Médico é assassinado ao sair de plantão em UPA do Rio


Crime aconteceu no início da noite de sexta (8) em Irajá, no Subúrbio.
Investigadores estão analisando imagens de câmeras de segurança.

Do G1 Rio
Um médico foi assassinado em depois de sair de um plantão na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Rio, na noite desta sexta-feira (8). Ele foi vítima uma tentativa de assalto e foi baleado mesmo depois de entregar o carro, como mostrou o RJTV 1ª edição.
Helder Dias da Costa Tomé Júnior foi assassinado na noite de sexta (8) (Foto: Reprodução / Internet)Helder Dias da Costa Tomé Júnior foi assassinado
na noite de sexta (8) (Foto: Reprodução / Internet)
O crime aconteceu no início da noite na Rua Samoa com a Coronel Vieira, em Irajá, no Subúrbio do Rio. Segundo testemunhas, dois homens abordaram o médico quando ele reduziu a velocidade para passar num quebra mola.
Os dois jovens, aparentemente menores de idade, renderam a vítima com uma arma. Quando saia do carro, o médico Helder Dias da Costa Tomé Júnior, foi baleado por um dos criminosos e morreu na hora.
Agentes da Divisão de Homicídio fizeram perícia no local. Os investigadores estão analisando imagens de câmeras de segurança e buscando informações com testemunhas que viram a tentativa de assalto.