Deltan vai à Câmara contra "serial killer"



Amanhã é dia de Deltan Dallagnol na comissão especial que discute o projeto das Dez Medidas Contra a Corrupção.
Em post no Facebook, o procurador da força-tarefa da Lava Jato ressalta que a "corrupção é uma assassina sorrateira e invisível".
"Uma serial killer que se disfarça de buracos em estradas e de postos de saúde sem medicamentos. O dinheiro desviado no Brasil, cerca de R$ 200 bilhões por ano, poderia servir para triplicar o investimento federal em saúde e educação ou multiplicar por 5 tudo que se investe em segurança pública. Os especialistas mundiais que estudam sobre corrupção afirmam que ha solução para esse problema. Nós concordamos. Por isso propusemos as #10Medidas".

Edital de Divulgação Sessão Extraordinária 09/08/2016 DA Câmara de Colombo



 O Presidente da Câmara Municipal de Colombo, no uso de suas atribuições legais, divulga a pauta da Sessão Extraordinária a ser realizada no dia 09/08/2016, às 16 horas

 Projeto de Lei do Legislativo N°: 793 Ano: 2016 Autor: Waldirlei Bueno de Oliveira Assunto: Institui feriado municipal no dia 20 de novembro, "Dia da Consciência Negra", data que lembra o dia em que foi assassinado, em 1695, o líder Zumbi, do Quilombo dos Palmares, um dos principais símbolos da resistência negra à escravidão e dá outras providências

. Situação: Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 794 Ano: 2016 Autor: Renato Lunardon Assunto: Dispõe sobre a realização da campanha de não utilização de copos e xícaras plásticas descartáveis no âmbito do funcionalismo municipal, e da outras providências

 Situação: Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 795 Ano: 2016 Autor: Clodoaldo Camargo Assunto: Altera Lei N.º1.348/2014 que Institui o Regime Jurídico Único e dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Públicos da Administração Direta e Indireta do Município de Colombo, conforme especifica.

 Situação: Divulgar Indicação N°: 444 Autor: Givanildo da Silva (Gilgera) Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Patrolar e ensaibrar com urgência toda a extensão da Rua Vitor Guebur, esquina com Alexandre Cebola, localizada na região do Bairro Jardim Osasco.

 Indicação N°: 445 Autor: Sergio Roberto Pinheiro Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudos para viabilizar a execução de uma lombada ou redutor de velocidade na Rua Prefeito João Batista Stocco, Vila Augusta - Bairro Guaraituba, mais precisamente nas proximidades do cruzamento com a rua Vidal Zonta e o Instituto Beija Flor – IBF.

 Indicação N°: 446 Autor: Sergio Roberto Pinheiro Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Estudos para viabilizar a construção de calçadas para pedestres e alunos, ao entorno da Escola Estadual Heráclito Fontoura Sobral Pinto, no Jardim Eucaliptos, nas ruas: Gavino Fernandes, Esperança Andreatta Lazaroto e Jhonatan F.C.S. Monteiro.

 Indicação N°: 447 Autor: Sergio Roberto Pinheiro Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Viabilizar a sinalização vertical e horizontal com pintura de faixas e placas para estacionamento exclusivo de área dos taxistas, em frente ao Terminal de transporte de passageiros do alto Maracanã.

 Indicação N°: 448 Autor: Sergio Roberto Pinheiro Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Viabilizar a sinalização vertical e horizontal, com pintura de faixas para pedestres em ruas do Jardim Eucaliptos, as quais estão sendo pavimentadas, conforme segue: Vereador Angelim Walesko, Severo Ribeiro de Camargo, Guilhermina Alves Cordeiro, Joaquim Ribeiro de Lima, Rafael Ferreira de Lima, Luiz Trevisan, Izaías Barbosa, Prof. Otília de Souza Ferrarini, Francisco Barbiot, Luiz Mottin, Geronimo Lazarotto Sobrinho, Esperança Andreatta Lazarotto, Laudelina Ferreia Colere, Honorata Baldo, Maria Virginia de Souza, Jhonatan F.C.S. Monteiro, Gavino Fernandes, Antonio Batista da Silva, Heitor Villa Lobos, José de Alencar, Hilario Alves Cordeiro e Bernardo Colere.

 Indicação N°: 449 Autor: José Aparecido Gotardo (Ratinho) Destinatário: Prefeita Municipal Assunto: Implantação de operação tapa-buraco nas seguintes ruas de antipó do bairro Atuba: Rua Frederico Fronhols; Rua Ylizerio de Lourdes; Travessa José Humberto Basili; Rua Mendel

 Indicação N°: 450 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Viabilizar a manutenção da Rua São João, em frente ao número 1342, no bairro Águas Fervidas.

 Indicação N°: 451 Autor: José Renato Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Extensão de rede de iluminação pública na Rua Faustino André Johnsson, entre as ruas Venâncio Trevisan e Francisco Camargo, no centro de Colombo.

 Tribuna Livre: Homenagem a Empresa Fermax Colombo,

 08 de agosto de 2016.

 WALDIRLEI BUENO DE OLIVEIRA

Presidente

Lindbergh, Lindbergh...



Além de avisar que o PT vai ao STF para tentar anular a sessão de amanhã do impeachment no plenário do Senado, Lindbergh quer que os ministros Eliseu Padilha e José Serra deixem os cargos.
O Antagonista lembra que Lindinho é alvo de um dos inquéritos da Lava Jato. O petista já confirmou ter recebido R$ 2 milhões da Andrade Gutierrez por intermédio de Paulo Roberto Costa em 2010. Ele alega não saber que era dinheiro do petrolão.

LULA E O JATINHO, QUEM PAGA?



O Antagonista soube que a Global Táxi Aéreo tem contrato com o Instituto Lula e o PT.
A pergunta é: quem paga a conta dos voos de jatinhos, como o Gulfstream G-200 que ele usou para visitar um assentamento do MST?
O PT não está quebrado?

Seleção feminina de handebol derrota Romênia e segue 100% na Olimpíada


Por Agência Brasil 

Brasil segue líder de sua chave. (Divulgação/CBHb)
Brasil segue líder de sua chave. (Divulgação/CBHb)
Com uma grande atuação, a seleção feminina de handebol conquistou sua segunda vitória nas Olimpíadas. Depois de superarem as norueguesas, atuais campeãs olímpicas, no primeiro jogo, as brasileiras impuseram uma goleada de 26 x 13 nas romenas, que haviam eliminado o Brasil nas oitavas de final do último campeonato mundial da categoria, disputado em dezembro, na Dinamarca.
Desde o início, as brasileiras conseguiram impor bom ritmo de jogo, com excelente atuação na defesa e rapidez nos contra-ataques. Assim como no primeiro jogo, o Brasil teve uma jogadora expulsa. Após puxar uma adversária pelo braço na entrada da área, a armadora esquerda Duda Amorim, eleita melhor jogadora do mundo em 2014, foi expulsa. No primeiro jogo, a pivô Fabiana Diniz, mais conhecida como Dara, foi expulsa. Apesar da expulsão, Duda está grantida na próxima partida.
A expulsão da estrela do time, no entanto, não prejudicou a atuação da seleção, que conseguiu manter boa vantagem no marcador durante toda a partida, com grande atuação das goleiras Mayssa e Bárbara Arenhart.
O Brasil está no Grupo A, ao lado de Noruega, Romênia, Angola, Montenegro e Espanha. As espanholas são as próximas adversárias do Brasil, na quarta-feira, às 9h30. As quatro melhores equipes passam para a fase seguinte.

É GRAVE, TOFFOLI



O Antagonista reproduz abaixo os ofícios enviados no ano passado ao então presidente do TSE, Dias Toffoli, para que ele instaurasse o processo que poderá levar à cassação do registro eleitoral do PT.
Toffoli nada fez e os documentos desapareceram de seu gabinete. Não é um desaparecimento qualquer. É um caso gravíssimo e precisa ser urgentemente investigado.

O QUE VOCÊ FEZ, TOFFOLI?



No despacho em que pediu a instauração do processo de cassação do registro do PT, Gilmar Mendes ressaltou que não encontrou o ofício enviado pela Corregedoria, no ano passado, a Dias Toffoli, nem tampouco identificou qualquer providência tomada.
Gilmar, que relatou as contas de Dilma, foi quem demandou a Corregedoria -- que, por sua vez, encaminhou então a representação contra o PT a Toffoli, que presidia o TSE.
Como não encontrou a papelada, o agora presidente do TSE determinou a "reconstituição do procedimento por meio de cópias".
Onde você enfiou os originais do processo, Toffoli?

Justiça decreta prisão de boxeador namíbio acusado de tentativa de estupro


Da Agência Brasil

boxeador-Jonas-Junias
(Foto: Reprodução/Facebook)
Justiça do Rio de Janeiro decretou hoje (8) a prisão preventiva do boxeador namíbio Jonas Junias, de 22 anos, acusado de tentar estuprar nesse domingo (7) uma camareira na Vila Olímpica. Junias teria agarrado e beijado a funcionária da Vila, quando ela arrumava o quarto do boxeador.
Junias foi preso por policiais da Delegacia de Polícia Civil do Recreio (42ª DP) e levado para o Complexo Penitenciário de Bangu, na zona oeste da cidade. Este é o segundo caso de tentativa de estupro envolvendo boxeadores e camareiras dentro da Vila Olímpica.
Na semana passada, os policiais prenderam o boxeador marroquino Hassan Saada, também suspeito de tentar estuprar duas camareiras.
Jonas Junias, que compete na categoria até 64 quilos, tem sua luta marcada para quinta-feira (11), contra o francês Hassan Amzile.


Sorteio pode definir classificação do Brasil para as quartas de final no futebol masculino


Por Pedro Melo 
Brasil decide sua vaga contra a Dinamarca. (Lucas Figueirense/MoWa Press/CBF)
Brasil decide sua vaga contra a Dinamarca. (Lucas Figueirense/MoWa Press/CBF)
O Brasil ainda não conseguiu vencer nos Jogos Olímpicos no futebol masculino, mas depende apenas de si para conseguir vaga nas quartas de final. Porém, a vaga pode vir de maneira inusitada: através do sorteio.
A possibilidade existe já que Brasil e Iraque empataram seus dois jogos em 0 a 0 e estão empatados em todos os critérios. Caso as duas seleções empatem suas partidas pelo mesmo número de gols, o sorteio vai classificar uma delas e eliminar quem perder no sorteio.
Já se os dois times vencerem suas partidas com o mesmo placar, ambas vão para cinco pontos e ultrapassam a Dinamarca no grupo A. Portanto, o sorteio serviria para definir a posição em que cada equipe passaria para as quartas de final.
Ao final de duas rodadas, a Dinamarca lidera o grupo A, com quatro pontos, Brasil e Iraque têm dois e a África do Sul é lanterna com somente um. O Brasil encara a Dinamarca na última partida da fase de grupos, enquanto, Iraque enfrenta a África do Sul.

Em Curitiba, artistas globais se encontram com Moro e declaram apoio à Lava Jato


Por Felipe Ribeiro
Reprodução Instagram
Reprodução Instagram
Um grupo de artistas globais esteve em Curitiba nesta segunda-feira (8) e entregou ao juiz Sérgio Moro uma moção de apoio à Operação Lava Jato e
ao projeto “Dez Medidas Contra a Corrupção”, proposto pelo Ministério Público Federal. De acordo com a assessoria da Justiça Federal, o encontro durou aproximadamente 15 minutos.
No Instagram, a atriz Luana Piovani postou uma foto em frente à sala do juiz Sérgio Moro. “Vinda à República de Curitiba para registrar nosso apoio ao juiz Sergio Moro e a Operação Lava-Jato, além de ainda estarmos nos movimentando e cobrando a aprovação integral das 10 Medidas Contra Corrupção, idealizadas pelo Ministério Publico Federal”, descreveu a atriz.
A comitiva contou ainda com a presença das atrizes Susana Vieira e Lucinha Lins, do jornalista Jorge Pontual, do ator Victor Fasano e do cantor Fagner.
Eles declararam ainda apoio ao posicionamento contrário de Moro ao projeto que trata da punição para quem cometer abuso de autoridade. O projeto tramita no Senado e foi proposto pelo senador e presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL).
O texto prevê que servidores públicos e membros do Judiciário e do Ministério Público possam ser punidos caso determinem prisões “fora das hipóteses legais”, como ao submeter presos ao uso de algemas quando não há resistência à prisão e fazer escutas sem autorização judicial, atingindo “terceiros não incluídos no processo judicial ou inquérito”.

Desaparecimento de Stefani em Colombo completa um ano sem pistas: “Não temos nada até agora”


Por Marina Sequinel
stefani-agnoletto3
Polícia não tem pistas sobre o que aconteceu com a adolescente. (Foto: Reprodução/Facebook)

desaparecimento da adolescente Stefani Agnoletto Vieira Lopes, de 16 anos, completou um ano neste domingo (7). Segundo os familiares, ainda não há pistas sobre o paradeiro da jovem, que saiu de casa com R$ 20 no bolso para comprar pão e nunca mais foi vista. Ela morava no Parque do Embu, em Colombo, na região metropolitana de Curitiba.
stefani-agnoletto
Stefani saiu de casa para comprar pão e nunca mais foi vista. (Foto: Reprodução/Facebook)
Segundo a tia da adolescente, Janete da Silva Lopes, a família continua desesperada, sem saber o que aconteceu. “O delegado disse que não tem nenhuma novidade e que já fez tudo o que era possível. Nós achávamos que em pouco tempo o caso fosse solucionado, mas não temos nada até agora”, relatou ela em entrevista à Banda B.
Durante as investigações, a Polícia Civil chegou a rastrear o celular da jovem, que teria sido ligado duas vezes após o desaparecimento. Na primeira vez, o aparelho apontou que ela estaria ainda em Colombo. Já na segunda, a localização indicava as proximidades da Rua Amintas de Barros, próximo ao Terminal do Guadalupe, no Centro de Curitiba.
Essas informações, no entanto, não foram suficientes para encontrar Stefani. “É até difícil falar sobre isso, já faz um ano. Eu espero que ela esteja viva, mas eu não sei. Não faço ideia do que aconteceu”, finalizou Janete.
Sobre o caso, a reportagem entrou em contato com a Polícia Civil, que enviou a seguinte nota à imprensa:
A Polícia Civil continua nas investigações a procura de Stefani Agnoletto Vieira Lopes, de 15 anos, que desapareceu no dia 07/08/15, na cidade de Colombo. O delegado responsável pelo caso, Erineu Sebastião Portes, já ouviu mais de 50 pessoas, entre parentes, amigos e professores. Diversos locais já foram averiguados através de denúncias, para verificar pistas do possível paradeiro de Stefani, inclusive, várias diligências já foram realizadas durante este ano, porém sem sucesso. No momento o Inquérito Policial (IP) foi encaminhado à Justiça para a solicitação de prazo e até a presente data, não há novidades sobre o caso.

Rafaela Silva supera racismo e depressão e conquista a primeira medalha de ouro do Brasil


Por Pedro Melo 

Rafaela Silva ganha a primeira medalha de ouro do Brasil. (William Volcov/Estadão Conteúdo)
Rafaela Silva ganha a primeira medalha de ouro do Brasil. (William Volcov/Estadão Conteúdo)
O dia da eliminação nos Jogos Olímpicos de Londres ficou para trás e agora é só alegria para a judoca Rafaela Silva que ganhou a primeira medalha de ouro do Brasil no Rio 2016. Rafaela derrotou na grande final da categoria até 57 kg a mongólica Sumiya Dorjsuren com um wazari.
Quando foi eliminada em Londres, a judoca carioca leu todas as mensagens a seu respeito, entre elas de racismo, e avisou seu técnico Geraldo Bernardes que não queria mais lutar. Porém, com o apoio de Bernardes, de Flávio Canto, seu mentor, e de sua família, deu a volta por cima, ganhou o título mundial em 2013 e agora ganha uma medalha de ouro olímpica.
Nascida na favela da Cidade de Deus, no Rio de Janeiros, a judoca carioca competiu a poucos metros e agradeceu ao esporte por estar vivendo o momento histórico. “Minha vida é o judô. Não sei onde eu estaria agora, mas conheci o esporte e sou campeã olímpica”, comentou, em entrevista ao Sportv.
Durante a campanha histórica, Rafaela Silva estreou com vitória sobre a alemã Miryan Roper na primeira luta e a coreana Jandi Kim nas quartas de final. Já nas quartas de final, ganhou da hungara Hedvig Karakas e o combate mais complicado foi na semifinal, quando eliminou a romena Corina Caprioriu somente no golden score.
Esse é o primeiro pódio brasileiro na Olimpíada de 2016. No dia inicial de competições, Sarah Menezes e Felipe Kitadai pararam na repescagem, enquanto, no último domingo (08), Charles Chibana perdeu ainda na primeira luta e Érika Miranda ficou em quarto lugar.
A meta da Confederação Brasileira de Judô (CBJ) é terminar os Jogos Olímpicos com, no mínimo, quatro medalhas e repetir o feito de Londres.

STF nega tentativa de barrar impeachment



Celso de Mello julgou inviável um habeas corpus impetrado pelo advogado Luiz Carlos dos Santos Justo para suspender o rito do impeachment de Dilma Rousseff.
"Não existe a hipótese de aplicação de qualquer sanção privativa de liberdade nesse contexto."
Esse tende a ser o teor da decisão diante de quaisquer outras tentativas de barrar o processo no Senado.

Nunca tivemos expectativas sobre a Ministra Maria Thereza



Corregedora do TSE, a ministra Maria Thereza deve encerrar seu mandato, em 30 de agosto, sem ter concluído os processos que pedem a cassação da chapa Dilma-Temer.
O principal deles, a AIME 761, que corre inexplicavelmente em sigilo, se agigantou com novas descobertas da Lava Jato. Uma nova batelada de documentos e depoimentos de delatores foi enviada por Curitiba.
O Antagonista nunca teve grandes expectativas em relação à conclusão do caso pela ministra. Maria Thereza chegou a arquivar a AIME, depois reaberta por decisão do plenário do TSE.
Esperamos mais de seu sucessor, Herman Bejamin.

PF intima mulher e filho de Lula para esclarecimentos sobre a reforma do sítio



A Polícia Federal intimou Marisa, a mulher de Lula, e Fábio Luíz, o filho mais velho, para prestarem “esclarecimentos” sobre a compra e reformas do sítio em Atibaia.
Também foram intimados Fernando Bittar e Jonas Suassuna, amigosda família.

Dilma em Curitiba agora



Dilma Rousseff está, neste momento, em Curitiba, participando do "Circo da Democracia".
Ao lado dela, os anfitriões: Gleisi Hoffmann e Roberto Requião.

Casas dos países atraem multidão durante a Rio 2016


Público tem acesso a mais de 20 espaços temáticos que apresentam cultura e culinária de países que participam dos Jogos

08/08/2016 - 10h14 - Atualizado 08/08/2016 12h24
casa da austria (Foto: Pedro Farina)
             
O domingo que começou de sol no Rio de Janeiro registrou mais um dia de longas filas nas portas das casas temáticas dos países que foram montadas durante os Jogos Olímpicos de 2016. São cerca de 20 casas abertas ao público em várias partes da cidade, que se converteram em uma das atrações mais procuradas do evento, com esperas de até uma hora para entrar. O sucesso explica-se pela variedade de culinária, culturas exóticas e atrações esportivas e musicais que esses espaços oferecem. As mais procuradas têm sido as casas do Catar, Áustria, Suíça, Japão, Austrália, México e Colômbia.
>>T

>>
Na casa do Catar são recebidas cerca de 500 pessoas por dia. Os ingressos são vendidos pela internet e para alguns dias da próxima semana já estão esgotados. O espaço foi montado na Casa Daros, em Botafogo, um palacete em estilo neoclássico recentemente restaurado. Seu interior abriga uma luxuosa decoração à moda árabe, com tapetes, plantas e móveis trazidos diretamente do Catar. O país tem gastado um bom dinheiro com sua representação no Rio de Janeiro já com vistas à pré-candidatura para sediar a Olimpíada de 2028.
casa do qatar (Foto: Pedro Farina)

Entre as atrações está a reprodução de um autêntico mercado do Catar, com uma mostra da cultura local, incluindo música, danças típicas, tecidos e pinturas que as mulheres árabes fazem em suas mãos, e que as brasileiras podem experimentar com tatuagem de henna. O chef brasileiro Alex Atala passou algumas semanas no Catar para conhecer a culinária local e desenvolveu pratos especialmente para o espaço em Botafogo, o que tem sido um dos pontos altos da casa. “A comida é ótima e o lugar muito agradável, pena que não tem bebida alcoólica”, diz o engenheiro Ricardo Molina, que conheceu o espaço neste domingo (7). Respeitando a cultura do Catar, só são servidos na casa chá, suco e água.
Para quem gosta de beber cerveja, a casa da Áustria, que foi montada no Clube Botafogo, do outro lado da rua, é o lugar mais adequado, mas com longas filas na porta. No domingo de manhã a fila para a entrada dobrava o quarteirão. São esperados neste espaço 60 mil visitantes até o final dos Jogos. O comitê austríaco pagou R$ 5 milhões de aluguel ao clube  por uma área de 800 metros quadrados, onde foi montada a casa. Ali são servidas comidas típicas do país como Tafelspitz, Schnitzel e Kaiserschmarrn, além da tradicional cerveja Stiegl. Toda a alimentação foi trazida da Áustria, incluindo os ingredientes para a padaria, que vai fabricar os pães que serão consumidos pelos frequentadores e pelos atletas do país ao longo dos jogos.
No centro do Rio, dentro do prédio da Bolsa de Valores, foi montada a casa da Austrália. Além da cultura e da culinária do país, o espaço oferece uma feira apresentando cursos de intercâmbio que são oferecidos por lá. A Austrália é um dos países que mais atraem estudantes brasileiros. Somente em 2015, foram feitas 24 mil matrículas de brasileiros em cursos australianos. Na tarde deste domingo, a estudante Renata Cruz já estava havia 30 minutos na fila e ainda não tinha conseguido entrar. “Meu sonho é estudar na Austrália, e acho que esta é uma oportunidade de conhecer melhor os cursos oferecidos por lá”, diz.
Outros espaços que têm ficado sempre lotados são as casas da Suíça, na Lagoa Rodrigo de Freitas, e de Portugal, no cais do porto. Na casa da Suíça há uma pista de patinação com capacidade para 50 pessoas. A pista de 200 metros quadrados é feita com um material sintético que não derrete com o sol, e é perfeita para experimentar um pouco desse esporte de inverno nos trópicos. A casa de Portugal foi montada dentro de um navio, que fica atracado no cais. A embarcação de 90 metros de comprimento virou um espaço temático lusitano, onde é possível degustar vinhos do Douro e do Alentejo e queijos como o da Serra da Estrela. Para acessá-los é preciso bastante paciência nas longas filas.