Só roubando, Cunha


Reparem na lista de compras de Claudia Cruz, anexada pelo MPF à denúncia recebida por Sérgio Moro.
De janeiro de 2014 a fevereiro de 2015, a mulher de Eduardo Cunha torrou mais de US$ 45 mil em lojas de grife como Chanel, Christian Dior, Charvet, Prada, Louis Vuitton, Hermès e Balengiaga em Paris, Lisboa, Roma e Dubai.
Por mais que trabalhe, um deputado federal não tem como bancar o estilo de vida de uma mulher como Claudia.