-1274
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK:facebook.com/pmdecolombo
Fotos: Marcio Fausto/PMC

Fernando Baiano diz que se reunia com Eduardo Cunha para cobrar propina


Juntos, os dois chegaram a cobrar U$ 16 milhões do lobista Julio Gerin Camargo. Mesmo com acusações, oposição quer mantê-lo no cargo

REDAÇÃO ÉPOCA
22/10/2015 - 10h09 - Atualizado 22/10/2015 10h09
O deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)
Em depoimento durante sua delação premiada, Fernando Baiano, um dos operadores de propina na Petrobras, admitiu ter montado estratégias junto com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, para cobrar US$ 16 milhões em propina atrasada do lobista Juilo Gerin Camargo, segundo informações do Estadão.
O dinheiro era relativo a contratos de construção de navios-sonda da Petrobras, negócio fechado entre 2006 e 2007, pela Diretoria Internacional da estatal. Segundo Baiano, o total do negócio em propina foi de US$ 35 milhões – em um esquema que envolvia o PMDBPT e PP. Dessa valor, US$ 5 milhões teriam ido para as contas secretas de Cunha na Suíça.
Baiano disse ainda que as reuniões aconteciam na casa do presidente da Câmara, entre 2010 e 2011. Para provar, ele descreveu com detalhes a casa de Cunha, local onde aconteciam os encontros,  aos procurados da Lava Jato. “É uma casa de dois andares, sendo uma casa aparentemente muito espaçosa”, contou.
Mesmo com todas as denúncias sobre as contas na Suíça de Cunha, o PMDB e o Palácio do Planalto decidiram interromper as negociações de uma possível sucessão do presidente da Câmara. Eles avaliam que Cunha deve permanecer até pelo menos o fim do ano.
A oposição acredita que se tentarem tirar Cunha agora, ele poderá recorrer a outras manobras para adiar o processo contra ele, principalmente por todo apoio que tem na Câmara. Mas foi o receio de se indispor ainda mais com o presidente da Câmara que fez o governo suspender as ações.
Desde domingo, Dilma e Cunha trocam farpas. Ontem (21), o presidente da Casa recebeu um novo pedido de impeachment e deixou claro que a decisão de aceitar ou não o precesso ainda é dele.

Mulher de Cunha assinou abertura de conta secreta no Rio, indica ficha



PUBLICIDADE
A assinatura da jornalista Cláudia Cordeiro Cruz, mulher de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), aparece na ficha de abertura da conta Kopek, aberta no braço suíço do banco Merryl Lynch (atualmente Julius Bär). No documento, consta que a ficha foi assinada em 20 de janeiro de 2008, no Rio, e entregue a uma representante da instituição.
É a primeira vez que o nome e a assinatura da mulher do presidente da Câmara dos Deputados aparecem em um papel bancário de contas cuja existência Eduardo Cunha tem rejeitado categoricamente.
Segundo um relatório de perícia do Ministério Público Federal, a assinatura da ficha do Merryl Lynch coincide com a do passaporte da jornalista. A Kopek foi aberta em fevereiro de 2008 e foi usada para pagamentos de despesas pessoais da família de Eduardo Cunha, segundo a Procuradoria. Entre as quais cursos na Inglaterra e na Espanha e aulas de tênis nos Estados Unidos.
Reprodução
Assinatura de Claudia Cruz, mulher de cunha, em ficha de abertura de conta
Assinatura de Claudia Cruz, mulher de cunha, em ficha de abertura de conta
No dossiê bancário enviado pelo Julius Bär, anexado ao inquérito, também há documentos de Danielle Dytz da Cunha, filha do primeiro casamento do deputado. Ela aparece porque recebeu um cartão de crédito vinculado à Kopek.
A Kopek recebeu cerca de US$ 1 milhão de uma das contas atribuídas a Cunha por onde, segundo os investigadores, circulou dinheiro pago ao deputado a título de "comissão" pelo lobista João Henriques, que intermediou a venda de um campo de petróleo à Petrobras no Benin (África Ocidental).
As outras contas do presidente da Câmara são chamadas Orion SP, que recebeu a suposta propina de 1,3 milhão de francos suíços em 2011, e a Triumph, ambas fechadas no ano passado, logo após a deflagração da Lava Jato.
Com a Kopek, a quarta conta, a Netherton Investments, guardava 2,4 milhões de francos suíços (R$ 9,6 milhões), bloqueados em abril pelas autoridades suíças.
OUTRO LADO
Eduardo Cunha tem negado reiteradamente que seja dono de contas secretas na Suíça. Procurado novamente pela Folha, o deputado disse, por meio de assessoria, que não se manifestaria. Seu advogado, Antônio Fernando de Souza, não foi localizado.

As empresas que bancaram as viagens internacionais de Lula


Além das construtoras envolvidas na Lava Jato, banco BTG Pactual, Coteminas, Gerdau, Pirelli, Vale, Drufry Brasil estão entre as companhias que fretaram aeronaves nas quais o ex-presidente viajou para o exterior para realizar palestras

THIAGO BRONZATTO
22/10/2015 - 12h54 - Atualizado 22/10/2015 13h58
Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Carla Carniel/Frame/Folhapress)
Desde quando deixou o Palácio do Planalto, em fevereiro de 2011, até junho de 2015, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvarealizou 70 palestras remuneradas no Brasil e no exterior, sendo 47 delas lá fora. A sua maior cliente é a Odebrecht, seguida pelaAndrade Gutierrez e pela OAS, investigadas na Lava Jato. Além dessas empreiteiras, responsáveis por bancar a maior parte das viagens de Lula para países da América Latina e África, há outras empresas e instituições financeiras brasileiras e internacionais que fretaram aeronaves, reservaram hotéis e alugaram carros para servir o ex-presidente em eventos fora do Brasil. É o que revelam documentos obtidos por ÉPOCA numa investigação sigilosa do Ministério Público Federal no Distrito Federal -- que apura se Lula praticou tráfico de influência no exterior em favor da Odebrecht.
Na lista de companhias que fretaram as aeronaves nas quais o ex-presidente viajou para o exterior estão, entre outras: Pirelli; Iberdrola; Gerdau; Dufry Brasil; Vale, controlada pelo governo; Coteminas, do empresário Josué Gomes. Entre os empresários, que têm uma boa relação com Lula e colocaram à disposição os seus jatinhos, estão: a família Klein, fundadora da Casas Bahia; José Seripieri Júnior, fundador da Qualicorp e amigo com quem o ex-presidente já passou dois reivellions em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro; o ex-ministro do Turismo e membro do conselho de administração da empresa de educação Kroton, Walfrido Mares Guida, por meio da sua empresa Samos Participações.
Há também algumas instituições financeiras. O banco BTG Pactual, sócio da Petrobras na África, é um deles. A instituição financeira contratou Lula ao menos três vezes – e custeou os gastos da viagem. Na primeira delas, o ex-presidente participou de uma conferência do banco realizada em Nova York em outubro de 2011. O segundo evento ocorreu em abril de 2013, em Londres, onde Lula também se encontrou com Bono Vox, vocalista da banda U2. No mesmo mês, Lula foi para o México, contratado pelo BTG, onde se reuniu com o presidente do país Enrique Peña Nieto, e para os Estados Unidos. Além do BTG, o Itaú BBA contratou Lula para realizar uma palestra sobre "Os Avanços e Desafios da América Latina” em Washington, nos Estados Unidos, em setembro de 2011. O banco Safra também arcou com as despesas de fretamento de uma aeronave que levou Lula em novembro de 2012 para Nova Deli, na Índia, onde o líder petista se reuniu com o presidente Pranab Mukherjee e o então primeiro-ministro Manmohan Singh.

A relação completa com detalhes das viagens de Lula para o exterior, que consta do inquérito sigiloso do Ministério Público Federal, pode ser conferida a seguir.
2011
País: Senegal (Dacar)
Data: 06 a 07/02/11
Quem pagou os custos do voo: Coteminas
Atividades:
- Participação no Fórum Social Mundial (07/02)
- Encontro com Presidente da República do Senegal, Abdoulaye Wade (07/02)
- Encontro com a Secretária-Geral do Partido Socialista francês, Martine Aubry (07/02)

País: Guiné (Conakry)
Data: 21 e 22/02/11
Quem pagou os custos do voo: Vale
Atividades:
- Encontro com Presidente da República da Guiné, Alpha Condé (21/02)
- Cerimônia de lançamento da Pedra Fundamental da reconstrução da estrada de ferro Conakry/Kankan (22/02) 

País: Catar (Doha)
Data: 11 a 13/03/2011
Quem pagou o voo: Voo comercial pago pela AI Jazeera
Quem pagou os outros custos da viagem: Governo do Catar
Atividades:
- Palestra no painel "O Mundo Árabe em Transição: O Futuro Chegou?" para o Fórum da TV AI Jazeera.

Países: Paraguai (Assunção) /Uruguai (Montevideo)
Data: 23 a 25/03/11
Quem pagou o voo: Andrade Gutierrez
Quem pagou os outros custos da viagem: Governo do Paraguai, Frente Ampla e Instituto Lula.
Atividades:
- Conferência Intersetorial e Interinstitucional para dar impulso ao Plano Nacional de Melhoramento da Educação Técnica e Profissional no Paraguai (Organizada pelo Ministério da Educação do Paraguai) (Assunção - 23/03)
- Encontro com Ministro da Educação da República do Paraguai Luis Alberto Riart
Montaner (23/03)
- Reunião com Presidente da República do Paraguai Fernando Lugo Méndez (23/03)
- Jantar com Presidente Lugo e integrantes da Frente Guazu (23/03)
- Ato em comemoração aos 40 anos da Frente Ampla. (Montevideo - 25/03)
- Encontro com Presidente da República Oriental do Uruguai, José Pepe Mujica (25/03)
- Encontro com Presidente da Frente Ampla, Jorge Brovetto (25/03)
- Encontro com Ex-Presidente da República Oriental do Uruguai, Tabaré Vázquez (25/03)
- Reunião com a direção da Frente Ampla (25/03)

País: Portugal (Lisboa e Coimbra)
Data: 27 a 31/03/11
Quem pagou o voo: Conselho Europeu (União Europeia)
Quem pagou os outros custos da viagem: Instituto Lula
Atividades:
- Reunião com presidente Mário Soares, professor Boaventura de Sousa Santos e
secretários-gerais das centrais sindicais portuguesas, Manuel Carvalho da Silva (CGTP) e
João Proença (UGT) (Lisboa) (28/03)
- Encontro com o Primeiro-Ministro de Portugal, José Sócrates (Lisboa) (28/03)
- Encontro com o Presidente da República de Portugal, Aníbal Cavaco Silva. (Lisboa) (29/03)
-Cerimônia de recebimento do Prêmio Norte-Sul (oferecido pelo Centro para
Interdependência Global e Solidariedade - Centro Norte-Sul do Conselho Europeu,
Instituição oficial da União Europeia) (Lisboa) (29/03)
- Cerimônia de outorga do título de Doutor Honoris Causa da Universidade de Coimbra para o ex-presidente Lula (a presidenta Dilma Rousseff participou da cerimônia) – Coimbra (30/03)

Países: Estados Unidos (Washington) e México (Acapulco)
Data: 04 a 08/04/11
Quem pagou a palestra, o voo e outros custos da viagem:Microsoft Informática (Washington) e Associação de Bancos Mexicanos - ABM (Acapulco)
Atividades:
- Encontro com Ignácio Deschamps e Luis Robles Miaja (presidente e presidente executivo da Associação dos Bancos Mexicanos, respectivamente) (05/04)
- Recepção e jantar com as autoridades convidadas para o evento da Microsoft, Fórum de Líderes do Setor Público América Latina e Caribe (05/04)
- Palestra contratada sobre o tema "Inspirando a próxima geração de líderes
governamentais" para o Fórum de Líderes do Setor Público América Latina e Caribe
(06/04). Local: Hotel W WASHINGTON DC, 515 15th Street NW - District of Columbia
20004 (Auditório)
- Café da manhã reservado com executivos da Microsoft (06/04)
- Reunião com Brad Smith, vice-presidente da Microsoft (06/04)
- Encontro com membros da direção da ABM (07/04)
- Encontro com Presidente da Repi.Jblica do México, Felipe Calderón (07/04)
- Palestra contratada pela Associação de Bancos Mexicanos "Desafios Globais para a resolução da crise financeira internacional e a experiência do Brasil" (08/04). Local: Hotel Fairmount Acapulco Princess, Av. Costera de las Palmas S/N Fracc. Granjas dei Marquez 39890 (salão de eventos)

Países: Inglaterra (Londres) /Espanha (Madri e Cádiz)
Data: 12 a 17/04/11
Quem pagou a palestra, o voo e outros custos da viagem: Terra Networks Brasil
Atividades:
- Encontro com dirigentes da OXFAN, Bárbara Stocking e Phil Bloomer (13/04)
- Encontro com o historiador Erick Hobsbawn (13/04)
- Jantar com participantes em evento da Telefônica (13/04)
- Palestra contratada sobre o tema: "Os desafios e oportunidades do Brasil e da América
Latina nesta década" (14/04). Local: The 02 - índigo 02 - Península Square, Londres,
SE10 ODX (Auditório)
- Encontro com o Sr. Borja Prado, Presidente da Endesa. (Madri - 14/04)
- Encontro com Sr. Juan Luis Cebrian, Presidente do Grupo Prisa (Madri - 14/04)
- Encontro com Embaixador Paulo Campos (Madri - 14/04)
- Saudação aos executivos da Telefônica (Madri - 15/04)
- Almoço com o Presidente Alierta e membros da diretoria da Telefônica (Madri - 15/04)
- Visita ao edifício sede da Telefônica (Madri - 15/04)
- Cerimônia do Prêmio Libertad de Cádiz (Cádiz - 15/04)
- Almoço com o Presidente do Governo da Espanha, José Luis Rodriguez Zapatero - Palácio La Moncloa (Madri - 16104)

Países: Nicarágua (Manágua) /Panamá (Cidade do Panamá)
Data: 18 a 20/05/11
Quem pagou a palestra, o voo e outros custos da viagem:Odebrecht por meio da empresa Telos Empreendimentos Culturais
Atividades:
- Conferência no Foro de São Paulo (Managuá - 19/05)
- Almoço com presidente da Nicarágua, Daniel Ortega (19/05)
- Visita ao Projeto Curundu (Projeto habitacional e inclusão social) realizado pela
construtora Odebrecht. (Cidade do Panamá - 20/05)
- Passagem pelos projetos Cinta Costera 1 e 2 onde foi celebrada a ordem de serviço para a Cinta Costera 3 (principal projeto urbanístico da cidade do Panamá). (20/05)
- Palestra contratada sobre o tema: "Os desafios da América Latina", seguida de almoço com empresários. (20/05). Local: Hotel Sheraton Atlapa - Gran Salon, San Francisco, Cidade do Panamá (Sala de Conferência)
- Jantar com o presidente do Panamá, Ricardo Martinelli. (20/05)
Países: Bahamas (Nassau) /Cuba (Havana) Nenezuela (Caracas)
Data: 30/05/11 a 03/06/11
Quem pagou a palestra, o voo e outros custos da viagem:Odebrecht e Elektra Com S.A. de C.v. (Nassau)
Atividades:
- Encontro com membros do Grupo Elektra (30/05)
- Palestra contratada sobre o tema: "Desenvolvimento com inclusão social: a experiência
brasileira" para o Grupo Elektra Annual Convention - Bahamas 2011 (31/05). Local: Hotel
Atlantis (Paradise Island Drive) (Auditório)
- Encontro com Sr. Ricardo Salinas. (31/05)
- Jantar oferecido pelo General de Exército, Raúl Castro Ruz, Presidente dos Conselhos de
Estado e de Ministros (31/05)
- Visita à Zona de Desenvolvimento Integral de Mariel (Havana - 01/06)
- Visita ao Complexo Portuário de Mariel (01/06)
- Encontro com a comunidade brasileira em Havana (01/06)
- Encontro com Embaixador do Brasil em Havana, José Eduardo M. Felicio (01/06)
- Palestra contratada sobre o tema: "O desenvolvimento e os desafios latino-americanos".
Local: Hotel JW Marriott Caracas - Avenida Venezuela, 1060, Caracas, Venezuela (Sala de eventos) (02/06).
- Encontro com os Srs. Emilio Odebrecht e Euzenando Azevedo (Presidente da Odebrecht Venezuela) (02/06)
- Encontro com o presidente da Venezuela Hugo Chávez. (02/06)
- Café da manhã com empresários (03/06)
País: México (Cidade do México)
Data: 20 a 22/06/11
Quem pagou a palestra, o voo e outros custos da viagem: BBVA Bancomer S.A. / Dufry do Brasil Duty Free Shop Ltda.
Atividades:
- Palestra contratada sobre o tema "O desenvolvimento econômico e social no Brasi/", seguida de almoço (21/06). Local: Hotel Camino Real de Polanco, Calle General Mariano Escobedo #700, Miguel Hidalgo, Anzures, 11590 (Auditório) - Palestra sobre o tema: "Estratégias e políticas que levaram o Brasil à liderança" (21/06) Local: Castillo Chapultepec
- Entrevista para Sérgio Sarmiento, TV Azteca.
- Encontro com diretores do Fundo Advent (21/06)
Países: Guiné Equatorial (Malabo) /Angola (Luanda)
Data: 29/06/11 a 01/07/11
Quem pagou o voo e outros custos da viagem: Odebrecht
Quem contratou a palestra: Centro de Estudos Estratégicos de Angola
Atividades:
- Encontro com presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang. (29/06)
- Participação na Abertura da 17a Sessão Ordinária da Assembleia de Chefes de Estado e
de Governo da União Africana (Malabo - 30/06)
- Encontro com delegação de diplomatas brasileiros. (30/06)
- Encontro com Donald Kaberuka (Presidente do Banco Africano de Desenvolvimento)
(30/06)
- Encontro com Sassou-Nguesso (Presidente do Congo) (30/06)
- Encontro com Alpha Condé (Presidente da Guiné) (30/06)
- Encontro com Amadou Toumani Touré (Presidente do Mali) (30/06)
- Visita aos projetos PRP (Programa de Realojamento das Populaçôes) e Kilamba Kiaxi,
um projeto de desenvolvimento urbanístico de Luanda. (Luanda - 01/07)
- Palestra contratada, com o título "O Desenvolvimento do Brasil - modelo possível para
África" (01/07). Local: Assembleia Nacional, Av. do 1° Congresso do MPLA (Salão)
- Café da manhã da comitiva com os organizadores das atividades (01/07)
- Encontro com o Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos. (01/07)

País: Chile (Viria dei Mar, Valparaíso e Santiago)
Data: 04 a 05/07/11
Quem pagou o voo: OAS
Quem assumiu outros custos da viagem: governo do Chile
Atividades:
- Abertura do Seminário "Os Desafios de um Desenvolvimento Integral" (Valparaíso), organizado pelo Senado Chileno em comemoração aos 200 anos do Congresso Nacional do Chile (04/07)
- Almoço oferecido pelo Presidente do Chile, Sebastián Piriera. (Viria dei Mar) (04/07)
- Encontro com os ex-presidentes do Chile, Patrício Alwyn, Eduardo Frei Riz-Tagle e Ricardo Lagos (04/07)
- Encontro com grupo de mineiros resgatados na Mina São José e Ministro de Minas e Energia Laurence Golborne (Santiago) (05/07)

País: Colômbia (Bogotá)
Data: 03 a 05/08/11
Quem pagou o voo: Gerdau
Quem contratou a palestra: Centro de Formación y Estudios em Linderazgo y Gestion S.A.S
Quem pagou os custos da viagem: Banco Interamericano de Desenvolvimento
Atividades:
- Fórum BID - Abertura da Conferência "Integração Comercial Brasil-Colômbia" junto com o presidente Juan Manuel Santos (Colômbia) e o Presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Luis Alberto Moreno (05/08)
- Recebimento de Título Cidadão Bogotano (Prefeitura) (05/08)
- Reunião com Maria Emma Mejia (Secretária-Geral da Unasul - ex-Chanceler da
Colômbia) (05/08)
- Almoço do Evento (Palestrantes no almoço: Jorge Gerdau e Governador Eduardo
Campos (PE) (05/08)
- Encontro com Vice-Presidente da Colômbia, Angelino Garzon (05/08)
- Encontro com o Vice-Presidente da Colômbia, Angelino Garzon e as três centrais
sindicais: CTC (Central de los Trabajadores de Colombia), CUT (Central Unica de lós Trabajadores) e CGT (Central Geral de los Trabajadores) (05/08)
- Jantar com o Presidente Juan Manuel Santos. (05/08)
- Palestra contratada para Fundação Êxito, tema: "Nutrição infantil voltada para a
prosperidade de todos" (06/08). Local: Hotel Sheraton, Bogotá Calle 25 B N°69 C 80, Bogotá, Colômbia (Sala de eventos)
- Entrega do prêmio pela Nutrição Infantil Fundação Êxito (06/08)


Países: Bolívia (Santa Cruz de la Sierra) /Costa Rica (Sal1 Jose) /EI Salvador (San Salvador)
Data: 29/08/11 a 01/09/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: OAS(Santa Cruz de la Sierra e San Jose) e Queiroz Galvão (San Salvador)
Atividades:
- Encontro com 3 mil militantes dos movimentos sociais bolivianos. (Santa Cruz de La Sierra) - (29/08)
- Encontro com o presidente da Bolívia, Evo Morales (29/08)
- Palestra contratada "A integração regional e desenvolvimento social e econômico dos países latino-americanos" (30/08) Local: Hotel Los Tajibos, Avenue San Martin No. 455, P.o. Box 2966 Avenida San Martín, Santa Cruz de la Sierra, Bolívia (Auditório)
- Conversa com Nick Riesbeth (Presidente do Banco BCIE) (30/08)
- Encontro com a Presidenta da Costa Rica, Laura Chinchila. (San Jose - 30/08)
- Palestra contratada sobre o tema: "A contribuição da América Latina para superação da crise econômica" (31/08) Local: Ed. Meridiano, San Rafael de Escazu, San José, Costa Rica (Auditório)
- Encontro com ex-presidente da Costa Rica, Óscar Arias. (San Jose - 31/08)
- Palestra contratada sobre o tema "O papel da empresa privada para o desenvolvimento social e o combate à pobreza: a experiencia do Governo Lula" (31/08). Local: Edificio FUSADES, Bulevar y Urbanización Santa Elena, Antiguo Cuscatlán, La Libertad, EI Salvador. (Sala de Conferências)
- Encontro com o Presidente de EI Salvador, Maurício Funes (San Salvador - 31/08)
- Inauguração do Projeto Territórios da Cidadania (acompanhado pelo Presidente Maurício
Funes) (01/09)

País: Portugal (Lisboa)
Data: 05 a 08/09/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Camargo Corrêa
Atividades:
- Encontro com o Primeiro-Ministro Pedro Passos Coelho (06/09)
- Palestra contratada sobre o tema: "Saídas da crise: a experiência econômica brasileira"
(06/09). Local: Hotel Ritz, R. Rodrigo da Fonseca 88, Lisboa, Portugal (Auditório)
- Festa de independência do Brasil na Embaixada e recebimento da Medalha Leonardo da
Vinci (07/09)
- Visita ao estádio do Clube de Futebol Benfica (08/09)

Países: EUA (Washington) /França (Paris) /Polônia (Gdansk) /Inglaterra (Londres)
Data: 23/09/11 a 30/09/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: Banco Itaú BBA (Washington) e BCC Conferenciantes S.L (Londres) eRevista The Economist
Atividades:
- Palestra contratada sobre o tema "Os Avanços e Desafios da América Latina" para a
Conferência realizada pelo Banco Itaú, por ocasião da Reunião do FMI. (24/09) Local:
Biblioteca do Congresso Americano, 101 Independence Ave SE, Washington, DC 20540,
Estados Unidos. (Salão)
- AFLCIO - Federação Americana de Trabalho e Congresso das Organizações Industriais:
Richard Trumka, Presidente; Damon Silvers, Diretor das Políticas Públicas; e Cathy Feingold, Diretora do Departamento Internacional. (24/09)
- Encontro com Embaixador Mauro Vieira (24/09)
- Encontro com Presidente da França, Nicolas Sarkozy (26/09)
- Jantar com autoridades e convidados da cerimônia de outorga do título de Doutor Honoris Causa. (26/09)
- Cerimônia de outorga do título de Doutor Honoris Causa da Institut d'Études Politiques de Paris ao ex-presidente Lula (Paris - 27/09)
- Jantar com diretores da Institut d'Études Politiques de Paris. (27/09)
- Encontro com o Primeiro Secretário em Exercício do PS francês, Harlem Désir (28/09)
- Entrevista para o jornal Le Monde (28/09)
- Visita a locais históricos do Movimento Solidariedade (Gdansk - 28/09)
- Jantar com o Ex-Presidente Lech Walesa (Gdansk - 28/09)
- Cerimônia de entrega do Prêmio Lech Walesa ao ex-presidente Lula. (Gdansk - 29/09)
- Coletiva de imprensa (29/09)
- Encontro com um grupo de jovens ativistas europeus do Instituto Lech Walesa (29/09)
- Palestra contratada do Ex-Presidente Lula - Tema: "Crescimento econômico e
desenvolvimento social: a experiência do Brasil" (Santander Investor's Day) (29/09) Local: Museu de História Natural, Cromwell Rd, Londol1 SW7 5BD, Reino Unido. (Sala de eventos)
- Encontro com o Sr. José María Robles Fraga, Diretor de Assuntos Internacionais do Banco Santander. (29/09)
- Jantar com os pilotos de F1, Lewis Hamilton e Fernando Alonso (29/09)
- Participação em conferência da Revista The Economist (30/09)
- Almoço com o Embaixador Roberto Jaguaribe. (30/09)

País: EUA (Nova Iorque)
Data: 05 a 06/10/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: BTG Pactual
Atividades:
- Palestra contratada para Conferência BTG Pactuai 2011 - América Latina Tema:
"Oportunidades de investimentos no Brasil" (06/10) Local: Hotel Waldorf Astoria, 301 Park
Ave New York, NY 10022 - Estados Unidos (Auditório)
- Almoço com o Ex-Presidente Bill Clinton (06/10)

País: EUA (Des Moines)
Data: 12 a 14/10/11
Quem pagou o voo: Coteminas
Quem pagou os outros custos da viagem: World Food Prize
Atividades:
- Encontro com Kenneth Quinn (Presidente da Fundação World Food Prize) (13/10)
- Solenidade de Premiação dos laureados da Fundação World Food Prize, na qual o expresidente Lula foi um dos homenageados e agraciado com o prêmio (13/10)
- Encontro com Ex-Presidente de Gana, John Kufuor, também laureado pelo World Food Prize (13/10)
- Encontro com Primeiro-Ministro da Tanzânia, Mizengo Pinda (13/10)
- Encontro com Ex-Presidente de Moçambique, Joaquim Chissano (13/10)
- Conferência do Ex-Presidente Lula sobre o tema: liA experiência brasileira no combate à fome e à pobreza" (14/10)

País: Espanha (Madri)
Data: 17 a 20/10/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: Bureau Consulting de Conferenciantes (18/10) e Endesa S.A. (20/10)
Atividades:
- Palestra contratada para Conferência de encerramento da IV Conferência Internacional do Banco Santander sobre o tema: "Liderança internacional e o novo papel do Brasil e dos países emergentes na nova ordem econômica internacional" (18/10) Local: Cidade
Financeira do Banco Santander (Centro de convenções)
- Entrevista com Juan Luis Cebrián (EI País) (18/10)
- Reunião com candidato do Partido Socialista Operário Espanhol, o PSOE, Alfredo Pérez Rubalcaba (18/10)
- Encontro com Xavier Rubert de Ventós (Prêmio Internacional da Catalúnia) (18/10)
- Encontro com Poul Nyrup Rasmussen (Ex Primeiro-Ministro da Dinamarca e Presidente do Partido Socialista Europeu) (18/10)
- Jantar com Borja Prado e Embaixador Paulo Campos (18/10)
- Encontro Colóquio do Observatório de tendências da Fundação Marcelino Botín (19/10)
- Participação no evento "Um Futuro de Progresso", da Fundação Global Progress (do Presidente Zapatero). (19/10)
- Almoço oferecido pelo Primeiro-Ministro José Luis Rodríguez Zapatero (19/10)
- Encontro com Massimo d'Alema, presidente da Foundation for European Progressive Studies (FEPS) e Pier Luigi Bersani, Partido Democrático (PD), italiano (19/10)
- Encontro com Felipe González (Ex Primeiro-Ministro da Espanha) (19/10)
- Encontro com Candidato do Partido Popular, Mariano Rajoy (20/10)
- Almoço com membros do conselho da Enel e da Endesa (20/10)
- Participação na Jornada Endesa 2011 (20/10)
- Palestras Contratada para Jornada Endesa 2011 sobre o tema: "Liderar el cambio: Brasil bajo el mandato deI Presidente Lula. Claves para cambiar un país." (20/10) Local: prédio da Endesa (Calle Ribera deI Loira 6028042 Madrid) (Auditório)

País: México (Querétaro e Cidade do México)
Data: 24 a 25/10/11
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Cumbre de Negócios México
Atividades:
- Encontro com Srs. Alemán Velasco e Alemán Magnani, do PRI (Querétaro) (24/10)
- Jantar a convite do Governador de Querétaro, José Rovirosa Calzada (Querétaro) (24/10)
- Palestra contratada pela Cumbre de Negócios México, Tema: "Prioridades para uma
Nova Era" (Querétaro) (25/10) Local: Centro de Convenções de Querétaro
- Cerimônia de recebimento do Prêmio Amalia Solórzano de Cárdenas (Cidade do México)
(25/10)
- Reunião com dirigentes PRO: Dolores Padierna Luna (Secretária Geral) e outros 6 convidados da direção do Partido (Cidade do México) (25/10)
2012

País: México (Cidade do México)
Data: 20 a 21/09/12
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Fundación Telmex, A.C
Atividades:
- Palestra contratada para evento da Fundação Telmex - Evento de formatura de bolsistas
da Fundação Telmex - sobre o tema: "México Século XXI: capturando o futuro - Educação
e juventude no desenvolvimento da América Latina" (21/09) Local: Auditorio Nacional:
Paseo de La Reforma 11560
- Encontro com Sr. Carlos Slim (21/09)

País: Argentina (Buenos Aires e Mar del Plata)
Data: 16 a 18/10/12
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Instituto para el Desarrollo Empresarial de Argentina
Atividades:
- Encontro com Embaixador Ênio Cordeiro (Buenos Aires) (16/10)
- Palestra contratada no 48° Colóquio IDEA - Instituto para el Desarrollo Empresarial de
Argentina - sobre o tema: "O desenvolvimento econômico e social do Brasil na última década" (Mar dei Plata) (17/10) Local: Hotel Sheraton, Leandro N. Alem 4221 - Mar del Plata - Província de Buenos Aires, Argentina (Auditório)
- Encontro com a Presidenta da República da Argentina, Cristina Kirchner (Bueno Aires) (17/10)
- Entrevista para jornal La Nación. (Buenos Aires) (17/10)
- Encontro com dirigentes da Frente Para La Vitória (Buenos Aires) (17/10)

Países: África do Sul (Pretória/Joanesburgo) / Moçambique (Maputo) /Etiópia (Adis Abeba)
Data: 15/11/12 a 21/11/12
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Camargo Corrêa
Atividades:
- Palestra contratada sobre o tema: "O modelo brasileiro de desenvolvimento social"
(Joanesburgo) (16/11) Local: Centro de Treinamento do Standard Bank (415 Summit Road,
Morningside, Sandton)
- Encontro com o presidente da África do Sul, Jacob Zuma.(Pretória) (16/11)
- Encontro com Embaixador Pedro Carneiro (Pretória) (16/11)
- Palestra "Diálogo franco" organizado pela Fundação Steve Biko, com lideranças de
juventude (17/11)
- Encontro com ex-presidente da África do Sul, Thabo Mbeki (Johanesburgo) (17/11)
- Encontro com Jay Naidoo, ex-ministro de Nelson Mandela (Johanesburgo) (17/11)
- Visita à sede da Central Sindical Cosatu e reunião com a diretoria (Johanesburgo) (17/11)
- Visita ao Museu do Apartheid (Johanesburgo) (18/11)
- Palestra para movimentos populares "Luta contra Desigualdade Social", organizada pelo
Centro de Documentação Samora Machel, dirigido por Graça Machel (Maputo - 19/11)
- Presidente da República de Moçambique, Armando Guebuza (19/11)
- Encontro com Graça Machel, esposa de Nelson Mandela (19/11)
- Encontro com ex-presidente da República de Moçambique, Joaquim Chissano (19/11)
- Palestra contratada sobre o tema: "Os desafios do continente africano no século XXI"
(20/11) Local: Hotel Polana, 1380 Av. Julius Nyerere, Maputo, Moçambique (Sala de eventos)
- Visita à unidade da Universidade Aberta do Brasil. (20/11)
- Visita à fábrica de antirretrovirais de Maputo, resultado de uma colaboração entre os governos de Brasil e Moçambique (20/11)
- Visita à sede da União Africana (Adis Abeba - 21/11)
- Visita ao Palácio de Governo da Etiópia (21/11)
- Encontro com Presidenta da União Africana, Dlamini-Zuma, para definir promoção de Fórum Internacional pela Erradicação da Fome na África (21/11)
- Encontro com Primeiro-Ministro da Etiópia, Hailemariam Desalegn (21/11)

País: Índia (Nova Deli)
Data: 21 a 23/11/12
Quem pagou o voo: Banco Safra
Quem pagou as palestras e outros custos da viagem: Andrade Gutierrez
Atividades:
- Audiência com Primeiro-Ministro, Manmohan Singh (22/11)
- Encontro com Presidente Pranab Mukherjee (22/11)
- Recepção na residência do Embaixador do Brasil, Carlos Duarte (22/11)
- Cerimônia de entrega do prêmio Indira Gandhi ao ex-presidente Lula (22/11)
- Conferência - Nehru lVIemorial Lecture (23/11)
- Palestra contratada sobre o tema: "As políticas públicas para o combate à fome e à pobreza no Brasil" (23/11) Local: Hotel Taj Mahal, No.1, Mansingh Road, New Delhi, Delhi, índia (Sala de eventos)

Países: Alemanha (Berlim) /Catar (Doha) /França (Paris) /Espanha (Barcelona)
Data: 5 a 13/12/12
Quem pagou o voo e as palestras: Andrade Gutierrez
Quem pagou os outros custos da viagem: IGMETALLGoverno do CatarBanco Interamericano de DesenvolvimentoFundação Jean-Jaurés e Governo da Catalunha
Atividades:
- Encontro de boas vindas com o Presidente da IGMETALL, Sr. Berthold Huber (06/12)
- Encontro com Embaixador do Brasil em Berlim, Everton Vieira Vargas (06/12)
- Palestra na Conferência Internacional do Sindicato dos Metalúrgicos, IGMETALL
"Mudando o rumo para uma vida melhor" (Berlim - 07/12)
- Encontro "A caminho de se tornar uma potência: O papel do Brasil na nova ordem global", organizado por Fundação Friedrich Ebert (FES) e Partido Social Democrata Alemão (SPD) (07/12)
- Audiência com Sua Alteza, o Emir do Estado do Qatar, Sheikh Hamad Bin Khalifa AIThani (09/12)
- Palestra contratada para Encontro empresarial sobre o tema: "Oportunidade de
investimentos na América Latina e África" (09/12) Local: Hotel Four Seasons, The
Corniche, Doha, Catar (Auditório)
- Encontro com Andrés Cardó (diretor internacional da Prisa Rádio), Julio Alonso (diretor geral do EI Pais), Marcus Ribeiro (diretor do Grupo Prisa para as Américas) (Barcelona - 10/12)
- Encontro com Avelina Ferraz, Francisco Araújo (Prefeito da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez), Pedro Teixeira (Secretário da Cultura) e Fernando Morais (10/12)
- Palestra no "I Fórum pelo Progresso Social - O crescimento como saída para a crise" (organizado em conjunto pelo Instituto Lula e a Fundação Jean Jaurés) (Paris - 11/12 a 12/12)
- Encontro com Mo Ibrahim, presidente da Fundação Mo Ibrahim (11/12)
- Encontro com o Presidente da França, François Hollande (11/12)
- Jantar oferecido pelo presidente da Assembleia Nacional, Claude Bartolone (12/12)
- Cerimônia de entrega do Prêmio Generalitat Catalur'ia ao ex-presidente Lula (Barcelona - 13/12)
- Almoço com o Ex-Presidente da Espanha, Sr. Felipe González (13/12)
2013
Países: Cuba (Havana) /República Dominicana (Santo Domingo) /Estados Unidos (Washington)
Data: 28/01/13 a 03/02/13
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Odebrecht
Atividades:
- Encontro com o Presidente de Cuba, Raul Castro (29/01)
- Encontro com Ex-Presidente, Fidel Castro (29/01)
- Oferenda Floral no Memorial José Martí (Havana - 29/01)
- Lançamento do livro de Fernando Morais "Os Últimos Soldados da Guerra Fria" (29/01)
- Participação no encerramento da Conferência Internacional pelo Equilíbrio do Mundo, organizado pela "Oficina dei Programa Martiano" (30/01)
- Encontro com Mauro Hueb (Presidente da Odebrecht em Cuba), Alexandrino Alencar e João Nogueira
- Encontro com Embaixador José Felício (30/01)
- Visita às obras de Puerto Mariel (30/01)
- Encontro com presidente da República Dominicana, Danilo Medina (31/01)
- Palestra contratada, seguida de almoço, para empresários e representantes de entidades de classes, promovida pela Câmara Dominicana de Construção, sobre o tema: "Superando os desafios: a economia da América Latina no século XXI" (01/02) Local: Hotel EI Embajador, Calle Embajador 65, Santo Domingo, República Dominicana (Auditório)
- Encontro com Ex-Presidente Leonel Fernandez e visita à Fundação (01/02)
- Visita às obras do Corredor Vial dei Este (01/02)
- Encontro com Embaixador Mauro Vieira (02/03)
- Participação como convidado especial na abertura do Congresso da United Automobile Workers (UAW) (Washington - 03/03)
- Encontro com Bob King (Presidente da UAW) (03/03)

Países: Guiné Equatorial (Malabo) /Gana (Acra) /Benin (Cotonou) /Nigéria (Lagos)
Data: 13/03/13 a 19/03/13
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Queiroz Galvão (Malabo e Accra) e Andrade Gutierrez (Lagos) eGoverno do Benin
Atividades:
- Palestra contratada para evento empresarial sobre o tema: "Desenvolvimento Econômico e Inclusão Social: o modelo Brasileiro" (14/03) Local: Hotel Hilton, Carretera dei Aeropuerto, km 7, Malabo, Guiné Equatorial (Auditório)
- Encontro com Primeiro Vice-Presidente, Ignacio Milán Tang (14/03)
- Palestra contratada para evento empresarial sobre o tema: "Desenvolvimento agrícola e combate à fome no Brasil e na África" (15/03) Local: Hotel Movenpick Ambassador, Independence Ave, Accra, Gana (Auditório)
- Debate sobre Segurança Alimentar e Combate à Fome com Ex-Presidente de Gana, John Kufuor, e Vice-reitor da Universidade de Accra, Ernest Aryeetey (organizado pela FAO/ONU) (15/03)
- Encontro com Presidente de Gana, John Dramani lVIahama (15/03)
- Encontro com o Ex-Presidente de Gana, John Kufuor (16/03)
- Encontro com o Presidente do Líbano, Michel Suleiman (16/03)
- Visita à sede da Embrapa em Gana (16/03)
- Encontro com Sr. Johnson Asiedu Nketia (Parlamentar e Secretário Geral do NDC*), Sr. Kofi Attor (Diretor de Relações Internacionais do NDC*), Professor Kofi Awoonor (Antigo Embaixador de Gana no Brasil no início da década de 80, poeta e escritor, e até fev.2013, Presidente do Conselho de Segurança Nacional de Gana, dirigente histórico do NDC*), e Sr. Kwesi Pratt (antigo porta-voz do Presidente John Atta-Mills e editor do jornal Ilnsight") - (16/03)
- Encontro com representantes da comunidade ''Tabom'' (ex-escravos egressos do Brasil) e filha do Ex-Presidente Kwame Nkrumah, presidenta da Fundação Nkrumah (16/03) - Palestra para autoridades beninenses, setor privado e empresários brasileiros sobre oportunidades de investimento no Benin, organizada pelo Governo do Benin (Cotonou - 17/03)
- Encontro com Presidente do Benin, Boni Yayi e Ministério da República do Benin (17/03)
- Almoço com Presidente do Benin, Boni Yayi, e convidados (17/03)
- Entrega da Medalha de Honra da República do Benin ao Ex-Presidente Lula (17/03)
- Palestra contratada sobre o tema "Investimentos na África e retomada da economia
global" (18/03) Local: Lagos Oriental Hotel, 3 Lekki - Epe Express Way, Lagos, Nigéria (Auditório)
- Encontro com John Kolawole (Secretário-Geral do Trade Union Congress da Nigéria), e Comrade Abdulwaheed Umar (Presidente do Nigeria Labour Congress) (18/03)
- Encontro com o escritor Wole Soyinka (prêmio Nobel de Literatura) (18/03)
- Encontro com Ex-Presidente da Nigéria, Olusegun Obasanjo (18/03)
- Encontro com Aliko Dangote, presidente do Dangote Group (18/03)
- Palestra no "Nigeria Summit", organizado pela Revista The Economist, com participação do Presidente da República da Nigéria, Goodluck Jonathan (19/03)
- Encontro com o Presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan (19/03)

País: Uruguai (Montevidéu)
Data: 04 a 05/04/13
Quem pagou o voo: Samos Participações (ex-ministro Walfrido dos Mares Guia)
Quem pagou outros gastos: Fundação Friedrich Ebert
Atividades:
- Debate "Transformações em Risco? Perspectivas e Tensões do Progressismo na
América Latina", com o Presidente do Uruguay, Pepe Mujica; e com o Secretário-Geral da
Confederação Sindical das Américas, Víctor Baéz. Mediador: Gerardo Caetano (Historiador
e Cientista Político) (04/04)
- Encontro com o Presidente do Uruguai, José Mujica (04/04)
- Encontro com o Presidente José Mujica, e com a Senadora Mónica Xavier, Presidenta da Frente Ampla (04/04)
- Encontro com o Presidente José Mujica e o Secretário-Geral da Central Sindical das Américas, Víctor Baez (04/04)

País: Inglaterra (Londres)
Data: 08 a 09/04/13
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: Banco BTG Pactual
Atividades:
- Palestra contratada para 111 Conferência Oportunidades Latinas - BTG Pactuai (09/04)
Local: May Fair Hotel, Stratton Street, London W1J 8LT, Reino Unido (Salão de eventos)
- Cerimônia de abertura da exposição "Gênesis", de Sebastião Salgado (09/04)
- Encontro com Bono Vox, vocalista da banda U2 (09/04)

Países: México (Cidade do México) /EUA (Washington e Nova York)
Data: 18 a 22/04/13
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem: BTG Pactual
Atividades:
- Visita a cidades do interior do México para o lançamento da "Cruzada Nacional contra a Fome" do governo do México, acompanhado com o Presidente do México, Enrique Pena Nieto, a ministra de Desenvolvimento Social, Rosario Robles e o governador de Chiapas, Manuel Velasco. (19/04)
- Encontro com presidente da República do México, Enrique Pena Nieto (19/04)
- Encontro com diretor do BID, Luis Alberto Moreno (Washington - 21/04)
- Encontro com embaixadores dos países latino-americanos na OEA e respectivas
esposas, embaixadores dos países latino-americanos em Washington e respectivas esposas (21/04)
- Jantar anual da ONG Africare, onde recebeu homenagem desta entidade por seu
combate contra a fome no Brasil. (21/04)
- Palestra contratada para Encontro com investidores sobre o tema: "Saídas para a crise: as oportunidades da América Latina" (BTG Pactuai) (22/04) Local: 601, Lexington Av., 5º andar - Nova York, EUA (Auditório)
- Recebe Prêmio: Em Busca da Paz ("In Pursuit of Peace") do International Crisis Group. (22/04)
- Jantar da International Crisis Group (22/04)

Países: Colômbia (Bogotá) /Peru (Lima) /Equador (Quito)
Data: 03 a 07/06/13
Quem pagou o voo, as palestras e outros custos da viagem:Camargo Corrêa (Bogotá), Odebrecht (Lima) e OAS (Quito)
Atividades:
- Jantar oferecido pelo Vice-Presidente Angelino Garzón e sua esposa, Monserrat Munoz
(03/06)
- Palestra contratada para evento empresarial sobre o tema: "A integração da América
Latina com Estratégias de desenvolvimento de infraestrutura sustentável" (Bogotá - 04/06)
Local: Hotel EI Nogal- Endereço: Carrera 7 n. 78 - 96 (sala de eventos)
- Encontro com o Presidente da República da Colômbia, Juán Manuel Santos (04/06)
- Acompanha o presidente Santos na apresentação das políticas de combate à pobreza do Governo Colombiano ("Famílias en accion" e "Mujer Ahorradora") (04/06)
- Encontro com o Prefeito de Bogotá, Gustavo Petro (04/06)
TAGS