Edital de Divulgação Sessão Ordinária 16/08/2016 Da CÂMARA DE COLOMBO



 O Presidente da Câmara Municipal de Colombo, no uso de suas atribuições legais, divulga a pauta da Sessão Ordinária a ser realizada no dia 16/08/2016, às 16 horas

 Projeto de Lei do Legislativo N°: 796 Ano: 2016 Autor: Waldirlei Bueno de Oliveira Assunto: Institui a Semana de Prevenção à Mordedura Canina no Município de Colombo e dá outras providências Situação:

Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 797 Ano: 2016 Autor: Anderson F. da Silva Assunto: Institui o Dia Municipal da Prevenção à mordedura Canina no Município de Colombo e dá outras previdências. Situação:

 Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 798 Ano: 2016 Autor: Alan Henrique da Silva Assunto: Dispõe sobre a lei de incentivo a prática de esportes no Município de Colombo Situação:

 Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 799 Ano: 2016 Autor: Anderson F. da Silva Assunto: Dispõe sobre a proibição do uso de água tratada canalizada na lavagem de calçadas e vias públicas no âmbito do Município de Colombo. Situação:

Divulgar Projeto de Lei do Legislativo N°: 800 Ano: 2016 Autor: José Renato Strapasson Assunto: Dispõe sobre a dispensa do pagamento do serviço funerário municipal aos usuários que comprovem a doação de órgãos do parente ou familiar sepultado em Colombo e dá outras providências.

 Situação: Divulgar Indicação N°: 452 Autor: Givanildo da Silva (Gilgera) Destinatário: Secretaria Municipal de Planejamento Assunto: Estudos para aquisição de terreno localizado na Rua Canafistula, em frente ao numero 207, no Bairro Parque do Embu.

 Indicação N°: 453 Autor: Givanildo da Silva (Gilgera) Destinatário: Secretaria Municipal de Planejamento Assunto: Solicito estudos com o fim de avaliar a possibilidade de desapropriação de um terreno localizado na rua da Nogueira em frente ao número 484, no bairro Parque do Embu.

 Indicação N°: 454 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Viabilizar a troca de lâmpadas na pista de caminhada do Bosque da Uva, Rua Marechal Floriano Peixoto, 8771 – Centro.

 Indicação N°: 455 Autor: Givanildo da Silva (Gilgera) Destinatário: Secretaria Municipal de Planejamento Assunto: Estudos para aquisição de terreno localizado na Rua da Grevílea, em frente ao número 295, esquina com a Rua da Imbuia, no Bairro Parque do Embu.

 Indicação N°: 456 Autor: Anderson F. da Silva Destinatário: Secretaria Municipal de Saúde Assunto: Implantação no município de Colombo do programa Consultório na Rua, cuja composição multiprofissional lida com os diferentes problemas e necessidades de saúde da população em situação de rua.

 Indicação N°: 457 Autor: Hélio Feitosa Lima Destinatário: Departamento de Cadastro Imobiliário Assunto: Notificar proprietário a fazer limpeza do terreno localizado na Rua Jequitibá,próximo ao n°437 no bairro Costa Branca.

 Indicação N°: 458 Autor: Renato Lunardon Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Solicito ao órgão competente para que seja viabilizado ao Terminal do Maracanã, uma via de sentido único da Av.Marginal José de Anchieta,-Marginal da Estrada da Ribeira- bairro Alto Maracanã até a Av. Abel Scuissiato esquina com Estrada da Ribeira

 Indicação N°: 459 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudo para viabilizar a implantação de sinalização vertical, indicando tráfego de veículos longos e lentos, na Rua Comendador Orlando Ceccon, em frente ao número 662, bairro Butiatumirim

 Indicação N°: 460 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudo para viabilizar a implantação de sinalização vertical, indicando tráfego de veículos longos e lentos na Rua Pedro Pavin, em frente ao número 834, bairro Centro.

 Indicação N°: 461 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudo para viabilizar a implantação de sinalização vertical, indicando tráfego de veículos longos e lentos na Rua Antônio Gasparin, em frente ao número 9181, bairro Bacaetava.

 Indicação N°: 462 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudo para viabilizar a implantação de sinalização vertical, indicando tráfego de veículos longos e lentos na Rua Vereador Hermenegildo Tosin, em frente ao número 661, bairro Centro.

 Indicação N°: 463 Autor: Dolíria Strapasson Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Realizar operação tapa-buraco em toda a extensão da Rua Gabriel D’Anúncio Strapasson, bairro Sapopema.



 Colombo, 15 de agosto de 2016.



 WALDIRLEI BUENO DE OLIVEIRA

 Presidente

Agentes encontram carregador de celular na cela de Dirceu


Após o episódio, regalias dadas ao presos foram cortadas

ANA CLARA COSTA
15/08/2016 - 12h00 - Atualizado 15/08/2016 17h19
José Dirceu na CPI da Petrobras (Foto: Paulo Lisboa / Brazil Photo Press / Ag. O Globo)
Agentes do complexo penal de São José dos Pinhais acharam um carregador de celular na cela de José Dirceu, mas nenhum aparelho foi encontrado. Como punição, acabaram com regalias dos presos da Lava Jato, como manter as celas abertas. Uma geladeira que fora deixada lá por Marcelo Odebrecht, por exemplo, foi trancada.

Arthur Zanetti: "Prata em casa tem gostinho a mais do que ouro em Londres"


Nas argolas, Zanetti conquista terceira medalha da ginástica artística na Rio 2016

LIUCA YONAHA| RIO DE JANEIRO
15/08/2016 - 18h05 - Atualizado 15/08/2016 18h33
Depois de apresentados os oito atletas finalistas da prova das argolas na ginástica artística, Arthur Zanetti voltou para o ginásio de aquecimento. Quinto na fase classificatória, seria o último a competir e preferiu não ver o desempenho dos outros atletas, entre eles o grego Eleftherios Petrounias – campeão mundial e europeu.
Arthur Zanetti após prova das argolas na Arena olímpica (Foto:  Ricardo Nogueira/ÉPOCA)
O que Zanetti não viu deixou a torcida boquiaberta. Segundo classificado nas eliminatórias, Petrounias fez uma prova espetacular. Controlou as argolas milimetricamente, manteve as cordas que sustentam seu peso praticamente estáticas a cada posição de equilíbrio. Na saída, um salto cravado com os dois pés no chão.
Petrounias e o técnico vibraram. Sabiam que tinham o ouro nas mãos. Dificilmente a nota 16.000 – a mais alta na competição, incluindo as eliminatórias – seria superada.
Zanetti foi o último atleta a se apresentar. Entrou na área de competição pouco antes de subir às argolas e não viu o placar. Ficou olhando para baixo, “pensando em coisas boas e repassando a própria série”, disse mais tarde. “Só fiquei sabendo do resultado quando vi minha nota, porque já havia acabado a competição.”
Na torcida, a tensão era grande. Após a gritaria quando ele subiu ao tablado, o silêncio. Qualquer suspiro mais alto, era censurado por um “xiiiii” em coro. Todos sabiam que o ouro estava nas mãos de Petrounias e custaria muito alcançá-lo. Zanetti fez uma prova com os mesmos elementos apresentados pelo grego, em ordem diferente. Ao fim uma saída não tão perfeita quanto a de Petrounias. E comemoração. Não apenas de Zanetti e de seu técnico, Marcos Goto. Petrounias vibrou. A nota do brasileiro confirmou a expectativa: 15.766. Prata para Zanetti.
Mesmo sem ter conseguido repetir o ouro de Londres, Zanetti demonstra alegria e alívio ao fim da competição. E reconhece a superioridade de Petrounias na tarde desta segunda-feira (15). “O resultado foi justo”, afirmou. Se estava frustrado por não ter sido ouro novamente? Nada disso. “Com certeza, a prata aqui em casa tem um gostinho a mais do que o ouro em Londres”, disse, contando estar mais satisfeito do que há quatro anos.
A ginástica brasileira, que obteve com Zanetti em Londres sua primeira medalha da história, tem, até aqui, três medalhas nosJogos Olímpicos do Rio.
Xodó da Olimpíada
Depois da torcida por Zanetti, os brasileiros deram força a Flávia Saraiva, na trave de equilíbrio. Flavinha, de 16 anos e 1,33 metro de altura, virou xodó da torcida na Olimpíada. A brasileira fechou a competição sendo a oitava a se apresentar. Não repetiu a pontuação da classificatória e ficou em 5º lugar (14.533), numa prova em que a americana Simone Biles errou e acabou com o bronze, atrás da holandesa Sanne Wevers e da compatriota Laurie Hernandez. Na saída, Flavinha chorou: “Estou emocionada porque estou entre as cinco melhores”.
Arthur Zanetti durante prova das argolas na Arena olímpica (Foto:  Ricardo Nogueira/ÉPOCA)




 

Temer não encerrará Jogos



A Folha informa que Michel Temer não participará da cerimônia de encerramento da Olimpíada, marcada para o domingo 21, no Estádio do Maracanã.
Temer acha desnecessário ser vaiado no Maracanã às vésperas do julgamento final do impeachment de Dilma Rousseff.

OPERADOR DA ODEBRECHT NO AEROLULA



A Polícia Federal encontrou fotos de executivos da Odebrecht com diversos políticos, segundo a Veja. Uma das imagens apreendidas traz Fernando Migliaccio, um dos responsáveis pelo Setor de Operações Estruturadas, o departamento da propina, desembarcando do avião presidencial usado por Lula.
A imagem é de 10 de junho de 2007.
No CD onde foi encontrada a foto aparecem as descrições “Bella Mack e Helicóptero Lula”. A Polícia Federal ainda tenta descobrir o significado da inscrição.
ODEBRECHT - MIGLIACCIO - AVIÃO PRESIDENCIAL

Morre técnico alemão de canoagem que sofreu acidente de carro no Rio


Por Agência Brasil 

O técnico da equipe alemã de canoagem slalom Stefan Henze morreu hoje (15) no Rio de Janeiro. Henze estava internado no Hospital Municipal Miguel Couto, na zona sul da cidade, após sofrer acidente de carro na última sexat-feira (12). Ele sofreu traumatismo craniano.
m nota, a Confederação de Esportes Olímpicos da Alemanha lamentou a morte do atleta. “Neste dia, nossa tristeza não tem fim”, disse o presidente da confederação, Alfons Hörmann. “Não conseguimos começar a expressar com palavras o que nós da equipe olímpica sentimos depois dessa terrível perda.”
Henze foi submetido a uma cirurgia neurológica no dia do acidente. Henze e Christian Käding, outro integrante da equipe técnica de canoagem slalom, estavam em um táxi que colidiu com outro veículo na Avenida das Américas. Käding foi levado ao hospital e recebeu alta depois de passar por exames.
Na nota, a federação informou que não divulgará outros dados sobre a morte de Henze a pedido da família do atleta. “Sabemos que o pensamento de Stefans sobre as Olimpíadas permanece [nos corações] de muitos,” declarou a família no comunicado.
“O esporte, que levou toda a nossa equipe ao Rio, hoje se recolhe. Nossos pensamentos se direcionam ao familiares de Stefan Henze, que aqui tiveram a oportunidade de se despedir”, disse Michael Vesper, chefe da equipe olímpica alemã.
A delegação alemã irá fazer uma homenagem ao técnico em um memorial na Vila Olímpica e solicitará ao Comitê Olímpico Internacional (COI) que as bandeiras da Alemanha sejam hasteadas a meio mastro em todos os locais de competição da Rio 2016.

Alison e Bruno Schmidt vencem EUA e estão a uma vitória de garantir medalha


Por Agência Brasil 

Alison e Bruno encaram holandeses na semifinal. (CBV)
Alison e Bruno encaram holandeses na semifinal. (Divulgação/FIVB)
A dupla brasileira Alison e Bruno Schmidt venceu hoje (15) os norte-americanos Dalhausser e Lucena por 2 a 1 e avançaram para a semifinal de vôlei de praia da Olimpíada Rio 2016.
Empurrados pela torcida brasileira que lotou a Arena de Vôlei montada nas areias de Copacabana, Alison e Bruno venceram o primeiro set por 21 a 14, em 18 minutos. Os norte-americanos reagiram e conseguiram levar a partida para o tie-break, vencendo o segundoset por 21 a 12.
Salvando bolas incríveis, a dupla brasileira conseguiu abrir vantagem no placar no set decisivo e fechou com um 15 a 9. Campeões do mundo em 2015, Alison e Bruno Schmidt chegam às semifinais com quatro vitórias, e uma derrota.
Na semifinal, Alison e Bruno Schmidt encaram os holandeses Alexander Brouwer e Robert Meeuwsen que vencerem os compatriotas Reinder Nummerdor e Christiaan Varenhorst em dois sets.

“Mulher mudou versão e confessou que matou marido policial militar”, confirma advogado



Da Redação
casal-ellenrodrigo3
Ellen confirmou que matou o marido, diz advogado (Foto: Reprodução Facebook)

Policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) confirmaram à Banda B que Ellen Federizzi confessou que matou o marido, o policial militar Rodrigo Federizzi. Ela mudou a versão de que era inocente e não tinha cometido a crime. A DHPP ainda não informou a motivação, como o assassinato foi planejado e se mais pessoas ajudaram a cabeleireira. A informação também foi transmitida pelo advogado Reinaldo Vinicius, que representa os pais do policial.
“Ela confessou o crime e será ouvida novamente agora pela noite. Acredito que ela vai falar tudo e amanhã eu retorno para colher as informações. Agora, Ellen passa da condição de suspeita para acusada e isso faz com que seja possível seguir adiante e buscar Justiça à família”, afirmou o advogado.
O corpo de Federizzi foi encontrado na manhã de domingo (14) em uma área rural do município de Araucária, na região metropolitana de Curitiba. A esposa está presa desde a noite de quarta-feira (10) suspeita de ter assassinado o marido.
Rodrigo teria sumido na manhã do dia 28 de julho e a esposa registrado Boletim de Ocorrência (BO) no dia 30, alegando que ele tinha saído de casa para resolver assuntos pessoais. A esposa do policial foi presa após perícia minuciosa feita dentro da residência da família que, por meio da substância química luminol, encontrou sangue humano no quarto e no banheiro. A casa estava totalmente limpa e o produto reagiu ao composto quando analisado nos dois cômodos.
Um serrote, também com marcas de sangue, foi encontrado dentro da casa. O mandado de prisão de Ellen é temporário, válido por 30 dias, e decretado pela 1ª Vara Criminal de Curitiba.
Esteve no local
Nesta tarde de segunda-feira Ellen esteve no local em que o corpo foi localizado. A DHPP tenta encontrar as pernas da vítima, que foram decapitadas. Durante a ida ao local, ela confessou o crime e mudou a versão inicial, de que teria visto um homem matando o seu marido. Por ora, nenhum policial da DHPP quis gravar entrevista.
Desaparecimento
Banda B divulgou o desaparecimento do soldado na manhã do dia 1º de agosto. Segundo informações da família, Rodrigo saiu de casa às 10h30 e não voltou mais. Estava escalado para comparecer na Secretaria de Segurança Pública do Paraná, setor de monitoramento de tornozeleira eletrônica, e também não apareceu.

Pais não veem motivo para crime e acreditam em armação contra Ellen, diz advogado


Por Felipe Ribeiro e Flávia Barros

Durante depoimento dos pais de Ellen Homiak Federezzi a policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o advogado que os representa disse que a família está muito abalada e que ainda não encontra motivos para o suposto crime contra o marido Rodrigo Federizzi. Em entrevista à Banda B nesta segunda-feira (15), o advogado João Maria Nascimento disse que a família não sabe de nada que possa ter motivado um suposto crime e acredita em uma armação contra a filha. “O casal se dava muito bem, é uma surpresa muito grande tudo o que aconteceu”, disse.
Reprodução
Reprodução
O advogado da família de Rodrigo, Reinaldo Vinicius Gonçalves Vieira, também esteve na delegacia durante o depoimento e explicou a importância de que os pais da suspeita falem com a polícia. “Possivelmente eles possuem detalhes do dia do desaparecimento. Unindo esses elementos aos já angariados pela investigação, talvez a gente possa em breve determinar autoria e motivação para o crime”, comentou.
Rodrigo teria sumido na manhã do dia 28 de julho e a esposa registrado Boletim de Ocorrência no dia 30, alegando que ele tinha saído de casa para resolver assuntos pessoais. A esposa do policial foi presa após perícia minuciosa feita dentro da residência da família que, por meio da substância química luminol, encontrou sangue humano no quarto e no banheiro. Ellen Federizzi está presa desde a noite de quarta-feira (10), suspeita de ter assassinado o marido.
O corpo do policial militar foi encontrado na manhã deste domingo (14) em uma área rural do município de Araucária, na região metropolitana de Curitiba. As pernas foram amputadas e não estavam no local.
Questionado sobre informações de problemas financeiros que o casal estaria passando, Nascimento disse que a única informação que ele possuí é de uma dívida do apartamento, mas nada confirmado até o momento. “Não temos certeza ainda, mas aparentemente o casal possuía uma dívida do apartamento e já estaria até sendo despejado do local”, disse.
A DHPP também procura pela arma que Rodrigo usava como policial, que até o momento não foi encontrada. “É determinante que encontremos as pernas e também a arma, já que é uma situação angustiante. As buscas continuam para verificar até se a arma dele foi utilizada pelo crime”, concluiu Gonçalves Vieira.

Executivo da Odebrecht à espera de um milagre



Roberto Prisco Paraíso Ramos, ex-presidente da Odebrecht Óleo e Gás preso na Operação Xepa, pediu a Sérgio Moro autorização para viajar a Roma, a fim de participar de peregrinação religiosa.
Na petição, a defesa de Ramos diz que ele e sua esposa "haviam programado participar da peregrinação à Porta de São Pedro, no dia 14 de abril de 2016, e já estavam com tudo agendado", mas ele acabou preso. 
"Na expectativa de que as investigações relativas ao requerente fossem concluídas a tempo, sua esposa fez uma nova inscrição para o dia 20 de setembro", explica a advogada, que alega que o casal participa das celebrações desde 1973.
A peregrinação pelas "Portas Santas" inclui as basílicas de São Pedro, São João de Latrão, Santa Maria Maior e São Paulo.

OS POLÍTICOS NA AGENDA DO DIRETOR DA ODEBRECHT



Um dos principais documentos usados pela força-tarefa da Lava Jato para extrair informações na negociação da colaboração premiada da Odebrecht é uma agenda encontrada na sala de Fernando Santos-Reis, presidente da Odebrecht Ambiental.
Santos-Reis foi alvo de condução coercitiva na Operação Acarajé.
O documento, obtido por O Antagonista, traz anotações de encontros com diversos políticos, como o ex-ministro José Dirceu, o deputado Paulinho da Força, além do governador Marconi Perillo e do então ministro Carlos Lupi.
Em 18 de junho de 2014, por exemplo, ele marcou um almoço com "Paulinho da Força" e anotou: "Tinha falado com Marcelo (Odebrecht) de termos uma data para levar o Paulinho da Força Sindical para almoçar com ele. Além de nós, estaria Alexandrino (Alencar)."
Em 16 de novembro de 2011, Santos-Reis se encontrou com Tarso Genro, então governador do Rio Grande do Sul. O presidente da Odebrecht Ambiental descreveu os projetos que seriam discutidos (Braskem, Trensurb, Energia Eólica etc) com o petista.
Na agenda do executivo, há ainda registros de reuniões "de alinhamento" com o ex-ministro José Dirceu e um almoço com André de Souza. Como já denunciado por O Antagonista, Andrezinho era o homem de Lula no conselho do FI-FGTS.
A PF investiga se ele recebeu propina para liberar recursos para obras da Odebrecht e de outras empreiteiras da Lava Jato.

Lava Jato tenta recuperar sistema de propinas



A Lava Jato trabalha na recuperação dos arquivos do sistema DROUSYS, usado pelo setor de operações estruturadas da Odebrecht para pagamento de propina a políticos.
Enquanto aguardam o envio das informações armazenadas num servidor na Suíça, peritos da PF tentam resgatar arquivos de conversas entre os funcionários e planilhas de repasses.
Eles também pretendem solicitar ajuda à Juniper Networks, sediada na Califórnia, fabricante do software de rede.

Clínica de hemodiálise do DF suspendem atendimento a pacientes do SUS - vídeo







È grave a situação da hemodiálise no Distrito Federal, em Taguatinga  a clinica de hemodiálise anunciando que irá parar de atender os pacientes do SUS....


ASSISTA AQUI

Cunha tem quantos deputados no bolso?



Eduardo Cunha já teve muito poder, mas hoje é apenas um fantasma a assombrar aqueles que lhe devem favores. O Antagonista já disse aqui que Cunha considera a delação como última saída e, obviamente, não poupará ninguém.
Quem acha que o peemedebista protegerá aqueles que não comparecerem à votação do dia 12 se engana. Aliás, a delação de Cunha independe de sua cassação, pois a PGR já demonstrou ter elementos suficientes para pedir sua prisão quantas vezes forem necessárias.
Não comparecer à votação do dia 12 servirá apenas para que a PGR saiba quais deputados estão no bolso de Cunha.

Traiano dá início à campanha de vacinação contra dengue


ademar traiano vacinação contra dengue
O governador em exercício Ademar Traiano cumpriu agendas na área de saúde em Maringá neste sábado (13). Às 8h30, acompanhado do secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto, Traiano entregou um novo aparelho de “Arco em C” para o Hospital Santa Rita. O equipamento, utilizado para auxiliar procedimentos cirúrgicos em diversas especialidades, custa R$ 338 mil e foi cedido pelo Governo do Estado à instituição, considerada referência regional.

Às 10 horas, Ademar Traiano deu o início da campanha de vacinação contra a dengue. O evento em Maringá marca o início da aplicação da vacina nos 30 municípios paranaenses que participam da primeira etapa da campanha. Serão beneficiadas cerca de 500 mil pessoas. A vacina estará disponível de forma gratuita em 164 unidades de saúde.
O governador em exercício Ademar Traiano participou ainda neste sábado (13), a partir das 12h30, da Festa Nacional do Feijão Preto, em Prudentópolis, no Centro-Sul do Estado. A festa está na sétima edição e é uma das maiores da região, com a expectativa de receber 70 mil pessoas em quatro dias de evento.
Capital Nacional do Feijão Preto, Prudentópolis promove o evento com o objetivo de valorizar a agricultura familiar, a agroindústria e a gastronomia local.
A principal atração do evento é a maior feijoada do Brasil, que será servida neste sábado. O prato leva 500 quilos de feijão, uma tonelada de carnes e mil litros de água. A panela onde é feita a iguaria tem dois metros de altura e pesa, vazia, 12 toneladas.

Mulher de Fruet é fantasma no governo federal


Marcia-e-fruet
Uma bomba estourou nesta segunda-feira, 15, na campanha de reeleição do prefeito Gustavo Fruet (PDT). A coluna Painel, da Folha de S. Paulo, aponta que a mulher do prefeito, Marcia Oleskovicz Fruet, é funcionária fantasma da ABDI (Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial), órgão ligado ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio e Comércio Exterior.

Segundo a nota, a agência convocou ao trabalho cinco funcionários de licença. A recordista, há seis anos sem aparecer, é Marcia Fruet. O interessante, a mulher do prefeito pode até alegar que está de licença desde 2013 no comando da FAS (Fundação da Ação Social de Curitiba). Mas os dois outros anos anteriores, 2011 e 2012, o que Marcia Fruet fazia que não trabalhava no órgão ao qual estava vinculada.
Nota-se ainda que a mulher do prefeito ganhou a sinecura durante o governo do PT, parceiro de Fruet, e hoje rechaçado pelo pedetista.
Leia a nota na íntegra
Já pra cá – A ABDI, ligada ao Ministério da Indústria, convocou ao trabalho cinco funcionários de licença. A recordista, há seis anos sem aparecer, era Marcia Oleskovicz, mulher do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT).
(foto: internet)