PF no rastro de Renan e Lindbergh



A PF prendeu hoje sete membros da ORCRIM responsáveis pelo assalto de Petros e Postalis.
Quando o golpe dos fundos de pensão veio à tona, um delator acusou Renan Calheiros de ter embolsado 30 milhões de reais.
Ele disse também que Lindbergh Farias e Luiz Sérgio receberam 10 milhões de reais cada um.