Lava Jato só termina em 2017




Sérgio Moro calcula que as investigações da Lava Jato devem terminar no meio do ano que vem. Com os desmembramentos do petrolão, novos inquéritos sobre a Eletrobras tendem a ficar no Rio e os referentes ao BNDES e aos fundos de pensão serão tocados por Brasília.
"Se não acabar, eu mesmo obstruo a Lava Jato", ironiza Moro, em conversas com amigos e familiares.
Os integrantes da força-tarefa, porém, não pensam em descanso. Eles querem auxiliar outros grupos de investigação, como o criado recentemente no Rio.