Menino de 2 anos morre após levar tiro de chumbinho do avô, diz polícia


Suspeito estava embriagado e disse não saber que arma estava carregada.
Vítima foi socorrida e levada para hospital de Anápolis, mas não resistiu.

Vitor SantanaDo G1 GO
Um menino de 2 anos e 10 meses morreu após ser atingido acidentalmente com um tiro de chumbinho disparado pelo avô, de 48 anos, segundo a Polícia Civil. O caso aconteceu na noite de sábado (23), em Anápolis, a 55 km de Goiânia. O suspeito foi preso em flagrante por homicídio.
De acordo com o delegado Renato Rodrigues de Oliveira, plantonista da Central de Flagrantes, a vítima morava com a mãe, o avô e a mulher do avô. No momento do crime, o suspeito estava embriagado e brincava com a arma próximo da criança.
saiba mais

“Segundo os policiais militares que fizeram a prisão, o avô não sabia que a arma estava carregada. Era uma espingarda de pressão, dessas de chumbinho. O tiro foi acidental e atingiu o peito da criança. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital”, disse o delegado.
O avô foi preso e indiciado por homicídio doloso, quando há a intenção de matar. Para a polícia, por ele estar manuseando a espingarda próximo à criança e ainda embriagado, o suspeito assumiu o risco em provocar a morte do menino.
Em depoimento na delegacia, o homem disse à polícia que estava muito abalado, que não tinha condições de dar nenhuma informação e que só falaria em juízo. Ele foi transferido para o presídio de Anápolis, onde está à disposição do Poder Judiciário.

Prefeitura de Guaíra entrega kit com repelente a grávidas para evitar zika


Intenção é evitar casos de bebês com microcefalia no município.
Kit tem folder informativo, repelente especial e planta para atrair predador.

Do G1 PR
Brasil enfrenta tríplice epidemia do zika vírus, dengue e febre chikungunya. Em comum entre as doenças, o vetor de transmissão, o mosquito Aedes aegypti. (Foto: James Gathany/CDC)Prefeitura intensificou a luta contra o mosquito
transmissor (Foto: James Gathany/CDC)
A Secretaria de Saúde de Guaíra, no oeste do Paraná, começa a entregar nesta segunda-feira (25) um "kit repelente" gratuito a grávidas, para evitar a contaminação delas pelo zika vírus.
O material é composto por um folder informativo sobre o mosquito, um repelente especial e uma muda ou semente de crotalária, planta que, segundo a Prefeitura, atrai o predador do Aedes aegypti.
Segundo a Secretaria, as ações contra o mosquito e de conscientização foram intensificadas desde da descoberta da relação entre o zika e bebês com microcefalia.
Para ter acesso ao kit, basta morar em Guaíra, levar carteirinha de gestante e do Sistema Único de Saúde (SUS) e solicitar o material na Vigilância Sanitária. O endereço é rua Gabriel Fialho Gurgel, 244, no centro. O atendimento é feito das 8h às 12h e das 14h às 17h.

Casal cai em fossa que se abriu em quarto enquanto dormiam, em GO


Eles não sabiam da existência do buraco quando se mudaram para casa.
Mulher está grávida de 9 meses e perdeu parte do enxoval do bebê.

Do G1 GO
Casal cai em fossa que se abriu em quarto enquanto dormiam, em Senador Canedo, Goiás (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)Casal cai em fossa que se abriu em quarto enquanto dormiam (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
Um casal caiu dentro de uma fossa séptica enquanto dormia neste domingo (24) em Senador Canedo, Região Metropolitana de Goiânia. A mulher, grávida de nove meses, foi socorrida com ferimentos leves e sentindo fortes contrações. Já o homem não teve ferimentos. Segundo o Corpo de Bombeiros, os dois não sabiam da existência da fossa no local.
Os militares não informaram se a casa era alugada ou não. Entretanto, disseram que a fossa tinha sido desativada, coberta com cimento e azulejos e que o chão cedeu enquanto o casal dormia. Os dois caíram no buraco junto com a cama.
Além deles e da cama, alguns pertences do enxoval do bebê também caíram na fossa. Eles perderam fraudas e algumas roupas. Os bombeiros ainda tentaram retirar alguns itens de dentro do buraco.
Casal cai em fossa que se abriu em quarto enquanto dormiam, em Senador Canedo, Goiás (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)Bombeiros tentaram retirar pertences que cairam na fossa (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

Prédio de Jaques Wagner em Salvador tem teleférico e píer particular

Jaques Wagner (Defesa)
O hoje ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, elevou bastante seu padrão de vida desde que se tornou governador da Bahia(Raul Spinassé/Folhapress)
O ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, aumentou seu padrão de vida nos últimos anos, período em que ocupou o governo da Bahia. Wagner hoje é dono um apartamento no bairro mais luxuoso de Salvador. O prédio do petista conta até com teleférico e píer particular.
O imóvel fica no bairro Vitória, mais precisamente na região conhecida como Corredor da Vitória, um dos metros quadrados mais caros do país, comparado ao de áreas nobres da zona sul do Rio. No bairro, vive praticamente toda a elite política e empresarial da capital baiana, além de artistas famosos.
Segundo registro em cartório, o apartamento custou 1,45 milhão de reais. A compra foi efetivada em março de 2011, cinco meses após a reeleição de Wagner como governador. Até o fim de 2014, porém, ele continuou morando no Palácio de Ondina, residência oficial do governador. Mudou-se para o novo endereço no ano passado.
Publicidade
Com a autorização de um morador, o jornal O Estado de S. Paulo conheceu as áreas comuns do condomínio. Além de píer e teleférico que dá acesso à praia, o prédio dispõe de academia, piscina, sala de cinema e quadra poliesportiva. O imóvel tem a melhor vista da cidade para a Baía de Todos os Santos.
Imóvel - Por meio dos dados registrados em cartório, a reportagem obteve detalhes sobre o apartamento de Wagner. O imóvel tem área privativa de 252,08 metros quadrados. Conta com sala de jantar, quatro quartos com suíte, lavabo, área de serviço de dois quartos de empregada.
Há cerca de seis meses, o corretor Raimundo Epifânio da Silva, especialista em imóveis no Corretor da Vitória, vendeu um apartamento igual ao de Wagner. Ele conta que o negócio foi fechado em 3,5 milhões de reais. "Depende do estado do apartamento. Se estiver arrumado, reformado, vale mais", disse Epifânio.
Antes de ser eleito pela primeira vez, Wagner morava no bairro Federação, num apartamento que ele declarou ter comprado por 150 mil reais, em 2001. O ministro vendeu o imóvel a Antonio Celso Pereira, que é ligado politicamente a Wagner. Ele foi superintendente no governo da Bahia e diretor na Companhia de Docas do Estado. Pereira pagou 900 mil reais pelo imóvel de Wagner.
Com formação de técnico de manutenção, Wagner atuou como dirigente sindical entre 1975 e 1990, quando se elegeu deputado federal. Por ter exercido dois mandatos, ele ganha uma aposentadoria de 10 mil reais. No fim de 2014, a Assembleia Legislativa da Bahia criou uma aposentadoria de 19 mil reais para ex-governadores, o que acabou beneficiando Wagner.
Por meio de sua assessoria, o ministro disse que a transação foi feita de acordo com valores de mercado e que o imóvel consta da declaração de imposto de renda dele.
(Com Estadão Conteúdo)

Advogados de Lula estudam medidas contra promotor que o investiga por tríplex



  • Moacyr Lopes Junior/Folhapress
    O apartamento no Guarujá reservado ao ex-presidente Lula
    O apartamento no Guarujá reservado ao ex-presidente Lula
Três dias depois de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva dizer em entrevista a blogueiros que "daqui para a frente" iria "processar todo mundo", seus advogados examinam medidas judiciais contra o promotor Cassio Conserino.
O promotor, que alega estar apenas dando transparência a um caso de interesse público, investiga o apartamento tríplex reservado ao ex-presidente na praia de Astúrias, no Guarujá, cidade do litoral de São Paulo. Ele afirma que já tem indícios suficientes para apresentar denúncia por lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio contra Lula.
Em nota intitulada "violência contra Lula: promotor anuncia denúncia sem ouvir defesa", o Instituto Lula nega que o ex-presidente e sua família tenham cometido os crimes e acusa Conserino de violar a lei e o estado democrático de direito ao anunciar, via imprensa, que pretende denunciar o petista antes mesmo de ouvir a defesa. A intenção do promotor foi divulgada em entrevista à revista Veja.
Conserino, também por meio de nota, negou ter antecipado a decisão. Segundo ele, as evidências abrem a "possibilidade" da denúncia.
Ao jornal "O Estado de S. Paulo", o promotor defendeu o direito dos promotores de darem transparência a inquéritos de alto interesse público.
"Informar a sociedade sobre uma investigação de evidente interesse público, por meio de uma imprensa livre não me parece violar a lei, especialmente porque o sigilo da investigação foi baixado. Além disso somos promotores de Justiça e trabalhamos em prol e para a sociedade, que merece tomar ciência de investigações dessa envergadura", disse ele.
A nota do Instituto Lula também faz menção à revista Veja, que, na sua avaliação, "utilizou a entrevista do promotor para mais uma vez ofender e difamar o ex-presidente Lula e será objeto de nova ação judicial por seus repetidos crimes".

Estado Islâmico divulga vídeo com jihadistas de ataques em Paris


Terroristas que promoveram ataques em Paris dão 'mensagens finais'.
Vídeo mostra novas decapitações de prisioneiros do grupo.

Do G1, em São Paulo
O belga Abdelhamid Abaaoud, apontado como o mentor dos ataques de Paris, aparece em vídeo do Estado Islâmico (Foto: Reprodução/ Twitter/ Rita Katz)O belga Abdelhamid Abaaoud, apontado como o mentor dos ataques de Paris, aparece em vídeo do Estado Islâmico (Foto: Reprodução/ Twitter/ Rita Katz)
O grupo radical Estado Islâmico (EI) divulgou um vídeo sobre os ataques promovidos em novembro em Paris, informou neste domingo (24) o SITE Intel Group, grupo que monitora ações de jihadistas na internet. No vídeo, o grupo mostra alguns dos jihadistas que participaram da série de atentados na capital da França no dia 13 de novembro, e suas "mensagens finais".

O pior ataque à França na história recente deixou 130 mortos e mais de 350 pessoas feridas. O EI reivindicou a responsabilidade pelos ataques. Na semana passada, a revista de propaganda do EI publicou uma imagem com nove jihadistas, que também aparece no novo vídeo.
Jihadista do Estado Islâmico que participou de ataques em Paris aparece em novo vídeo divulgado pelo grupo  (Foto: Reprodução/ Twitter/ Rita Katz)Jihadista do Estado Islâmico que participou de ataques em Paris aparece em novo vídeo divulgado pelo grupo (Foto: Reprodução/ Twitter/ Rita Katz)
No novo vídeo divulgado, o jihadista apontado como mentor dos ataques, o belga Abdelhamid Abaaoud, aparece dizendo: "não vamos parar de lutar contra vocês", segundo o SITE. Abaaoudmorreu durante operações da polícia francesa em Saint-Denis no dia 18 de novembro. Seu corpo foi encontrado dentro do apartamento onde ocorreu a ação. No local, estava entrincheirado um grupo de  jihadistas.

Segundo o grupo de monitoramento, as imagens mostram nove jihadistas - quatro belgas, três franceses e dois iraquianos. Quatro deles aparecem decaptando e um atirando contra prisioneiros do EI, ainda segundo o SITE.

O vídeo também diz que a maioria dos atacantes passaram um tempo em campos do grupo na Síria e no Iraque antes dos ataques de Paris. Em seus discursos, os jihadistas ainda incitam ações de lobos solitários em países ocidentais e ameaçam o Reino Unido, citando a recente aprovação do Parlamento britânico para ataques aéreos na Síria.
Pôster publicado na revista do grupo Estado Islâmico mostra jihadistas dos ataques de novembro em Paris (Foto: Reprodução/ Dabiq)Pôster publicado na revista do grupo Estado Islâmico mostra jihadistas dos ataques de novembro em Paris (Foto: Reprodução/ Dabiq)

Adolescente desaparecido há dois dias é encontrado por PM após reconhecimento de morador


PMPR
adolescente-
Mãe de adolescente, familiares e policiais ao entorno do garoto encontrado . Foto: PMPR/Divulgação
Um adolescente de 16 anos, que tinha saído de casa na última quarta-feira (20) e estava desaparecido, foi encontrado na tarde desta sexta-feira (22), nas proximidades da Marina Carolinaz, em Guaratuba (PR), no Litoral do estado. A Polícia Militar, atuante no “Verão Paraná 2015/2016”, empenhou equipes, fez buscas por toda a cidade e após divulgação da situação pela PM e pela Polícia Civil à comunidade local, o garoto acabou localizado por um pedestre, que avisou a PM. O jovem foi encaminhado ao hospital de Guaratuba para passar por uma avaliação médica e se recupera em casa.
Berenice Silva de Abreu Gamba, mãe de Figner Eduardo de Abreu Gamba, contou que no dia do desaparecimento, ela deixou o filho trocando de roupa no quarto para terminar um serviço na parte externa da casa e, quando retornou, ele já tinha saído. No mesmo dia, ela foi até a delegacia de Guaratuba e registrou um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento. Na manhã de sexta-feira (22), a mulher entrou em contato com a PM por meio do telefone 190 e relatou que o menino poderia estar no bairro Piçarras.
“Uma equipe policial, juntamente com a mãe do garoto, iniciou buscas pela região e distribuiu panfletos, cartazes, conversou com dezenas de moradores e pescadores, divulgou nas redes sociais a imagem do desaparecido e deixou um telefone para contato”, contou o Coordenar de Policiamento de Unidade (CPU), tenente Vergílio Requi Nunes.
“Ontem (sexta) pela manhã encontrei dois anjos (soldado Daniela e soldado Eduardo) que foram muito atenciosos, nos colocaram na viatura e fomos juntos procurar meu filho. Essa dupla foi maravilhosa, se mostrou empenhada e disposta a procurar o Figner”, disse Berenice.
Ao fim da manhã, a mãe retornou para sua casa, porém a equipe persistiu no trabalho durante a tarde. Por volta de 15h, os policiais foram acionados pela Marina Carolinaz, que fica no bairro Piçarras. “Um homem que passou de jet-sky próximo a um mangue viu o rapaz e o reconheceu nos panfletos distribuídos pela PM. Quando chegamos ao local, constatamos que era o garoto que procurávamos e o encaminhamos ao hospital da cidade pois estava com escoriações pelo corpo e apresentava cansaço”, explicou o tenente.
O Conselho Tutelar foi acionado e acompanhou o adolescente ao hospital. A mãe foi até o hospital e o reencontro, segundo a senhora Berenice, foi emocionante. “Eu estava panfletando a foto dele na praia quando recebi a notícia. Foi um milagre terem encontrado, pois estava muito frágil, com vários arranhões pelo corpo, acredito que se passassem mais algumas horas ele poderia ter morrido”, falou Berenice.
O garoto ficou em observação no hospital até 23h e foi para casa, onde ainda se recupera. “Isso [as buscas policiais] mostra que muitas vezes o papel da Polícia Militar vai além de simplesmente atender uma ocorrência e ir embora. A equipe policial empenhou-se ao máximo para encontrar esse menino e os policiais militares, ao verem o sofrimento da mãe, não pouparam esforços até trazer o filho de volta aos braços da sua genitora”, completou o tenente Requi.

Em discussão no meio da rua, ex-namorado saca arma e mata jovem com tiro na cabeça


Por Elizangela Jubanski

litoral
Batistina discutiu com ex após sair de um bailão e foi morta com tiro na cabeça. Foto: Cidadão em Ação
Uma jovem de 18 anos foi morta após discutir com o ex-namorado na madrugada deste sábado (23) no bairro Batel, em Antonina, Litoral do Paraná. Batistina Feijo Ernesto, de 18 anos, foi atingida por 4 disparos de arma de fogo. O suspeito Nilton Jose da Silva Junior é considerado foragido pela polícia. As informações são do blogCidadão em Ação.
O crime aconteceu por volta das 03h40. Batistina caminhava pela calçada na rua vereador Cândido Xavier, próximo a um bailão, quando foi atingida. A jovem foi encaminhada para o hospital  local, mas morreu horas depois. O suspeito, conhecido como Tuing, está sendo procurado pela polícia.
Segundo informações da PM, o suspeito já teve envolvimento amoroso com a vítima e estavam discutindo no meio da rua quando ele teria sacado um revólver calibre 22 e atirado contra a cabeça da jovem. Ela foi socorrida, mas não resistiu. O corpo dela foi encaminhado ao IML de Paranaguá. O caso agora passa a ser investigado pela equipe da polícia civil de Antonina.

Jovem cai de moto aquática e desaparece em Paranapanema


Thaís Aparecida Oliveira, de 21 anos, estava na garupa do veículo.
Testemunhas dizem que equipamento teve problemas no motor.

Do G1 Itapetininga e Região
Thaís, de 21 anos, é moradora de Angatuba e está desaparecida no Rio Paranapanema (Foto: Arquivo pessoal)Thaís, de 21 anos, é moradora de Angatuba e
está desaparecida no rio (Foto: Arquivo pessoal)
A jovem Thaís Aparecida Oliveira, de 21 anos, caiu de uma moto aquática na tarde deste sábado (23) no Rio Paranapanema, em Paranapanema (SP), e está desaparecida. Segundo dados do Corpo de Bombeiros deItapetininga (SP), as equipes fazem buscas desde sábado, mas na manhã deste domingo (24) ela ainda não havia sido encontrada.
Thaís estava na garupa do equipamento que era conduzido por um homem. A moradora deAngatuba (SP) foi convidada por uma amiga para conhecer turistas de São Paulo (SP) em um rancho às margens do Rio Paranapanema. A vítima saiu para andar de moto aquática com um dos turistas.
Segundo testemunhas informaram à TV TEM, o equipamento teria tido problemas no motor e os dois caíram na água em um trecho onde a correnteza é muito forte.
Ainda segundo testemunhas, o motorista conseguiu nadar, mas a jovem foi levada pela força da água. Testemunhas disseram que os dois estavam com coletes salva-vidas. Os bombeiros fazem buscas, mas o trecho do rio é tão perigoso que nem os mergulhadores entraram na água por causa da corretenza. Eles cortam a vegetação próxima a uma ponte em busca da vítima.
O homem que dirigia a moto aquática aínda não foi identificado e encontrado para prestar esclarecimentos. As buscas devem durar até o fim da tarde deste domingo.
Motoaquática teria tido problemas técnicos no Rio Paranapanema, dizem testemunhas (Foto: André Bordim/TV TEM)Moto aquática teria tido problemas técnicos, dizem testemunhas (Foto: André Bordim/TV TEM)

Na Europa, zika foi confirmado na Itália, Espanha, Inglaterra e Portugal


Itália registrou quatro casos em março de 2015, divulgou imprensa local.
Espanha, Inglaterra e Portugal também tiveram casos; nos EUA, foram 12.

Da EFE
Aedes Aegypti mosquito da dengue (Foto: CDC-GATHANY/PHANIE/AFP)Aedes aegypti é o mosquito responsável por transmitir zika (Foto: CDC-GATHANY/PHANIE/AFP)
A Itália registrou quatro casos de contágio do vírus zika em março de 2015, informou neste domingo (24) a imprensa local. Os pacientes, procedentes do Brasil, recuperaram-se totalmente. Entre os casos, três foram tratados no hospital Lazzaro Spallanzani, em Roma, especializado em doenças infecciosas, enquanto o quarto foi hospitalizado em Florença.
Reino Unido
Neste sábado, o serviço público de saúde da Inglaterra tinha confirmado três casos da infecção em britânicos que retornaram ao Reino Unido após viagens à América do Sul. Eles foram infectados na Colômbia, Suriname e Guiana. O governo britânico ressaltou que o zika vírus "não se encontra de forma natural" nas ilhas britânicas e que "não se contagia diretamente de pessoa a pessoa".
Espanha
Na sexta-feira, a imprensa noticiou que duas mulheres também foram diagnosticadas com zika na Espanha, segundo a agência EFE. Elas são da Améria do Sul e vivem na Catalunha. De acordo com autoridades de saúde, elas foram infectadas durante viagens para seus países de origem no fim do ano passado. Não há risco para a população da região.
Portugal
Já em Portugal, foram confirmados quatro casos de zika em portugueses que voltaram de viagens ao Brasil, segundo comunicado publicado pela Direção-Geral da Saúde do país em 15 de janeiro.
Estados Unidos
Nesta sexta-feira, autoridades de saúde do estado de Nova York, nos Estados Unidos, divulgaram que três pessoas testaram positivo para o vírus da zika. Segundo o jornal New York Times, todos os infectados viajaram para países onde o vírus está se espalhando com rapidez. O Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC) informou que, entre 2015 e 2016, 12 casos de zika foram confirmados no país. Em todos eles, os pacientes foram contaminados durante viagens a outros países.