O terrível descaso da prefeitura de Colombo!



A imagem abaixo mostra bem a situação que se encontra Colombo!

A praça de guerra arrasta pessoas pelas madrugadas para a rua, a espera de soluções para suas vidas.

Um descaso que foi iniciado na gestão anterior e que agora começa a dar mostras de sua magnitude.

A fila para vagas na nova creche do Osasco levou a oposição à revolta total.

E com total razão, afinal, o povo sofre com toda essa falta de Projetos sociais.

A oposição bateu, falou tudo que tinha para falar, fez sensacionalismo sem precedentes e por fim acabaram por reconhecer os seus próprios erros e incompetências do passado.

Até mesmo um ex-vereador, publicou em sua rede esse deplorável problema.

Acontece minha gente, que a nova creche foi construída na gestão de Beti Pavin e não na gestão anterior, portanto a oposição nada pode colocar de defeito, visto que nada fizeram no tempo que passaram por lá.

Quem tem ouvido seu clamor, seu protesto é a atual prefeita, então o problema apareceu publicamente.

Se não existisse esse novo projeto, se ele ficasse como há anos só no papel e cheio de desculpas para sua construção ou conclusão, como ocorria na gestão passada, nada disso teria se tornado uma nova virose em Colombo e acusando ainda quem colocou a mão na massa e construiu.

Perguntei ao ex-vereador o porque na gestão passada em que ele fazia parte ele não foi para a linha de frente protestar e exigir a construção de mais creches, afinal, eu sendo pai solteiro, necessitava e muito desse bem precioso.

Mas não obtive resposta.

Então faço outra pergunta: Porque criticar quem está fazendo ou criticar um acontecimento em cima de uma obra que acaba de ser realizada e viabilizada em favor do povo?

O descaso da prefeitura não é de agora, ele tomou conta de Colombo nos 8 anos anteriores a gestão Beti, onde nada foi construído e pior, tudo foi destruído.

E se a gestão daquela época, tivesse tido o respeito pelo povo e construído ao menos 2 creches? O PROBLEMA SERIA BEM MENOR, MAS AQUELA GESTÃO SE PREOCUPAVA COM O ISO....

Esses mesmos que estão atirando a esmo em cima de uma obra que acaba de ser entregue são os mesmos que nada fizeram por você no passado e pior, que faz você acreditar feito um bobo que a creche existe há mais de 5 anos.

ACORDEM....

BETI PAVIN ENTREGOU MAIS UMA OBRA BENÉFICA AO POVO E COM ISSO PROVOCOU UM CORRE CORRE POPULAR SEM PRECEDENTES, MOSTRANDO A TODOS QUE ESTOU E SEMPRE ESTIVE CERTO QUANDO DIZIA E DIGO QUE A GESTÃO PASSADA NADA FEZ PELO POVO.

Asfaltos esburacados vemos em todos os lados, mas quem foi que construiu esses asfaltos casca de ovo que você vê e que estão aos poucos sendo recuperados pela gestão Beti Pavin?

Os mesmos que reclamam dos buracos. Eles construíram essas porcarias e ganharam dinheiro nas suas costas e você ainda acredita que eles são os honestos.

E os postos de saúde que ficaram abandonados por 8 anos? E os P.As?

Já viram o novo posto de saúde do Cezar Augusto e os P.A.s do Osasco e Maracanã em suas etapas finais de término?

Você dirá que é ano de eleição, mas te pergunto, você conseguiria em 1 ano levantar obras assim?

Quem não pensa ou pensa errado, acaba se tornando escravo do sistema.

E a Santa Casa, quem reabriu?

Responsáveis pelo laboratório Lanac na última semana me disseram que tem uma equipe atendendo dentro da Santa Casa. Mas como eles estariam atendendo dentro da Santa Casa se a mesma estivesse realmente fechada?

ENTÃO PRESTE ATENÇÃO, O DESCASO DA PREFEITURA NÃO É DESSA GESTÃO E SIM VEM DA GESTÃO PASSADA, QUE NADA IMPORTANTE FEZ PELO POVO. AGORA OS PROBLEMAS APARECEM AOS MONTES E A CULPA ESTÁ SENDO DIRECIONADA A QUEM ESTÁ CONSTRUINDO.

Compare as situações, você herda uma casa totalmente destruída e sua família começa a lhe cobrar que quer morar dentro dela imediatamente.

Então você trata de consertar a tal casa, mas na metade do caminho sua família acampa na porta querendo entrar e diz que você não se preocupa com eles e que nada fez por eles, me responda como você reagiria, sendo que você se propôs a consertar o estrago?

Pense nisso! E pare de ouvir gente estúpida que já esteve lá e nunca se preocupou com sua situação e usa a imagem atual de uma coisa provocada há anos atrás para se promover as suas custas.

LEIA MAIS, SE INFORME MAIS E JULGUE MENOS, PRINCIPALMENTE AQUILO QUE VOCÊ NÃO SABE E DESCONHECE.




Fonte: http://olhonolance3.blogspot.com.br/

Comissão Organizadora apresenta resultados da 53ª Festa da Uva de Colombo


festa-da-Uva
A Comissão Organizadora da 53ª Festa da Uva de Colombo apresentou os resultados dos quatro dias do evento que aconteceu nos dias 28, 29, 30 e 31 de janeiro, no Parque Municipal da Uva, sendo a maior festa da maior colônia italiana do Estado do Paraná integrando o calendário nacional de eventos.
De acordo com a Comissão, a lisura do processo e a transparência dão o tom do evento. “Temos este objetivo em dar clareza as ações realizadas durante os dias de Festa mostrando que estamos pensando e investindo para movimentar o comércio e evidenciar a agricultura local como também a nossa cultura”, destacou o presidente da Comissão Organizadora, Márcio Strapasson.
No balanço, consta a movimentação financeira, estimativa de negócios gerados, receita e despesas. O levantamento aponta mais de R$ 2 milhões movimentados, por parte dos comerciantes da Feira da Indústria e Comércio, das barracas de alimentação, restaurantes, artesanato, parque de diversão e os estandes dos produtores rurais que comercializaram uvas, vinhos, sucos, geleias e outros derivados. Evento movimentou o setor de alimentação, artesanato, a indústria e o comércio e a produção dos agricultores do município.
 “Os expositores da Feira não venderam apenas seus produtos e serviços, mas iniciaram um relacionamento com o cliente que ultrapassa os limites do Parque e de Colombo. Com certeza estes visitantes que visualizaram ou adquiriram algum produto irão procurar e visitar as propriedades rurais em um outro momento”, destacou o vice-presidente da Comissão Organizadora, Antonio Ricardo Milgioransa.
No quesito financeiro, a comissão apontou que as receitas e despesas do evento ficaram em R$ 1.391.343,29 e R$ 1.408.656,99, totalizando uma diferença de apenas R$ 17.313,70. “A contrapartida do município para o evento foi muito pequena devido a busca de patrocinadores, boas parcerias e a comercialização dos espaços para alimentação e exposição reduzimos muito este repasse”, destacou o presidente da Comissão.
Além de todo este fomento econômico, a 53ª edição da Festa da Uva teve caráter solidário. Isto porque no primeiro dia de festa, quando aconteceu a Missa do Padre Reginaldo Manzotti, a entrada foi solidária. Cada visitante podia colaborar com um quilo de alimento não perecível que já foi entregue, um total de 2.300 quilos arrecadados e já repassados para a Pastoral da Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário e Provopar Colombo.
Amanhã(22) o Secretário Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, Antonio Ricardo Milgioransa e o Secretário Municipal da Fazenda, Márcio Strapasson, estarão ocupando a Tribuna Livre da Câmara Municipal, onde apresentarão aos vereadores em sessão Ordinária os resultados da 53ª Festa da Uva de Colombo.

'Erramos, mas acertamos muito mais', diz Lula em programa do PT








Em propaganda partidária do PT que irá ao ar nesta terça-feira (23), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva admite que o partido cometeu erros no governo, mas declara que os acertos foram maiores. O vídeo foi apresentado à imprensa pelo presidente do PT, Rui Falcão.
“Somos o país que mais resolveu as desigualdades. Quem diz isso é a ONU. É isso no fundo que incomoda essa gente [...]. É verdade que erramos, mas acertamos muito mais. E podemos acertar muito mais ainda”, afirma Lula, na propaganda partidária, sem entrar em detalhes sobre os “erros” cometidos.
O ex-presidente não comenta sobre as investigações da Operação Lava Jato, nem sobre as suspeitas levantadas pelo Ministério Público Federal de que seria dono de um sítio e de um apartamento reformados pela construtora OAS, investigada por suspeita de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras.
saiba mais
No vídeo do PT, que tem 10 minutos de duração, locutores e apresentadores fazem uma defesa de Lula. Eles dizem que o ex-presidente é alvo de “ataques”, mas que continua sendo “a voz de um país mais forte”.
“Agora atacam e caluniam o presidente Lula. Desrespeitam todas as regras. Tentam manchar sua história. Preconceituosos que não querem aceitar suas ideias e suas origens. As privações, a privacidade invadida. Tudo isso passa. Lula, você permanece sendo a voz de um país forte [...] Você tem respeito, amor e morada definitiva”, diz a propaganda partidária.
A presidente Dilma Rousseff não aparece nas imagens. Segundo Rui Falcão, ela não quis participar da propaganda partidária. “Acho que ela preferiu não [participar]. Ela foi convidada”, disse o presidente do PT.

'União'
A propaganda do PT pede, ainda, “união” para enfrentar a crise econômica e busca reforçar que as dificuldades são passageiras. “Não é hora de defender bandeiras que nos separam. Hora é de reunir forças para fortalecer o Brasil. Por que tanto ódio e intolerância contra um partido nesse momento, em que se precisa de união?”, diz o locutor.

Em seguida, populares aparecem dizendo que a crise é uma “fase” e que essa não é a primeira vez que o Brasil enfrenta problemas econômicos. “Ninguém pode correr da fumaça, tem que arranjar um jeito de apagar o fogo”, diz um homem. “É trabalhar. Vamos trabalhar”, dizem outros populares.

Em seguida, Rui Falcão aparece no vídeo para dizer que não serão “permitidas” medidas econômicas que prejudiquem a população. “No passado, ao sinal de qualquer problema na economia, quem pagava a conta era o povo. Nós que fizemos juntos tantas mudanças não vamos permitir que dificuldades passageiras tragam insegurança para as famílias. Nenhuma medida econômica pode ser boa se deixar para trás as pessoas”, afirma.

Lula também menciona a crise econômica, no vídeo, e diz que " parece que virou moda falar mal do Brasil". "Hoje tenho muito mais confiança no Brasil do que eu tinha quando tomei posse, em 2003. Nenhum outro país saiu da pobreza em tão pouco tempo. As pessoas que falam em crise, crise, crise ficam minando a confiança do Brasil. Mas continuamos sendo o gigante do agronegócio. Somos o terceiro maior exportador de aviões", afirmou.

MPF aponta Santana e Dirceu como intermediários de propina da Odebrecht

O ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, durante audiência que ouve os presos da operação Lava Jato na CPI da Petrobras, no prédio da Justiça Federal do Paraná, em Curitiba, na manhã desta segunda-feira (31)
Ex-ministro José Dirceu aparece nas planilhas de pagamentos da Odebrecht apreendidas na 23ª fase da Lava Jato(Vagner Rosário/VEJA.com)
Um dos relatórios do Ministério Público Federal no âmbito da Operação Acarajé, a 23ª fase da Lava Jato, mostra o marqueteiro João Santana e o ex-ministro José Dirceu como intermediários de propina da Odebrecht. O MPF tirou as informações do arquivo "posição-italiano310712MO", em que estão registrados pagamentos de 229,5 milhões de reais por executivos da empreiteira entre 2008 e 2012. "Via Feira", referência ao marqueteiro de Dilma Rousseff e Lula, foram repassados em 18 milhões de reais a uma campanha das eleições municipais de 2008 e 5,3 milhões de reais a um evento em El Salvador, onde Santana prestou serviços ao ex-presidente Maurício Funes nas eleições de 2009. O MPF relata que o publicitário atuou, "ao menos nesse caso, como intermediário dos valores". Já "via JD", sigla que identificava José Dirceu nas planilhas de pagamentos de propina da Odebrecht, foram repassados 48 milhões de reais em 2009 e 2010, ano em que, segundo o MPF, a empreiteira indicou um "bônus" de 900.000 reais ao PT. (João Pedroso de Campos, de São Paulo)

Edital de Divulgação Sessão Ordinária 23/02/2016 da Câmara de Colombo


  
O Presidente da Câmara Municipal de Colombo, no uso de suas atribuições legais,
divulga a pauta da Sessão Ordinária
a ser realizada no dia  23/02/2016, às 16 horas. 
  Requerimento
  N°:  001
  Autor:  Mesa Diretora
  Assunto:  Sessão Solene em comemoração aos 126 anos do Município de Colombo
  Indicação
  N°:  14
  Autor:  Waldirlei Bueno de Oliveira
  Destinatário:  DNIT - Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes
  Assunto:  Viabilizar a implantação de uma rotatória na Estrada da Ribeira, próximo a entrada
                   do bairro Santa Gema no inicio da Rua José Strapasson próximo a EMBRAPA -
                   Florestas.

  Indicação
  N°:  15
  Autor:  Antonio Alves Batista
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Providências necessárias no sentido de que seja feito patrolamento e
                   ensaibramento em toda extensão da Rua do Coleirinho – Jardim Santa Cruz

  Indicação
  N°:  16
  Autor:  Givanildo da Silva (Gilgera)
  Destinatário:  Prefeita Municipal - Secretaria de Planejamento
  Assunto:  Estudos em parceria com o Governo do Estado do Paraná para doação de terreno
                   localizado na Rua da Pedreira, fundos do Parque Atuba, antiga pedreira, para
                   implantação de uma grande área de lazer e espaço destinado a prática de
                   atividades físicas e esportivas.

  Indicação
  N°:  17
  Autor:  Eurico Braz de Bomfim
  Destinatário:  Secretaria Municipal de obras e Viação
  Assunto:  Solicito junto a esta secretaria que seja efetuada limpeza, retirada do barro, terra,
                   mato, que seja refeita calçadas e colocação de um bueiro na Rua Salto do Itararé no
                    trecho da Rua Paranaguá ate a Pua Pedro do Rosário na Vila São José 


  Indicação
  N°:  18
  Autor:  Eurico Braz de Bomfim
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Solicito que seja efetuada manutenção em toda extensão das ruas Palotina, Mariluz,
                    Guaratuba, Joaquim Távora e Mirador, todas no Jd. Cristina.

  Indicação
  N°:  19
  Autor:  Eurico Braz de Bomfim
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Solicito que seja feito asfalto de baixo custo em toda extensão da Rua Ampére no
                   Jd Guaraituba.

  Indicação
  N°:  20
  Autor:  Eurico Braz de Bomfim
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Meio Ambiente/Vigilância Sanitária
  Assunto:  Solicito que seja feita vistoria preventiva de combate a dengue em todas as
                   academias ao ar livre em todos os bairros de Colombo.

  Indicação
  N°:  21
  Autor:  Sidinei Campos
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Educação
  Assunto:  Viabilizar a reforma da Escola Municipal Doutor Manoel Costa Curta

  Indicação
  N°:  22
  Autor:  Eurico Braz de Bomfim
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Meio Ambiente
  Assunto:  Solicito para que seja notificado o proprietário do terreno localizado a Rua Pedro do
                   Rosário esquina com a Rua Arapoti no Jd Guaraituba.

  Indicação
  N°:  23
  Autor:  Renato Tocumantel
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Urbanismo
  Assunto:  Estudos para viabilizar a implantação de uma travessia elevada na Avenida Abel
                   Scussiato no Alto Maracanã, enfrente a Paraná Veículos e o Banco Itaú.

  Indicação
  N°:  24
  Autor:  Renato Tocumantel
  Destinatário:  Viação Santo Antonio
  Assunto:  Viabilizar estudos para a mudança do ponto de ônibus situado a Rua Paschoa
                   Lazarroto Toniolo. jardim Monza, esquina com a travessa Ana Neri.
  Indicação
  N°:  25
  Autor:  Renato Lunardon
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Patrolar e ensaibrar as Ruas Florindo Trevisan, Antônio Ferrarine e Nossa Senhora
                   da Saúde todas na Colônia Faria
  Indicação
  N°:  26
  Autor:  João Marcos Berlesi
  Destinatário:  Secretaria de Governo/Secretaria de Administração/Secretaria de Obras e Viação
  Assunto:  Viabilizar junto as secretarias competentes a possibilidade de elaborar projeto para
                   pavimentação asfáltica de baixo custo para as seguintes ruas:
                   Ricardo Canestraro – Jd. Panorama; Bento Gonçalves dos Santos – Jd. Paraná;
                   João Ferrarini – Jd. Paraná e Joaquim Messias – Jd. Paraná.
  Indicação
  N°:  27
  Autor:  Renato Lunardon
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Patrolar e ensaibrar a Rua Campo Largo no Guaraituba

  Indicação
  N°:  28
  Autor:  Clodoaldo Camargo
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Urbanismo
  Assunto:  Colocação de placas de identificação de rua, na antiga Rua Paramaribo, atualmente
                   Rua André Woss.

  Indicação
  N°:  29
  Autor:  Clodoaldo Camargo
  Destinatário:  Secretaria Municipal de Obras e Viação
  Assunto:  Providenciar colocação de placas de identificação na Rua João Florismundo Alberti
                   - Jardim Eldorado, bem como providenciar as trocas das lâmpadas queimadas da
                   referida rua.


Tribuna Livre: Antonio Ricardo Milgioransa – Secretário Municipal de Indústria, Comércio,
Turismo e Trabalho e Márcio Strapasson – Secretário Municipal da Fazenda.
Assunto: Apresentação dos resultados da 53ª Festa da Uva de Colombo.


 Colombo, 22 de fevereiro de 2016.
 WALDIRLEI BUENO DE OLIVEIRA
 Presidente

Dupla rouba caminhonete de idoso e morre em confronto após perseguição


Por Marina Sequinel e Flávia Barros
(Fotos: Flávia Barros – Banda B)

Dois assaltantes morreram em um confronto após roubarem uma caminhonete no Alto Boqueirão, em Curitiba, na tarde desta segunda-feira (22). Eles abordaram a vítima, um idoso de 65 anos, quando ela chegava em uma clínica de fisioterapia na Rua Francisco Derosso.
“Eu desci do veículo e nisso os dois já apontaram a arma para o meu peito e pediram o automóvel. Mal tive tempo de pensar e eles tomaram a chave da minha mão e saíram. Como o celular estava no meu bolso, aproveitei para chamar a polícia. Graças a Deus eles foram muito rápidos”, contou o idoso em entrevista à Banda B.
Segundo o capitão Campiolo, da Polícia Militar (PM), uma equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) realizava uma operação no local quando recebeu o chamado sobre o assalto. “Eles localizaram a caminhonete e iniciaram a perseguição, que terminou em uma rua sem saída. A equipe abordou os criminosos, mas os dois reagiram e atiraram contra os policiais, que revidaram”, relatou.
Os assaltantes foram atingidos e morreram no local. Os corpos foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba.

Forte chuva atinge Curitiba, alaga ruas e deixa trânsito caótico na região central


Por Felipe Ribeiro
polloshopaltodaxv
Foto: Colaboração Juliana Ferreira

A forte chuva que atingiu Curitiba e região metropolitana alagou várias ruas e deixou o trânsito complicado em vários pontos da região central. Segundo o Instituto Meteorológico Simepar, em meia hora choveu 46,4 mílimetros de chuva em Curitiba, quase um terço do esperado para todo o mês de fevereiro. O Alto da XV foi um dos bairros mais afetados. A água tomou o estacionamento localizado na rua ao lado do PolloShop e impediu a saída de vários veículos pela Rua XV de Novembro.
Foto: Caroline Scremim Melo
Foto: Caroline Scremim Melo
De acordo com a internauta Juliana Ferreira, moradores e lojistas da região já estão cansados de alagamentos na região. “Após uma obra feita aqui, os bueiros agora entopem com muita frequência”, comentou.
Próximo do shopping, a chuva também provocou alagamento no cruzamento das ruas José de Alencar e Reinaldino Schaffemberg de Quadros. A água também invadiu um escritório de odontologia do bairro.
Segundo a Secretaria Municipal de Trânsito, na Avenida Silva Jardim, no Rebouças, o excesso de carros congestionou completamente o trecho que vai das ruas Pasteur à Alferes Poli. Fortes chuvas também deixam lento o trânsito na Avenida Silva Jardim, esquina com a Rua João Negrão. Na esquina das ruas 24 de Maio e Brasílio Itiberê, no Rebouças, uma queda de energia provocou o desligamento de semáforos.
No registro do Simepar, é possível perceber a ocorrência de chuvas em todo o estado, sendo algumas regiões com maior intensidade. “Agora a chuva dá uma trégua, mas volta a chover novamente mais tarde em Curitiba. Essa é uma tendência para os próximos dias, mas não como hoje, já que não deve chover desde as primeiras horas do dia”, disse o meteorologista Tarcísio Valentim da Costa.