Petistas desistem de preparar Dilma para enfrentar perguntas de senadores governistas


Eles gostariam de usar o fim de semana para formular questões que os adversários deverão fazer na segunda-feira (29)

NONATO VIEGAS
26/08/2016 - 09h00 - Atualizado 26/08/2016 10h08
Os senadores petistas desistiram de ir ao Palácio da Alvorada no fim de semana com o objetivo de preparar a presidente afastada Dilma Rousseff para enfrentar perguntas que deverão ser feitas por senadores da base do governo Michel Temer na segunda-feira (29), dia em que ela se defenderá. É que os senadores exercem o papel de julgadores e, em tese, não podem manter contato com a ré.